Organização Curricular: a experiência
de Minas Gerais
IV Reunião Ordinária do CONSED
21 e 22 de novembro de 2013
Salvador-BA
Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais
A conquista da Qualidade Social da Educação
Artigo 8º, Resolução CNE 4/2010
“A garantia de padrão de qualidade, com pleno
acesso, inclusão e permanência dos sujeitos das
aprendizagens na escola e seu sucesso, com redução
da
evasão,
da
retenção
e
da
distorção
de
idade/ano/série, resulta na qualidade social da
educação, que é uma conquista coletiva de todos os
sujeitos do processo educativo.”
Qualidade Social da Educação: nova abordagem
numa perspectiva social
Educação como prática social e ato político
Desafio histórico da educação hoje:
direito
subjetivo
(acesso e permanência)
voltada ao social:
formação integral,
emancipação e inclusão
Garantia efetiva dos direitos de aprendizagens, desenvolvimento
humano pleno de cada um e de todos os alunos.
Currículo
Currículo: Diversidade de opções
• conhecimento, diversidade, competências, identidades,
princípios, valores;
• possui caráter histórico e político;
• processo de práticas e experiências concretas vivenciadas
nas escolas.
4
O Currículo e as diretrizes curriculares nacionais para a
Educação Básica
Considerar:
 a flexibilidade
 a base nacional comum
 a redução de disciplinas curriculares
 a superação da fragmentação
 a contextualização e a interdisciplinaridade
 a ampliação de TI
A progressão escolar continuada, com aprendizagem
A construção das Matrizes Curriculares do Ensino
Fundamental – Anos Iniciais – 2011-2012
– Ponto de partida: definição da Organização Curricular do Ensino
Fundamental, incluindo os direitos de aprendizagem dos alunos
– Documentação Base: Cadernos do Ciclo da Alfabetização e
Ciclo Complementar, SEE/CEALE/UFMG
Estratégia de construção:
Versão preliminar elaborada pela Equipe Central do PIP / ATC
Discussão e análise pelas Equipes Regionais do PIP / ATC
Discussão e análise por grupos focais de Professores e Especialistas
em Educação Básica dos anos iniciais
Retorno à SEE, consolidação das sugestões, revisão, impressão e
publicação no site da SEE, da versão preliminar
A construção das Matrizes Curriculares do Ensino
Fundamental – Anos Iniciais – 2011-2012
Estrutura
Eixos
Capacidades
Detalhamento das capacidades
Conteúdos
Distribuição pelos Ciclos / Anos de Escolaridade: I - Introduzir
T - Trabalhar
C - Consolidar
R - Retomar
Concepção, diretrizes, metodologia
A construção dos Conteúdos Básicos Comuns (CBC), anos
finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio – 2004-2005
Estratégia de construção
Foram elaborados por especialistas / consultores contratados pela
SEE, com participação efetiva dos professores dos diferentes
componentes curriculares do 6º ao 9º ano e Ensino Médio
Estabelecimento de Diretrizes e Critérios de seleção dos conteúdos
Impressão e distribuição às escolas
A construção dos Conteúdos Básicos Comuns (CBC), anos
finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio – 2004-2005
Estrutura
Eixos Temáticos
Temas e subtemas
Competências
Tópicos e subtópicos de conteúdo
Habilidades e detalhamento das habilidades distribuídas por ano de
escolaridade
Revisão das Matrizes Curriculares dos Anos Iniciais do Ensino
Fundamental e dos CBC – Anos Finais e Ensino Médio – 2013-2014
 Compatibilização da Versão Preliminar das Matrizes Curriculares do Ciclo de
Alfabetização com os direitos de aprendizagem do PACTO pela Equipe Central
do PIP/ATC
 Grupos focais nas 47 SRE com Professores e Especialistas para análise das
propostas e apresentação de sugestões
 Revisão dos CBC / anos finais e Ensino Médio pelas Equipes Central PIP/CBC e
NAPEM/Professores do Ensino Médio
 Versão final das Matrizes Curriculares / anos iniciais e CBC anos finais do Ensino
Fundamental com alinhamento das terminologias e estrutura
 Versão final dos CBC – Ensino Médio
 Impressão das Matrizes Curriculares / CBC do Ensino Fundamental e Ensino
Médio em documento único.
 Distribuição nas escolas
Currículo do Ensino Médio: Diversificação
• superar a dualidade profissional ou acadêmica;
• diversidade: relação entre educação e mundo do
trabalho;
• substituir noção de “curso” por “percurso”
• formação pré-profissionalizante
empregabilidade
Reinventando o Ensino Médio
• Características:
– Percursos curriculares alternativos;
– Flexibilidade;
– Uso das novas tecnologias de
ensino/aprendizagem;
– Atividades interdisciplinares e
instrumentos formativos
extraescolares.
Reinventando o Ensino Médio
• Ações
3. Implementação de
tecnologias didáticopedagógicas inovadoras.
2. Capacitação de
professores em
estratégias e
tecnologias didáticopedagógicas
inovadoras e nas
áreas de
empregabilidade.
4. Orientação e
acompanhamento
dos alunos nas
áreas de
empregabilidade.
5. Adaptação das escolas
aos requisitos
necessários para a
execução do projeto.
Reformulação e
reconstrução da
identidade do ensino
médio
Aluno preparado
como cidadão, para
continuidade dos
estudos e para o
mundo do trabalho
1. Reordenação
curricular: criação dos
conteúdos das áreas de
empregabilidade e
revisão dos CBCs .
6. Monitoramento
e avaliação do
projeto.
7.
Acompanhamento
pedagógico do
Ensino Médio.
8. Promoção e
divulgação das
experiências do
projeto.
Reinvenção/Reformulação do Ensino Médio:
exigências
 Formação inicial dos professores
 Avaliação externa do Ensino Médio
 Formação
continuada
dos
profissionais
da
educação:
articulação ES/EB
 Educação em Tempo Integral
 Carreira dos professores
 Investimentos financeiros
 Quebrar a ortodoxia da escola
14
Considerações Finais
Currículo e construção da qualidade social da educação
- Diversidades
- Processo coletivo
- Competências e habilidades
- Exigências básicas externas e internas à escola
- Senso de urgência das transformações
- Vivência cidadã
“É preciso toda a aldeia para educar uma
criança”. Provérbio Africano
“Sempre que a sociedade defronta-se
com mudanças significativas em suas
bases sociais e tecnológicas, novas
atribuições são exigidas à escola.”
Penin & Vieira, 2002
Obrigada!
Raquel Elizabete de Souza Santos
Subsecretaria de Desenvolvimento da Educação Básica
sd.sed@educacao.mg.gov.br
reinventando@educacao.mg.gov.br
Download

Colocar título aqui