ROTEIRO DO CANDIDATO DO CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO DE 2016
DA FUNDAÇÃO CESGRANRIO
ÍNDICE
ENDEREÇOS, TELEFONES, E-MAILS E SITES DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR
UNIFICADAS
4
CALENDÁRIO
5
NORMAS REGULADORAS
01 - Das Inscrições
6
02 - Da Relação dos Cursos Oferecidos
7
03 - Da Habilitação às Vagas Reservadas para o ENEM 2015
7
04 - Das Confirmações de Inscrição
8
05 - Das Provas
9
06 - Dos Pedidos de Recursos e Revisões
10
07 - Da Classificação
11
08 - Dos Resultados
11
09 - Das Matrículas
12
10 - Do Edital de Vagas
12
11 - Das Disposições Gerais
13
ANEXOS
I - QUADRO DE SUBOPÇÕES
15
II - CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
01 - Biologia
22
02 - Física
22
03 - Geografia
23
04 - História
24
05 - Língua Estrangeira – Espanhola ou Inglesa
25
06 - Língua Portuguesa e Literatura Brasileira
25
07 - Matemática
25
08 - Química
25
09 - Redação
27
III - CÓDIGOS DOS ESTABELECIMENTOS DE ENSINO
IV - QUESTIONÁRIO DE INFORMAÇÕES SOCIOECONÔMICAS
28
34
V - ENDEREÇOS DA FUNDAÇÃO CESGRANRIO
35
3
INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR UNIFICADAS
FASE - FACULDADE ARTHUR SÁ EARP NETO
- Av. Barão do Rio Branco nº 1003 - Centro - Petrópolis - RJ - CEP: 25680-120 - Tel.: (24) 2244-6464 ou 2244-6482
- e-mail: [email protected]
site: www.fmpfase.edu.br
FMP - FACULDADE DE MEDICINA DE PETRÓPOLIS
- Av. Barão do Rio Branco nº 1003 - Centro - Petrópolis - RJ - CEP: 25680-120 - Tel.: (24) 2244-6464 ou 2244-6482
- e-mail: [email protected]
site: www.fmpfase.edu.br
UCP - UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS
- Rua Barão do Amazonas nº 124 - Petrópolis - RJ - CEP: 25685-070 - Tel.: (24) 2244-4100
- Rua Benjamin Constant nº 213 - Petrópolis - RJ - CEP: 25610-130 - Tel.: (24) 2244-4000
- e-mail: [email protected]
site: www.ucp.br
USU - UNIVERSIDADE SANTA ÚRSULA
- Rua Fernando Ferrari nº 75 - Botafogo – RJ – CEP: 22231-040 – Tel.: (21) 2553-8195 e (21) 99395-8062
- e-mail: [email protected]
4
site: www.usu.br
CALENDÁRIO DO CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO DE 2016
DA FUNDAÇÃO CESGRANRIO
1 - INSCRIÇÕES
DATAS
DISCRIMINAÇÃO DO EVENTO
04/11 a
04/12/2015
Período de inscrições para o CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 - somente via internet através do
site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br).
2 - PROVAS E GABARITOS
DATAS
DISCRIMINAÇÃO DO EVENTO
06/01/2016
Divulgação dos Cartões de Confirmação de Inscrição - somente via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
1) Provas comuns a todos os candidatos.
10/01/2016
a) Provas Objetivas (múltipla escolha) de Língua Portuguesa / Literatura Brasileira; Língua Espanhola ou Inglesa;
Biologia / Química; Física / Matemática e Geografia / História.
b) Redação.
2) Prova Discursiva, de Biologia/Química, exclusivamente para o curso de Medicina.
11/01/2016
Divulgação dos gabaritos das questões objetivas - somente via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
11 e 12/01/2016
Período para interposição de recursos quanto às questões objetivas e respectivos gabaritos - somente via internet
através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas do dia 11 até as
23 horas e 59 minutos do dia 12/01/2016.
3 - RESULTADOS E MATRICULAS
DATAS
DISCRIMINAÇÃO DO EVENTO
21/01/2016
Divulgação do resultado dos inscritos pelo aproveitamento dos resultados do ENEM/2015 - somente via internet
através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
28/01/2016
Divulgação das notas das provas objetivas e de redação (para todos os candidatos) e discursiva (somente para
os candidatos ao curso de Medicina) como também do padrão de respostas da prova discursiva - somente via
internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
28 e 29/01/2016
Pedidos de revisão das notas das provas discursiva e de redação somente via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas do dia 28 até as 23 horas e 59 minutos
do dia 29/01/2016.
05/02/2016
Verificação dos cadastros dos pedidos de revisão das provas discursiva e de redação - somente via internet
através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), das 10 às 17 horas.
16/02/2016
Divulgação dos resultados dos candidatos que prestaram as provas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO
de 2016 - somente via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir
das 10 horas.
16 e 17/02/2016
Matrículas dos candidatos classificados diretamente nas Instituições Unificadas.
23/02/2016
Divulgação do Edital de Vagas – somente via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
23 e 24/02/2016
Inscrições no Edital de Vagas - somente via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas do dia 23 até as 23 horas e 59 minutos do dia 24/02/2016.
01/03/2016
Verificação dos cadastros dos pedidos de inscrição no Edital de Vagas somente via internet através do site da
FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), das 10 às 17 horas.
03/03/2016
Divulgação dos resultados do Edital de Vagas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO DE 2016 - somente
via internet através do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
03 e 04/03/2016
Matrícula dos candidatos classificados pelo Edital de Vagas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016
(diretamente nas Instituições Unificadas).
OBSERVAÇÃO: As datas e os eventos previstos poderão sofrer alterações (divulgadas pela Imprensa e via internet) no sentido de
mais bem atenderem aos interesses dos candidatos, objetivando-se, sobretudo, o melhor ajustamento possível com os calendários
dos demais Vestibulares.
5
NORMAS REGULADORAS
A FUNDAÇÃO CESGRANRIO e as Instituições de Ensino Superior Unificadas fazem saber, através das presentes Normas
Reguladoras, que estarão abertas, no período de 04/11 a 04/12/2015, as inscrições para o CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de
2016 para os cursos das áreas de Ciências da Saúde, Ciência e Tecnologia, Ciências Humanas e Ciências Sociais dessas Instituições de
Ensino.
01 - DAS INSCRIÇÕES
1.1
-
1.2
-
1.3
1.4
-
1.4.1 -
1.4.2 1.4.3 -
1.4.3.1 1.4.3.2 -
1.5
-
1.5.1 -
1.6 1.7 1.8 
o

o

o
o

o
1.9
Rua Barão do Amazonas nº 124 - Petrópolis - RJ - Tel.: (24) 2244-4100 e
Rua Benjamin Constant, 213 – Petrópolis – RJ – CEP: 25610-130 – Tel.: (24) 2244-4000
UNIVERSIDADE SANTA ÚRSULA – USU
Rua Fernando Ferrari nº 75 - Botafogo – RJ – Tel.: (21) 2553-8195
-
1.9.1 -
1.10 -
1.11 -
1.12 -
6
O presente Concurso Vestibular de que trata este Roteiro do Candidato será realizado, em uma única fase, com a finalidade
de selecionar e classificar os candidatos para ingresso, no ano letivo de 2016, nos Cursos de Graduação e Superior de
Tecnologia (Tecnólogo) das Instituições de Ensino Superior Unificadas.
Os cursos serão ministrados nos Campi das Instituições de Ensino Superior Unificadas e suas vagas estão descritas, em seus
respectivos semestres e turnos, no ANEXO I deste Roteiro do Candidato.
Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal ou fax.
Para inscrição no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, o candidato deverá cumprir integralmente os procedimentos
seguintes.
As inscrições para o presente Concurso Vestibular serão realizadas, no período de 04/11 a 04/12/2015, mediante o
preenchimento do Requerimento de Inscrição disponível somente no ícone inscrições pela internet, através do site da
FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br).
Acessar a página da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br) para conhecimento das Normas Reguladoras do
presente Concurso Vestibular, através do ícone Roteiro do Candidato.
Imprimir o boleto de compensação bancária, no valor de R$ 220,00 (duzentos e vinte reais), que deverá ser pago, em quaisquer
das agências bancárias autorizadas, internet, caixas eletrônicos dos bancos ou casas lotéricas, impreterivelmente, até a data do
vencimento impressa no referido boleto. A instituição financeira confirmará seu pagamento junto à FUNDAÇÃO CESGRANRIO.
O valor de inscrição, uma vez pago, não será devolvido sob nenhuma hipótese e só terá validade para o presente Concurso
Vestibular. Tampouco serão concedidas isenções de pagamento.
Somente poderá ser utilizada a numeração do código de barras, disponível em seu boleto de compensação bancária, para
efetuar o pagamento do valor de inscrição pelos seguintes meios: agências bancárias autorizadas, internet, caixas eletrônicos dos
bancos ou casas lotéricas.
Os candidatos com deficiência que necessitem de atendimento especializado para realizarem suas provas deverão, obrigatoriamente, formalizar, no ato da inscrição, o pedido para tal, especificando a deficiência e a condição especial, ou seja, ledor,
prova ampliada, auxílio para transcrição, sala de mais fácil acesso ou tempo adicional, apresentando justificativas acompanhadas de parecer emitido por especialista na área de sua deficiência, conforme definido no subitem 1.5.1, sob pena de a FUNDAÇÃO CESGRANRIO não ter como atendê-los no dia da realização das provas.
Os candidatos que solicitarem condição especial deverão, também, encaminhar laudo médico, via SEDEX, somente para o
Departamento de Concursos da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (Rua Santa Alexandrina nº 1011, Rio Comprido - Rio de Janeiro –
RJ - CEP: 20261-903), mencionando CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, postado nos Correios até o último dia de
inscrição, sob pena de não receber a condição especial no dia da realização das provas.
Ao efetuarem a inscrição, os candidatos deverão, obrigatoriamente, optar pela Língua Estrangeira (Espanhola ou Inglesa) em
que queiram realizar prova.
Os candidatos, no ato do preenchimento do Requerimento de Inscrição, deverão assinalar, obrigatoriamente, a opção pelo
município em que desejam realizar suas provas (Petrópolis ou Rio de Janeiro).
Computadores estarão disponíveis para os candidatos que desejarem utilizá-los para efetuar a inscrição, de 04/11 a 04/12/2015,
de segunda a sexta feira, das 10h às 16 horas, nos seguintes locais:
FUNDAÇÃO CESGRANRIO
Rua Santa Alexandrina nº 1.011 – Rio Comprido – Rio de Janeiro – RJ – Tel.: (21) 2103-9600
FACULDADE ARTHUR SÁ EARP NETO – FASE e FACULDADE DE MEDICINA DE PETROPÓLIS – FMP
Av. Barão do Rio Branco nº 1003 – Centro - Laboratório de Informática – Petrópolis – RJ – Tel.: (24) 2244-6464
UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS – UCP
Ao inscrever-se no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, o candidato só poderá efetivar uma única inscrição.
Havendo mais de uma inscrição, prevalecerá a última inscrição paga.
Ao inscrever-se no presente Concurso Vestibular, o candidato deverá optar por 1 (um) CURSO, indicando, em ordem decrescente
de sua preferência, as SUBOPÇÕES (Instituições e respectivos períodos letivos, Campi ou Unidades, turnos e
especialidades), quando for o caso, em que pretenda ingressar, pela Língua Estrangeira de prova e pelo município no qual
deseja realizar as provas.
A não integralização dos procedimentos de inscrição, que envolvem o preenchimento correto do Requerimento de Inscrição
próprio e o envio através da internet, a impressão do boleto bancário e o pagamento do valor de inscrição nas agências bancárias
autorizadas, internet, caixas eletrônicos dos bancos ou casas lotéricas, implicará o CANCELAMENTO da inscrição e a
consequente ELIMINAÇÃO do candidato.
No caso de ocorrer, por decisão da Comissão Organizadora do presente Concurso Vestibular, prorrogação do prazo de
preenchimento do Requerimento de Inscrição, passará a ter efeito essa nova data. Não serão aceitas, em hipótese alguma,
solicitações de alterações nos Requerimentos de Inscrições.
A não compensação de cheque utilizado para pagamento do valor de inscrição implicará o cancelamento da inscrição.
1.13 -
1.14 -
A partir do dia 06/01/2016, será disponibilizado para impressão pela internet, no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO
(www.cesgranrio.org.br), no ícone Confirmação de Inscrição, o Cartão de Confirmação pelo qual o candidato será informado
do dia, horário, local, endereço e número da sala onde prestará provas. O Cartão de Confirmação também informará os seguintes
dados: grupo, curso, subopções (se houver), língua estrangeira, município de provas e condição especial (se houver).
Antes de especificar as subopções de sua preferência, conforme o ANEXO I destas Normas Reguladoras, o candidato deverá
analisar detidamente cada uma delas, não indicando subopções que não pretenda ou não possa cursar, seja por motivo de
localização ou de ordem financeira. Tampouco poderão ser alteradas as opções de Língua Estrangeira e/ou de município de
provas.
02 - DA RELAÇÃO DOS CURSOS OFERECIDOS
GRUPO I:
Biomedicina, Ciências Biológicas, Educação Física, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina e Nutrição.
GRUPO II:
Arquitetura, Engenharia Civil, Engenharia da Computação, Engenharia de Petróleo, Engenharia de Produção, Engenharia Elétrica,
Engenharia Mecânica e Engenharia Mecatrônica.
GRUPO III:
Administração, Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, Tecnologia em Gestão Pública e Tecnologia em Radiologia.
GRUPO IV:
Direito, Pedagogia, Psicologia e Relações Internacionais.
03 - DA HABILITAÇÃO ÀS VAGAS RESERVADAS PARA O ENEM 2015
O candidato que desejar utilizar o seu resultado no Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM/2015 para concorrer às vagas
reservadas pelas Instituições de Ensino Superior Unificadas, aos que prestaram as provas do referido Exame, deverá
manifestar esse interesse no espaço próprio do Requerimento de Inscrição. Por esse documento, autorizará as Instituições de
Ensino Superior Unificadas, à exceção da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), a obterem, junto ao órgão responsável
pelo Banco Oficial de Resultados do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, o resultado alcançado no referido Exame de
2015 e a divulgar esse resultado no presente Concurso Vestibular, no dia 21/01/2016, pela internet, no site da FUNDAÇÃO
CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br).
3.1.1 - O período para solicitar a opção pelas vagas reservadas pelas Instituições de Ensino Superior Unificadas aos candidatos que
realizaram as provas do ENEM de 2015 será até o término do prazo para o preenchimento do Requerimento de Inscrição, no
próprio site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), ou seja, até o dia 04/12/2015.
3.1.2 - No caso de ocorrer, por decisão da Comissão Organizadora do presente Concurso Vestibular, prorrogação no prazo para
preenchimento do Requerimento de Inscrição, passará a ter efeito essa nova data. Não serão aceitas, em hipótese alguma,
solicitações de inscrições para as vagas reservadas para o ENEM de 2015, também após essa data, nem mesmo na ocasião da
verificação dos seus dados quando da divulgação da Confirmação de Inscrição no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO
(www.cesgranrio.org.br).
3.1.3 - A inscrição para as vagas destinadas aos candidatos que prestaram o ENEM de 2015 não invalida a inscrição para as vagas
vinculadas às Provas Objetivas, de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para
o curso de Medicina), ou seja, o candidato dispõe, assim, de duas oportunidades para alcançar a sua classificação à(s)
subopção(ões) desejada(s).
3.2 - A reserva de vaga é restrita ao CURSO pelo qual o candidato optou na sua inscrição para o CONCURSO VESTIBULAR
UNIFICADO de 2016 e em quantitativo igual às vagas reservadas no mesmo, no ano letivo de 2016, pelas Instituições de Ensino
Superior Unificadas que aderiram ao ENEM de 2015, conforme discriminado a seguir: FACULDADE ARTHUR SÁ EARP NETO
- FASE e FACULDADE DE MEDICINA DE PETRÓPOLIS – FMP destinam 50% das respectivas vagas de cada curso dessas
Instituições e a UNIVERSIDADE SANTA ÚRSULA – USU destina 10% das vagas de cada curso dessa Instituição, em cada
semestre.
3.3 - Os candidatos ao curso de Medicina da FACULDADE DE MEDICINA DE PETRÓPOLIS – FMP que optarem por concorrer às
vagas reservadas aos participantes do ENEM de 2015, com média nas notas das provas objetivas nesse Exame igual ou
superior a 70% (setenta por cento) do valor da média das notas máximas atribuídas no ENEM de 2015, serão classificados e
ordenados, segundo a ordem decrescente de suas respectivas médias nas provas objetivas no ENEM de 2015 e, no caso de
empate nessa média, em ordem decrescente de idade.
3.3.1 - Para os demais cursos e Instituições, o mínimo exigido será de 60% (sessenta por cento) do valor da média das notas máximas
atribuídas no ENEM de 2015, e os candidatos serão classificados e ordenados, segundo a ordem decrescente de suas médias
nas provas objetivas no ENEM de 2015 e, no caso de empate nessa média, em ordem decrescente de idade.
3.3.2 - Somente serão utilizadas as médias dos graus obtidos pelos candidatos nas notas das provas objetivas no ENEM de 2015 para
apuração dos resultados mencionados nos subitens 3.3 e 3.3.1. Assim, a Prova de Redação do referido Exame terá caráter
apenas eliminatório, sendo eliminado o candidato que obtiver nota inferior a 400 (quatrocentos) pontos.
3.4
- Os candidatos que desejarem utilizar suas notas no Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM/2015, conforme o estabelecido
nos subitens anteriores, deverão ter suas notas divulgadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - INEP, através de seu site (www.enem.inep.gov.br), na primeira quinzena de janeiro de 2016. Assim sendo,
a FUNDAÇÃO CESGRANRIO deverá divulgar o resultado dos candidatos classificados, via ENEM de 2015, no dia 21/01/2016, a
partir das 10 horas.
3.1
-
7
3.4.1 - Todos os candidatos inscritos no presente Concurso Vestibular deverão prestar provas no dia 10/01/2016.
3.4.2 - Com relação ao subitem 3.4.1, o candidato que não comparecer às provas no dia 10/01/2016 estará excluído de todo o
processo classificatório, mesmo que, quando da divulgação do resultado dos classificados pelo aproveitamento dos resultados do
ENEM de 2015, obtivesse pontos para ser classificado para uma das Instituições de Ensino Superior Unificadas.
3.4.3 - Os candidatos eventualmente classificados pelo resultado das provas do ENEM de 2015, segundo os critérios definidos neste
Edital, deverão efetivar suas matrículas, nos dias 16 e 17/02/2016, diretamente nas Instituições de Ensino Superior Unificadas
para as quais se classificarem.
3.4.4 - A não efetivação da matrícula, conforme disposto no subitem 3.4.3, caracteriza a desistência do candidato à vaga. A mesma
deverá ser oferecida no Edital de Vagas, ou seja, a complementação das matriculas não efetivadas, juntamente com as vagas
remanescentes.
3.4.5 - As vagas não preenchidas serão incorporadas às vagas dos candidatos que forem classificados somente pelas Provas
Objetivas, de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina)
e que também não efetivarem as suas matrículas nas Instituições de Ensino Superior Unificadas, sendo ocupadas, de acordo
com os ditames estabelecidos nestas Normas Reguladoras pelos candidatos inscritos no Edital de Vagas, conforme as etapas
discriminadas no item 10, obedecidas as respectivas subopções e classificações.
3.5 - A divulgação da listagem dos candidatos habilitados à matrícula será individual, única e disponibilizada somente via internet, na
página da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), no dia 21/01/2016, a partir das 10 horas.
3.6 - Terão direito à vaga apenas aqueles candidatos cujo número de ordem de classificação seja inferior ou igual ao número de vagas
reservadas para os Cursos/Instituições pelos quais optarem.
3.7 - No ato da matrícula, o candidato deverá apresentar todos os documentos exigidos pelas Instituições de Ensino Superior
Unificadas.
04 - DAS CONFIRMAÇÕES DE INSCRIÇÃO
4.1
-
4.1.1 4.2








4.3


4.4
-
4.4.1 -
4.5
4.6
8
-
-
Encerrado o processo de cadastramento dos candidatos, através do preenchimento do Requerimento de Inscrição no presente
Concurso Vestibular, o CARTÃO DE CONFIRMAÇÃO DE INSCRIÇÃO, contendo os principais dados dos mesmos, será
disponibilizado, somente pela internet, no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), para impressão, a partir
das 10 horas, do dia 06/01/2016.
Em hipótese alguma, serão remetidos pelos Correios quaisquer documentos com os dados do Cartão de Confirmação de
Inscrição do Candidato, ficando, assim, a cargo do mesmo a ciência do dia, horário e local das provas.
Ao imprimir o Cartão de Confirmação de Inscrição, é obrigação do candidato conferir:
número do documento de identidade, sigla do órgão expedidor e Estado emitente;
data do nascimento;
sexo;
opção de CURSO e código das subopções, em ordem de preferência;
opção de Língua Estrangeira;
opção de município de provas;
condição especial de provas (se for o caso);
número de inscrição no ENEM/2015, caso opte pelas vagas reservadas a esse Exame.
Além dos dados citados no subitem 4.2, o candidato ficará conhecendo:
seu número de inscrição;
local, endereço e número da sala onde prestará provas, bem como o horário de realização das mesmas.
Cumpre salientar que não serão aceitas quaisquer alterações nas informações ou opções colocadas no Requerimento de
Inscrição. Portanto, o candidato deve ser extremamente CAUTELOSO e ATENTO no preenchimento.
No caso de inexatidão nas opções de Língua Estrangeira, de município de provas e, se for o caso, na solicitação de condição
especial de provas ou disputa das vagas reservadas ao ENEM/2015, o candidato deverá entrar em contato com a FUNDAÇÃO
CESGRANRIO, pelo telefone 0800.701.2028, das 09 às 17 horas, entre os dias 06 a 08/01/2016.
Os eventuais erros de digitação no nome, número/órgão expedidor ou Estado emitente do documento de identidade, data de
nascimento e sexo, deverão ser corrigidos no endereço eletrônico da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), de
acordo com as instruções constantes da página correspondente ao CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, até o terceiro dia útil após a aplicação das Provas Objetivas, de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química exclusivamente para o curso de Medicina).
Somente serão procedidas alterações nos casos em que os dados expressos pelos candidatos em seus respectivos
Requerimentos de Inscrição tenham sido transcritos erroneamente para os Cartões de Confirmação. Não serão admitidas
trocas de opção de quaisquer espécies, tendo em vista a respectiva inscrição ter sido realizada através da internet e sendo a
exatidão dos dados digitados de inteira responsabilidade dos candidatos.
05 - DAS PROVAS
5.1
-
As provas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 serão aplicadas no dia 10/01/2016 (domingo) e compostas das
seguintes partes:
OBJETIVAS:
Língua Portuguesa/Literatura Brasileira; Língua Estrangeira (Espanhola ou Inglesa); Biologia/Química;
Física/Matemática e Geografia/História para todos os candidatos.
DISCURSIVAS: Redação (proposta de produção de texto em prosa) para todos os candidatos e Biologia/Química (exclusivamente
para o curso de Medicina).
Observação:
As Provas Objetivas e de Redação serão comuns a todos os candidatos e a Prova Discursiva (Biologia/Química),
exclusivamente para o curso de Medicina. Para os candidatos que optarem pelos demais cursos não haverá Prova
Discursiva Específica.
5.2
- As Provas Objetivas, de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso
de Medicina) versarão sobre os conteúdos programáticos constantes no ANEXO II do presente Roteiro do Candidato. A Prova
de Redação (para todos os candidatos) versará sobre um tema da atualidade.
5.2.1 - As provas serão elaboradas a partir dos conteúdos da base nacional comum do Ensino Médio (antigo 2º Grau) e terão como
objetivo avaliar:
 domínio da norma padrão da Língua Portuguesa;
 conhecimento de Língua Estrangeira;
 conhecimentos e habilidades do candidato nas diversas áreas do conhecimento;
 conhecimentos gerais e de atualidades;
 capacidade de raciocinar com lógica;
 capacidade de exibir pensamento crítico;
 capacidade de compreender, selecionar, organizar, relacionar, sintetizar e interpretar dados.
5.2.2 - As Instituições Unificadas definem apenas os conteúdos programáticos, ficando a critério de cada candidato escolher a bibliografia
que entender como mais conveniente.
5.3 - As questões das provas objetivas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 terão valores diferenciados, especificados
na capa das provas. Cada bloco de questões objetivas valerá até 100 (cem) pontos. O valor de cada questão discursiva
(Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina) estará mencionado no enunciado das referidas questões. No
total, a prova discursiva valerá até 100 (cem) pontos.
5.3.1 - A prova de Redação terá o valor máximo de 100 (cem) pontos e consistirá de uma proposta de produção de texto em prosa.
5.4 - Os candidatos deverão chegar com uma hora de antecedência do início das provas, munidos de Carteira de Identidade
original com foto, Cartão de Confirmação de Inscrição e caneta esferográfica fabricada em material transparente de tinta na
cor preta.
5.5 - Os candidatos deverão observar, atentamente, todas as instruções constantes nas capas das provas, não cabendo quaisquer
reclamações posteriores, caso não haja o cumprimento das mesmas.
5.6 - Iniciadas as provas, nenhum candidato poderá retirar-se da sala antes de decorridas 2 (duas) horas do efetivo começo das
mesmas. Os três últimos candidatos em cada sala somente serão liberados quando todos tiverem concluído as provas ou as
mesmas se tiverem encerrado. Por motivo de segurança, os candidatos não poderão levar os Cadernos de Questões, a qualquer
momento.
5.7 - Em hipótese alguma haverá substituição do Caderno de Respostas (Redação e questões discursivas de Biologia/Química) ou
do Cartão-Resposta (questões objetivas) para os candidatos que cometerem erros ou rasuras durante as provas.
5.8 - O candidato somente poderá copiar seu gabarito das questões objetivas e discursivas (Biologia/Química), no dia das provas,
no verso do Cartão de Confirmação de Inscrição. De nenhuma forma os candidatos poderão fazer uso de outro meio para essa
finalidade. O referido Cartão não poderá conter qualquer outra anotação sob pena de eliminação do candidato.
5.9 - Os candidatos, sob nenhum pretexto, poderão ausentar-se das salas onde estejam prestando provas portando os Cadernos de
Questões, os Cadernos de Respostas e/ou os Cartões-Resposta, sob pena de eliminação do presente Concurso Vestibular.
5.10 - As Provas Objetivas, de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso
de Medicina) terão, ao todo, duração de 4 (quatro) horas e 30 (trinta) minutos.
5.11 - Serão, também, eliminados do presente Concurso Vestibular, a qualquer tempo, os candidatos que: a) prestarem informações
inexatas no Requerimento de Inscrição; b) não integralizarem os procedimentos de inscrição; c) incorrerem em comportamento
indevido ou descortesia para com qualquer dos aplicadores, seus auxiliares ou autoridades; d) chegarem atrasados para quaisquer
das atividades do presente Concurso Vestibular; e) não cumprirem as instruções constantes nas capas das provas; f) forem
surpreendidos durante as provas em qualquer tipo de comunicação com outro candidato; g) portarem telefones celulares, relógios
de qualquer natureza, pagers, palm tops, notebooks, mp3 players ou similares ou, ainda, qualquer tipo de objeto que efetue
filmagem e/ou fotografia; h) utilizarem máquina de calcular, livros, impressos ou anotações; i) recusarem-se a entregar o material
de provas após o término do tempo destinado à sua realização; j) não permitirem a coleta de suas respectivas impressões digitais,
identificações biométricas, identificações especiais e/ou serem submetidos à revista; k) não atenderem às determinações do
presente Roteiro do Candidato; l) deixarem de assinar os Cartões-Resposta e/ou as Listas de Presença e/ou os Formulários de
Identificação Especial; m) finalmente, após as provas, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico, teremse utilizado de meios ilícitos na realização das mesmas.
5.12 - Por motivo de segurança, a FUNDAÇÃO CESGRANRIO poderá proceder, quando da aplicação das provas, à coleta da impressão
digital, à revista de objetos e à revista, por meio de detectores de metais, de qualquer candidato.
5.12.1 - Caso a documentação não seja recente, esteja com a validade vencida ou não apresente a necessária nitidez, o candidato poderá
ser fotografado e/ou submetido à coleta de impressões digitais e à identificação especial, através de formulário próprio.
5.12.2 - São considerados documentos de identidade válidos: Carteira de Identidade, Carteira de Habilitação (com foto), Carteira de
Trabalho, Certificado de Reservista ou de Dispensa de Incorporação, Carteira de Ordem ou Conselho Profissional, Carteiras
Funcionais expedidas por órgão público que, por Lei Federal, valham como identidade e Passaporte.
9
5.12.3 - Não serão aceitas cópias de documentos, mesmo que autenticadas em cartórios. A não apresentação de qualquer documento
oficial de identificação implicará que o candidato não estará habilitado a realizar as provas e, em consequência, será eliminado
do presente Concurso Vestibular.
5.12.4 - No caso de o candidato ter seu documento de identificação roubado, furtado ou extraviado e não possuir outra documentação
oficial com foto, só será aceito o Boletim de Ocorrências (BO) expedido por algum Órgão Oficial da Polícia Civil ou Militar com
validade de, no máximo, 30 (trinta) dias a contar da expedição do mesmo, para substituir qualquer outro documento oficial com
foto, como rege o subitem 5.12.2 das presentes Normas Reguladoras. Nesses casos, o(s) candidato(s) será(ão) encaminhado(s)
às Coordenações dos Locais de Provas para preencher(em) a(s) Identificação(ões) Especial(ais).
5.12.5 - Não serão aceitos protocolos ou quaisquer outros documentos que impossibilitem a identificação do candidato, bem como a
verificação de sua assinatura. O documento deverá estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a identificação
do candidato (retrato e assinatura).
5.12.6 - Nos casos de identificação especial, a participação do candidato estará condicionada ao envio, via SEDEX, somente para o
Departamento de Concursos da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (Rua Santa Alexandrina nº 1011, Rio Comprido - Rio de Janeiro –
RJ - CEP: 20261-903, mencionando CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, de cópia autenticada de documento oficial
com foto em até 5 (cinco) dias úteis a partir da realização das provas, sob pena de eliminação.
5.12.7 - Após ser identificado, nenhum candidato poderá retirar-se da sala de provas sem autorização e acompanhamento da fiscalização.
5.12.8 - Os candidatos deverão colocar seus objetos pessoais de natureza eletrônica, inclusive celular e relógio, no saco plástico
disponibilizado pela fiscalização e guardá-lo embaixo de sua carteira, sob pena de eliminação do presente Concurso Vestibular.
5.12.9 - Não será permitida a entrada de candidatos, no ambiente de provas, portando armas. O candidato que estiver armado será
encaminhado à Coordenação. O candidato que não atender à solicitação será, sumariamente, eliminado do presente Concurso Vestibular.
5.12.10 - É vedado, também, o uso de óculos escuros ou de quaisquer acessórios de chapelaria tais como chapéu, boné, gorro ou
protetores auriculares, sob pena de eliminação.
5.12.11 - Os candidatos que terminarem suas provas não poderão utilizar os banheiros destinados aos candidatos que ainda estejam
realizando as mesmas.
5.12.12 - Medidas adicionais de segurança poderão ser adotadas.
06 - DOS PEDIDOS DE RECURSOS E REVISÕES
6.1
-
6.2
-
6.2.1 6.3 6.4 -
6.5
-
6.6
-
6.6.1 -
6.6.2 -
6.6.3 -
6.6.4 -
6.6.5 -
6.6.6 6.7
-
6.8
10
-
Serão admitidos recursos contra a formulação das questões objetivas ou quanto aos gabaritos dessas questões, desde que
encaminhados no prazo estipulado,pelo site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br).
Os recursos devem ser encaminhados somente através do preenchimento do modelo próprio disponível no site da FUNDAÇÃO
CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), das 10 horas do dia 11 às 23h e 59 min. do dia 12/01/2016.
Não será considerada qualquer solicitação de recurso fora da forma e do prazo estabelecidos no subitem 6.2.
O(s) ponto(s) relativo(s) à(s) questão(ões) eventualmente anulada(s) será(ão) atribuído(s) a todos os candidatos presentes.
A(s) eventual(ais) anulação(ões) e/ou alteração(ões) de gabarito da(s) questão(ões) será(ão) informada(s) quando da divulgação
das notas das Provas Objetivas, de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente
para o curso de Medicina), em 28/01/2016.
Face à correção das provas e à apuração dos resultados do presente Concurso Vestibular serem procedidas com a utilização de
meios eletrônicos, não serão concedidas vistas do Cartão-Resposta ou recontagem de pontos das questões objetivas.
Mediante pagamento do valor de R$ 100,00 (cem reais), por revisão solicitada, o candidato poderá requerer revisão da(s) nota(s)
das Provas de Redação (para todos os candidatos) e/ou Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso de
Medicina), das 10 horas do dia 28/01 às 23h e 59 min. do dia 29/01/2016, apenas através da internet, em formulário próprio
disponível no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br). Os candidatos não terão acesso às questões
discursivas (Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina) e/ou à Redação.
No formulário próprio, os candidatos informarão seus dados cadastrais e farão as suas argumentações quanto ao(s) pedido(s)
de revisão, tendo ainda disponível para impressão o boleto de compensação bancária para pagamento do(s) referido(s) valor(es)
de expediente. O pagamento do(s) referido(s) valor(es) deverá ser efetuado, impreterivelmente, até o dia 03/02/2016 (quarta
feira).
Somente poderá ser utilizada a numeração do código de barras, disponível em seu(s) boleto(s) de compensação bancária,
para efetuar o pagamento do(s) valor(es) pelos seguintes meios: agências bancárias autorizadas, internet, caixas eletrônicos dos
bancos ou casas lotéricas.
No formulário próprio, o candidato deverá digitar o seu CPF e Senha, conforme modelo apresentado na referida tela. A seguir,
deverá assinalar qual(is) a(s) opção(ões) da Prova de Redação (para todos os candidatos) e/ou Discursiva (Biologia/Química exclusivamente para o curso de Medicina) para a(s) qual(is) deseja solicitar a(s) respectiva(s) revisão(ões).
O candidato deverá expor sua argumentação na ordem em que as questões estão apresentadas na Prova Discursiva
(Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina). Para tanto, vide os Padrões de Respostas que estarão
disponíveis no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br). Logo após essa solicitação, deverá(ão) ser
impresso(s) o(s) boleto(s) de compensação bancária relativo a esse(s) pedido(s) de revisão de nota(s), se houver pedido de
revisão da nota de redação.
Conforme as normas da Coordenação do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, as Bancas Examinadoras não
aceitarão qualquer pedido de revisão no qual porventura constem, na(s) argumentação(ões), assinaturas, rubricas, datas ou outros
sinais que possam identificar o candidato que está requerendo a(s) revisão(ões), pois a(s) mesma(s) será(ão) encaminhada(s)
para as Bancas Examinadoras através de codificador que o sistema atribuir para a desidentificação.
É vedado aos candidatos ou a seus representantes entrevistarem-se com os professores componentes das Bancas Examinadoras.
Não serão aceitos, em hipótese alguma, pedidos de revisão através de e-mail, fax ou sedex para a FUNDAÇÃO CESGRANRIO
como também para qualquer Instituição de Ensino Superior Unificada, mesmo que o candidato tenha efetuado o pagamento
do(s) referido(s) valor(es) de expediente referente(s) à revisão das Provas de Redação ( para todos os candidatos) e/ou
Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina).
A partir das 10 horas do dia 05/02/2016, os candidatos que tenham solicitado revisão das Provas de Redação ( para todos os
candidatos) e/ou Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina) deverão acessar o site da
FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br) para confirmar se seus pedidos foram cadastrados. Na hipótese da não
6.8.1 6.9
-
6.10 -
6.11 -
6.12 -
6.13 -
confirmação, deverão entrar em contato com o Departamento de Concursos ou com o Setor de Internet da FUNDAÇÃO
CESGRANRIO através dos telefones (21) 2103-9600 ou (21) 2103-9630, até às 17 horas dessa data.
Os candidatos cujos pedidos não tenham sido cadastrados devido ao não cumprimento de todas as normas estabelecidas não
terão direito às revisões pretendidas.
Os resultados das revisões serão divulgados juntamente com os resultados finais, no dia 16/02/2016, somente no site da
FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), a partir das 10 horas.
Os candidatos que tiverem sua(s) nota(s) aumentada(s) farão jus à devolução do(s) valor(es) pago(s). O ressarcimento será
depositado, pela FUNDAÇÃO CESGRANRIO, nos dias 23 ou 24/02/2016, diretamente na conta corrente ou de poupança
informada pelo candidato quando do(s) Pedido(s) de Revisão.
Os candidatos que apresentarem, quando da divulgação do resultado final, em sua situação, a expressão EM ESPERA, deverão
ficar atentos ao Edital de Vagas, a ser divulgado somente pela internet, no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO
(www.cesgranrio.org.br), no dia 23/02/2016, a partir das 10 horas.
O CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 não promove qualquer Reclassificação. Assim sendo, no caso de haver
alguma desistência de candidatos classificados ou matriculados em qualquer das Instituições de Ensino Superior Unificadas
filiadas ao CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 da FUNDAÇÃO CESGRANRIO, somente através da inscrição no
Edital de Vagas é que essa(s) vaga(s) não preenchida(s) será(ão) completada(s).
Apenas os candidatos inscritos no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 poderão concorrer à(s) vaga(s) a ser(em)
divulgada(s) no Edital de Vagas. As normas para a inscrição nesse Edital serão anunciadas, somente no site da FUNDAÇÃO
CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), no dia 23/02/2016, a partir das 10 horas.
07 - DA CLASSIFICAÇÃO
7.1
-
7.1.1 7.2
-
Serão eliminados do presente Concurso Vestibular os candidatos que: a) FALTAREM às provas; b) obtiverem ZERO na
Redação (para todos os candidatos); c) obtiverem ZERO na Prova Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso
de Medicina); d) obtiverem ZERO na soma do número de pontos nas Provas Objetivas.
Para os candidatos que forem eliminados por ZERO na Redação ou na Prova Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente
para o curso de Medicina), não haverá divulgação de seus resultados nas Provas Objetivas.
Os totais de pontos obtidos nas Provas Objetivas e nas Provas de Redação ( para todos os candidatos) e Discursiva
(Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina) serão transformados em notas padronizadas, calculadas com
duas casas decimais, considerando-se, para tanto, média aritmética = 50 e desvio-padrão = 10. O cálculo das notas
padronizadas obedecerá à seguinte fórmula:
º   − É É  
  =  + (
) x 
 − Ã  
OBSERVAÇÃO: A MÉDIA ARITMÉTICA e o DESVIO-PADRÃO serão apurados por Grupo de CURSOS (vide item 02) e divulgados
juntamente com o Resultado Final, no dia 16/02/2016, em decorrência de os mesmos serem provenientes dos resultados obtidos por todos
os candidatos que prestarem as provas do presente Concurso Vestibular em cada Grupo de CURSOS.
7.3 - As notas padronizadas terão pesos. As Provas de Redação (para todos os candidatos) e Discursiva (Biologia/Química exclusivamente para o curso de Medicina) terão peso 2 (dois). Cada bloco de Provas Objetivas terá peso 1 (um).
7.4 - O total de pontos do candidato será a soma das notas padronizadas e ponderadas referidas nos subitens 7.2 e 7.3.
7.5 - Havendo candidatos com a mesma soma de pontos padronizados, far-se-á o desempate levando-se em consideração,
sucessivamente, as notas padronizadas obtidas nos seguintes blocos de disciplinas: Discursiva de Biologia / Química (somente
para o curso de Medicina), Objetivas de Língua Portuguesa / Literatura Brasileira e de Língua Estrangeira e Redação. Persistindo
o empate, terá preferência o candidato com mais idade.
7.6 - Para os candidatos que optarem, também, no ato do preenchimento do Requerimento de Inscrição, pelas vagas reservadas para
o ENEM de 2015, o critério de classificação será o que oferecer a subopção de maior preferência, de acordo com a ordem indicada
no Requerimento de Inscrição.
7.7 - A distribuição dos candidatos pelas Instituições de Ensino Superior Unificadas será feita em função do total de pontos
alcançado, alocando-os nas subopções de acordo com a preferência manifestada por ocasião do preenchimento do
Requerimento de Inscrição.
08 - DOS RESULTADOS
8.1
-
8.2
-
8.3
-
A divulgação dos resultados do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 será efetivada, somente pela internet, no site
da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), no dia 16/02/2016, a partir das 10 horas. Esse resultado será
disponibilizado, individualmente, ou seja, cada candidato terá acesso apenas ao seu resultado final. Haverá divulgação do total de
pontos do último classificado por CURSO/SUBOPÇÃO.
A FUNDAÇÃO CESGRANRIO e as Instituições de Ensino Superior Unificadas não atenderão, sob nenhuma hipótese, a
pedidos de envio de resultados do presente Concurso Vestibular por e-mail, fax, telefone ou telegrama.
Os resultados também poderão ser divulgados pela Imprensa.
11
09 - DAS MATRÍCULAS
9.1
-
9.2
-
9.3
-
Não terão direito à matrícula os candidatos cujos totais de pontos forem inferiores ao do último classificado para as vagas oferecidas
e efetivamente preenchidas em cada CURSO, respeitadas as subopções, do presente Concurso Vestibular.
A relação dos documentos necessários à matricula estará disponível no site da Instituição de Ensino Superior para a qual o
candidato foi classificado, no dia da divulgação dos resultados finais. Os documentos deverão ser apresentados conforme
orientação contida no site correspondente à respectiva Instituição. Não serão aceitos, em hipótese alguma, documentos via email, fax ou sedex encaminhados diretamente para a Instituição de Ensino Superior, para a qual o candidato foi classificado,
como também para a FUNDAÇÃO CESGRANRIO.
A matrícula dos candidatos classificados para as diversas Instituições de Ensino Superior Unificadas far-se-á em uma única
fase obrigatória.
A ÚNICA FASE DE MATRÍCULA será realizada diretamente nas Instituições de Ensino Superior Unificadas, sem a
interveniência administrativa e/ou operacional da FUNDAÇÃO CESGRANRIO. O candidato classificado na Instituição de Ensino
Superior, de acordo com o que estará mencionado no resultado final, deverá acessar o site da referida Instituição ou contatar a
mesma a fim de tomar ciência da documentação necessária para efetivar a sua matricula.
Os candidatos classificados para o ano letivo de 2016 que não se apresentarem na ÚNICA FASE DE MATRÍCULA com toda a
documentação necessária e exigida pelas Instituições de Ensino Superior Unificadas (conforme divulgado nos
respectivos sites) perderão o direito às matrículas.
Será considerado desistente e, portanto, perdendo a vaga obtida, o candidato classificado (tanto para o 1º quanto para o 2º
semestre) que não comparecer nas datas estabelecidas na ÚNICA FASE DE MATRÍCULA, podendo tentar obter uma nova vaga
através de inscrição no Edital de Vagas, descrito no item 10. O horário de atendimento para efetivação das matrículas será
estabelecido pela respectiva Instituição de Ensino Superior e discriminado em seu site juntamente com a documentação
necessária.
Se o responsável financeiro não for o próprio candidato, deverão ser apresentados, na matrícula, Carteira de Identidade,
comprovante de residência e CPF (originais e duas cópias) desse responsável, que assinará, também, o contrato de prestação de
serviços educacionais.
O presente Concurso Vestibular somente será válido para matrículas no ano letivo de 2016 e nos semestres especificados nas
respectivas subopções.
Todas as Instituições de Ensino Superior Unificadas matricularão em seus cursos, no início do ano letivo, os candidatos
classificados, reservando-se, entretanto, o direito de, em cada curso, admitir a todos no 1º semestre ou parte no 1º semestre
letivo e parte no 2º, atendida a ordem de classificação e a preferência manifestada por ocasião do preenchimento do
Requerimento de Inscrição.
A FACULDADE ARTHUR SÁ EARP NETO - FASE e a FACULDADE DE MEDICINA DE PETRÓPOLIS – FMP reservam-se o
direito de não oferecer turma caso o número de alunos matriculados seja inferior a 15 (quinze).
9.3.1 -
9.4
-
9.5
-
9.6
-
9.7
-
9.8
-
9.9
-
10 - DO EDITAL DE VAGAS
10.1 -
10.2 -
10.3 -
10.4 10.5 -
10.5.1 -
10.6
-
10.7
-
10.8
-
10.8.1 -
12
O EDITAL DE VAGAS é um procedimento eventual que somente é empregado quando da existência de vagas ociosas em cada
curso oferecido no presente Concurso Vestibular. Como seu objetivo primordial é complementar, de forma ágil e definitiva, as
vagas não preenchidas, não podem dele participar os candidatos que já estejam matriculados em quaisquer das Instituições de
Ensino Superior Unificadas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016.
Os candidatos que preencham os requisitos fixados para participação no Edital de Vagas deverão manifestar seu interesse
mediante a formalização de um novo Requerimento de Inscrição, a partir das 10 horas do dia 23 até às 23h e 59 min. do dia
24/02/2016, e segundo as instruções a serem oportunamente divulgadas somente do site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO
(www.cesgranrio.org.br). Para efeito de classificação, serão considerados os totais de pontos obtidos no presente Concurso
Vestibular e as prioridades a seguir especificadas: a) dos inscritos originalmente no CURSO; b) dos inscritos originalmente
em CURSO do mesmo Grupo.
Na hipótese de abertura de vagas após o Edital de Convocação, o preenchimento das mesmas será procedido de acordo com
as listagens de espera do Edital de Vagas, elaboradas em ordem decrescente do total de pontos obtidos pelos candidatos nas
provas do presente Concurso Vestibular, respeitados normas e prazos fixados quando da divulgação desse Edital.
O não comparecimento à matricula consequente do Edital de Vagas caracteriza a desistência do candidato e, portanto, sua
eliminação do mesmo. Análogo procedimento será adotado para eventuais convocações efetuadas após o Edital de Vagas.
No Edital de Vagas e eventualmente para preenchimento de vagas após o mesmo, não haverá reclassificação de candidatos para
outras Instituições. Em caso de ocorrer alguma desistência, serão chamados os candidatos inscritos no Edital de Vagas, na
ordem decrescente das Listas de Espera do mesmo.
As convocações de candidatos em Lista de Espera para complementação das vagas ociosas posteriores à divulgação do resultado
do Edital de Vagas, no caso de ocorrerem novas desistências ou cancelamentos de matrículas, serão realizadas através de
telegrama e, em última hipótese, pelos telefones constantes no cadastro. Nessas convocações não será disponibilizada nenhuma
informação no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO.
As eventuais convocações posteriores ao Edital de Vagas, no período letivo em curso, não poderão ocorrer a partir da data em
que ficar caracterizada a reprovação dos alunos por faltas na(s) Instituição(ões) detentora(s) das vagas.
Em hipótese alguma haverá permuta ou transferência de candidatos de um para outro CURSO ou Instituição de Ensino Superior
Unificada, bem como de Campus ou Unidade, Semestre, Turno, Modalidade ou Especialidade.
São as seguintes as rotinas para preenchimento do Requerimento de Inscrição no Edital de Vagas do CONCURSO
VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 a serem disponibilizadas, no dia 23/02/2016, a partir das 10 horas.
Acessar o site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), nos dias 23 e 24/02/2016, e mediante pagamento do
valor de expediente de R$ 110,00 (cento e dez reais), por inscrição, o candidato poderá inscrever-se no Edital de Vagas, somente
através da internet, em formulário próprio disponível, a partir das 10 horas do dia 23 até às 23 horas e 59 minutos do dia
24/02/2016.
10.8.2 - Digitar o seu número de CPF na referida tela apresentada. A seguir, será mostrado o nome do candidato para confirmação. Após,
o candidato deverá digitar sua senha, criada quando da sua inscrição no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, sua
data de nascimento e os caracteres de segurança do Processo de Requerimento de Inscrição.
10.8.3 - Será apresentado o Requerimento de Inscrição com os dados pessoais preenchidos. O candidato deverá especificar, então, no
campo “Opção de CURSO”, a sua preferência e as respectivas subopções (Instituições e respectivos períodos letivos, Campi
ou Unidades, turnos e especialidades, quando for o caso) a cujas vagas pretenda concorrer. É de inteira responsabilidade do
candidato o exato preenchimento, inclusive quando efetivado por terceiros.
10.8.4 - Após a confirmação dos dados preenchidos no Requerimento de Inscrição no Edital de Vagas, será visualizado na tela um
comprovante de inscrição com duas opções apresentadas abaixo:
 fazer um outro “Requerimento de Inscrição no Edital de Vagas”, ou seja, um novo CURSO;
 finalizar o(s) Pedido(s) e gerar boleto(s) de compensação bancária, ou seja, emitir o(s) boleto(s) de pagamento no valor de R$
110,00 (cento e dez reais), por pedido apresentado.
10.8.5 - Não serão aceitos, em hipótese alguma, Requerimentos de Inscrição no Edital de Vagas através de e-mail, fax ou sedex para
a(s) Instituição(ões) de Ensino Superior Unificada(s) como também para a FUNDAÇÃO CESGRANRIO, mesmo que o
candidato tenha efetuado o(s) pagamento(s) do(s) valor(es) de expediente.
10.8.6 - O Requerimento de Inscrição só estará aceito se o candidato preencher corretamente esse Requerimento e efetuar o(s)
pagamento(s) do(s) boleto(s) de compensação bancária no prazo de vencimento estipulado no(s) mesmo(s).
10.8.7 - O(s) valor(es) de expediente uma vez pago(s), não será(ão) devolvido(s) sob nenhuma hipótese e só terá(ão) validade para o
presente Edital de Vagas. Tampouco serão concedidas isenções do(s) valor(es) de expediente.
10.8.8 - A partir das 10 horas, do dia 01/03/2016, o candidato que tenha solicitado inscrição no Edital de Vagas deverá acessar o site da
FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br) para confirmar se seu(s) pedido(s) foi(ram) cadastrado(s). Na hipótese da
não confirmação, deverá entrar em contato com o Departamento de Concursos ou com o Setor de internet da FUNDAÇÃO
CESGRANRIO, através dos telefones (21) 2103-9600 ou (21) 2103-9630, somente até às 17 horas dessa data. Caso o candidato
não tenha efetuado o(s) pagamento(s), não constará da lista de candidatos que se inscreveram no Edital de Vagas do
CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016.
10.8.9 - Os resultados dos Requerimentos de Inscrição no Edital de Vagas serão divulgados, no dia 03/03/2016, a partir das 10 horas,
somente no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), no link CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de
2016.
10.8.10 - As matrículas dos candidatos classificados através do Edital de Vagas do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 serão
efetivadas diretamente nas Instituições de Ensino Superior Unificadas para as quais foram classificados, nos dias 03 ou
04/03/2016. A documentação necessária a ser entregue nas referidas Instituições de Ensino para as quais foram classificados
será a disponibilizada nos respectivos sites, a partir das 10 horas, do dia 02/02/2016.
10.8.11 - Para o curso de MEDICINA, será necessário que o candidato tenha obtido, um número mínimo de pontos no resultado final
do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 e esse número mínimo de pontos será informado por ocasião da divulgação
do Edital de Vagas com suas respectivas normas e quantidade de vagas disponíveis no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO, no
dia 23/02/2016, a partir das 10 horas.
10.8.12 - A classificação dos inscritos obedecerá ao total de pontos obtidos no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 tendo
preferência, inicialmente, os candidatos que optaram, quando das inscrições, para o CURSO objeto das vagas ociosas;
posteriormente, os candidatos não optantes pelo CURSO objeto das vagas ociosas, mas pertencentes ao grupo desse CURSO e,
por último, os candidatos dos CURSOS dos outros grupos.
10.8.13 - Vale ressaltar que os candidatos poderão trocar de cursos por ocasião de sua inscrição no Edital de Vagas ou, ainda, inscreverse em mais de um CURSO. Nessa hipótese, deverão formalizar mais de uma inscrição, preenchendo um formulário específico
para cada CURSO, encaminhando-os juntos e assinalando, em cada um deles, a ordem de preferência pelos CURSOS. Caso o
candidato não consiga se classificar em nenhum dos CURSOS em que se inscreveu, constará nas "Listas de Espera" respectivas
até que surja uma das vagas pretendidas. Assim que isso ocorrer, ao efetivar a matrícula, o candidato deixará,
AUTOMATICAMENTE, de figurar na(s) outra(s) "Lista(s) de Espera".
10.8.14 - Os candidatos que, por ocasião das inscrições no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016, não optaram pelo CURSO
de MEDICINA não deverão fazê-lo no Edital de Vagas, uma vez que as vagas ociosas desse curso serão TOTALMENTE
preenchidas pelos candidatos originalmente inscritos em MEDICINA.
10.8.15 - Só poderão concorrer ao Edital de Vagas os candidatos que não estejam ocupando vagas, ou seja, não tenham efetivado as
matrículas nas respectivas Instituições Unificadas, os que não tenham sido eliminados por terem faltado ou obtido grau Zero na
Redação ( para todos os candidatos) ou na Prova Discursiva (Biologia/Química - exclusivamente para o curso de Medicina)
ou, ainda, na soma do número de pontos nas provas objetivas ou, finalmente, por infração a demais normas do presente
Concurso Vestibular.
10.8.16 - Poderão ser acrescidas, no Edital de Vagas, as vagas do curso de Medicina da FMP eventualmente remanescentes do Vestibular
Isolado da FMP para 2016.
11 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
11.1 -
11.2 11.3 -
11.4 -
A inscrição no presente Concurso Vestibular implica o conhecimento e a aceitação irrestritos de suas normas e exigências pelo
candidato, sem direito algum à compensação decorrente da anulação ou cancelamento de sua inscrição, da eliminação do
presente Concurso Vestibular ou, ainda, do seu não aproveitamento por falta de vagas ou inobservância dos ditames e prazos
fixados.
A FUNDAÇÃO CESGRANRIO e as Instituições de Ensino Superior Unificadas divulgarão, sempre que necessários, avisos
oficiais e normas complementares através de seus sites.
Os Cartões-Resposta e os Cadernos de Respostas da Redação (para todos os candidatos) e da Discursiva (Biologia/Química
- exclusivamente para o curso de Medicina) deste Concurso Vestibular permanecerão arquivados pela FUNDAÇÃO
CESGRANRIO, pelo período de 06 (seis) meses, a contar da data de aplicação das provas, sendo posteriormente destruídos.
A COORDENAÇÃO do presente Concurso Vestibular se compromete a encaminhar as provas e todos os resultados à Imprensa
do município do Rio de Janeiro, não se responsabilizando, no entanto, por sua publicação.
13
11.5 -
11.6 -
11.7 -
11.8 11.9 11.10 11.11 -
11.12 -
11.13 11.14 11.15 11.16 -
14
A FUNDAÇÃO CESGRANRIO e as Instituições de Ensino Superior Unificadas não informarão, em hipótese alguma, os
resultados do CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 por e-mail, fax, telefone ou telegrama. As informações só
poderão ser acessadas no endereço da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br).
As Declarações de Notas no CONCURSO VESTIBULAR UNIFICADO de 2016 somente serão expedidas pelo Departamento de
Concursos da FUNDAÇÃO CESGRANRIO, mediante solicitação expressa em documento próprio e pagamento prévio do valor
de expediente pelos eventualmente interessados, a partir do dia 12/04/2016, após a conclusão de todos os eventos do presente
Concurso Vestibular. O valor cobrado por Declaração de Notas solicitada será de R$ 100,00 (cem reais).
Para a eventualidade de convocações, os candidatos EM ESPERA se comprometem a manter atualizados seus endereços junto
ao Departamento de Concursos da FUNDAÇÃO CESGRANRIO a qual não se responsabiliza por prejuízos decorrentes da não
atualização. Essas atualizações deverão ser encaminhadas através do seguinte número de fax: (21) 2502-1000.
Fica eleito o foro da cidade do Rio de Janeiro, com exclusão e renúncia a qualquer outro, por mais privilegiado que seja, para
dirimir questões oriundas do presente Concurso Vestibular.
Caso seja comprovado, em qualquer época, o uso de documentos, informações e/ou outros meios ilícitos, o candidato terá sua
matrícula anulada.
Os candidatos poderão ser submetidos, a qualquer momento, à verificação grafológica, mesmo após a efetivação da matrícula.
Não será permitido o ingresso de pessoas estranhas ao local de provas, com exceção dos acompanhantes das candidatas que
estejam amamentando e dos portadores de deficiência, os quais ficarão em dependências designadas pela Coordenação do
Local. Não haverá prorrogação do tempo previsto para a aplicação das provas, inclusive aquele decorrente de afastamento do
candidato da sala de provas, exceto a condição especial prevista no subitem 1.5.
São consideradas oficiais apenas as comunicações (normas, resultados, chamadas para matrícula ou Edital de Vagas) divulgadas
pela FUNDAÇÃO CESGRANRIO no site (www.cesgranrio.org.br) e pelos sites das Instituições de Ensino Superior
Unificadas. A publicação na Imprensa será considerada meio auxiliar para divulgar informações aos candidatos.
É responsabilidade exclusiva do candidato informar-se acerca das normas estabelecidas no presente Roteiro do Candidato.
A FUNDAÇÃO CESGRANRIO e/ou as Instituições de Ensino Superior Unificadas poderão divulgar instruções complementares
para a realização do presente Concurso Vestibular e para as matrículas.
Incorporar-se-ão a este Roteiro do Candidato, para todos os efeitos, quaisquer Aditamentos que vierem a ser divulgados pela
FUNDAÇÃO CESGRANRIO.
Os casos omissos e as situações não previstas serão dirimidos pelo Departamento de Concursos da FUNDAÇÃO
CESGRANRIO e pelas Direções das Instituições de Ensino Superior Unificadas.
ANEXO I
QUADRO DE SUBOPÇÕES
NOME DO CURSO: ADMINISTRAÇÃO
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 270
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
FASE (1º SEM.)
N
010
12
FASE (2º SEM.)
N
010
13
UCP (1º SEM.)
N
005
14
UCP (2º SEM.)
N
005
15
USU (1º SEM.)
M
060
16
USU (2º SEM.)
M
060
17
USU (1º SEM.)
N
060
18
USU (2º SEM.)
N
060
OBSERVAÇÕES:
- FASE:Especializações: Gestão de Marketing, Gestão da Saúde e Gestão de Sistema de Informação.
Regime de crédito semestral com duração do 04 (quatro) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: ARQUITETURA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 250
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
UCP (1º SEM.)
T/N
005
12
UCP (2º SEM.)
T/N
005
13
USU (1º SEM.)
M
060
14
USU (2º SEM.)
M
060
15
USU (1º SEM.)
N
060
16
USU (2º SEM.)
N
060
TURNO
VAGAS
T/N
005
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: BIOMEDICINA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 005
CÓDIGO
11
SUBOPÇÃO
UCP (1º SEM.)
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Curso com duração de 4,5 (quatro e meio) anos.
15
NOME DO CURSO: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 480
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
USU (1º SEM.) bacharelado
M
060
12
USU (2º SEM.) bacharelado
M
060
13
USU (1º SEM.) Bacharelado
N
060
14
USU (2º SEM.) Bacharelado
N
060
15
USU (1º SEM.) Licenciatura
M
060
16
USU (2º SEM.) Licenciatura
M
060
17
USU (1º SEM.) Licenciatura
N
060
18
USU (2º SEM.) Licenciatura
N
060
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- USU: Especialização em gestão Ambiental Marinha.
São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: DIREITO
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 349
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
M
005
12
UCP (1º SEM.)
N
005
13
UCP (2º SEM.)
N
005
14
USU (1º SEM.)
M
082
15
USU (1º SEM.)
N
085
16
USU (2º SEM.)
M
082
17
USU (2º SEM.)
N
085
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: EDUCAÇÃO FÍSICA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 015
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.) Bacharelado
T/N
005
12
UCP (2º SEM.) Bacharelado
T/N
005
13
UCP (1º SEM.) Licenciatura
T/N
005
TURNO
VAGAS
NOME DO CURSO: ENFERMAGEM
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 020
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
FASE (1º SEM.)
MT
010
12
FASE (2º SEM.)
MT
010
OBSERVAÇÕES:
- FASE: O curso oferece formação em Bacharelado e Licenciatura.
Regime seriado semestral com duração de 4,5 (quatro e meio) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
16
NOME DO CURSO: ENGENHARIA CIVIL
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 260
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
UCP (1º SEM.)
M
005
12
UCP (1º SEM.)
T/N
005
13
UCP (2º SEM.)
M
005
14
UCP (2º SEM.)
T/N
005
15
USU (1º SEM.)
M
060
16
USU (2º SEM.)
M
060
17
USU (1º SEM.)
N
060
18
USU (2º SEM.)
N
060
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 010
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
T/N
005
12
UCP (2º SEM.)
T/N
005
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
NOME DO CURSO: ENGENHARIA DE PETRÓLEO
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 010
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
T/N
005
12
UCP (2º SEM.)
T/N
005
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
NOME DO CURSO: ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 020
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
M
005
12
UCP (1º SEM.)
T/N
005
13
UCP (2º SEM.)
M
005
14
UCP (2º SEM.)
T/N
005
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
17
NOME DO CURSO: ENGENHARIA ELÉTRICA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 250
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
UCP (1º SEM.)
T/N
005
12
UCP (2º SEM.)
T/N
005
13
USU (1º SEM.)
M
060
14
USU (2º SEM.)
M
060
15
USU (1º SEM.)
N
060
16
USU (2º SEM.)
N
060
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: ENGENHARIA MECÂNICA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 260
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
M
005
12
UCP (1º SEM.)
T/N
005
13
UCP (2º SEM.)
M
005
14
UCP (2º SEM.)
T/N
005
15
USU (1º SEM.)
M
060
16
USU (1º SEM.)
N
060
17
USU (2º SEM.)
M
060
18
USU (2º SEM.)
N
060
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: ENGENHARIA MECATRÔNICA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 010
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP(1º SEM.)
T/N
005
12
UCP (2º SEM.)
T/N
005
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
NOME DO CURSO: FISIOTERAPIA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 010
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
T/N
005
12
UCP (2º SEM.)
T/N
005
OBSERVAÇÕES:
- UCP: Os cursos com horários tarde/noite começam as aulas a partir das 17h20min.
18
NOME DO CURSO: MEDICINA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 050
CÓDIGO
11
SUBOPÇÃO
FMP (1º SEM.)
TURNO
VAGAS
I
050
OBSERVAÇÕES:
- FMP: Regime seriado com duração de 06 (seis) anos.
Participa do PROUNI.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
As vagas remanescentes, ou seja, não preenchidas no Vestibular Isolado FMP realizado em 04 de outubro de 2015 serão
adicionadas às vagas remanescentes do presente VESTIBULAR UNIFICADO 2016, no respectivo Edital de Vagas, cuja publicação,
no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO, está prevista para o dia 03 de março de 2016.
NOME DO CURSO: NUTRIÇÃO
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 020
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
FASE (1º SEM.)
M
010
12
FASE (2º SEM.)
M
010
OBSERVAÇÕES:
- FASE: Regime seriado semestral com duração de 04 (quatro) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
NOME DO CURSO: ODONTOLOGIA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 014
CÓDIGO
11
SUBOPÇÃO
FASE (1º SEM.)
TURNO
VAGAS
I
014
OBSERVAÇÕES:
- FASE: Regime seriado semestral com duração de 4,5 (quatro e meio) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
NOME DO CURSO: PEDAGOGIA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 320
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
USU (1º SEM.)
M
080
12
USU (2º SEM).
M
080
13
USU (1º SEM.)
N
080
14
USU (2º SEM).
N
080
TURNO
VAGAS
OBSERVAÇÕES:
- USU: São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: PSICOLOGIA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 250
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
11
UCP (1º SEM.)
N
005
12
UCP (2º SEM.)
N
005
13
USU (1º SEM.)
M
060
14
USU (2º SEM.)
M
060
15
USU (1º SEM.)
N
060
16
USU (2º SEM.)
N
060
19
OBSERVAÇÕES:
- USU: Especialização em Psicanálise e Psicologia Hospitalar e da Saúde.
São disponibilizadas 10% das vagas para o ENEM/2015.
NOME DO CURSO: RELAÇÕES INTERNACIONAIS
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 005
CÓDIGO
11
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
N
005
UCP (1º SEM.)
CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA
NOME DO CURSO: TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 020
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
FASE (1º SEM.)
N
010
12
FASE (2º SEM.)
N
010
OBSERVAÇÕES:
- FASE: Regime de crédito semestral com duração de 02 (dois) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
NOME DO CURSO: TECNOLOGIA EM GESTÃO PÚBLICA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 020
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
FASE (1º SEM.)
N
010
12
FASE (2º SEM.)
N
010
OBSERVAÇÕES:
- FASE: Regime de crédito semestral com duração de 02 (dois) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
NOME DO CURSO: TECNOLOGIA EM RADIOLOGIA
TOTAL DE VAGAS OFERECIDAS: 020
CÓDIGO
SUBOPÇÃO
TURNO
VAGAS
11
FASE (1º SEM.)
M
010
12
FASE (2º SEM.)
M
010
OBSERVAÇÕES:
- FASE: Regime de crédito semestral com duração de 03 (três) anos.
Participa do PROUNI.
São disponibilizadas 50% das vagas para o ENEM/2015.
Os preços estabelecidos para o ano de 2015 estão sujeitos a reajuste para o ano de 2016.
A relação da documentação obrigatória necessária para a realização da matrícula está disponível no site www.fmpfase.edu.br.
20
ESPECIFICAÇÃO DOS TURNOS
I – Integral
M – Manhã
N – Noite
M/T – Manhã e/ou Tarde
T/N – Tarde e/ou Noite
21
ANEXO II
CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
01 - BIOLOGIA
Parte I – Seres Vivos
Características gerais. Variedade dos seres vivos: sistemas de classificação; regras de nomenclatura; conceito de espécie; categorias
taxionômicas; características gerais dos principais grupos; vírus.
Parte II – Célula
Célula procariota e eucariota: características diferenciais. Célula animal e vegetal: componentes morfológicos; principais funções das
estruturas celulares. Componentes químicos: importância funcional das substâncias químicas para a manutenção da homeostase
celular. Inter-relação das funções celulares: relação com a evolução das estruturas celulares. Núcleo Interfásico: código genético.
Reprodução celular: mitose e meiose.
Parte III – Tecidos
Conceito estrutural e funcional. Classificação dos tecidos animais: critérios. Principais características e funções dos tecidos animais e
vegetais.
Parte IV - Funções Vitais dos Animais e Vegetais
Características e funções dos sistemas: nutrição e digestão; respiração e trocas gasosas; circulação e transporte; excreção; proteção;
sustentação; locomoção; respostas aos estímulos ambientais e o sistema de integração. Reprodução: sexuada e assexuada (principais
exemplos); evolução nos principais grupos de animais e vegetais; gametogênese, fecundação e desenvolvimento embrionário;
reprodução humana.
Parte V – Genética
Conceitos básicos: terminologia, cruzamentos e probabilidade. Mendelismo e Neomendelismo. Fundamentos de citogenética: genes e
cromossomas; "crossing over"; anomalias cromossômicas. Conceitos básicos de engenharia genética. Fontes de variabilidade genética:
mutação e recombinação gênica. Genética de populações.
Parte VI – Evolução
Principais teorias: origem da vida e o processo evolutivo. Mecanismos evolutivos: variação genética e seleção natural. Evidências de
evolução. Evolução dos vertebrados e dos vegetais.
Parte VII – Ecologia
Fluxo de energia e matéria na biosfera. Relações ecológicas nos ecossistemas: estudo das comunidades. Ciclos biogeoquímicos.
Sucessão ecológica e grandes biomas. Poluição e desequilíbrio ecológico: conservação e preservação da natureza.
Parte VIII - Saúde, Higiene e Saneamento Básico
Conceito e princípios básicos de saúde, higiene e saneamento. Principais doenças do homem: doenças carenciais; doenças
infectocontagiosas; doenças parasitárias; principais endemias no Brasil. Defesas do organismo: imunização.
02 - FÍSICA
Parte I - Grandezas Físicas
Grandezas escalares e vetoriais. Componentes, soma e produto escalar de vetores. Medidas: padrões de medidas, ordem de grandeza
e algarismos significativos. Sistemas coerentes de unidades: Sistema Internacional. Dimensões das grandezas físicas: análise
dimensional.
Parte II - Mecânica da Partícula
Conceito da partícula. Cinemática escalar e vetorial. Coordenadas cartesianas dos vetores posição, velocidade e aceleração. Movimento
circular: decomposição dos vetores velocidade e aceleração nas direções tangencial e radial. Conceito de massa e de força. Natureza
das forças que agem sobre uma partícula. A força como uma grandeza vetorial. Composição de forças. Leis de Newton. Forças especiais:
Força Gravitacional e Força de Coulomb (eletrostática). Movimento dos corpos e movimento dos projéteis sob a ação da força
gravitacional. Movimento de partículas eletricamente carregadas sob a ação de uma força eletrostática. Movimento dos planetas e dos
satélites em órbitas circulares. Conceito de momento linear. Conceito de energia cinética. Colisões unidimensionais. Conservação do
22
momento linear. Colisões elásticas e inelásticas. Conceito de trabalho de uma força. Trabalho de uma força constante. Teorema do
trabalho-energia. Potência de uma força. Energia cinética. Conceito de energia potencial. Força conservativa e energia potencial:
aplicações no caso das forças gravitacional e eletrostática. Energia mecânica: sistemas conservativos e dissipativos; forças de atrito.
Movimento harmônico simples: pêndulo e sistema massa-mola.
Parte III - Sistemas de Muitos Corpos (Sólidos, Líquidos e Gases)
Isolamento de um sistema: distinção entre as forças internas e externas ao sistema. Definição do centro de massa de um sistema de
muitos corpos diminutos (partículas). Centro de massa de um sólido e centro de gravidade. Momento de uma força (torque). Condições
de equilíbrio estático de um corpo rígido. Conceito de densidade de massa. Conceito de pressão. Associação do conceito de pressão
de um gás com as colisões dos átomos com as paredes dos vasos. Pressão hidrostática. Variação da pressão com a profundidade;
princípios de Pascal e de Arquimedes. Conceito de temperatura e seus efeitos. Dilatação térmica dos líquidos e sólidos; mudanças de
fase; definição da escala Celsius e introdução e uso da escala Kelvin. Equilíbrio térmico e Lei Zero da Termodinâmica. O conceito de
calor: calor específico; calorimetria; calor latente. Equação de estado dos gases perfeitos. 1ª Lei da Termodinâmica. Processos isobárico,
isotérmico, isovolumétrico e adiabático.
Parte IV - Eletricidade e Magnetismo
Constituição da matéria: elétron, próton e nêutron e a carga elétrica. Corrente elétrica: materiais isolantes, condutores e semicondutores.
Processos de eletrização e a Lei de Coulomb. A força eletrostática, o campo elétrico, a energia potencial eletrostática e o potencial
eletrostático. Campo e potencial associados a uma carga puntiforme. Campo uniforme: diferença de potencial entre dois pontos e
movimento de uma carga. Corrente elétrica, resistores lineares, Lei de Ohm, associações de resistores em série e em paralelo. Energia
e potência. Efeito Joule. Circuitos elementares. Amperímetro e voltímetro ideais. Campo magnético. Forças magnéticas sobre uma carga
pontual. Campo magnético de uma ímã, campo terrestre e bússola.
Parte V - Fenômenos Ondulatórios - Ótica
Vibrações ondulatórias em uma corda esticada. Comprimento de onda; frequência, amplitude de uma onda. Ondas estacionárias e ondas
progressivas. Ondas transversais e longitudinais. Reflexão e refração. Princípio da superposição; ondas estacionárias. Ondas em mais
dimensões: ondas na superfície de um líquido e ondas sonoras. Modelo ondulatório da luz: luz monocromática; velocidade de
propagação; índice de refração de um meio; luz branca, dispersão. Ótica geométrica: leis da reflexão e da refração; reflexão total. Objetos
e imagens reais e virtuais em espelhos planos e esféricos e em lentes delgadas. Instrumentos ópticos simples.
03 - GEOGRAFIA
Parte I - Espaço da Natureza
As Inter-relações entre os diferentes componentes do quadro natural: principais formas e estruturas do relevo terrestre (gênese e
evolução); grandes conjuntos climatobotânicos; águas oceânicas e continentais e sua importância econômica. Quadro natural: recursos
e aproveitamento econômico; sensibilidade do meio ambiente à ação do homem e estratégias para seu uso e conservação.
Parte II - A Organização do Espaço Mundial
A transformação do espaço mundial: o espaço do capitalismo industrial; as disputas interimperialistas e a divisão internacional do
trabalho; a transformação do espaço socialista e a formação dos grandes blocos de poder; a ação do Estado na economia e na sociedade
dos países contemporâneos. A geopolítica mundial: noções gerais; caracterização geral dos sistemas político-econômicos
contemporâneos e suas áreas de influência e disputa; o papel das grandes organizações político-econômicas internacionais; os conflitos
geopolíticos recentes, sua inter-relação e especificidades; os conflitos étnicos atuais e a questão das nacionalidades. O espaço das
contradições socioeconômicas: o papel da acumulação de capital e do Estado como agentes estruturadores do espaço. Industrialização
e acumulação: da produção manufatureira aos grandes complexos industriais modernos; processo de industrialização e repercussões
na organização da economia e da sociedade; fatores responsáveis pela localização industrial; concentração espacial e concentr ação
financeira da economia industrial. Urbanização e estrutura interna das cidades: metropolização e problemas urbanos; papel do setor de
serviços; relação entre a indústria e agricultura. Espaço agrícola: diferentes formas de organização da produção agrícola; importância
do quadro natural na estruturação do espaço agrário. Ação do Estado: planejamento socioeconômico e intervenção no espaço;
especificidades nos mundos capitalista e socialista. População: fatores condicionantes dos movimentos migratórios internos e
internacionais; estrutura da população; crescimento demográfico (variações no tempo e no espaço); teorias demográficas. Processo
desenvolvimento/subdesenvolvimento: indicadores; origens; divisão internacional do trabalho. Grandes conjuntos socioeconômicos do
mundo atual: questões regionais.
Parte III - Espaço Brasileiro
Integração ao processo de internacionalização da economia: industrialização dependente e aprofundamento das desigualdades sociais;
fatores responsáveis pela localização das indústrias; concentração espacial e financeira da economia industrial; processo de
industrialização e repercussões na organização do espaço; recursos naturais (aproveitamento, desperdício e política de conservação).
Industrialização, urbanização e marginalização (um processo combinado): redes urbanas e processo de metropolização; estrutura
interna das cidades brasileiras e problemas urbanos; poluição ambiental das grandes cidades. Transporte e organização do espaço:
conexão entre locais de produção e de consumo, entre locais de moradia e de trabalho; papel do setor dos serviços na urbanização e
sua importância na absorção de mão-de-obra. Relações entre indústria e agricultura: diferentes formas de organização da produção
agrícola; importância do quadro natural na estruturação do espaço agrário; objetivos da produção agrícola; desenvolvimento das relações
de produção capitalista no campo e suas consequências; evolução da estrutura fundiária e relações de trabalho no campo; dinâmica
das fronteiras agrícolas. Crescimento populacional e políticas demográficas: processo de ocupação do território e distribuição da
população; movimentos migratórios (reflexos espaciais e sociais). Ação do Estado e o planejamento socioeconômico: instituições,
medidas e políticas de intervenção no espaço. Reprodução da dependência em nível nacional: divisão regional do trabalho; relações
inter e intrarregionais; questões regionais.
23
04 - HISTÓRIA
Parte I - O Mundo Ocidental Durante a Época Moderna (Século XV ao Século XVIII)
Expansão Marítima e Comercial: a crise do feudalismo a partir do século XIII e a expansão marítima e comercial; as conquistas ibéricas
ultramarinas e a crise do século XVI. Estado Moderno e Absolutismo: caracterização geral. Estado Moderno e Mercantilismo: práticas e
teorias mercantilistas; mercantilismo e o antigo sistema colonial. Colonização europeia na América: colonizações espanhola, inglesa e
francesa. Brasil-Colônia: a economia (a grande lavoura, as atividades extrativas, a pecuária); a sociedade (a escravidão negra, a
escravidão indígena, o homem livre pobre); a ação da Igreja (a catequese, as missões jesuítas, o Santo Ofício); a ação políticoadministrativa (capitanias, governo geral, municípios); a expansão territorial e a fixação dos limites. As manifestações culturais
Humanismo e Renascimento; a crítica do pensamento medieval; as Reformas Religiosas do século XVI; a Revolução Científica do século
XVII; a "ilustração".
Parte II - A Formação do Mundo Ocidental Contemporâneo (1760/80 a 1870/80)
Transformações econômicas: a Revolução industrial inglesa e suas pré-condições; a crítica do Mercantilismo; a Fisiocracia e o
Liberalismo; o capitalismo industrial na Europa (os exemplos da França e da Alemanha). Revoluções Liberais: a crítica do Absolutismo
e a crise do Antigo Regime; a independência das treze colônias; a Revolução Francesa (suas diversas visões).Restauração e revolução:
liberalismo e nacionalismo; os movimentos revolucionários de 1820, 1830 e 1848. Realismo e Nacionalismo: de 1850 a 1870; as
Unificações. Crise do Antigo Sistema Colonial Ibérico: o processo de independência da América Espanhola; os exemplos do Prata, da
Nova Espanha e do Peru; o processo de independência do Brasil; o contexto sociocultural e as conjurações do século XVIII; a Corte
Portuguesa no Brasil (o Reino Unido e a Revolução Republicana de 1817); a Revolução Liberal do Porto (1820) e a Independência do
Brasil. América após a independência: a economia latino-americana e a sua inserção no quadro internacional; a Hispano-América (o
Caudilhismo e a formação dos Estados Nacionais); os EUA (a formação da economia capitalista, a expansão territorial e a Guerra de
Secessão). Brasil - da independência ao apogeu do Sistema Monárquico; o Primeiro Reinado; a Constituição de 1824 e a crise regencial;
a consolidação da monarquia e a unidade territorial; o Ato Adicional de 1834; a economia primário-exportadora e a escravista e suas
"modernizações"; o quadro cultural; as relações internacionais; a Inglaterra e as questões platinas.
Parte III - O Apogeu e a Crise da Sociedade Liberal no Mundo Ocidental Contemporâneo (1870/80 a 1939/45)
Auge da hegemonia europeia e a expansão norte-americana: as transformações econômicas; a concentração capitalista; a expansão
imperialista; a dominação da América Latina e da Ásia; a partilha da África. Apogeu liberal: a democracia liberal (principais ideias e
instituições); a crítica ao liberalismo (o anarquismo, o socialismo e a doutrina social da Igreja); as relações internacionais: o equilíbrio
europeu e sistemas de alianças. Brasil - da Crise Monárquica à República Oligárquica (1870/1930): as transformações econômicas (o
declínio da escravidão e a expansão do trabalho livre, o setor exportador, a política financeira e o setor industrial); a soc iedade (a
urbanização e o crescimento da classe média, a questão operária); a crise da monarquia (o predomínio oligárquico e o coronelismo, a
Constituição de 1891); o quadro cultural; a política externa. Crise da sociedade liberal: as guerras mundiais e as relações internacionais;
a revolução de 1917; os movimentos e regimes fascistas; a crise econômica de 1929 e a "Grande Depressão". Hispano-América: a crise
do Estado oligárquico, os exemplos do México e da Argentina. Brasil - da crise da República Oligárquica ao Autoritarismo Varguista
(1930/1945): a crise dos anos vinte e a Reforma Constitucional de 1926; a revolução da Aliança Liberal em 1930 e a Constituição de
1934; o impacto da "Grande Depressão" no setor exportador e a política de industrialização; a implantação e a desagregação do Estado
Autoritário (o Estado Novo e a Constituição de 1937); a política externa; o quadro cultural e as políticas educacionais.
Parte IV - O Mundo Contemporâneo: As Sociedades Atuais (pós-1945)
Crise da hegemonia europeia: a "guerra-fria" e a "bipolarização"; a reconstrução da Europa Ocidental; os organismos internacionais.
Sociedades capitalistas contemporâneas: EUA, Europa Ocidental e Japão. Construção e crise do socialismo: URSS, China e Europa
Oriental. O novo equilíbrio nas relações internacionais: as relações Norte-Sul e a questão do desenvolvimento sustentável. Sociedades
afro-asiáticas contemporâneas: descolonização e neocolonialismo; as crises do Oriente Médio; a questão islâmica; o "apartheid".
Hispano-América: a economia latino-americana e as transformações no capitalismo internacional; o Populismo e Autoritarismo
(problemas da transição democrática); a experiência chilena; as revoluções de Cuba e da Nicarágua. Brasil - da República Populista ao
autoritarismo dos Governos Militares: a redemocratização e a Constituição de 1946; as alternativas políticas e econômicas da República
Populista; o movimento de março/abril de 1964 e o autoritarismo modernizador dos Governos Militares; a Constituição de 1967 e suas
emendas; a legislação autoritária, a resistência e repressão; a distensão, a abertura e a "transição democrática"; a política externa; o
quadro cultural; as políticas educacionais. Brasil - dos Governos Militares aos tempos atuais: a "Nova República" e a Constituição de
1988.
24
05 – LÍNGUA ESTRANGEIRA – ESPANHOLA OU INGLESA
As questões de Língua Estrangeira trabalharão compreensão de textos autênticos, de padrão contemporâneo, em diferentes registros,
com ênfase em estratégias de leitura (compreensão do sentido global do texto e localização de determinada ideia no texto),
reconhecimento de tipos de textos e suas intenções comunicativas, aspectos gramaticais básicos e vocabulário, incluindo palavras
cognatas.
06 – LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA
As questões avaliarão principalmente a desenvoltura do aluno na produção escrita e na leitura e compreensão de textos de diferentes
tipos. A partir desse parâmetro geral, serão contemplados os conteúdos adquiridos no nível médio em Língua Portuguesa e Literatura
Brasileira, abaixo relacionados.
Parte I – Língua Portuguesa
O português padrão. Língua falada e escrita. Morfossintaxe. Estruturação de orações. Regência nominal e verbal. Concordância nominal
e verbal. Colocação dos termos na frase. Pontuação. Ortografia. Noções de Semântica.
Parte II – Literatura Brasileira
Gêneros literários. Momentos do processo literário brasileiro em conexão com a história e cultura brasileiras. Classificação de textos em
dada época literária em função de suas características temáticas e formais.
07 - MATEMÁTICA
Parte I - Aritmética, Álgebra e Análise
Noções de Lógica. Conjuntos: noção intuitiva de conjunto; operações com conjuntos. Conjuntos Numéricos: naturais, inteiros, racionais
e reais. Funções: conceitos, operações e gráficos. Função polinomial. Função exponencial. Função logarítmica. Função trigonométrica.
Função modular. Função inversa. Equações e Inequações: sistemas de equações e inequações. Regra de três, razões e proporções.
Análise Combinatória: princípio fundamental da contagem; permutações, arranjos e combinações. Probabilidade: definição e
propriedades básicas. Porcentagem. Juros simples. Polinômios: raízes, relações entre coeficientes e raízes. Teorema Fundamental da
Álgebra. Sequências: noções de sequência; Progressões Aritméticas; Progressões Geométricas.
Parte II - Geometria e Trigonometria
Geometria Plana: figuras planas. Teorema de Tales. Semelhança. Relações métricas. Perímetros e áreas.
Geometria Espacial: posição relativa entre pontos, retas e planos. Poliedros. Poliedros regulares. Prisma, pirâmide, cilindro, cone e
esfera. Sólidos de revolução. Relações Métricas. Áreas e volumes.
Trigonometria: arcos e ângulos. Medidas e relações.
Parte III - Álgebra Linear e Geometria Analítica
Vetores no R2 e no R3: conceitos. Operações com vetores: adição, multiplicação de um vetor por um escalar, produto escalar, produto
vetorial e produto misto. O espaço vetorial R2. O espaço vetorial R3. Geometria Analítica Plana: retas e cônicas no R2. Geometria Analítica
Espacial: retas, planos e esferas no R3. Discussão de sistemas de equações lineares 2 x 2 e 3 x 3.
08 - QUÍMICA
Competências e habilidades a serem cobradas na prova de química (Segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais, PCN):
Representação e comunicação.
Descrever as transformações químicas em linguagens discursivas, compreender os códigos e símbolos próprios da Química, representar
simbolicamente as transformações químicas, utilizar gráficos, tabelas e relações matemáticas.
Investigação e compreensão.
Compreender e utilizar conceitos e fatos químicos com uma visão macroscópica. Compreender e utilizar dados quantitativos, estimativas,
medidas e relações proporcionais. Reconhecer tendências e relações a partir de dados experimentais; selecionar e utilizar ideias e
procedimentos científicos (leis, teorias, modelos) para a resolução de problemas qualitativos e quantitativos em Química, identificando
e acompanhando as variáveis relevantes; reconhecer ou propor a investigação de um problema relacionado à Química, selecionando
procedimentos experimentais pertinentes e desenvolver conexões hipotético-lógicas que possibilitem previsões acerca das
transformações químicas.
Contextualização sociocultural.
Reconhecer aspectos químicos relevantes na interação individual e coletiva do ser humano com o ambiente e reconhecer o papel da
Química no sistema produtivo.
25
Programa:
Parte I – Método científico
Identificação das diferentes etapas do método científico.
Parte II – Matéria
Os estados físicos da matéria, substâncias e misturas, alotropia, fenômenos e processos de separação.
Parte III – Átomo
Modelos atômicos de Dalton, de Thomson, de Rutherford e de Bohr; propriedades dos prótons, nêutrons e elétrons; massa atômica,
número atômico e número de massa, isotopia, isobaria e isotonia; configuração eletrônica (níveis, subníveis e orbitais), íons; classificação
periódica dos elementos, relação entre configuração eletrônica e localização na tabela periódica, elementos e suas propriedades
periódicas (raio atômico e iônico, eletropositividade, eletronegatividade, energia de ionização).
Parte IV – Ligações e interações entre átomos e moléculas
Ligação iônica, ligação covalente, ligação metálica e as principais propriedades associadas aos tipos de ligação química (dissociação e
ionização, pontos de fusão e ebulição, condutibilidade elétrica, fórmulas, ligas metálicas, polaridade das ligações); geometria molecular;
polaridade das moléculas; forças intermoleculares; propriedades das substâncias em função dessas forças (temperaturas de fusão e
ebulição e solubilidade); número de oxidação e radicais.
Parte V – Reações Inorgânicas
Classificação das reações químicas (síntese, análise, simples-troca, dupla-troca e oxirredução), principais condições para ocorrência de
reações químicas; reações de neutralização total e parcial, decomposição de carbonatos, cloratos e peróxidos; reações entre óxidos
ácidos e óxidos básicos ou destes com água; reações envolvendo ácidos e hidróxidos; balanço de massa e balanço de carga das
equações químicas, identificação e compreensão do papel dos íons espectadores.
Parte VI – Funções Inorgânicas
Ácidos, bases, sais e óxidos: identificação, principais propriedades, nomenclatura dos principais compostos, classificações destas
funções, dissociação e ionização, conceitos ácido-base (Arrhenius, Brönsted-Lowry e Lewis).
Parte VII – Cálculos básicos e Estequiometria das reações
Conceito de mol, de massa molar e de quantidade de matéria, a constante de Avogadro, variáveis de estado dos gases, relação entre
pressão, volume e temperatura, equação geral dos gases, equação de Clapeyron, Lei de Avogadro e volume molar; Leis ponderais e
volumétricas, composição centesimal, fórmula mínima, densidade absoluta e relativa, relações entre massa, volume, quantidade de
matéria e número de espécies envolvidas em reações químicas, reagente limitante, rendimento de reação.
Parte VIII – Soluções e Análise volumétrica
Conceitos fundamentais (soluto, solvente, solubilidade e coeficiente de solubilidade). Classificação de soluções (molecular, iônica,
insaturada e saturada, diluída e concentrada), unidades de concentração comum (g.L -1), em quantidade de matéria (mol.L-1), percentual
(%massa/massa, %massa/volume e %volume/volume), partes por milhão e partes por bilhão, concentração de espécies iônicas em
solução, mistura e diluição de soluções, análise volumétrica de neutralização, de oxirredução e de precipitação.
Parte IX – Termoquímica e termodinâmica
Reações endotérmicas e reações exotérmicas, energia de ativação, entalpia padrão, equações termoquímicas, variação de entalpia de
reação (de formação, de combustão e de neutralização), energia de ligação, Lei de Hess, trabalho.
Parte X – Cinética das reações
Velocidade de reação, ordem das reações, reação elementar e não elementar. Colisões e fatores que influenciam na velocidade de uma
reação.
Parte XI – Equilíbrio químico molecular e iônico
Constante de equilíbrio em sistemas homogêneos e heterogêneos. Perturbação do equilíbrio e tendência de avanço para alcançar nova
condição de equilíbrio (Princípio de Le Chatelier), grau de dissociação e de ionização, Lei da Diluição de Ostwald, efeito do íon comum,
produto de solubilidade, equilíbrio iônico da água, pH e pOH, corantes orgânicos indicadores de pH, variação do pH numa reação de
neutralização, solução-tampão.
Parte XII – Eletroquímica
Pilhas (potenciais padrões e espontaneidade do processo de oxirredução, mecanismo de transferência de elétrons e íons numa pilha) e
eletrólise (aspectos qualitativos e quantitativos de eletrólises ígneas e em soluções aquosas).
Parte XIII – Radioatividade
Radiações alfa, beta e gama, isótopos radioativos, leis da desintegração radioativa, equações nucleares, aplicações da radioatividade e
da energia nuclear, fissão nuclear, fusão nuclear e meia-vida.
26
Parte XIV – Processos da indústria química
A produção de cal, a produção de NaOH, a produção de H2SO4, a produção de HCl, além da produção de outros insumos relevantes na
indústria química, polímeros, petróleo e sabão.
Parte XV – Química do Carbono
Características gerais do átomo de carbono, ligações químicas do carbono (ligação sigma e ligação pi), classificação das cadeias de
carbono; identificação e características das funções orgânicas (hidrocarbonetos, álcoois, fenóis, éteres, ácidos carboxílicos, ésteres,
haletos orgânicos, cetonas, aldeídos, aminas e amidas), compostos orgânicos contendo mais de uma função orgânica (em especial os
aminoácidos), fórmula molecular, fórmula estrutural e estrutura espacial; nomenclatura (segundo a IUPAC) dos compostos e de seus
radicais monovalentes, acidez e basicidade relativas dos compostos orgânicos, reações orgânicas de adição (adição de halogêni o, de
ácido halogenídrico, e de água a hidrocarbonetos insaturados, a aldeídos e a cetonas), reações orgânicas de substituição (halogenação
de alcanos; reação de ácido cianídrico, de amônia, de amina, de água ou de hidróxido metálico com haletos orgânicos; reação de
amônia, de álcool, de água ou de hidróxido metálico com ácidos carboxílicos e derivados; reação de halogênio, de haletos de alquila, de
haletos de acila, de ácido nítrico e de ácido sulfúrico com hidrocarbonetos aromáticos); desidratação intermolecular de álcoois, isomeria
plana (de cadeia, de posição, de função, de compensação, tautomeria) e isomeria espacial (geométrica e óptica).
09 - REDAÇÃO
A prova de Redação consistirá de uma proposta de produção de texto em prosa, em modalidade e limites solicitados, acerca de tema
escolhido a critério da Banca Examinadora. Na Redação, será avaliada a capacidade de o candidato, em registro formal, construir um
texto dissertativo-argumentativo que revele coerência e reflexão crítica, além do domínio da norma padrão da língua portuguesa.
27
ANEXO III
CÓDIGOS DOS ESTABELECIMENTOS DE ENSINO
No Requerimento de Inscrição, indique o código do Estabelecimento de Ensino em que concluiu ou
concluirá o Ensino Médio (antigo 2º Grau).
MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO
Colégios Estaduais
Estabelecimento
Amaro Cavalcanti
André Maurois
Antonio Prado Junior
Bahia
Barão do Rio Branco
Brigadeiro Schorcht
Cândido de Melo Leitão
Carmela Dutra
Celestino da Silva
Central do Brasil
Colécchio
Dídia Machado Fortes
Eça de Queiroz
Engenheiro Bernardo Sayão
Érico Veríssimo
Ferreira Viana
Francisco Campos
Francisco Jobim
Freire Alemão
Gomes Freire de Andrade
Heitor Lyra
Inácio Azevedo do Amaral
Infante Dom Henrique
João Alfredo
Júlia Kubitscheck
Leopoldina da Silveira
Major Rebelo
Manuel Bandeira
Mal. João Baptista de Matos
Mª de Lourdes de Souza Pereira
México
Miécimo da Silva
Olavo Bilac
Olinto da Gama Botelho
Paulo de Frontin
Pedro Álvares de Cabral
Pref. Mendes de Morais
Prof. Clóvis Monteiro
Prof. Daltro Santos
Prof. Ernesto de Faria
Prof. José Accioli
Prof. Raja Gabáglia
República do Peru
Souza Aguiar
Subtenente Duplar P. de Mello
Taciel Cylleno
Tomás Antônio Gonzaga
Vicente Jannuzzi
Visconde de Cayru
Visconde de Mauá
Washington Luiz
Col. de Aplic. da UERJ
Inst. Est. do RJ (Inst.Educ.)
Inst. Est. Sara Kubitschek
Outros
28
Código
1001
1002
1003
1004
1005
1007
1008
1009
1010
1011
1013
1015
1017
1006
1018
1019
1020
1021
1022
1023
1024
1025
1026
1027
1030
1031
1034
1032
1028
1033
1036
1847
1037
1038
1039
1040
1035
1012
1014
1016
1029
1041
1042
1043
1846
1044
1045
1914
1046
1047
1048
1051
1049
1050
2222
Estabelecimentos Federais
Estabelecimento
Código
Centro Federal de Educação Tecnológica
“Celso Suckow da Fonseca”-CEFET 1056
Col. Almirante Saldanha da Gama
1059
Col. Brig. Newton Braga
1101
Col. Com. Clóvis Salgado
1054
Col. de Aplic. da UFRJ
1058
Col. Militar do Rio de Janeiro
1055
Col. Pedro II (Centro)
1852
Col. Pedro II (Eng. Novo)
1850
Col. Pedro II (Humaitá)
1851
Col. Pedro II (Tijuca)
1853
Col. Pedro II (São Cristóvão)
1053
Esc. do Arsenal de Marinha do Rio de
Janeiro
1060
Esc. Nacional de Ciências Estatísticas
do IBGE
1052
E. T. F. de Química
1057
Outros
2222
Estabelecimentos Particulares
Estabelecimento
Código
ABEU - Colégio da Ilha
1799
ABEU - Curso
1754
ABEU - Assoc. Bras. Ens. Universitário 1844
ADN
1729
AME - Ass. Mod. de Ensino
1829
Camp. Nac. de Esc. da Comunidade 1842
C.A. Vestibular
1967
CEDUC
1968
C. Educ. Anísio Teixeira
1777
C. Educ. Coelho Neto
1062
C. Educ. da Lagoa - Ipanema
1800
C. Educ. da Lagoa - Barra
1860
C. Educ. de Madureira
1063
C. Educ. Irineu Marinho
1064
C. Educ. Luiz de Camões
2003
C. Educ. Simavi
1065
C. Ens. Eurípedes Barsanulfo
1825
CEL Créditos Ipanema
1900
CEL Créditos Lagoa
1901
CEL Créditos Barra
1902
Centro Social Feminino
1066
C.F.P. de Eng. de Dentro
1061
Col. Acadêmico
1067
Col. ADN
1068
Col. Afonso Celso
1143
Col. Alberto Nepomuceno
1069
Col. Albor
1070
Col. Alcântara
1071
Col. Amaral Fontoura
1072
Col. Anderson
1073
Col. Andrews
1074
Col. Angelina Couto
1075
Col. Anglo Americano
1076
Col. Antônio de Pádua
1077
Col. Apolo 12
1078
Col. Aristides Caire
Col. Arte e Instrução
Col. Atenas
Col. Ateneu do RJ
Col. Ateneu São Luiz
Col. Atlas
Col. Bahiense Barra
Col. Bahiense Centro
Col. Bahiense Copacabana
Col. Bahiense Gávea
Col. Bahiense Jacarepaguá
Col. Bahiense Madureira
Col. Bahiense Méier
Col. Bahiense Vaz Lobo
Col. Bandeirantes
Col. Bangu
Col. Barão de Capanema
Col. Barão de Lucena
Col. Barcellos Costa
Col. Barilan
Col. Batista Brasileiro
Col. Batista Shepard
Col. Belisário dos Santos
Col. Bennett
Col. Bezerra de Araujo
Col. Brasil
Col. Brasil América
Col. Brasil Croácia
Col. Brasileiro de Almeida
Col. Brasil. de S. Cristóvão
Col. Campo Grande
Col. Capitão Lemos Cunha
Col. Cardeal Leme
Col. Carvalho de Mendonça
Col. Castelo Branco
Col. Castro e Silva
Col. Cavalcanti
Col. Claparède
Col. Coelho de Almeida
Col. Com. Boa Esperança
Col. Com. Clóvis Salgado
Col. Com. Ernani Cardoso
Col. Comercial Kosmos
Col. Com. Machado de Assis
Col. Comercial São José
Col. Companhia de Maria
Col. Cristo Rei
Col. Cruzeiro
Col. Cultural Jacarepaguá
Col. Cunha Melo
Col.Curso Barros Nascimento
(Madureira)
Col. Curso Barros Nascimento
(Tanque)
Col. Curso Líder
Col. da Ass. dos Servidores Civis
do Brasil
Col. da Cidade (Ipanema)
1079
1080
1081
1082
1132
1083
1815
1808
1915
1809
1810
1903
1812
1811
1084
1085
1088
1087
1090
1089
1091
1092
1093
1094
1318
1095
1096
1097
1098
1099
1102
1103
1105
1106
1759
1104
1107
1108
1109
1110
1916
1112
1113
1111
1114
1115
1116
1117
1118
1119
1874
1917
1918
1120
1861
Estabelecimento
Código
Col. da Cidade (Méier)
1517
Col. da Comp. Sta. Tereza de Jesus 1121
Col. da Imac. Conceição
1122
Col. da Mabe
1123
Col. da Providência
1124
Col. Dalila Gonçalves
1783
Col. de Aplic. das Fac. Integ.
Celso Lisboa
1125
Col. de Aplic. do Inst. Isabel
1790
Col. de Aplic. Dr. Paulo Gissoni
1126
Col. de Aplic. Emmanuel Leontsinis
1127
Col. de Aplic. Luso-Carioca
1128
Col. de Aplic. Simonsen
1836
Col. de Integ. Comunitária
1133
Col. Delta
1129
Col. de São Bento
1130
Col. Divina Providência
1131
Col. do Instituto Lafayette
1134
Col. do Inst. Marques
1135
Col. do Inst. Menino Jesus
1136
Col. do Inst. N. S. de Nazaré
1137
Col. do I. Pe. Leonardo Carréscia
1138
Col. do Seminário Betel
1139
Col. Dom Oton Mota
1140
Col. Dom Quixote
1813
Col. Duque de Bragança
1780
Col. Educo
1141
Col. E. N. Santa Dorotéia
1142
Col. Esquema
1770
Col. Euclides da Cunha
1144
Col. Excelsior
1145
Col. Ext. São Judas Tadeu
1146
Col. Falbo Santiago
1147
Col. Farroupilha
1148
Col. Fernando Costa
1149
Col. Ferreira Alves
1150
Col. Florença
1151
Col. Fontainha
1152
Col. França Júnior
1153
Col. Franco-Brasileiro
1154
Col. Frederico Ribeiro
1155
Col. Freitas
1156
Col. Gabarito
1157
Col. Gaudium et Spes
1875
Col. Gênesis
1775
Col. Geofísico
1158
Col. Graham Bell
1967
Col. Guanabara
1159
Col. Guanabarense
1160
Col. Guarany
1743
Col. Hebreu Brasileiro
1161
Col. Hebreu Brasileiro Max Nordau
1100
Col. Hélio Alonso
1162
Col. Henrique Fish de Miranda
1163
Col. Homo Sapiens
1816
Col. Horizonte
1835
Col. Imaculado C. de Maria
1164
Col. Impacto - Sul
1165
Col. Inconfidência
1166
Col. Independência
1167
Col. Integrado CEMEC
1841
Col. Integrado Martins - Grajaú
1788
Col. Integrado Martins - Madureira
1919
Col. Integrado Martins - Méier
1857
Col. Integrado Martins - V. Isabel
1856
Col. Integral
1774
Estabelecimento
Código
Col. Irmã Ângela
1168
Col. Israelita B. “A Liessen”
1169
Col. Israelita Bras. E. Steimbarg
1920
Col. Israelita Bras.S. Aleishen
1170
Col. Itamarati
1171
Col. Itu
1172
Col. Iza Prates
1746
Col. J. G. S. J. Gomes de Souza
1175
Col. Jacobina
1173
Col. Jardim Novo
1174
Col. Jime
1817
Col. João Lira Filho
1176
Col. José Bonifácio
1178
Col. José de Alencar
1177
Col. José de Anchieta
1179
Col. Júlio Mesquita Filho
1180
Col. Laranjeiras
1181
Col. Laurel
1182
Col. Legrand
1768
Col. Lemos de Castro
1183
Col. Liderança
1726
Col. London
1793
Col. Luíza de Castro
1184
Col. Mallet Soares
1188
Col. Maranhão
1185
Col. Marechal Hermes
1186
Col. Marechal Lott
1187
Col. Maria Imaculada
1189
Col. Maria José Imperial
1190
Col. Maria Raythé
1191
Col. Mário Porto
1781
Col. Marista São José
1192
Col. Maristela
1764
Col. Matteiro Costa
1199
Col. Méier
1193
Col. Meira Lima
1195
Col. Menino Jesus
1194
Col. Mercúrio
1196
Col. Metalúrgico Elpídio
Evaristo dos Santos
1197
Col. Metropolitano
1198
Col. Miguel Couto (Ilha)
1921
Col. Miguel Couto (Madureira)
1818
Col. Miguel Couto (Méier)
1922
Col. MJD
1340
Col. Monteiro Lobato
1200
Col. Moreira Filho
1201
Col. MV1 - Bangu
1923
Col. MV1 - Barra
1924
Col. MV1 - Campo Grande
1807
Col. MV1 - Ipanema
1748
Col. MV1 - Jacarepaguá
1744
Col. MV1 - Júnior
1805
Col. MV1 - Madureira
1925
Col. MV1 - Méier
1745
Col. MV1 - Tijuca
1806
Col. N. S. da Conceição
1202
Col. N. S. da Misericórdia
1203
Col. N. S. da Paz
1204
Col. N. S. da Penha
1205
Col. N. S. da Piedade
1206
Col. N. S. da Rainha dos Corações
1210
Col. N. S. do Amparo
1207
Col. N. S. do Brasil
1208
Col. N. S. do Rosário
1209
Col. Nota Dez
1211
Estabelecimento
Código
Col. Notre Dame
1212
Col. Oito de Julho
1213
Col. Olavo Bilac
1214
Col. Oswaldo Cruz
1215
Col. Padre Antônio Vieira
1217
Col. Palas
1761
Col. Paula Barros
1216
Col. Paulo VI
1758
Col. Pavuna
1218
Col. Pedro Ernesto
1219
Col. Pedro I
1220
Col. Peixoto
1221
Col. Pentágono
1222
Col. Pereira Mendes
1223
Col. Perspectiva
1224
Col. PH
1838
Col. Piedade
1225
Col. Pinheiro
2004
Col. Pinheiro Guimarães (V.de Pirajá) 1926
Col. Pinheiro Guimarães(H de Gouveia)1927
Col. Pinheiro Guimarães (Barra)
1928
Col. Pinheiro Guimarães (Catete)
1929
Col. Pinheiro Guimarães (Tijuca)
1930
Col. Pinheiro Guimarães(M. Lemos) 1931
Col. Pinheiro Guimarães(N. e Silva) 1932
Col. Pio Americano
1227
Col. Pio XII
1228
Col. Piratininga
1229
Col. Plank Einstein (Barra)
1230
Col. Plank Einstein (Copacabana)
1904
Col. Plank Einstein (Botafogo)
1905
Col. Plank Einstein (Tijuca)
1906
Col. Positivo
1314
Col. Pres. Campos Sales
1231
Col. Pres. Kennedy
1233
Col. Pres. Lincoln
1232
Col. Primeiro de Maio
1234
Col. Primeiro de Setembro
1235
Col. Primus
1801
Col. Princ. Isabel Redentora
1236
Col. Professor Casanova
1239
Col. Prof. César Gross
1240
Col. Prof. Jarbas Ferreira
1241
Col. Prof. Monteiro Barbosa
1794
Col. Prof. Roberto Lisboa
1238
Col. Progresso
1242
Col. Quarto Centenário
1243
Col. XIV de Novembro
1245
Col. Quintino Bocaiúva
1244
Col. Realengo
1246
Col. Regente
1247
Col. Regina Coeli
1248
Col. Republicano
1249
Col. Rezende
1250
Col. Ricardense
1251
Col. Rio da Prata
1252
Col. Rio de Janeiro
1253
Col. Romualdo Ferreira de Almeida
1254
Col. Ruth Saint’Anna
1255
Col. Sagr. Coração de Maria
1256
Col. Sagres
1257
Col. Saint John
1907
Col. Salesiano
1258
Col. Santa Clara
1945
Col. Santa Dorotéia
1747
Col. Santa Edwiges
1259
29
Estabelecimento
Código
Col. Santa Madalena Sofia
1260
Col. Santa Marcelina
1261
Col. Santa Mônica
1262
Col. Santa Rita de Cássia
1263
Col. Santa Rosa de Lima
1264
Col. Santa Úrsula
1266
Col. Santo Agostinho (Leblon)
1267
Col. Santo Agostinho (Barra)
1908
Col. Santo Alberto Magno
1792
Col. Santo Amaro
1268
Col. Sto Antônio M. Zaccaria
1269
Col. Santo Inácio
1270
Col. Santos Anjos
1271
Col. Santos Dumont
1272
Col. São Carlos
1273
Col. São Fabiano
1274
Col. São Fernando
1275
Col. São Gabriel
1819
Col. São João Bosco
1276
Col. São Joaquim
1277
Col. São Jorge
1278
Col. São Jorge da Paz
1279
Col. S. José de Campo Grande
1280
Col. S. Judas Tadeu
1265
Col. S. Marcos
1282
Col. São Paulo
1283
Col. São Paulo Apóstolo
1284
Col. São Pedro de Alcântara
1285
Col. S. Sebastião
1286
Col. S. Sebastião da Ilha
1933
Col. S. Sebastião do RJ
1287
Col. S. Vicente de Paulo
1288
Col. Sion
1289
Col. Societas Magistri
1778
Col. Souza Lima
1290
Col. Souza Marques
1291
Col. St. Patricks
1886
Col. Técnico N.S das Graças
1292
Col. Teresiano
1293
Col. Tiradentes
1294
Col. Van Gogh
1786
Col. Veiga de Almeida
1295
Col. Virgem de Fátima
1296
Col. Virgem de Lourdes
1297
Col. Wakigawa
1791
Col. Walter Barros
1298
Constructor Sui-Cam. Int.Montessori 1854
Curso Bahiense
1725
Curso CPS
1730
Curso Freitas Ribeiro
1934
Curso Gallotti
1731
Curso Granrio
1755
Curso Grupo Atenas de Educação
1724
Curso Grupo Perspectiva Integral
1727
Curso Hélio Alonso (Botafogo)
1733
Curso Hélio Alonso (Méier)
1909
Curso Impacto
1732
Curso Integral
1776
Curso Inter Mat
1935
Curso Miguel Couto (Barra)
1969
Curso Miguel Couto (Centro)
1970
Curso Miguel Couto (Copacabana)
1971
Curso Miguel Couto (Ilha)
1972
Curso Miguel Couto (Madureira)
1973
Curso Miguel Couto (Méier)
1974
Curso Miguel Couto (Tijuca)
1975
30
Estabelecimento
Código
Curso MC 2
1976
Curso MV1
1734
Curso Óperon
1735
Curso pH (Tijuca)
1879
Curso pH (Botafogo)
1910
Curso pH (Barra)
1911
Curso pH (Laranjeiras)
1912
Curso Princesa Isabel
1822
Curso Projeto Único
1823
Curso Psi-co Einstein
1736
Curso Resultante
1737
Curso Sala1 Vestibulares
1738
Curso Unidade GPI
1828
Curso Vetor
1787
Curso Von Braun
1756
EDEM - Esc. Dinâmica de
Ens. Moderno
1936
Educ. Monteiro Lobato
1765
Educ. N.S da Vitória
1299
Educ. Santa Fátima
1313
Educ. Thales de Mileto
1741
Esc. Americana do RJ
1300
Esc. Bretanha
1937
Esc. de Educ. Comunitária
1802
Esc. Dínamis
1913
Esc. Exp. Corcovado
1301
Esc. Int. Fausto Cardoso
1302
Esc. Israelita Brasileira
Eliezer Steinbarg
1303
Esc. Mater/ Col. São Conrado
2002
Esc. Modelar Cambaúba
1304
Esc. Normal Brasil Israel
1305
Esc. N.S. da Misericórdia
1306
Esc. “Os Lusíadas”
1307
Esc. Suíço Brasileira
1308
Esc. Talmud Torah-Hertzlia
1309
ETC - Eletrônicas Embratel
1310
Esc. Téc. de Comércio
Cândido Mendes
1311
Esc. Téc. de Com. do RJ
1312
Esc. Téc. Fonseca Soares
1865
Esc. Técnica de Comércio
João Daudt de Oliveira
1315
Esc. Técnica de Comércio
Santa Cruz
1317
Esc. Técnica de Indústria
Química e Têxtil SENAI
1319
Esc. Téc do Rio de Janeiro
1320
Esc. Técnica DET
1321
Esc. Téc. Rezende Rammel
1322
Esc. Téc. IBPI
1946
ESPECEX
1820
Êxito Vestibular
1938
Externato Geremário Dantas
1323
Fundação Bradesco
1821
GAP - Grupo de Apoio Pedagógico
1855
Grupo de Ensino Operon
1237
Grupo Estudantil de Vila Nova
1324
Grupo Miguel Couto Bahiense
1824
Grupo Wakigawa de Ensino
1728
G.I. Magdalena Kahn
1769
Inst. Analice
1325
Inst. Barcelos Domingos
1326
Inst. Batista Americano
1327
Inst. Batista de Ensino
1328
Inst. Braga Carneiro
1939
Inst. Brasileiro Cultural - IBECÊ
1281
Estabelecimento
Código
Inst. Bras. de Contabilidade
1329
Inst. Carioca de Ensino
1330
Inst. Central do Povo
1331
Inst. Cileno
1332
Inst. de Ensino Áurea
1333
Inst. de Tecnologia “Ort”
1352
Inst. Educ. Imac. Conceição
1334
Inst. Educ. “Stella Maris”
1335
Inst. Guanabara
1336
Inst. Luciano de Oliveira
1337
Inst. Nícia Macieira
1338
Inst. N.S. das Dores
1339
Inst. Pio XI
1760
Inst. River
1343
Inst. Santa Rita
1342
Inst. Santa Rosa
1344
Inst. Santo Antônio de Pádua
1795
Inst. São Francisco de Sales
1345
Inst. São João Baptista
1346
Inst. São Sebastião
1347
Inst. Sepetiba
1348
Inst. Silva Mattos
1349
Inst. Souza Leão
1742
Inst. Sul Americano
1350
Inst.Tamandaré
1351
Inst. Técnico Peixoto
1341
Liceu de Artes e Ofícios
1353
Qualidade Integral
1940
Soc. Educ. Jardim Esc. Nosso Lar
1840
Soc. Educ. Nicia Macieira
1941
Unid. Educ. Gama e Souza
1354
Unid. Esc. da Fund. Osório
1355
Unid. Int. G de Menezes
1356
Unid. Integrada P.C. Muniz
1749
Outros
2222
ANGRA DOS REIS
C.E. Alm.João Cândido Brasil
1357
C.E. Leopoldo Miguez de Mello
1358
C.E. Roberto Montenegro
1359
Colégio Naval
1360
Outros
2222
ARARUAMA
C. Educ. Nair Valadares
1365
Col. Araruama
1361
Col. Polivalente
1362
Col. São Vicente de Paulo
1364
Col. Teresa da Rocha Padilha
1363
Outros
2222
ARRAIAL DO CABO
Col. Pio XII
1388
Esc. Heloisa Alberto Torres
1390
BARRA DO PIRAÍ
C. Educ.Miretta Baronto
1375
Educ.Nilo Peçanha
1374
Col. Co. Cândido Mendes
1376
Inst. Educ. N.S. Medianeira
1377
Outros
2222
BARRA MANSA
C. Educ. Barra Mansa
1367
C. E. Baldomero Barbará
1366
Col. Mun. Washigton Luiz
1368
Col. N. S. do Amparo
1369
Col. Roberto Silveira
1370
Col. Verbo Divino
1371
Ins. Metodista Orlando Rossi
1373
Inst. Progresso Barra Mansa
1372
Outros
2222
Estabelecimento
Código
BOM JARDIM
Col. Santo Agostinho
1379
Ginásio Bonjardinense
1378
Outros
2222
BOM JESUS DE ITABAPOANA
C. E. Padre Melo
1380
Col. Com. Liberdade
1381
Col. N. Sra. de Natividade
1864
Col. Téc. Agrícola
Ildefonso Bastos Borges
1382
Col. Rio Branco
1383
Col. Zélia Gisner
1384
Outros
2222
CABO FRIO
C. E. Miguel Couto
1385
Centro Educacional Alexis Novelino 1386
Col. Com. Quintino do Vale
1387
Col. Rui Barbosa
1389
Inst. Santa Rosa
1391
Outros
2222
CACHOEIRAS DE MACACU
C. Educ. Prof. Carlos Brandão
1392
Soc. Educ. Barão de Mauá
1393
Outros
2222
CAMBUCI
C. E. Cambuci
1394
Outros
2222
CAMPOS DOS GOYTACAZES
C. E. Antônio Sarlo
1395
C. E. Nilo Peçanha
1397
C. Educ. Lulo Ferreira de Araújo
1400
Centro Educacional N. S.
Auxiliadora
1401
Col. Batista Fluminense
1402
Col. Bittencourt
1403
Col. Comercial Carolosense
1404
Col. Conselheiro Josino
1405
Col. Escola Santo Antônio
1414
Col. Granrio
1406
Col. Int. N. S. das Graças
1407
Col. Santa Teresinha
1408
Col. Santo Elias
1409
Esc. Téc. Federal de Campos
1399
Gin. Esc. Normal N. S. de Aparecida 1410
Inst. Educ. Prof. Aldo Muylaert (CE) 1398
Inst. Dom Bosco
1411
Inst. Educ. Bartolomeu Lisandro
1412
Inst. Redenção
1803
Inst. Rui Barbosa
1413
L. de Hum. de Campos (CE)
1396
Outros
2222
CANTAGALO
C. E. Maria Zulmira Torres
1415
Col. Cantagalo
1416
Outros
2222
CARMO
C. E. do Carmo
1417
Ginásio do Carmo
1418
Outros
2222
CASIMIRO DE ABREU
Col. Feliciano Sodré
1419
Outros
2222
CONCEIÇÃO DE MACABU
C. E. Tobias Tostes Machado
1420
Outros
2222
CORDEIRO
Estabelecimento
C. E. Cordeiro
Outros
DUQUE DE CAXIAS
C. E. Barão de Moraes
C. Educ. S. Antônio de Pádua
C. Educ. Campos Elíseos
C. Educ. Duque de Caxias
C. Educ. Fluminense de Caxias
C. Educ. São José
C. Educ.XVIII de Dezembro
Col. Alfa
Col. Antares
Col. Auri-Verde
Col. Carlos Gomes
Col. Casimiro de Abreu
Col. Duque de Caxias
Col. Independência
Col. Rui Barbosa
Col. Santa Luzia
Col. Santo Antônio
Col. Santos Dumont
Col. S. Francisco Xavier
Col. São Jorge
Col. Vitória Régia
Complexo Cultural Anchieta
Educandário Cruzeiro do Sul
Educandário Maria Tenório
Educandário Sul-Americano
Esc. Euzébio Tostes
Externato Cruzeiro do Sul
G. Com. Santa Teresinha
Inst. Áurea
Inst. Caxiense Eliseu Reis
Inst. Cruzeiro do Sul
I. E. Gov. Roberto da Silveira
Inst. Educ. de Imbarié
Inst. Monteiro Lobato
Inst. N. S. da Glória
Inst. Santo André
Inst. Stella
Inst. Tinoco
Org. Cult. Monteiro Lobato
Unid. Ens. Sta. Cruz da Serra
Outros
ITABORAÍ
Col. Leão XIII
Col. Torres
Inst. de Educ. Brasil Viana
Inst. de Educ. Manoel
João Gonçalves
Outros
ITAGUAÍ
C. Educ. 5 de Julho
C. Educacional UFRuRJ
Col. Fernando Costa
Col. Luís Murat
Col. Técnico da UFRuRJ
Educ. José de Moraes Dias
Outros
ITAOCARA
C. E. Frei Tomás
Outros
ITAPERUNA
C. E. Dez de Maio
Estabelecimento
Código
1421
2222
1422
1428
1424
1426
1427
1429
1425
1830
1942
1430
1431
1432
1433
1434
1435
1436
1437
1438
1439
1440
1441
1442
1443
1444
1445
1446
1447
1448
1449
1450
1451
1423
1452
1453
1767
1454
1455
1456
1457
1458
2222
1460
1459
1461
1462
2222
1463
1464
1750
1465
1467
1466
2222
1468
2222
1469
Código
Estabelecimento
C. E. Nicolau Bastos Filho
C. Educ. Jair Bittencourt
Col. Exame
Col. N. S. de Natividade
Col. Santos Dumont
Ginásio Nicolau Bastos Filho
Outros
LAJE DO MURIAÉ
Col. Lagense
Outros
MACAÉ
C. E. Luís Reid
C. Com. Antônio Augusto da Paz
Col. N. S. do Desterro
Col. Prof. Antônio Caetano Dias
Inst. N. S. da Glória
Outros
MAGÉ
C. E. Magé
C. de Educ. Moderna
C. Educ. Visc. de Mauá
Colégio Castelo
Col. Dedo de Deus
Educ. Alcindo Guanabara
Inst. Pedagógico
Outros
MANGARATIBA
Col. Mangaratiba
Col. N. S. das Graças
Outros
MARICÁ
Col. Maricá
Esc. Tec. de Com. S. Caetano
Outros
MENDES
Col. Com. de Mendes
Col. Mal. Rondon
Outros
MIGUEL PEREIRA
Centro Educacional
Profª Adalice Soares
Col. Prof. Miguel Pereira
Outros
MIRACEMA
C. E. Deodato Linhares
Col. Miracemense
Col. N. S. das Graças
Outros
NATIVIDADE
C. E. Flávio Ribeiro de Resende
Col. Alvorada
Inst. Educacional João XXIII
Outros
NILÓPOLIS
C. E. Aydano de Almeida
C. Educ. Anacleto de Queirós
C. Educ. Nilopolitano
C. Téc. Congregacional
C. Téc. Industrial Figueiras
Col. Nilo Peçanha
Col. Olindense
Col. Prof. Alfredo Figueiras
Com. Educ. Silveira Leite
Outros
NITERÓI
Centro de Ensino Integrado
Código
1470
1471
1839
1771
1859
1472
2222
1473
2222
1474
1475
1476
1477
1478
2222
1479
1480
1481
2006
1482
1483
1484
2222
1485
1486
2222
1487
1488
2222
1489
1490
2222
1491
1492
2222
1493
1494
1495
2222
1496
1497
1498
2222
1499
1500
1501
1502
1507
1503
1504
1505
1506
2222
31
Estabelecimento
Orlando Rangel
C. de Ensino Oliveira Viana
C. Educ. de Niterói
C. Integrado Eduardo Uchoa
Col. Argumento
Col. Assunção
Col. Brasil
C. Cenesista F. de Carvalho
Col. Comercial Araribóia
Col. Comercial Castilho Lima
C. Com. Prof. Manoel Avelino
de Souza
C. Com. Teixeira de Freitas
Col. Correia D’Ávila
C. D. João José Pereira Alves
Col. Daflon Ferraz
Col. do Instituto São José
Col. Educando
C. E. Aureliano Leal
C. E. Brigadeiro Castrioto
C. E. Cons. Macedo Soares
C. E. Floriano Peixoto
C. E. Henrique Lage
C. E. Joaquim Távora
C. E. Machado de Assis
Col. Figueiredo Costa
Col. Gomes Pereira
Col. Grafite
Col. Itapuca
Col. Jogaib
Col. Maria Teresa
Col. Marília Matoso
Col. Miguel Jardim
Col. Nilo Peçanha
Col. Nogueira Lopes
Col. N. S. das Merces
Col. N. S. de Assunção
Col. Oswaldo Cruz
Col. Paladino Amaral
Col. Pio XI
Col. Plínio Leite
Col. Prof. Jamil El-Jaick
Col. Salesianos Santa Rosa
Col. Santa Bernadete
Col. São José
Col. São Vicente de Paulo
Col. Universitário da UFF
Curso Martim Afonso
Esc. Anchieta
Esc. Particular Santa Marta
Gin. Prof. Manoel de Abreu
Inst. Abel
Inst. Costa leite
Inst. Dom Bosco
I. E. Prof. Ismael Coutinho
Inst. Gay-Lussac
Inst. Mater et Magistra
Inst. São Marcos
Inst. Sargento Volff
Liceu Nilo Peçanha
Outros
NOVA FRIBURGO
C. Educ. União
Col. Anchieta
Col. Cefel
Col. Diedro
32
Código
1553
1518
1519
1521
1876
1832
1522
1784
1523
1524
1525
1526
1527
1528
1843
1529
1831
1508
1509
1513
1520
1510
1511
1512
1530
1947
1798
1773
1948
1531
1827
1532
1533
1536
1535
1534
1751
1537
1538
1539
1540
1541
1542
1833
1543
1516
1544
1545
1772
1546
1547
1548
1549
1514
1550
1551
1797
1552
1515
2222
1826
1554
1555
1556
Estabelecimento
Código
Col. Estadual Nova Friburgo
1559
Col. Modelo
1557
Col. Nova Friburgo
1558
Col. N. S. das Dores
1560
Col. N. S. das Graças
1561
Col. N. S. das Merces
1562
Col. Procreo-Objetivo
1877
Col. Rui Barbosa
1563
Esc. de Aux. de Enfermagem
1565
Externato Santa Ignez
1878
Inst. Pátria e Cultura
1566
SENAI
1567
Outros
2222
NOVA IGUAÇU
C. E. Pres. Castelo Branco
1568
C. E. Presidente Kennedy
1569
C. Educ. Detel
1571
C. Educ. de Nova Iguaçu
1577
C. Educ. Doutor Pedro Jorge
1572
C. Educ. Guanabara
1573
C. Educ. José do Patrocínio
1574
C. Educ. Logos
1872
C. Educ. Manoel Pereira
1575
C. Educ. Modelo
1576
C. Educ. Plínio Bastos
1578
C. Educ. Rakel Rechuem
1867
C. Educ. São Simão
1579
C. Educ. Wilson
1580
Col. Afrânio Peixoto
1762
Col. Aplic. Fac. Educ.
Let. Nova Iguaçu
1848
Col. Comercial Iguaçuano
1581
Col./Curso Tamandaré
1873
Col. Data Center
1869
Col. EME
1968
Col. Gonçalves Dias
1582
Col. Graciliano Ramos
1583
Col. Leopoldo
1584
Col. Morro Agudo
1585
Col. Óperon
1588
Col. Pan-Americano
1586
Col. Princesa Izabel
1757
Col. Renovação
1796
Comp. Educ. Silveira Leite
1587
Curso Eme
1779
C. Equipe Grau Vestibulares
1804
Esc. Técnica Belfort Roxo
1589
Gin. Deolinda Caldeira de Alvarenga 1590
Ginásio Novo Horizonte
1591
Ginásio Ponto Chique
1592
Ginásio Professor Anselmo
1593
Inst. Brasil
1594
Inst. Educ. Rangel Pestana
1570
I. E. Santo Antonio
1763
Inst. Iguaçuano de Ensino
1739
Inst. Olavo Bilac
1862
Inst. Rui Barbosa
1595
Outros
2222
PARACAMBI
Centro Cultural Paracambi
1596
E. Educ. Marechal Rondon
1597
Esc. Téc. de Com. Paracambi
1598
Outros
2222
PARAÍBA DO SUL
Col. Sul Fluminense
1599
Outros
2222
PARATI
Estabelecimento
Código
C. E. Engenheiro Mario Moura
1600
E. C. Brasil do Amaral
1601
Outros
2222
PAULO DE FRONTIN
Educ. João Batista Ferrini
1602
Outros
2222
PETRÓPOLIS
C. E. Dom Pedro II
1603
C. E. Irmã Cecília Jardim
1604
CEDI - Cent. Educ. Desenv.
Integrado
1871
Col. Ateneu
1605
Col. de Aplicação da UCP
1606
Col. dos Canarinhos
1866
Col. Fenix
1868
Col. Hélade
1885
Col. Opção
1752
Col. Padre Correa
1607
C. Petrop. Roberto Silveira
1608
Col. Radiu’s
1609
Col. Santa Catarina
1612
Col. Santa Isabel
1613
Col. São José
1610
Col. São Vicente de Paula
1611
Col. Vale do Rio Preto
1614
Curso MPB Vestibular
1943
Educ. Professores Associados
1615
Inst. Carlos A. Werneck
1740
Inst. Educacional Biblos
1616
Inst. Petrop. Adv. de Ensino
1617
Inst. Terra Santa
1618
Liceu São José de Itaipava
1619
Outros
2222
PIRAÍ
C. E. Afonsina Mazillo
Teixeira Campos
1620
Col. Agrícola Nilo Peçanha
1621
Outros
2222
PORCIÚNCULA
C. E. José Lannes Dantas Brandão
1622
Outros
2222
RESENDE
C. E. Pedro Braille Neto
1623
Col. Agulhas Negras
1624
Col. Dom Bosco
1625
Col. XV de Novembro
1626
Col. Santa Angela
1627
Inst. Batista Resende
1628
Outros
2222
RIO BONITO
Col. Manoel Duarte
1629
Col. Rio Bonito
1630
Outros
2222
RIO CLARO
C. E. Rio Claro
1631
Outros
2222
RIO DAS OSTRAS
Colégio Castelo
2008
SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA
Col. Caribé da Rocha
1634
Col. de Pádua
1633
C. E. Rui Guimarães de Almeida
1632
Outros
2222
SÃO FIDÉLIS
C. E. São Fidelis
1635
Ginásio Fidelense
1636
Estabelecimento
Código
Outros
2222
SÃO GONÇALO
ASSOEC - Assoc. Salgado de Oliveira
Educ. Cult.
1858
Centro Educacional Coronel
Edgard Américo Machado
1638
Centro Educacional Monteiro Lobato 1316
C. Educacional Gonçalense
1639
C.Educ. José do Patrocínio
1766
C. Educ. Pandiá Calógeras
1640
Col. Alcântara
1641
Col. Auxiliadora
1837
Col. Batista do Laranjal
1642
Col. Dom Helder Câmara
1643
Col. Independência
1644
Col. Neves
1645
Col. N.S. da Auxiliadora
1646
Col. N. S. da Paz
1649
Col. N.S das Dores
1647
Col. N.S de Fátima
1648
Col. Nova Cidade
1650
Col. Paraíso
1651
Col. Rui Barbosa
1652
Col. Santa Catarina
1654
Col. Santa Teresinha
1655
Col. São Gonçalo
1653
Col. VI de Junho
1656
Col. Trindade
1657
Educandário Cecília Meirelles
1789
Ginásio Comercial Almirante
Saldanha da Gama
1658
Ginásio Comercial Itaúna
1659
Gin. Comercial Ministro
Dr. José de Moura e Silva
1660
G. Com. Quintino Bocaiúva
1661
Inst. Cultural Azevedo Viana
1662
Inst. Cultural Santa Izabel
1663
Inst. Cult. Pe. Antonio Vieira
1664
I. E. Clélia Nanci
1637
Inst. Educ. Rodrigues Alves
1665
Núc. Educ. Alberto Lessa
1666
Soc. Educacional Califórnia
1667
Outros
2222
SÃO JOÃO DE MERITI
C. E. Fluminense do Éden
1670
C.E. Fluminense do Meriti
1671
Estabelecimento
C. E. Professor Murilo Braga
Centro Cultural Vitória
C. Educ. Guararapes
C. Educ. Metropolitano
C. Educ. São Judas Tadeu
C. Educ. Tiradentes
Centro Escolar São Mateus
Col. Agostinho Porto
Col. Araújo Guimarães
Col. Barão do Rio Branco
Col. Com. Bandeirantes
Col. Meritiense
Col. Santa Lúcia
Col. Santa Maria
Col. Sumaré
Inst. Araruama
Inst. Martin Luther King
Outros
SÃO PEDRO DA ALDEIA
I.E. Almirante Barroso
Outros
SAPUCAIA
C.E. Sapucaia
Outros
SAQUAREMA
C. Prof. Alfredo Coutinho
Outros
SUMIDOURO
C.E. São José do Sumidouro
Outros
TERESÓPOLIS
C.E. Edmundo Bittencourt
C. Educ. Serra dos Órgãos
Centro de Ensino Moderno
Col. São Paulo
Col. Único
Escola George March
Equipe SOMA
Outros
TRAJANO DE MORAES
C.E. Maria Marina Pinto Silva
Outros
TRÊS RIOS
C.E. Moacir Padilha
C. Com. Valter Franklin
Código
1668
1669
1672
1673
1674
1675
1564
1676
1677
1678
1679
1680
1753
1681
1682
1683
1684
2222
1685
2222
1686
2222
1687
2222
1688
2222
1689
1782
1690
1691
1888
1944
1881
2222
1692
2222
Estabelecimento
Col. Entre Rios
Col. Machado de Assis
Col. Rui Barbosa
Col. Santo Antônio
Outros
VALENÇA
C.E. Teodhorico da Fonseca
C. Com. Cândido Mendes
Col. LAF
Col. Pedro Paulo
Col. Sagr. Coração de Jesus
Ginásio Santa Izabel
E. Deputado Luis Pinto
Inst. Medianeira
Outros
VASSOURAS
C.E. Ministro Raul Fernandes
Col. do Inst. Dr. Joaquim
Teixeira Leite
Col. dos Santos Anjos
Col. Pati do Alferes
Col. Vassouras
Outros
VOLTA REDONDA
C.E. Prof. Manoel Marinho
C. Reg. de Ens. Integrado
do Colégio Volta Redonda
C. Educ. XVII de Julho
Col. ACAE
Col. Aplic. Fund. Educ.
Rosemar Pimentel
Col. Celso Peçanha
Col. do Inst. Batista Americano
Col. Macedo Soares
Col. Munic. Getúlio Vargas
Col. N.S da Conceição
Col. N.S do Rosário
Col. Novo
Col. Paulo Monteiro Mendes
Esc. Téc. Pandiá Calógeras
Inst. de Cultura Técnica
Inst. Nêgo Chiesse
Outros
Código
1694
1697
1695
1696
2222
1699
1701
2005
1702
1703
1704
1700
1705
2222
1706
1710
1708
1709
1707
2222
1711
1713
1712
1887
1849
1714
1715
1720
1716
1717
1718
1785
1719
1721
1722
1723
2222
1693
1698
OBS: Se você concluiu o Ensino Médio em estabelecimento de ensino fora do Estado do Rio de Janeiro, coloque no Campo 19 do
Requerimento de Inscrição o Código 3333.
33
ANEXO IV
QUESTIONÁRIO DE INFORMAÇÕES SOCIOECONÔMICAS
As informações solicitadas não influirão, de maneira alguma, na avaliação do candidato; destinam-se, exclusivamente, a pesquisas de
aspectos socioeconômicos efetuadas pela FUNDAÇÃO CESGRANRIO. Nessas pesquisas, não haverá interesse na identificação de casos
individuais e os dados obtidos serão tratados estatisticamente, comparando-os com os obtidos em pesquisas realizadas com outros grupos
de indivíduos. Não há respostas certas ou erradas, porém devem expressar a verdade.
QUESTIONÁRIO
01- Estado Civil:
( ) Solteiro
( ) Casado
( ) Outros
02- Em que turno você cursa (ou cursou) o Ensino Médio
(2º Grau)?
(
(
(
(
) Todo no diurno
) Todo no noturno
) Maior parte no diurno
) Maior parte no noturno
03 - Você frequenta (ou frequentou) curso Pré-Vestibular (cursinho)?
(
(
(
(
(
(
) Nunca
) Sim, por um semestre
) Sim, por um ano
) Sim, por um ano e meio
) Sim, por dois anos
) Sim, por mais de dois anos
04 - Você já prestou algum Exame Vestibular anteriormente?
( ) Sim, fora da FUNDAÇÃO CESGRANRIO
( ) Sim, para a FUNDAÇÃO CESGRANRIO
( ) Sim, para a FUNDAÇÃO CESGRANRIO e para outras Instituições
( ) Não, nunca prestei Vestibular anteriormente
05 - Em relação aos programas adotados para este Concurso
Vestibular:
( ) Você não sabe que os programas existem
( ) Você apenas ouviu falar neles
( ) Você os leu, mas não estuda por eles
( ) Você estuda por eles, procurando atingir cada objetivo com
orientação de seus professores
( ) Você estuda por eles, procurando atingir cada objetivo somente
com esforço pessoal
06 - Pretende inscrever-se no Programa do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES) e/ou no Programa Universidade para Todos (PROUNI)?
( ) Sim
( ) Não
07 - Atualmente você exerce atividade remunerada (trabalha)?
(
(
(
(
) Não
) Sim, em tempo parcial (menos de 40h semanais)
) Sim, em tempo integral (40h semanais ou mais)
) Sim, mas eventualmente (avulso, etc)
08 - Qual a renda total de sua família?
ATENÇÃO: Some todos os salários brutos (sem deduções) dos
membros de sua família que trabalhem e que estejam morando
em sua casa. Inclua o seu salário, caso você trabalhe. Se for casado, refira-se à sua própria família.
(
(
(
(
(
(
(
(
(
(
(
) até 1 (um) salário mínimo
) de 1 a 2 salários mínimos
) de 2 a 3 salários mínimos
) de 3 a 4 salários mínimos
) de 4 a 5 salários mínimos
) de 5 a 7 salários mínimos
) de 7 a 10 salários mínimos
) de 10 a 20 salários mínimos
) de 20 a 30 salários mínimos
) de 30 a 50 salários mínimos
) mais de 50 salários mínimos
09 - Excetuando-se os livros escolares, quantos livros, em
média, você lê por ano?
(
(
(
(
(
) Nenhum
)1a2
)3a5
) 6 a 10
) 11 ou mais
10 - Você tem microcomputador em sua casa?
( ) Sim
( ) Não
Ao enviar meus dados neste formulário, declaro que
atendo às condições exigidas para a inscrição no presente Concurso Vestibular e que conheço e aceito todas as normas do Roteiro do Candidato, disponível no site da FUNDAÇÃO CESGRANRIO, bem como, aceito as decisões que possam ser tomadas pela FUNDAÇÃO CESGRANRIO em casos omissos e situações não previstas. Em caso de convocação, comprometo-me a
apresentar, no prazo fixado, todos os documentos comprobatórios
das condições/requisitos exigidos, estando ciente de que se não o
fizer, estarei automaticamente ELIMINADO.
34
ANEXO V
FUNDAÇÃO CESGRANRIO
RUA SANTA ALEXANDRINA, Nº 1.011
RIO COMPRIDO - RIO DE JANEIRO/RJ
CEP.: 20261-903
Central de Atendimento: 0800 701-2028
Endereço na internet: http://www.cesgranrio.org.br
Projeto Gráfico, Digitação e Diagramação: Setor de Editoração Eletrônica da FUNDAÇÃO CESGRANRIO.
35
Download

roteiro do candidato do concurso vestibular unificado de 2016 da