COMUNICADO DE IMPRENSA
Indústria farmacêutica portuguesa interessada em
exportar para o Panamá
Cerca de três dezenas de empresas portuguesas participam, hoje e amanhã, em Lisboa
e no Porto, em encontros de trabalho com o Ministro da Saúde do Panamá, tendo em
agenda a exportação de medicamentos e serviços de saúde para aquele país.
O Ministro da Saúde do Panamá, Francisco Javier Terrientes, está a realizar uma visita a
Portugal, durante a qual tem um encontro com o seu homólogo português, Paulo Moita
de Macedo, visita várias unidades fabris do setor dos medicamentos e de cuidados de
saúde e participa em encontros com empresários portugueses.
Os dois responsáveis governamentais assistiram, hoje, à assinatura de um Plano
Executivo para o desenvolvimento de ações de colaboração entre as autoridades do
medicamento de ambos os países.
Os Ministros da saúde de Portugal e do Panamá, discutiram o interesse mútuo na
cooperação ao nível regulamentar de saúde pública e avaliação económica, mais
especificamente no setor dos medicamentos, dispositivos médicos, formação e pósgraduação de médicos e conceção e construção de infraestruturas de saúde.
O documento foi assinado por Eurico Castro Alves, presidente do Conselho Diretivo do
Infarmed, Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, e por Jenny
Vergara, Diretora Nacional de Farmácia e Drogas da República do Panamá.
O Plano Executivo prevê a realização de várias ações de intercâmbio de caráter científico
e formativo entre especialistas dos dois países.
Nos últimos anos, as empresas farmacêuticas portuguesas têm vindo a reforçar a sua
presença nos vários países da América Latina.
Mais informação: imprensa@infarmed.pt
1/1
O INFARMED - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de saúde, I.P. sob a tutela do Ministério da Saúde, é a autoridade reguladora nacional que avalia, autoriza, regula e
controla os medicamentos de uso humano, bem como os produtos de saúde, designadamente os dispositivos médicos e os produtos cosméticos e de higiene corporal.
A sua principal missão é garantir a qualidade, a segurança e a eficácia dos medicamentos e dos produtos de saúde, prevenindo os riscos decorrentes da sua utilização, assegurando os
mais elevados padrões de saúde pública e a defesa dos interesses do consumidor.
Download

Texto integral