 ANÁLISE DA CARACTERIZAÇÃO DO MMA NA LITERATURA E
NA INTERNET E SUA INFLUÊNCIA NA FORMAÇÃO
PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO FÍSICA
Felip de Lima da Silva (PIBIC/CNPq/UEPG), Alfredo Cesar Antunes (Orientador), email: felip –[email protected]
Universidade Estadual de Ponta Grossa/Departamento de Educação Física /Ponta
Grossa, PR.
Área: Ciências da Saúde
Sub-área: 4.09.00.00-2 – Educação Física
Palavras-chave: MMA, EDUCAÇÃO FISICA, FORMAÇÃO PROFISSIONAL.
Resumo
Mixed Martial Arts (artes marciais mistas-MMA) é um esporte antigo, quando
foi criado ele ficou conhecido como vale tudo. A criação do Ultimate Fighting
Championship( UFC) é considerada um marco no MMA, onde ele passa a
ganhar força na TV fechada nos EUA e no mundo. O UFC tem sido o grande
divulgador do MMA levando-o a ultrapassar esportes em audiência e em
frequentadores, ocorrendo uma explosão de praticantes e de
acompanhantes do esporte. O MMA é um esporte em ascensão onde muitas
academias começaram a surgir e a mídia com uma grande exploração e
divulgação deste esporte o fez alcançar níveis elevados de aceitação.
Observando que as lutas são conteúdos da Educação Física expressos nos
Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) e fazem parte do currículo dos
cursos de formação em Educação Física torna-se fundamental entender
como o MMA está sendo divulgado e abordado na internet. De acordo com
os resultados obtidos o tema MMA foi divido em sete categorias, onde
Aspectos socioculturais foi o mais encontrado e Aspectos técnicos foi o
menos encontrado.
Introdução
Há relatos de que na Grécia já havia luta livre em meados de 648 a.C. O
esporte era uma mistura de Wrestling com o Boxe, fazia parte dos jogos olímpicos
gregos com o nome de Pankration, lutas onde só terminavam com a morte de um dos
participantes.
Em 1925 o Vale-tudo, foi criado por Hélio Gracie. No início o Mixed Martial Arts
(artes marciais mistas - MMA) era conhecido como vale tudo. No vale tudo todos
poderiam participar e lutar, mas ao contrário do nome nem tudo era permitido, haviam
regras, por isso houve grande incentivo para a mudança do nome para Mixed Martial
Arts (ALVAREZ e MARQUES, 2012).
Rorion Gracie, filho de Hélio G. resolve promover lutas nos Estados Unidos da
América, então Rorion conhece estadunidense e publicitário Arthur Davie, no ano
1993, lança o programa The Ultimate Fighting Championship (UFC) na TV
americana. A criação do UFC no ano de 1993 é considerada um marco para o MMA,
o UFC era um torneio que buscava promover lutas entre atletas de diferentes escolas
marciais. Inicialmente pensado como espetáculo a ser veiculado em TV fechada nos
EUA. O UFC tem sido o grande divulgador do MMA levando-o a ultrapassar esportes
em audiência e em frequentadores, ocorrendo uma explosão de praticantes e de
acompanhantes do esporte.
Muitas academias de MMA começaram a surgir e a mídia com uma grande
exploração e divulgação deste esporte.
Visto que as lutas são conteúdos da Educação Física expressos nos
Parâmetros Curriculares Nacionais (BRASIL, 1998), Diretrizes Curriculares da
Educação Básica (PARANÁ, 2008) e fazem parte do currículo dos cursos de
formação em Educação Física torna-se fundamental entender como o MMA está
sendo divulgado e abordado na literatura e internet.
Com toda essa explosão do esporte conhecido como MMA, considerado por
muitos como o esporte do século XXI, com todo esse incentivo que a mídia perpetra e
leva as pessoas a participarem dessa modalidade, questiona-se como a internet
aborda a interação do MMA com a área de Educação Física.
Portanto, o objetivo principal deste trabalho está em analisar como a literatura
científica disponível na internet aborda a interação do MMA com a área de Educação
Física.
Materiais e métodos
A presente pesquisa possui característica bibliográfica e documental.
De
acordo com Gil (2002, p.44) “A pesquisa bibliográfica é desenvolvida com base em
material já elaborado constituído principalmente de livros e artigos científicos”. Para
atingir os objetivos propostos serão analisados os artigos disponíveis na internet. Foi
utilizado como instrumento de busca o “GOOGLE ACADÊMICO, no endereço:
http://scholar.google.com.br/. Os resultados foram analisados por meio de um filtro,
em pesquisa avançada, no qual foram utilizadas as palavras „artes marciais mistas‟,
como a frase exata e em qualquer lugar no artigo.
Resultados e Discussão
A partir da busca realizada com as palavras „artes marciais mistas‟ foi possível
identificar sete categorias de abordagem do tema MMA, a saber: Educação Física
escolar, aspectos socioculturais, aspectos técnicos, abordagem biológica, abordagem
historia, aspectos midiáticos e apenas citações.
O MMA segundo Alvarez e Marques (2012) surge como um esporte/espetáculo
de alta inserção midiática e social pode ser perguntado o que impulsiona as pessoas
a consumirem tal produto midiático? Pode se dizer que o MMA vem se tornando cada
vez mais popular por causa da mídia se tornando um produto extremamente rentável,
portanto ele gera lucro e prende a grande população pelo seu exibicionismo, com
tantas „mega produções‟ e „super lutas‟, cada vez mais as pessoas praticam ou
consomem esse esporte como espetáculo midiático. E o MMA é lembrado por ser não
somente espetáculo mídia e dinheiro, mas também por sua característica social e
lúdica (ALVAREZ e MARQUES, 2012). A atividade do MMA gera uma forma cativante
para quem pratica, atua como uma válvula de escape para emoções, sentimentos e
agressividade e para espectadores que gostam de acompanhar como um
passatempo prazeroso.
Tabela 1: artigos encontrados no Google acadêmico sobre MMA
Educação Física escolar
3
Aspectos socioculturais
9
Aspectos técnicos
2
Abordagem biológica
8
Abordagem histórica
4
Mídia
7
Citação
26
Total
59
Conclusões
Os artigos sobre MMA no contexto da internet apresentam predomínio nos
estudos pelos aspectos sociais que esse novo esporte apresenta e o seu lado
biológico, que demonstra seus benefícios para com a saúde. Também há artigos que
visam mostrar como MMA aproveitou da mídia para ter esse crescimento, usando
todo os seus recursos de marcas (patrocinadores), lutas e eventos (esporte
espetáculo) a seu favor. Segundo Bracht (2005) no processo de diferenciação do
esporte moderno este pode se manifestar como de alto rendimento ou espetáculo e
enquanto atividade de lazer. Na perspectiva do espetáculo o esporte é transformado
em mercadoria e veiculado aos meios de comunicação de massa. Por outro lado, a
perspectiva do lazer está ligada à saúde, prazer, sociabilidade e como espectador do
esporte espetáculo. Portanto, o MMA mantem relação com as duas perspectivas, ou
seja, como uma mercadoria (lucro) e como forma de entretenimento (lazer).
Outros temas também foram abordados como a história, principalmente sobre
as origens das artes usadas no MMA. E alguns apenas relacionaram o MMA em
alguma parte do artigo usando como notícia ou exemplo de acontecimentos.
A quantidade de artigos encontrados de MMA foi muito pequena,
principalmente explorando o a área da educação física escolar e seus aspectos
técnicos. A continuação da pesquisa e análise dos artigos encontrados na internet é
fundamental para o melhor entendimento desse novo esporte e suas relações sociais
e profissionais da Educação Física.
Agradecimentos
Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG); pró-reitoria de pesquisa e pósgraduação (PROPESP) e a Fundação Araucária pelo apoio com bolsa de iniciação
científica (PIBIC).
Referências
ALVAREZ, Fábio de Lima; MARQUES, José Carlos. MMA e a Busca de Identidade
em uma Cultura em Vias de Globalização. Intercom – Sociedade Brasileira de
Estudos Interdisciplinares da Comunicação. XXXV Congresso Brasileiro de
Ciências da Comunicação – Fortaleza, CE – 3 a 7/9/2012.
BRACHT, V. Sociologia crítica do esporte. Ijuí: Unijuí, 2005.
BRASIL. MINISTERIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO. SECRETARIA DE
EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL. Parâmetros curriculares nacionais: terceiro e quarto
ciclos do ensino fundamental: educação física. Brasília: MEC, 1998.
GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002.
PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Diretrizes Curriculares da Educação
Básica: Educação Física. Curitiba: SEED, 2008.
Download

ARTIGO MMA