1

Sinergia não significa que todos tenham que
andar de mãos dadas, mas sim que temos
que seguir com um processo de
comportamento constante e negociado.

Há uma preocupação constante com as
necessidades e solicitações do cliente,
seguindo com todos os processos de
qualidade ligados a ele, exigindo uma postura
efetiva e um processo eficaz de comunicação.
2
A vista – veículos ESTOQUE:
Parcela SINAL (mínimo R$ 300,00) em
cartão de crédito/débito/dinheiro;
Cheque com depósito no próximo dia útil da
venda (pré-datado até 72hs sendo 20% do
valor da venda, acima disto até 48hs);
Depósito Bancário (evite esta
modalidade),mas não recuse.
Fundamental que o cliente faça na data
registrada no sistema;
3
Financiado
O processo tem que estar completo em 48hs da venda,
composto de :
- Contrato e CET assinados pelo cliente/avalista;
- Documentação solicitada pelo banco (conferida pelo assistente);
- Confirmação da aprovação e documentação pelo
operador do banco ou F&I;
- Garantir o pagamento do contrato em 24hs do
faturamento (exceto banco de montadora – 72hs);
4
Usado na Troca

A documentação do veículo usado é
detalhada e de extrema importância,
qualquer divergência, além de atrasar o
faturamento do veículo vendido, também
impede que a regularização ocorra dentro do
prazo quando há faturamento parcial.
5
















Dual (atualizado);
Pesquisa de Débitos ( Multas podem ser pagas na proposta ou apresentar comprovante);
Laudo com decalque de chassi e motor;
CNH;
Certidão de Casamento (quando o carro estiver em nome do cônjuge ou divergência entre
nome de solteiro/casado)
DUT (preenchido para concessionária no CNPJ que o carro vai entrar);
DUT em branco quando leasing + Termo de opção de compra (autenticidade);
Autorização para transferência (cliente ciente que iniciaremos o processo de transferência
ante da troca de chaves) – por autenticidade;
Confirmação do depto de contratos (contratos@viamar.com.br) quando DUT constar
alienação – mesmo que não conste restrição na pesquisa, é necessário consultar o
Megadata.
A/C do laudo;
Declaração do Motor (BASE BIN – LAUDO APROVADO COM RESTRIÇÃO)
IPVA e DPVAT (ou Ac dos valores para pagamento e segunda via)
Contrato Social – ultima alteraçã0 e Cartão CNPJ quando PJ;
Termo de Responsabilidade (Multas);
Controlar (inspeção ambiental – SP);
Procuração para venda (quando usado estiver em nome de terceiros);
6
Há grande importância na conferência dos documentos do
veículos usado, este precisa ser vendido para virar
dinheiro.
É frequente receber carro em nome de terceiros e este não
estar cadastrado no sistema, impedindo que emita-se a
nota fiscal de compra (entrada), logo:
Quando o DUT estiver em nome de
terceiros(diferente da proposta de compra)
cadastrar o proprietário do veículo e incluir o
código na parte externa do envelope.
7
Tipos de Pagamentos
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
Cheque: a vista e pré datado até 3 dias úteis;
Cartão de débito limitado em R$ 1.335,00;
Cartão de crédito limitado em R$ 1.335,00 parcelado até 3x;
Dinheiro , limitado a R$ 1.000,00;
Boleto Bancário (em implantação);
Depósito Bancário (É fundamental que ocorra dentro da data registrada no
sistema);
Bônus Montadora – efetividade na documentação registrada na carta;
Veículo usado (seguir o check list sem permitir pendências por mais de 2
dias);
9.
Financiamento/Leasing – acompanhar a aprovação, e buscar o pagamento até
5 dias da data da venda.
10.
Consórcio – analisar se a administradora é rápida para pagamento e enviar a
documentação no dia do faturamento.
8
Organizar os processos, de acordo com a prioridade
de faturamento, registrando efetivamente o que
falta para faturar na pasta e no sistema (INTRANET).
 Reportar o gerente da unidade os veículos de
estoque que ainda não foram faturados com mais de
3 dias
 Controlar diariamente os contratos de
financiamentos em aberto
 Controlar diariamente os veículos faturados e não
emplacados

9
Separar as pastas, de acordo com o sistema
Intranet, por posição (estoque, trânsito,
progresso)
 Identificar o que falta para faturar, iniciando
pelos veículos de estoque.
 Registrar na pasta de vendas, detalhadamente,
as pendências e determinar o prazo de solução
 Registrar no Intranet o tipo da pendência e data
de regularização estimada

10
A CONFERÊNCIA... LADO DIREITO DA PASTA
Documentos Retidos na Pasta:
-
RG
CPF
Endereço
Proposta Assinada
Guia do Cliente
Comprovantes de Pagamento e AC
Contrato de Compra e Venda
E-mails de exceção (conclusão)
Cópia da CET
11
A CONFERÊNCIA... LADO DIREITO DA PASTA

Certifique-se que a assinatura do cliente na proposta de compra, Contrato de
Compra e Venda, Guia do Cliente estão iguais ao documento de identificação (RG
ou CNH) ou CET – Custo Efetivo Total.

Organize estes documentos para o paralegal arquivar e, se necessário,
consultarmos o histórico da venda;

Tenham responsabilidade com a quantidade de papel utilizada, e cópias dos
documentos do cliente;

Mantenha o gerente da unidade informado, diariamente, dos pendências de
documentos, bem como divergências das assinaturas, de cada um dos processos.
12
A CONFERÊNCIA. LADO ESQUERDO DA PASTA
Documentos que não ficam retidos:

Contrato completo de financiamento



Contrato assinado;
 Documentação solicitada;
 CET;
Check List Despachante
 Preenchido com final de placa e assinado pelo cliente;
 Registrar no Check List a UNIDADE – para fácil identificação;
 Atenção para municípios que pedem documento original;
 O processo é enviado pela Central para o Despachante;
Envelope de usado
 O conteúdo do envelope está na página 6;
 Havendo pendência a unidade é notificada;
 A regularização, ou agendamento, deve ser imediato;
 Gerência é responsável pela gestão dos usados
13
Torna-se exclusivo para as concessionárias do Grupo MAX (Hyundai,
Renault, Chery, VW e Tókio)
 Esta modalidade somente quando não houver Usado na Troca e
Financiamento do Banco RCI;
O processo de conferência:
 Capa da Pasta com nome e assinatura do gerente confirmando o
faturamento, bem como os carimbos
 CET (quando tiver financiamento outros bancos)
 Proposta Assinada pelo cliente e gerente
 Contrato de Compra e Venda (assinatura igual documento de
identificação)
 Guia do Cliente assinado
 Em Fechamento MENSAL (GERENCIAL), para todas as marcas,
seguiremos com o Virtual para usado na troca (incluir LAUDO + DUT)
e financeiras RCI e BGMAC (incluir CET assinada pelo cliente);

14

É o recurso usado para identificar a posição
das pastas, pendências e gerar o relatório
VEIR27 gerencial

Explicação WEB
15



Iniciaremos com a premiação de
faturamento, a partir do mês de julho, para os
assistentes de vendas
Esta estará condicionada a regularidade
deste processo e na efetividade da
conferência do assistente de vendas.
As unidades que não tiverem retorno das
pastas até o final deste mês, estarão elegíveis
ao prêmio de faturamento.
16
Download

Administração de vendas