Gerenciamento de Crises
Profª. Elaine Araújo
elainearaujo.administradora@hotmail.com
Análise de Risco - Modelo de
Segurança Empresarial

A analise de risco preocupa-se com as incertezas empresariais e
diz respeito diretamente ao futuro dos ativos e passivos
empresariais.

Lucros e perdas são imprevisíveis em face dos inúmeros fatores
que condicionam os negócios empresariais.

Portanto, a minimização dos impactos causados pela
eventualidade da ocorrência das ameaças empresariais é
preocupação constante da administração em virtude de sua
responsabilidade quanto à continuidade operacional e à
integridade do patrimônio da organização.
Análise de Risco - Modelo de
Segurança Empresarial

A realização de análise de risco impõe o delineamento de
cenários futuros, com a identificação de sensibilidade e a
mensuração de níveis de tolerância, segundo os quais a
administração sente-se segura quanto à boa administração
desenvolvida.

O risco necessita ser identificado e quantificado via técnicas
estatísticas ou estruturação de algoritmos. Normalmente, em
situações de insegurança empresarial, o risco é coletivo e o
tratamento matemático deve levar em consideração a
sensibilidade de um elenco de profissionais que tem relação com
o evento sob analise.
Análise de Risco - Modelo de
Segurança Empresarial

O objetivo básico da apuração do risco é gerar subsídios para a
tomada decisão, por pessoas físicas ou jurídicas, em face da
concretização de insegurança em um ambiente empresarial.

A apuração do risco ira afetar a estrutura e o conteúdo dos
instrumentos da segurança empresarial, quais sejam:
- plano de segurança e de contingência;
- manuais de segurança empresarial;
- projetos de segurança empresarial;
- normas de segurança empresarial;
- relatórios de diagnostico de segurança;
- sistema especialista de segurança empresarial;
- plano diretor anual de segurança empresarial;
- questionários para auditoria da segurança empresarial.








Análise de Risco - Modelo de
Segurança Empresarial

Os riscos podem ser estruturados consoante uma classificação
genérica da potencialidade das ameaças
1. risco classe A - alta freqüência e probabilidade de baixa
potencialidade das ameaças:
- acidentes do trabalho;
- poluição com danos a terceiros;
- danos por falha de armazenagem;
- perdas e danos, na carga e descarga, no transporte interno e
externo;
- perda de dinheiro ou valores no transporte interno e externo;
- fidelidade.

Análise de Risco - Modelo de
Segurança Empresarial

-
2. risco classe B - media freqüência e probabilidade de media
potencialidade das ameaças:
impacto de veículos;
incêndio e roubo de veículos;
roubo e furto em geral;
inundação;
Análise de Risco - Modelo de
Segurança Empresarial
3. risco classe C - baixa freqüência e probabilidade de alta
potencialidade das ameaças:
seqüestro, chantagem;
tumultos, greve, comoção social;
atos dolosos e sabotagem;
tempestade, vendaval, raio;
falhas de equipamentos, processamento e programação de
informática;
queda de aeronave;
danos ao sistema elétrico;
quebra de maquinas e equipamentos;
explosão;
incêndio e combustão espontânea.

-
Download

Breve Histórico