DOUTORES DA ALEGRIA LANÇAM EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS
ARTÍSTICOS CARIOCAS PARA O PLATÉIAS HOSPITALARES, NO DIA 10/02
Inédito no Brasil, projeto marca o retorno dos Doutores da Alegria ao Rio de Janeiro
Os Doutores da Alegria lançam no dia 10 de fevereiro um edital de chamamento voltado para os artistas
cariocas que desejam participar do projeto Platéias Hospitalares. As inscrições são gratuitas e devem ser
realizadas até 21 de março de 2010. Os projetos precisam ser encaminhados para a sede dos Doutores da
Alegria no Rio de Janeiro (Rua Senador Dantas, 80 Sala 1807 – Centro) pelo correio. Os resultados serão
divulgados de 29 de março a 02 de abril no site www.doutoresdaalegria.org.br. Somente serão aceitas e
analisadas as propostas que obedecerem às condições e requisitos técnicos abaixo descritos:
O edital é voltado exclusivamente para projetos de Artes Cênicas e Música. Para a programação da área
cênica, serão aceitas montagens nas categorias: Infantil e Adulto, Teatro de Bonecos, Teatro de Rua, Dança e
Circo. E apresentações em formato pocket nas categorias: contador de histórias, esquetes, números,
espetáculo solo, intervenções e performances. Para a área musical as apresentações abrangem formações
instrumentais, vocais e conjuntos musicais (vocal e banda) profissionais. Nos gêneros “popular” e “erudito”.
Após um ano de paralisação temporária de suas atividades nos hospitais do Rio de Janeiro, os Doutores da
Alegria dá início na capital carioca a uma nova proposta de atuação, em parceria técnica com a Secretaria
Estadual de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro. A partir de abril a ONG volta a atuar no Rio de Janeiro com
o projeto Platéias Hospitalares, que pretende ampliar o acesso à cultura através de apresentações artísticas
dos Doutores da Alegria e outros grupos sob sua curadoria e orientação em oito hospitais estaduais.
No final do ano passado, os Doutores da Alegria realizaram um piloto do Platéias Hospitalares. O projeto teve
uma avaliação bastante positiva e agora será implantado em caráter definitivo a partir de abril.
A retomada das atividades dos Doutores da Alegria nos hospitais do Rio está sendo coordenada por
Wellington Nogueira, fundador e coordenador geral e por Fernando Escrich, coordenador de expansão da
ONG. “A atuação dos Doutores da Alegria no Rio de Janeiro passa a ter como premissa mobilizar
comunidades, organizações sociais, a iniciativa privada e o governo do Estado do Rio de Janeiro para
experimentar uma nova proposta de integração da cultura e da saúde, através de oficinas e atividades
artístico-culturais. O objetivo é contribuir com a melhoria do atendimento e a qualidade das relações entre os
trabalhadores da área de saúde e as comunidades do entorno dos hospitais”, explica Nogueira.
A organização também mantém, desde 2007, o programa Palhaços em Rede, que reúne mais de 200 grupos
que trabalham como palhaços em hospitais de todo o Brasil e oferece orientação gratuita com o objetivo de
reforçar a identidade dos grupos, prezando pela qualidade do trabalho levado para os hospitais. Entre 2008 e
2009, participaram das oficinas do programa 13 grupos que atuam em 16 hospitais de oito municípios do
Estado do Rio de Janeiro.
Plateias Hospitalares
O projeto pretende ampliar o acesso à cultura através de apresentações artísticas em espaços de hospitais
públicos, integrando profissionais de saúde, pacientes e comunidades. Todos os hospitais participantes do
piloto receberam com primeira atividade a palestra realizada por Wellington Nogueira com participação do
ator Fernando Escrich.
O projeto Plateias Hospitalares baseia-se no trabalho da organização norte-americana Hospital Audiences, Inc.
- HAI, fundada em 1969 e que atua na aproximação entre atrações culturais e hospitais. Wellington Nogueira,
fundador e coordenador geral dos Doutores da Alegria, atuou como palhaço nessa organização entre 1989 e
1991.
Locais de Realização – Platéias Hospitalares
Hospital Estadual Adão Pereira Nunes (Saracuruna - Duque de Caxias);
Hospital Estadual Albert Schweitzer (Realengo - Rio de Janeiro);
Hospital Estadual Alberto Torres (São Gonçalo);
Hospital Estadual Azevedo Lima (Niterói);
Hospital Estadual Eduardo Rabello (Campo Grande - Rio de Janeiro);
Hospital Estadual Rocha Faria (Campo Grande - Rio de Janeiro);
Hospital Estadual Santa Maria (Jacarepaguá - Rio de Janeiro);
Hospital Estadual Tavares Macedo (Itaboraí).
Doutores da Alegria – Doutores da Alegria é uma organização da sociedade civil cuja missão é promover e
experiência da alegria junto a crianças hospitalizadas, seus pais e profissionais da saúde. Suas receitas são
provenientes de doações de empresas e pessoas físicas. A organização também conta com um núcleo de
pesquisa dedicado à arte do palhaço, com foco na produção de conhecimento e criações artísticas, e com a
Escola de Palhaços dos Doutores da Alegria, com cursos voltados a públicos diversos.
Com um elenco de cerca de 45 palhaços profissionais que atuam em 14 hospitais em São Paulo, Recife e Belo
Horizonte, os Doutores da Alegria são reconhecidos em todo o país por seu profissionalismo e atuação
inovadora. A organização recebeu o Prêmio Criança 1997 da Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e foi
incluída três vezes na lista das 100 melhores práticas globais da divisão Habitat da Organização das Nações
Unidas.
INSCRIÇÕES – PLATÉIAS HOSPITALARES
De 10 de fevereiro a 21 de março
Projetos devem ser encaminhados pelos Correios para o endereço:
R. Senador Dantas, 80 – Sala 1807 – Centro (RJ) – CEP: 20031-201
Escrever na frente do envelope, em local visível: Platéias Hospitalares
DOUTORES DA ALEGRIA
www.doutoresdaalegria.org.br
Unidade Rio de Janeiro
Endereço: Rua Senador Dantas, 80 Sala 1807 (Centro)
Telefone: (21) 2532-1453
Mais Informações à Imprensa
Editor – Edison Paes de Melo
Com Fábio Martins e Lúcio Nunes
[email protected].com.br e [email protected]
(11) 3824-4200
www.editorweb.com.br
www.twitter.com/Editor_EPM
Download

Edital Plateias Hospitalares