DNA-Sistema Hércules de
Educação
colegiodna2011@hotmail.com
Estudante:
1. Para que melhor possamos compreender a evolução do tempo na história da Terra e da
humanidade, Francis Crick, ganhador do prêmio Nobel pela descoberta da estrutura do DNA, propõe
comparar a idade do nosso planeta à duração de uma semana:
"Usando essa escala de tempo, a idade do universo, partindo do' big bang' inicial, seria de,
aproximadamente, duas ou três semanas. Os mais antigos fósseis macroscópicos (do início do período
Cambriano) teriam apenas um dia de vida. O homem moderno teria aparecido nos últimos dez
segundos, e a agricultura nos últimos dois segundos. Ulisses teria vivido apenas até meio segundo
atrás."
Assinale a alternativa que contém uma interpretação válida do texto.
a) Na escala de tempo utilizada, a idade da Terra é inferior a três e superior a duas semanas.
b) A agricultura se iniciou com o advento dos primatas, contemporâneos do homem moderno.
c) A longevidade dos seres vivos macroscópicos do Cambriano era muito baixa, não ultrapassando um
dia de vida.
d) A Idade Contemporânea, na história, corresponde ao penúltimo segundo da "semana", durante o qual
viveu Ulisses, herói mitológico grego.
e) O homem moderno citado é o 'Homo sapiens sapiens' e não o que viveu no período denominado de
Idade Moderna, pelos historiadores.
2. Algumas doenças neurodegenerativas podem ser resultado da degradação progressiva da bainha
de mielina dos neurônios pela ação do próprio sistema de defesa. Um exemplo é a adrenoleucodistrofia
(ou ALD), uma doença hereditária na qual os portadores apresentam um acúmulo de grandes
quantidades de um determinado tipo de gordura nos neurônios, o que estimula o ataque por leucócitos
do próprio organismo. Outro exemplo de doença desmielinizante é a esclerose múltipla (figura a seguir)
que apresenta características semelhantes à ALD, mas possui causas distintas. Embora os estudos já
realizados não permitam uma conclusão definitiva, acredita-se que a esclerose múltipla tenha um
componente genético, mas que a expressão da doença seja desencadeada pela ação de determinados
micro-organismos.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
A partir do texto lido e dos seus conhecimentos sobre tecido nervoso e doenças relacionadas, analise
as seguintes afirmativas e aponte a que apresenta um ERRO:
a) Os neurônios, embora mais conhecidos, não são as únicas células encontradas no tecido nervoso.
Encontramos também células que exercem outras funções, como nutrição, sustentação e proteção
dos neurônios.
b) Os danos à bainha de mielina dificultam a transmissão dos impulsos nervosos pelos neurônios, o que
pode resultar, por exemplo, em problemas motores, de raciocínio e sensoriais.
c) Leucócitos, ou glóbulos brancos, são as principais células do sistema de defesa do organismo. Por
isso, as doenças citadas no texto podem ser caracterizadas como autoimunes.
d) Ambas as doenças desmielinizantes citadas no texto possuem como causa a presença de um gene
alterado herdado dos pais, não apresentando nenhuma influência do ambiente.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
A energia que cada alimento possui será gradativamente liberada e utilizada pelo corpo para a
realização de várias funções, como digestão, respiração, prática de exercícios...
Imagine que um aluno de uma Etec consumiu em seu almoço 4 colheres de sopa de arroz com feijão;
salada com 3 folhas de alface e meio tomate, temperada com meia colher de sopa de azeite, meia
colher de sopa de vinagre e uma pitada de sal; 1 copo de suco natural de abacaxi; 1 coxa de frango e,
quando saiu da mesa, não resistiu aos brigadeiros, que sua irmã trouxe da festa de uma amiguinha,
comendo 2 de sobremesa.
Tabela de Calorias dos Alimentos
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Alimento
Arroz com feijão
Alface
Tomate
Azeite de oliva
Vinagre
Sal branco refinado
Suco de abacaxi natural
Coxa de frango
Brigadeiro
Quantidade
kcal
2 colheres de sopa (40g) 75
2 folhas (20g)
4
1 unidade (100g)
20
1 colher de sopa (10g)
90
1 colher de sopa (15g)
3
1 colher de chá (6g)
0
1 copo de 240 ml
100
1 unidade (100g)
144
1 unidade (30g)
96
(http://www.faac.unesp.br/pesquisa/nos/bom_apetite/tabelas/cal_ali.htm Acesso em: 02.08.2011.
Adaptado)
3. Sobre os alimentos ingeridos pelo aluno, é correto afirmar que
a) o tomate é um legume.
b) o vinagre apresenta caráter básico.
c) o azeite de oliva é uma fonte de proteína.
d) o principal componente do sal de cozinha é o cloreto de sódio.
e) os alimentos liberam energia para nosso organismo em processo endotérmico.
4. As organelas citoplasmáticas são estruturas celulares especializadas na realização de funções
específicas. Na coluna da esquerda, encontram-se organelas celulares e, na coluna da direita,
importantes processos fisiológicos relacionados a elas. Marque a sequência que representa a
correlação entre as duas colunas.
Organelas
1 – Ribossomo
2 – Retículo endoplasmático
liso
3 – Lisossomo
4 – Mitocôndria
5 – Cloroplasto
Processos fisiológicos
A – Respiração celular
B – Síntese de lipídios
C – Síntese de proteínas
D – Pinocitose, fagocitose e
exocitose
E – Realização da fotossíntese
a) 1A, 2B, 3D, 4C, 5E
b) 1B, 2D, 3E, 4A, 5C
c) 1C, 2B, 3D, 4A, 5E
d) 1C, 2B, 3A, 4D, 5E
e) 1D, 2A, 3C, 4B, 5E
5. Analise as seguintes proposições.
“Atua como um solvente universal, sendo de extrema importância para as reações químicas ocorridas
nas células dos seres vivos. Outras funções importantes são o transporte de íons e moléculas pelo
corpo, regulação térmica e ação lubrificante.”
“São encontrados em duas formas: solúveis (encontrados em forma de íons) e insolúveis (fazendo parte
de estruturas esqueléticas etc.) e representam cerca de 1% da composição celular.”
As substâncias descritas são
a) água e lipídios.
b) lipídio e sais minerais.
c) proteína e lipídios.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
d) água e sais minerais.
e) água e sais ácidos.
6. As organelas ou orgânulos celulares são estruturas citoplasmáticas especializadas na realização de
determinadas funções que permitem a manutenção da vida na célula.
Com relação às organelas e suas funções, numere corretamente a coluna da direita de acordo com a
da esquerda.
(1) Retículo endoplasmático não
granuloso
(
) geração de energia para a célula.
(2) Complexo golgiense
(
(3) Mitocôndria
(
(4) Lisossomo
(
(5) Centríolos
(
) têm enzimas capazes de realizar a
digestão celular.
) modifica e elimina secreções
proteicas produzidas no reticulo
granuloso.
) produz lipídios, principalmente os
esteroides.
) participa da formação de cílios e
flagelos.
A ordem correta de associação, de cima para baixo, é:
a) 3, 5, 2, 1, 4
b) 3, 4, 1, 5, 2
c) 3, 4, 2, 1, 5
d) 2, 4, 3, 1, 5
e) 2, 5, 3, 4, 1
7. Uma das funções do intestino grosso é fazer reabsorção de
a) lipídeos.
b) água.
c) aminoácidos.
d) ácidos nucleicos.
e) glicídios.
8. Sobre os órgãos vegetais e suas funções, é INCORRETO afirmar que determinadas(os)
a) caules efetuam as trocas gasosas.
b) folhas realizam reprodução assexuada.
c) raízes desempenham o papel de fixação.
d) frutos executam o processo de fecundação.
9. O sódio é encontrado em nossa alimentação: no leite e derivados; nas carnes, em peixes e frutos do
mar; nos alimentos enlatados, conservas, embutidos e defumados e, além disso, está presente no sal
de cozinha.
Esse elemento químico desempenha várias funções no organismo humano, tais como a regulação
osmótica do sangue, o equilíbrio de água no corpo, a contração muscular, a condução dos impulsos
nervosos e o controle do ritmo cardíaco.
Sendo assim, o consumo excessivo de sódio pode
a) coagular o sangue.
b) causar a atrofia muscular.
c) aumentar a pressão arterial.
d) reduzir o volume de sangue.
e) diminuir a quantidade de leucócitos.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
10. O nosso corpo possui inúmeros órgãos, relacionados às mais variadas funções. Os ossículos
martelo, bigorna e estribo estão relacionados com uma dessas funções. Assinale a alternativa que
relaciona corretamente a localização e a função destes ossículos.
a) Orelha externa; recebe as ondas sonoras.
b) Orelha interna; mantém o corpo em equilíbrio.
c) Orelha média; transmitem vibrações sonoras para a orelha interna.
d) Orelha média; mantém o equilíbrio do corpo.
e) Orelha interna; transmitem vibrações sonoras para a orelha média.
11. Os sais minerais são reguladores e desempenham diversas funções relacionadas com o
metabolismo. São considerados ativadores enzimáticos e essenciais para o funcionamento celular.
Sobre isso, é correto afirmar-se que
a) o sódio interfere na pressão arterial e no volume celular.
b) a condução de impulsos nervosos nos nervos, nos músculos e no coração é desencadeada pelo
ferro.
c) o enxofre atua na produção de hormônios pela glândula tireoide.
d) a coagulação sanguínea depende diretamente do potássio.
e) o magnésio faz parte da hemoglobina.
12. O leite materno é o único alimento que contém todos os nutrientes necessários ao bebê durante os
primeiros meses de vida, pois, além de fornecer os compostos químicos necessários ao
desenvolvimento, ele contém anticorpos que ajudam a prevenir doenças. Essas macromoléculas são
classificadas como
a) carboidratos de defesa que desempenham funções biológicas importantes.
b) lipídios protetores que participam da formação de estruturas celulares.
c) proteínas especiais encontradas nos seres vivos.
d) vitaminas fundamentais à nossa saúde que produzem imunidade ativa.
e) ácidos nucleicos constituídos por nucleotídeos.
13. A pele é o maior órgão do corpo humano. Ela é constituída pela epiderme, externamente e pela
derme, internamente. Associadas à pele, existem glândulas anexas com funções importantes. São
glândulas associadas à pele:
a) mucosas e sebáceas.
b) sudoríparas e sebáceas.
c) mucosas e sudoríparas.
d) mucosas e salivares.
e) salivares e sudoríparas.
14. Os animais são constituídos por diferentes sistemas que atuam funcionalmente de forma
integrada, o que contribui para a manutenção, dentro de certos limites, de um meio interno constante do
organismo. As proposições abaixo fazem referência a alguns sistemas.
Assinale a alternativa correta.
a) A comunicação entre os diversos órgãos e células do organismo ocorre através de dois sistemas de
integração corporal: o sistema nervoso e o sistema endócrino. Quanto à organização do sistema
nervoso, a divisão central inclui somente o encéfalo cujas funções gerais estão relacionadas ao
processamento e integração de informações.
b) Todas as células do corpo humano para realizarem o processo de respiração celular requerem a
presença do gás oxigênio, conduzido e disponibilizado pelas estruturas constituintes do sistema
respiratório. Assim, através da superfície da traqueia e dos alvéolos pulmonares, o oxigênio se
difunde para os capilares sanguíneos, sendo conduzido a todas as células.
c) O conjunto de órgãos e estruturas responsáveis pela filtração do sangue e eliminação de substâncias
potencialmente tóxicas constitui o sistema urinário. A participação da bexiga, um dos constituintes
desse sistema, está diretamente envolvida com a filtração do sangue e consequente formação da
urina.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
d) Os animais obtêm matéria-prima e fontes de energia para suas células por meio dos alimentos. Para
que diversos nutrientes contidos na dieta alimentar sejam disponibilizados às células, eles precisam
ser ingeridos, digeridos e absorvidos através de vários processos que envolvem os órgãos do sistema
digestório e glândulas, como as salivares, fígado e pâncreas.
e) Os nutrientes oriundos do sistema digestório e o gás oxigênio proveniente do sistema respiratório são
distribuídos a todas as células do organismo através do movimento do sangue nos vasos que ocorre
principalmente pela atividade bombeadora do coração. Este órgão, nos seres humanos, apresenta
três cavidades internas, dois átrios e um ventrículo, por onde circula o sangue
15. O fígado, maior órgão glandular do corpo, realiza diversas funções complexas essenciais à vida.
Produz a bile que emulsiona as gorduras, reduzindo-as a gotículas e facilita o trabalho das enzimas
digestivas do
a) baço.
b) pâncreas.
c) estômago.
d) intestino grosso.
16. Dentre os nutrientes necessários à saúde, tais como as proteínas, gorduras, carboidratos e
vitaminas, estão os minerais. Assim como as vitaminas, os minerais não podem ser sintetizados pelo
organismo e, por isso, devem ser obtidos através da alimentação pois desempenham diversas funções
no organismo.
Os minerais possuem papéis importantes como reguladores orgânicos que controlam os impulsos
nervosos, atividade muscular e o balanço ácido-base do organismo e como componentes ou
ativadores/reguladores de muitas enzimas.
Eles são divididos em macrominerais (cálcio, fósforo, sódio, potássio, cloro, magnésio, enxofre) e
microminerais (ferro, cobre, cobalto, zinco, manganês, iodo, molibdênio, selênio, flúor e cromo).
(Dados os Números atômicos: Ca = 20, P = 15, Na = 11, K = 19, C  = 17, Mg = 12, S = 16, Fe=26,
Cu = 29, Co = 27, Zn = 30, Mn = 25, I = 53, Mo = 42, Se = 34, F = 9, Cr = 24.)
Dentre os minerais citados acima, são halogênios – coluna 17 da Classificação Periódica, os elementos:
a) Sódio, potássio, flúor
b) Ferro, cobre, zinco
c) Manganês, ferro, cobalto
d) Cloro, flúor, iodo
17. Segundo a física moderna toda matéria do universo foi criada a aproximadamente 15 bilhões de
anos atrás em um evento catastrófico conhecido como Big Bang (grande explosão). Segundo esta
teoria, toda matéria do universo atual estava concentrada em um volume menor que uma bola de tênis.
Após o Big Bang os primeiros átomos que se originaram foram os átomos de HIDROGÊNIO. Após
alguns milhões de anos estes átomos de hidrogênio foram sendo atraídos pela força da gravidade
dando origem às estrelas que, por meio de reações termonucleares, transformaram e ainda
transformam parte deste hidrogênio em átomos de HÉLIO.
Algumas estrelas maiores, além de reagirem hidrogênio com hélio, também transformam átomos de
hélio em átomos de CARBONO, que por sua vez podem ser transformados em átomos de MAGNÉSIO,
SILÍCIO, etc. O último elemento químico produzido no interior de estrelas é o FERRO. Portanto,
segundo a teoria do Big Bang, toda matéria existente no universo é produzida no núcleo superaquecido
das estrelas. A alternativa que indica os símbolos químicos corretos dos elementos químicos indicados
no texto é:
a) Hi; He; C; Mn; Si; Fe
b) Hg; He; Cb; Mg; Si; F
c) H; He; Cb; Mn; So; F
d) H; He; C; Mg; Si; Fe
e) Hg; Hi; C; Mg; Si; Fe
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
18. O leite de vaca é constituído de uma mistura complexa na qual estão presentes água, proteínas,
carboidratos (açúcares) e lipídeos (gorduras), além de vitaminas e minerais, que o tornam um alimento
bastante completo e de alto valor nutritivo. Para ser comercializado, o produto deve apresentar
características específicas, passando por testes que avaliam seu teor de gordura, densidade e teor de
acidez, obtido a partir da quantidade de base necessária para neutralizar o ácido láctico presente em
uma amostra de 10 mL de leite. Sua constituição média é apresentada na tabela a seguir:
Componente
Lactose
Proteínas
Cinzas
Água
Composição
(g/100g)
4,9
3,3
0,6
88,3
Densidade
(g/cm3)
1,66
1,35
5,50
1,00
Com base nas informações apresentadas e em seus conhecimentos de química, julgue os itens a
seguir, identificando a alternativa correta.
a) A adição de água ao leite é uma adulteração infelizmente comum, que pode ser identificada pela
diminuição da densidade do leite.
b) O leite, por apresentar partículas que se unem, formando a nata, é considerado uma mistura
homogênea.
c) O teste do teor de acidez do leite é realizado medindo-se a quantidade de H2SO4 necessária para
neutralizar o ácido láctico presente em uma amostra de 10 mL de leite.
d) O leite apresenta íons cálcio e fosfato P O 4 3 que constituem sais minerais como o fosfato de cálcio,
de fórmula CaPO4, essencial para a formação dos ossos e dentes.
19. A tabela a seguir relaciona algumas substâncias químicas e suas aplicações frequentes no
cotidiano.
Substâncias
NaOH
H3PO4
CaO
NaHCO3
Aplicações
Fabricação de sabão a partir de óleos ou gorduras. É conhecido como
soda cáustica.
Indústrias de vidro, de alimentos, na tinturaria e na fabricação de
fosfatos e superfosfatos usados como adubos (fertilizantes). É também
utilizado na produção de refrigerantes do tipo “cola”.
Preparação da argamassa na construção civil e diminuição da acidez do
solo na agricultura.
Fabricação de fermentos químicos, antiácidos e extintores de incêndio.
Estas substâncias, ordenadas de cima para baixo, pertencem, respectivamente, às funções:
a) base, sal, ácido e óxido.
b) sal, base, ácido e óxido.
c) base, óxido, ácido e sal.
d) ácido, base, sal e óxido.
e) base, ácido, óxido e sal.
20. Durante uma aula prática, um professor solicita a um aluno que investigue qual a composição
química de um determinado objeto metálico. Para isso, ele
• estima o volume em 280 cm3,
• mede a massa, obtendo 2,204 kg,
• consulta a tabela de densidade de alguns elementos metálicos.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
TABELA
Metais
alumínio
cobre
estanho
ferro
Densidades
(g/cm3)
2,70
8,93
7,29
7,87
Nessa situação, o aluno concluiu, corretamente, que o objeto é constituído de
a) ferro.
b) cobre.
c) estanho.
d) alumínio.
21. Considere os seguintes dados, a 25°C.
SUBSTÂNCIAS
X
H2O
CC4
ESTADOS SOLUBILIDADES DENSIDADES
FÍSICOS
EM H2O (g/L)
(g/L)
sólido
líquido
líquido
80
--insolúvel
--1,00
1,59
TEMPERATURAS
DE EBULIÇÃO
(°C)
--100
76,5
Um sistema, a 25°C, formado por 50 g de X, 500 mL de H2O e 200 mL de
componentes separados por
a) filtração, decantação e destilação.
b) catação, evaporação e dissolução.
c) destilação, centrifugação e cristalização.
d) evaporação, decantação e centrifugação.
CC4
pode ter seus
22. Em relação às Ligações e Funções Químicas, assinale a opção incorreta.
a) Ligações iônicas resultam da atração entre íons de cargas elétricas contrárias.
b) Os gases nobres não formam substâncias compostas porque todas as suas camadas eletrônicas
estão completas.
c) Nas ligas metálicas, os elétrons fluem ao longo de um conjunto formado pelos núcleos dos átomos
presentes.
d) A valência de uma espécie está associada à sua capacidade de perder ou ganhar certa quantidade
de elétrons.
e) Todos os sais são substâncias de caráter iônico.
23. Durante uma caminhada, um rapaz sente dores fortes e é encaminhado ao hospital, onde o médico
suspeita de apendicite e, por isso, solicita um exame radiológico.
Nos exames de raios X, algumas estruturas anatômicas são facilmente visualizadas devido à opacidade
dos tecidos, por exemplo, os tecidos ósseos.
Porém outros órgãos apresentam densidade semelhante em toda a estrutura anatômica, impedindo sua
perfeita visualização, por exemplo, os intestinos.
Para esses exames é necessário o uso de contraste que se consegue pelo uso de substâncias capazes
de absorver os raios X, de modo que órgãos internos preenchidos pelo contraste tornam-se brancos no
filme de raios X, realçando a imagem da estrutura do órgão. Isto cria a necessária distinção (contraste)
entre o órgão examinado e os tecidos vizinhos. O contraste auxilia o médico a visualizar anomalias no
órgão sob exame.
Uma substância usada como contraste em exames radiológicos é o sulfato de bário (BaSO4), porque é
um sólido insolúvel em água e em gordura, sendo eliminado pelo sistema digestório.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Considere as afirmações.
I. O sulfato de bário (BaSO4) é uma substância composta.
II. A mistura sulfato de bário e água, usada como contraste, é uma mistura homogênea.
III. Para se obter o sulfato de bário, da mistura água e sulfato de bário, pode-se realizar uma filtração.
É válido o que se afirma em
a) I, apenas.
b) II, apenas.
c) I e III, apenas.
d) II e III, apenas.
e) I, II e III.
24. “Os carboidratos simples, geralmente solúveis em água, e de sabor adocicado, como a sacarose, a
glicose e a frutose”, segundo a versão online do Dicionário Aurélio é a definição química para o açúcar.
Os alimentos que ingerimos apresentam esses açúcares que, no nosso organismo, são decompostos
ou digeridos fornecendo energia para o crescimento e realização das demais funções vitais. Uma
equação química que representa, de modo geral, esse processo complexo é a reação de degradação
da glicose C 6 H 1 2 O 6 em dióxido de carbono C O 2 e água H 2 O :
C 6 H1 2 O 6
6 O2
6 CO2
6 H2O
Com relação ao que foi apresentado no texto, é correto afirmar que:
a) o átomo de carbono apresenta 4 elétrons em sua camada de valência, podendo ser localizado no
segundo período da família dos halogênios da tabela periódica.
b) as substâncias presentes na reação de degradação da glicose apresentam ligações iônicas e
covalentes.
c) as moléculas de H 2 O e C O 2 formadas na reação de degradação da glicose são polares.
d) a falta de glicose no organismo humano provoca uma moléstia conhecida como diabetes, cuja
síndrome é caracterizada pela eliminação exagerada e permanente de urina.
e) os produtos gerados na reação de degradação da glicose apresentam, respectivamente geometria
linear e angular.
25. Associe a coluna I (fenômenos) com a coluna II (descrição).
Coluna I
( 1 ) Tamisação ou peneiração.
( 2 ) Levigação.
( 3 ) Filtração.
( 4 ) Decantação.
( 5 ) Evaporação.
Coluna II
( ) Obtenção de sal a partir da água do mar.
( ) Separação da areia grossa da fina.
( ) Separar substâncias de maior densidade de outras de menor densidade utilizando água corrente
(ou outro líquido).
( ) Obtenção do café a partir do pó e água quente.
( ) Remoção das impurezas sólidas da água em estações de tratamento de água deixando a mistura
em repouso por algum tempo.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.
a) 3, 1, 2, 4, 5.
b) 1, 3, 2, 5, 4.
c) 5, 1, 2, 3, 4.
d) 1, 2, 3, 4, 5.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
e) 1, 5, 3, 4, 2.
26. Um cilindro metálico contém um gás desconhecido, cuja densidade e igual a 1,25 g/L quando
submetido às CNTP. Pode-se concluir, corretamente, que esse gás e denominado
Dado: N = 14; O = 16; H = 1; C = 12.
a) oxigênio.
b) nitrogênio.
c) hidrogênio.
d) dióxido de carbono.
27. Em um laboratório, foram encontrados dois frascos, I e II, cujas etiquetas apresentam informações
dos respectivos reagentes, conforme mostrado abaixo.
Com relação aos frascos, é correto afirmar-se que
a) por apresentarem as mesmas fórmulas moleculares, esses compostos devem ser considerados
formas alotrópicas da matéria.
b) a atomicidade de uma substância está relacionada à quantidade de átomos de um elemento presente
no material, assim a atomicidade do átomo de carbono, presente nestas substâncias simples,
corresponde a 4.
c) se fosse feita uma avaliação das propriedades organolépticas destas substâncias, poderíamos, com
toda a convicção, proceder à identificação desses compostos.
d) se soubéssemos o volume ocupado por cada composto nos respectivos recipientes e a quantidade
de massa contida em cada recipiente, seria possível determinarmos as densidades específicas, que é
uma propriedade específica química destes materiais.
e) o que nos garante que estes materiais são realmente diferentes é a propriedade física, o ponto de
ebulição exposta no rótulo dos recipientes.
28. Marcelo e seu irmão alugaram uma casa de praia e, chegando ao local, frustraram-se ao
ver a areia e o mar cheios de manchas de petróleo.
Quando toneladas de petróleo são despejadas no oceano, geralmente por negligência humana,
ondas de óleo aparecem nas praias, nas encostas pedregosas e nos portos, e vários animais são
cobertos por uma fina e grudenta camada de óleo, sucumbindo a uma morte lenta e agonizante.
Essas grandes manchas negras, que se formam sobre a superfície dos oceanos, ocorrem porque o
petróleo
a) forma precipitado com a água do mar.
b) tem menor densidade que a água do mar e é insolúvel nesse meio.
c) tem maior densidade que a água do mar e é solúvel nesse meio.
d) forma mistura homogênea com a água do mar.
e) reage com a água do mar formando uma substância negra.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
29. Para a prevenção de cáries, em substituição à aplicação local de flúor nos dentes, recomenda-se o
uso de “água fluoretada”. Sabendo que a porcentagem em massa de fluoreto de sódio é de 2 1 0 4 % ,
um indivíduo que bebe diariamente 1 litro dessa água terá ingerido uma massa desse sal igual a
3
2 10
g. (Dados: densidade da água fluoretada = 1,0 g/mL).
Com base nas informações contidas no texto acima, assinale a alternativa correta.
a) Entre os átomos do flúor e sódio, ocorre a ligação covalente polar.
b) O sódio é um metal alcalino, que se encontra no terceiro período da tabela periódica.
c) A fórmula molécula do fluoreto de sódio é NaF2.
d) O fluoreto de sódio é uma substância insolúvel na água.
e) A massa molecular do fluoreto de sódio é de 61 u.m.a.
30. Preparou-se uma solução com 80 g de
volume igual a 410 mL. Dados:
d
m1
m2
NaC
em 400 g de água, resultando uma solução com
.
V
Qual a densidade dessa solução?
a) 0,195 g/mL
b) 1,171 g/L
c) 1,171 g/mL
d) 0,20 g/L
e) 0,931 g/mL
31. “Marginalizado legalmente, o escravo nem sempre o é materialmente, na medida em que pode
desempenhar certas funções na dinâmica econômica urbana. Estas funções o colocam numa posição
de certa independência material, imposta pelas próprias modalidades de seu exercício”.
MATTOSO, Kátia de Queirós. A cidade de Salvador e seu mercado no século XIX. São Paulo: Hucitec,
1978.
Das várias modalidades de escravo existentes no Brasil do século XIX, aquela que se ajusta à analise
da historiadora é:
a) o escravo da lavoura, pois sua importância na economia exportadora o tornava imprescindível e
insubstituível.
b) o escravo de aluguel, pois representava um lucro extra ao seu dono, passando a ser bem tratado e
respeitado.
c) o escravo doméstico, porque podia cair nas boas graças do senhor e passar a exercer certo poder
sobre os demais escravos.
d) o escravo de ganho, pois sua atividade permitia-lhe certa autonomia e juntar algum dinheiro que
serviria para a compra da alforria.
e) o escravo público, porque não tinha um dono específico o que lhe permitia uma certa liberdade de
escolha da função que desempenharia.
32. "Sobre a Medicina: a existência do contágio (1313-1374).
Para aqueles que dizem: "Como poderemos nós admitir a possibilidade da infecção, quando a lei
religiosa a nega?" Replicamos que a existência do contágio é estabelecida pela experiência,
investigação, evidência dos sentidos e relatos dignos de fé. Esses fatos constituem um argumento
válido. O fenômeno do contágio torna-se claro para o investigador que verifica como aquele que entra
em contato com os enfermos apanha a doença, enquanto o que não está em contato permanece são, e
como a transmissão se efetua através do vestuário, vasilhame e atavios."
Ibn al-Khatib de Granada. In: PEDRERO-SÁNCHEZ, Maria Guadalupe. "História da Idade Média:
textos e testemunhas". São Paulo: UNESP, 2000. [adapt.]
O texto do médico, na Idade Média, indica
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
a) que há identificação entre Ciência e Fé, no período da Reforma, sendo isso um dos fatores para a
criação do Protestantismo.
b) divergências entre Medicina e Fé, exemplificadas pela atual prevenção da AIDS, que tem por base o
persistente princípio religioso da inexistência de contágio.
c) que o empirismo científico foi estimulado pela religiosidade europeia medieval, durante o
Renascimento.
d) entraves no desenvolvimento científico provocados pelos ideais religiosos, quando a Igreja Católica
era hegemônica na Europa Ocidental.
e) que a Medicina ocidental apresentou grande progresso, devido à fé religiosa, durante a Peste Negra
na Europa
33. O processo de transformações econômicas, políticas e sociais ocorridas na Europa no final da
Idade Média culminou no século XVI com a grande revolução espiritual da sociedade europeia,
caracterizada por um amplo movimento de contestação à autoridade do clero e do poder material da
Igreja de Roma. Esse movimento identificado como Reforma Protestante criticava também a prática da
simonia que era:
a) a atitude mundana do alto clero que usava os recursos da Igreja em benefício próprio.
b) a herança de uma prática medieval, por parte do clero, que valorizava a administração das terras em
prejuízo das questões espirituais.
c) o comércio dos bens sagrados, como cargos eclesiásticos e as indulgências (perdão dos pecados).
d) a prática do alto clero em acompanhar os reis nas batalhas em troca de bens, como terras e títulos.
e) o costume de o baixo clero abandonar temporariamente suas funções espirituais para se dedicar às
guerras em troca de dinheiro.
34. No início da Revolução Francesa, a Assembleia Nacional Constituinte promulgou, em 26 de agosto
de 1789, a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, que estabelecia: “Os homens nascem e
são livres e iguais em direitos” (art. 1º). Tal texto reflete uma característica do pensamento liberal, que:
a) eliminava a ordem social e política calcada nos privilégios de nascimento;
b) fortalece o poder real;
c) preservava os direitos seculares do clero e da nobreza;
d) proclamava a igualdade econômica de todos.
35. Sidônio Apolinário, aristocrata da Gália romana, escrevendo a um amigo, num período de grandes
transformações culturais, assim se expressou:
O vosso amigo Eminêncio, honrado senhor, entregou uma carta por vós ditada, admirável no estilo [...].
A língua romana foi há muito tempo banida da Bélgica e do Reno; mas se o seu esplendor sobreviveu
de qualquer maneira, foi certamente convosco; a nossa jurisdição entrou em decadência ao longo da
fronteira, mas enquanto viverdes e preservardes a vossa eloquência, a língua latina permanecerá
inabalável. Ao retribuir as vossas saudações o meu coração alegra-se dentro de mim por a nossa
cultura em desaparição ter deixado tais traços em vós [...].
Apud PEDRERO-SÁNCHEZ, Maria Guadalupe. "História da Idade Média: textos e testemunhas".
São Paulo: Editora UNESP, 2000. p. 42-43.
A opinião contida no fragmento da carta está diretamente relacionada às
a) invasões dos territórios do Império Romano pelos povos germânicos, provocando mudanças nas
instituições imperiais.
b) influências da cultura grega sobre a latina após a conquista da Grécia pelos romanos e sua anexação
ao Império.
c) vitórias dos romanos sobre Cartago nas chamadas Guerras Púnicas (264-146 a. C.), impondo a
cultura do Império a todo o norte da África.
d) crises que se abateram sobre o Império Romano depois do governo de Marco Aurélio (161-180 d.
C.), quando o exército passou a controlar o poder.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
36. Foi a partir das revoluções burguesas do século XVIII que o sistema capitalista se consolidou.
Assinale a alternativa que contém o conjunto das revoluções chamadas de burguesas.
a) Revolução Industrial, Revolução Francesa e Revolução Russa.
b) Revolução Francesa, Revolução Inglesa e Guerra dos Cem anos.
c) Revolução Francesa, Revolução Social Inglesa e Revolução socialista.
d) Revolução Industrial, Revolução Francesa, Revolução Inglesa e a Independência do Brasil.
e) Revolução Industrial, Revolução Francesa, Revolução Inglesa e a Independência dos Estados
Unidos.
37. Observe a imagem.
A partir da análise da aquarela, é correto afirmar que o artista apresenta os
a) africanos livres e suas belas roupas.
b) escravos de ganho e suas várias atividades.
c) negros displicentes e suas múltiplas funções.
d) serviçais urbanos e suas diferentes moradias.
38. Segundo Eric Hobsbawm, no final do século XVIII, “o preço do pão registrava a temperatura
política de Paris com a exatidão de um termômetro”. De acordo com este historiador, no ano de 1788, a
safra de alimentos na França foi péssima; isto prejudicou os camponeses e os trabalhadores urbanos,
pois houve a alta dos preços, levando a várias agitações sociais.
(HOBSBAWM, Eric. A era das revoluções. Rio de Janeiro: Paz e Terra, p. 79-83. Adaptado.)
A crise alimentar mencionada por Hobsbawm teve, entre suas principais consequências,
a) a Quebra da Bolsa de Valores, levando a um colapso econômico e político na França.
b) a Primeira Guerra Mundial, pois os franceses foram buscar alimentos em outros países.
c) a Revolução Industrial, pois era necessário encontrar novos meios de produzir alimentos.
d) a Expansão Marítima, que visava à descoberta de territórios para a produção de alimentos.
e) a Revolução Francesa, quando o povo se revoltou contra o governo absolutista de seu país.
39. “Cícero Dantas Martins (1838-1903), barão de Jeremoabo, foi um homem público de considerável
influência [...]. Dificilmente alguém poderia disputar-lhe o posto de maior proprietário fundiário da região
de Canudos. Suas 61 fazendas espalhavam-se pelos municípios baianos [...]. Vários de seu sangue
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
desempenhavam algum papel. Um sobrinho, João Dantas de Magalhães, era médico do exército e
exerceu suas funções na campanha [contra Canudos], tendo o barão lhe confiado carros de boi para
ajudar no transporte dos feridos. [...] Um primo, Genes Martins Fontes, era juiz em Monte Santo, e seu
irmão Paulo Fontes ocupava idêntico posto; ambos possuíam várias fazendas perto de Canudos. Outro
primo, Antônio Ferreira de Brito, era chefe político em Pombal, ameaçada pelo conselheiristas. Mais um,
Sebastião de Sousa Dantas, fora promotor em Monte Santo, e seria deputado federal [...]. Outro,
Francisco Dantas, ocupava o cargo de intendente em Soure. E um parente, o coronel José Américo
Camelo de Souza Neto, foi dos mais aguerridos opositores dos canudenses e um dos maiores
fornecedores do exército na região. Esses são nomes do clã do barão, sem falar nos aliados e clientes,
que aparecem a toda hora nos relatos da guerra.”
Fonte: GALVÃO, Walnice Nogueira. O império do Belo Monte: vida e morte de Canudos. São Paulo:
Fundação Perseu Abramo, 2001. p. 19, 23, 26. (Adaptado)
O texto acima faz referência à
a) precariedade dos recursos destinados aos miseráveis atingidos pelas devastadoras guerras do
sertão.
b) hostilidade entre membros da elite latifundiária frente à ameaça representada pelos canudenses.
c) disputa interna na elite baiana pela divisão de prestigiosos cargos políticos e sociais.
d) resistência dos conselheiristas ao tradicional regime de exploração do sertanejo.
40. Em 1095, um cronista, testemunha dos eventos do Concílio de Clermont, registrou o seguinte
pronunciamento do papa Urbano II:
Considerando as exigências do tempo presente, eu, Urbano, tendo, pela misericórdia de Deus, a tiara
pontifical, pontífice de toda a Terra, venho até vós, servidores de Deus, como mensageiro para
desvendar-vos o mandato divino [...] é urgente levar com diligência aos nossos irmãos do Oriente a
ajuda prometida e tão necessária no momento presente.
Foucher de Chartres. Apud PEDRERO-SÁNCHEZ, Maria Guadalupe. "História da Idade Média:
textos e testemunhas". São Paulo: Ed. UNESP, 2000. p. 83.
Essa declaração papal favoreceu
a) a aproximação entre cristãos latinos e gregos, que ficaram, depois das Cruzadas, sob o comando do
papado romano.
b) um projeto de união da Cristandade contra os "infiéis", detentores dos Lugares Santos, que há
séculos estavam sob o domínio muçulmano.
c) a desorganização da economia mercantil italiana, uma vez que as relações comerciais com o Oriente
foram prejudicadas em razão do conflito com os "infiéis".
d) um enriquecimento da cultura muçulmana, que, por meio dos cruzados, recebeu a rica herança da
ciência e da filosofia greco-romana.
41. Neste texto, Ruy Castro se transporta no tempo e se vê como um jornalista a noticiar a chegada da
Família Real ao Rio de Janeiro, ocorrida há 200 anos.
É hoje!
Rio de Janeiro. O príncipe regente dom João desembarca hoje no Rio com sua família e um
enorme séquito de nobres, funcionários, aderentes e criados. Precisou que Napoleão botasse suas
tropas nos calcanhares da Corte para que esta fizesse o que há cem anos lhe vinha sendo sugerido:
transferir-se para o Brasil.
Não se sabe o que, a médio prazo, isso representará para a metrópole. Mas, para a desde já excolônia, será supimpa. Porque, a partir de agora, ela será a metrópole. E, para estar à altura de suas
novas funções, terá de passar por uma reforma em regra - não apenas cosmética, para receber o corpo
diplomático, o comércio internacional e os grã-finos de toda parte. Mas, principalmente, estrutural.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Afinal, é um completo arcabouço administrativo que se está mudando.
Para cá virão os ministérios, as secretarias, as intendências, as representações e a burocracia
em geral. Papéis sem conta serão despachados entre esses serviços, o que exigirá uma superfrota de
estafetas [mensageiros]. A produção de lacre para documentos terá de decuplicar. O Brasil importará
papel, tinta e mata-borrões em quantidade, mas as penas talvez possam ser fabricadas aqui, colhidas
dos traseiros das aves locais.
Estima-se que, do Reino, chegarão 15 mil pessoas nos próximos meses. Será um tremendo
impacto numa cidade de 60 mil habitantes. Provocará mudanças na moradia, na alimentação, nos
transportes, no vestuário, nas finanças, na medicina, no ensino, na língua. Com a criação da Imprensa
Régia, virão os jornais. O regente mandará trazer sua biblioteca. Da escrita e da leitura, brotarão as
ideias.
Até hoje, na história do mundo, nunca a sede de um império colonial se transferiu para sua
própria colônia. É um feito inédito - digno de Portugal. E que pode não se repetir nunca mais.
(Ruy Castro. "Folha de S. Paulo", 08/03/2008)
O texto de Ruy Castro apresenta algumas mudanças ocorridas na Colônia após a chegada da Família
Real portuguesa ao Rio de Janeiro, as quais foram fundamentais para o processo da Independência.
Assinale a alternativa que apresenta uma medida adotada e sua importância para a emancipação
política do Brasil.
a) a transferência do corpo diplomático, do comércio internacional e dos grã-finos, pois garantiu a
formação de uma elite nacional interessada na autonomia.
b) um sensível crescimento da leitura e da escrita, com a criação da Imprensa Régia, os jornais, a
biblioteca e o ensino, o que abriu espaço à formação e difusão de novas ideias.
c) a vinda de ministérios, secretarias e intendências, pois sem essa burocracia seria impossível a
formação de uma nação.
d) a importação de papel, tinta e mata-borrões, sem os quais as aves não seriam utilizadas para o
desenvolvimento de uma produção local.
e) as mudanças na moradia, na alimentação, nos transportes e no vestuário, pois favoreceram a
formação de uma classe média crítica e transformadora.
42. "O sacerdote, tendo-se posto em contato com Clóvis, levou-o pouco a pouco e secretamente a
acreditar no verdadeiro Deus, criador do Céu e da Terra, e a renunciar aos ídolos, que não lhe podiam
ser de qualquer ajuda, nem a ele nem a ninguém [...] O rei, tendo pois confessado um Deus todopoderoso na Trindade, foi batizado em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo e ungido do santo
Crisma com o sinal-da-cruz. Mais de três mil homens do seu exército foram igualmente batizados [...]."
São Gregório de Tours. A conversão de Clóvis. Historiae Eclesiasticae Francorum. Apud PEDREROSÁNCHES, M.G., História da Idade Média. Textos e testemunhas. São Paulo, Ed. Unesp, 2000, p. 4445.
A respeito dos episódios descritos no texto, é correto afirmar:
a) A conversão de Clóvis ao arianismo permitiu aos francos uma aproximação com os lombardos e a
expansão do seu reino em direção ao Norte da Itália.
b) A conversão de Clóvis, segundo o rito da Igreja Ortodoxa de Constantinopla, significou um reforço
político-militar para o Império Romano do Oriente.
c) Com a conversão de Clóvis, de acordo com a orientação da Igreja de Roma, o reino franco tornou-se
o primeiro Estado germânico sob influência papal.
d) A conversão de Clóvis ao cristianismo levou o reino franco a um prolongado conflito religioso, uma
vez que a maioria dos seus integrantes manteve-se fiel ao paganismo.
e) A conversão de Clóvis ao cristianismo permitiu à dinastia franca merovíngia a anexação da Itália a
seus domínios e a submissão do poder pontifício à autoridade monárquica.
43. Considerando-se as funções
f(x)
lo g 2 x
e
g( x )
x
2 ,
assinale a alternativa correta.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
a) f(2) = g(2).
b) f(x) e g(x) se cortam no ponto (1, 0).
c) g(x) é a função inversa de f(x).
d) f(x) corta o eixo das abscissas no ponto (-1000000, 0).
e) g(0) = f(1).
1
44. Seja
o determinante da matriz
x
x
anulam
a) 0
b) 1
c) 2
d) 3
e) 4
2
x
2
x
3
x
3
.
O número de possíveis valores de x reais que
1
é
45. As funções reais f e g estão representadas no gráfico abaixo.
O conjunto solução da inequação produto
a)
x
R / x
b)
x
R /
c)
x
d)
x
2
ou
2
x
1
R /
2
x
2
R /
1
x
0
1
x
ou 0
f ( x ) g( x )
0
é
2
x
2
46. O sistema linear nas incógnitas x, y e z :
x
y
10
y
z
5
x
z
z
x
7
y
pode ser escrito na forma matricial AX = B , em que:
x
X
y
z
10
e B
5
.
7
Nessas condições, o determinante da matriz A é igual a:
a) 5
b) 4
c) 3
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
d) 2
e) 1
47. Se
A
T
e
A
1
representam, respectivamente, a transposta e a inversa da matriz
determinante da matriz
a)
111
b)
83
c)
166
B
A
T
2A
1
2
3
4
8
A
,
então o
é igual a:
2
2
d)
97
e)
62
2
48. Define-se a composição de funções f e g, pela equação gof(x) = g(f(x)), para todo valor x, cuja
imagem pela função f esteja no domínio de g.
Dadas as funções reais
1
x,
se x
1
x
1,
se x
1
f(x)
e
g( x )
x
2
2x
1,
a composição de f e g para o ponto 2 vale
a) 0
b) 1
c) –1
d) –2
49. As frutas são fontes naturais de vitaminas e sais minerais e auxiliam na prevenção de doenças.
Suponha que as equações do sistema
70 X
ax
20x
ay
by
260
7z
12z
194
84
representam, respectivamente, a quantidade de vitamina C, cálcio e fósforo, quando são ingeridas as
porções x , y e z de três tipos de frutas diferentes. Sabe-se que o sistema tem como solução x 3 ,
y
1 e z
2.
Qual é o determinante da matriz dos coeficientes do sistema?
a) 1.120.
b) 2.200.
c) 12.880.
d) 32.480.
e) 62.200.
50. Nas construções, uma das funções das janelas é a de promover a ventilação natural dos
ambientes, como recurso para o controle de temperatura e da qualidade do ar interior.
De acordo com especificações técnicas de uma determinada cidade, a área da janela da sala de uma
residência deve ser igual a, pelo menos, 20% da área do piso dessa sala.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Em uma casa dessa cidade, na sala cujo piso tem a forma de um retângulo 4, 5
instalada uma janela retangular de N metros de largura por 1,80 m de altura.
m
6, 0 m
, será
Nessas condições, para que as especificações mínimas sejam atendidas, o valor de N deve ser
a) 1,0.
b) 1,5.
c) 2,0.
d) 2,5.
e) 3,0.
51. Sobre equações algébricas, considere as seguintes afirmações:
I. Na equação
lo g 1
2x
3
9x
1
1
1
ab
bc
ac
2
10x
1
é
3
0,
sabendo que a, b e c são raízes reais, o valor de
.
2
9
II. Um recipiente cônico tem 8dm de altura. Seu espaço interior é ocupado por uma esfera cujo raio tem
a metade da medida do raio do cone e por 6 0 π d m 3 de água. Então, os valores inteiros da medida do
raio do recipiente cônico e do raio da esfera (em dm) são números múltiplos de 3.
III. A equação
vale
x
3
3x
2
4x
12
0
tem raízes reais
e
a, b
c.
Então, o determinante da matriz
0
0
c
0
b
b
a
a
c
12.
Assinale a alternativa correta.
a) Todas as afirmações estão corretas.
b) As afirmações I e III estão corretas.
c) As afirmações I e II estão corretas.
d) Apenas a afirmação II está correta.
52. Se os números reais x, y, z, m, n, p, u, v, w formam, nesta ordem, uma progressão geométrica de
razão q, então o valor do determinante da matriz
M
x
y
z
m
n
p
u
v
w
é
a) 1.
b) 0.
c) xnw.
d) q3.
53. Se a matriz
3
4
x
x
for multiplicada pelo valor do seu determinante, este ficará multiplicado por
1
4 9 . Um dos possíveis valores de
a) 5
b) –3
c) 1
d) –4
e) 2
x
é:
2
54. Uma matriz quadrada
P
(a ij)
é simétrica quando
a ij
a ji.
Por exemplo, a matriz
3
5
simétrica.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
3
5
7
4
4
1
é
x
Se a matriz
M
y
x
y
xy
1
y
x
2y
6
x
1
1
é simétrica, pode-se afirmar corretamente que o determinante de M é
igual a
a) – 1.
b) – 2.
c) 1.
d) 2.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Emoções na montanha-russa (fragmento)
Uma das sensações mais intensas e perturbadoras 4que se pode experimentar, neste nosso mundo
atual, é um passeio na montanha-russa. Só não é nem um pouco recomendável para quem tenha
problemas com os nervos ou com o coração, nem para aqueles com o sistema digestivo sensível. A
própria decisão de entrar na brincadeira já requer alguma coragem, a gente sabe 1que a emoção pode
ser forte até demais e 2que podem decorrer consequências imprevisíveis. Entra quem quer ou quem se
atreve, mas sabe-se também 3que muita gente entra forçada por amigos e pessoas queridas, meio que
contra a vontade, pressionada pela vergonha de manifestar sentimentos de prudência ou o puro medo.
Mas, uma vez que se entra, 5que se aperta a trava de segurança e a geringonça se põe em movimento,
a situação se torna irremediável. Bate um frio na barriga, o corpo endurece, as mãos cravam nas alças
do banco, a respiração se torna cada vez mais difícil e forçada, o coração descompassa, um calor
estranho arde no rosto e nas orelhas, ondas de arrepio descem do pescoço pela espinha abaixo.
Nicolau Sevcenko: A corrida para o século XXI: no loop da montanha-russa.
55. A pontuação entre as orações do último parágrafo sugere a descrição de reações emocionais
múltiplas e simultâneas, em ritmo tão acelerado, que se confundem numa única imagem: a tensão do
corpo. A informação rítmica dos acontecimentos, portanto, é uma leitura de entrelinhas e uma das
funções cumpridas pela pontuação. Outra pontuação adequada poderia ser feita nesse trecho. Ele
continuaria correto, não alteraria o sentido declarativo, mas alteraria a informação rítmica sugerida pela
sucessão dos eventos informados. Essa pontuação seria a
a) substituição das vírgulas por pontos.
b) substituição das vírgulas por dois-pontos.
c) eliminação das vírgulas.
d) substituição das vírgulas por travessões.
e) substituição das vírgulas por pontos de interrogação.
56. A preposição DE pode preceder diferentes tipos de funções sintáticas, por exemplo, objeto indireto,
como na frase Eu preciso de você. O termo destacado também exerce a função de objeto indireto em
a) A construção de novas casas deve ser uma prioridade no governo atual.
b) Necessitamos de novas casas para abrigar a população.
c) A necessidade de novas casas não pode ser esquecida pelo governo.
d) A banca de madeira quebrou completamente.
e) A mesa de madeira está no outro cômodo.
TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 4 QUESTÕES:
Filosofar para preservar
O modelo consumista de produção da atualidade é ecocida em sua natureza e antiecológico em sua
finalidade
Alfeu Trancoso *
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Filosofar é fazer pensar, refletir sobre como gerenciar melhor nossas escolhas cotidianas. Essa
arte do bem pensar deve orientar nossas emoções e condecorar nossas conquistas. Pensar para não
sofrer, eis um dos lemas centrais dessa atividade interrogante que tem por finalidade nos fazer
encontrar a sabedoria do feliz. Por ser uma arte, todos a desejam, mas apenas uns poucos a atingem. E
esses são os sábios, aqueles que conseguem monitorar com destreza as artimanhas do viver, fugindo
das seduções do efêmero e dos negativismos atuais. Sabemos que muita gente não gosta de pensar,
mas podemos aprender a gostar dessa atividade, já que todo amor é um aprendizado, fruto de um
persistente esforço. Não existe gratuidade na vida. Toda pessoa doadora sabe disso. Ela dá porque
recebe, ama porque é amada.
Há outro desafio fundamental para a vida que o ser humano teima em não assumir em sua
amplitude: as implicações ecológicas da nossa relação com o planeta. Conseguimos avanços
significativos na esfera da política e da educação, em geral, mas na área dos sistemas econômicos
pouca coisa foi conquistada. O sistema global de produção continua agindo como se os objetivos a
alcançar fossem os mesmos de 200 anos atrás. O frenesi do crescimento a qualquer custo atinge todos
os recantos da Terra. A roda acelerada desde o século XIX não pode parar. Para haver riqueza, é
preciso produzir, consumir, obter lucro, criar mais trabalho, produzir e repetir tudo de novo numa ciranda
sem fim. Acreditam que, quanto mais consumirmos, mais trabalho criamos,mais o país pode se
desenvolver. O modelo consumista de produção da atualidade é „ecocida‟ em sua natureza e
antiecológico em sua finalidade. O planeta não mais suporta tamanha pressão sobre os seus já
limitados recursos. Os ecologistas lançam pelos quatro cantos do mundo seus gritos de alarme. Mas os
donos do poder industrial tapam os ouvidos a essas lamentações. É impossível pensarmos em
crescimento e sustentabilidade num sistema em que a obsolescência é planejada e o desperdício é o
motor da reposição. Quase todos agem como se os recursos fossem ilimitados. É lógico que todos nós
precisamos consumir, mas consumo para suprir nossas necessidades e não para satisfazer o poço sem
fundo dos nossos desejos. Todo o sistema global de produção atual aposta na ideia de que o supérfluo
é mais importante do que o necessário.
Concluindo, podemos afirmar que a reflexão filosófica nos ajuda a encontrar uma luz no meio do
túnel antes que o dique se rompa e a inundação esmague todos. Filosofar é apontar expectativas e,
nesse aspecto, todas as pessoas de bom senso devem, com urgência, utilizar a reflexão para propor
novos caminhos ou uma saída para o impasse civilizatório em que nos encontramos. Urge lutarmos por
uma sociedade mais verde, mais interativa com a natureza. Devemos saber que a luta ecológica não é
somente uma luta para a preservação da espécie humana, mas de todas as espécies do planeta, já que
somos fios da mesma rede interativa que forma o tecido da vida na Terra.
(*) Ambientalista e professor de Filosofia da PUC Minas
Disponível em: <http://www.revistaecologico.com.br>. Acesso em: 10 set. 2013.
57. De acordo com o texto, o ato de filosofar
a) deixa o ser humano à margem dos problemas sociais.
b) estimula reações emocionais perante nossas conquistas.
c) propicia o discernimento necessário à tomada de decisões.
d) assegura uma postura otimista frente aos percalços da vida.
58. No último parágrafo, o autor usa a expressão “impasse civilizatório” para referir-se à(ao)
a) consumo excessivo e à distribuição de riquezas.
b) superação do deficit econômico e à garantia de sustentabilidade.
c) desenvolvimento industrial e à preservação dos recursos naturais.
d) necessidade de produção de bens e à descoberta de novas fontes de energia.
59. As orações estão ligadas por uma relação de proporcionalidade em:
a) “Ela dá porque recebe, ama porque é amada.”
b) “Acreditam que, quanto mais consumirmos, mais trabalho criamos, mais o país pode se desenvolver.”
c) “O sistema global de produção continua agindo como se os objetivos a alcançar fossem os mesmos
de 200 anos atrás.”
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
d) “Para haver riqueza, é preciso produzir, consumir, obter lucro, criar mais trabalho, produzir e repetir
tudo de novo numa ciranda sem fim.”
60. A passagem em que as palavras foram empregadas em sentido literal é
a) “Não existe gratuidade na vida.”
b) “A roda acelerada desde o século XIX não pode parar.”
c) “(...) e não para satisfazer o poço sem fundo dos nossos desejos.”
d) “(...) somos fios da mesma rede interativa que forma o tecido da vida na Terra.”
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Leia o texto abaixo para responder às questões.
27
Aumenta o número de adultos que não consegue focar sua atenção em uma única coisa por muito
tempo. 37São tantos os estímulos e tanta a pressão para que o entorno seja completamente
desvendado que aprendemos a ver e/ou fazer várias coisas ao mesmo tempo. 34Nós nos tornamos, à
semelhança dos computadores, pessoas multitarefa, não é verdade?
41
Vamos tomar como exemplo uma pessoa dirigindo. 4Ela precisa estar atenta aos veículos que vêm
atrás, ao lado e à frente, à velocidade média dos carros por onde trafega, às orientações do GPS ou de
programas que sinalizam o trânsito em tempo real, 6às informações de 29alguma emissora de rádio que
comenta o trânsito, ao planejamento mental feito e refeito 9várias vezes do trajeto 20que deve fazer para
chegar ao seu destino, aos semáforos, faixas de pedestres etc.
35
Quando me vejo em tal situação, 19eu me lembro que 14dirigir, 45após um dia de intenso trabalho no
retorno para casa, já foi uma atividade prazerosa e desestressante.
18
O uso da internet ajudou a transformar nossa maneira de olhar para o mundo. Não 23mais observamos
os detalhes, 1por causa de nossa ganância em relação a novas e diferentes informações. Quantas
vezes sentei em frente ao computador 44para buscar textos sobre um tema 38e, de repente, 24me dei
conta de que estava em 39temas 15que em nada se relacionavam com meu tema primeiro.
Aliás, a leitura também sofreu transformações pelo nosso costume de ler na internet. 16Sofremos de
uma tentação permanente de 43pular palavras e frases inteiras, apenas para irmos direto ao ponto. O
problema é que 22alguns textos exigem a leitura atenta de palavra por palavra, de frase por frase, para
que faça sentido. 5Aliás, não é a combinação e a sucessão das palavras que dá sentido e beleza a um
texto?
3
Se está difícil para nós, adultos, focar nossa atenção, imagine, caro leitor, para as crianças. 2Elas já
nasceram neste mundo de 8profusão de estímulos de todos os tipos; elas são exigidas, desde o início
da vida, a dar conta de várias coisas ao mesmo tempo; elas são estimuladas com diferentes objetos,
sons, imagens etc.
46
Aí, um belo dia elas vão para a escola. Professores e pais, a partir de então, querem que as crianças
prestem atenção em uma única coisa por muito tempo. 36E quando elas não conseguem, reclamamos,
levamos ao médico, arriscamos hipóteses de que sejam portadoras de síndromes que exigem
tratamento etc.
42
A maioria dessas crianças sabe focar sua atenção, sim. Elas já sabem usar programas complexos em
seus aparelhos eletrônicos, 10brincam com jogos desafiantes que exigem atenção constante aos
detalhes e, se deixarmos, 21passam horas em uma única atividade de que gostam.
17
Mas, nos estudos, queremos que elas prestem 26atenção no que é preciso, e não no que gostam. 28E
isso, caro leitor, exige a árdua aprendizagem da autodisciplina. Que leva tempo, é bom lembrar.
32
As crianças precisam de nós, pais e professores, para começar a aprender isso. Aliás, 31boa parte
desse trabalho é nosso, e não delas.
12
Não basta mandarmos que elas prestem atenção: 33isso de nada as ajuda. 13O que pode ajudar, por
exemplo, é 40analisarmos o contexto em que estão 7quando precisam focar a atenção 25e organizá-lo
para que seja favorável a tal exigência. 11E é preciso lembrar que não se pode esperar toda a atenção
delas por muito tempo: 30o ensino desse quesito no mundo de hoje é um processo lento e gradual.
SAYÃO, Rosely. “Profusão de estímulos”. Folha de São Paulo, 11 fev. 2014 – adaptado.
61. Que opção está correta em relação aos aspectos morfossintáticos do texto?
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
a) Nos fragmentos “Aumenta o número de adultos que não conseguem [...].” (ref. 27) e “Não basta
mandarmos que elas prestem [...].” (ref. 12), os termos destacados pertencem à mesma categoria
gramatical.
b) Em “As crianças precisam de nós, pais e professores, para começar a aprender isso.” (ref. 32) e “Se
está difícil para nós, adultos, [...].” (ref. 3), os termos em destaque exercem funções sintáticas
distintas.
c) Os vocábulos destacados em “[...] isso de nada as ajuda.” (ref. 33) e “Nós nos tornamos, à
semelhança [...].” (ref. 34) apresentam a mesma classificação sintática.
d) Na oração “Se está difícil para nós, adultos, focar nossa atenção, imagine, caro leitor [...].” (ref. 3) os
termos em destaque exercem a mesma função sintática.
e) Os termos destacados em “[...] isso de nada as ajuda” (ref. 33) e “Quando me vejo em tal situação
[...].” (ref. 35) pertencem a categorias gramaticais distintas.
TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES:
Preto e Branco
Perdera o emprego, 5chegara a passar fome, sem que 6ninguém 2soubesse: por
constrangimento, afastara-se da roda 7boêmia escritores, jornalistas, um sambista de cor que vinha a
ser o seu mais velho que antes costumava frequentar companheiro de noitadas.
De repente, a salvação lhe apareceu na forma de um americano, que lhe 3oferecia um emprego
numa agência. Agarrou-se com unhas e dentes à oportunidade, vale dizer, ao americano, para garantir
na sua nova função uma relativa estabilidade.
E um belo dia vai seguindo com o chefe pela rua 10México, já distraído de seus passados
tropeços, mas tropeçando obstinadamente no inglês com que se entendiam – quando vê do outro lado
da rua um preto agitar a mão para ele.
Era o sambista seu amigo.
Ocorreu-lhe desde logo que ao americano 4poderia parecer estranha tal amizade, e mais ainda
incompatível com a ética ianque a ser mantida nas funções que passara a exercer. Lembrou-se num
átimo que o americano em geral tem uma coisa muito séria chamada preconceito racial e seu critério de
julgamento da capacidade funcional dos subordinados talvez se deixasse influir por essa odiosa
deformação. Por via das dúvidas correspondeu ao cumprimento de seu amigo da maneira mais discreta
que lhe foi possível, mas viu em pânico que ele atravessava a rua e vinha em sua direção, sorriso
aberto e braços prontos para um abraço.
Pensou rapidamente em se esquivar – não dava tempo: o americano também se detivera, vendo
o preto aproximar-se.
Era seu amigo, velho companheiro, um bom sujeito, dos melhores mesmo que já conhecera –
acaso jamais chegara sequer a se lembrar que se tratava de um preto? Agora, com o gringo ali a seu
lado, todo branco e sardento, é que percebia pela primeira vez: não podia ser mais preto. Sendo assim,
tivesse paciência: mais tarde lhe explicava tudo, haveria de compreender. Passar fome era muito bonito
nos romances de Knut Hamsun, lidos depois do jantar, e sem credores à porta. Não teve mais dúvidas:
virou a cara quando o outro se 1aproximou e fingiu que não o via, que não era com ele.
E não era mesmo com ele.
Porque antes de 9cumprimentá-lo, talvez ainda sem 8tê-lo visto, o sambista abriu os braços para
acolher o americano – também seu amigo.
SABINO, Fernando. A mulher do vizinho. 7.ed. Rio de Janeiro: Record, 1962. p.163-4.
62. Assinale a alternativa correta relativamente à acentuação gráfica das palavras sublinhadas no
texto.
a) O pronome ninguém (ref. 6) recebe acento por ser uma monossílaba tônica terminada em em.
b) O substantivo boêmia (ref. 7) é acentuado por ser palavra proparoxítona.
c) A combinação da forma verbal ter com o pronome oblíquo o, resultou em tê-lo (ref. 8), que é
acentuado por se tratar de paroxítona terminada em o.
d) A forma verbal cumprimentá (ref. 9) é acentuada porque, ao associar-se ao pronome o, perdeu o r
final, tornando-se uma oxítona terminada em a.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
e) O substantivo México (ref. 10) recebe acento porque é uma palavra importada, que precisa manter o
acento original.
63. Segundo o texto, é correto afirmar que:
a) pode-se inferir que o protagonista tinha amizade com o sambista negro por interesse, uma vez que
talvez precisasse dele um dia.
b) o protagonista mostra-se preconceituoso, não propriamente com relação ao amigo negro, mas com
relação ao americano.
c) o texto deixa claro que o protagonista é um interesseiro, que só se aproximou do americano visando
a um emprego.
d) o protagonista não vê mal em fingir que não conhece o amigo negro, pois tem certeza de que este
perceberá de imediato que a amizade entre eles poderia parecer comprometedora aos olhos do
americano.
e) o texto deixa claro que os americanos, efetivamente, ostentam um sério preconceito racial.
TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES:
Enigma do cérebro avariado
Enquanto cientistas tentam entender a genialidade de Albert Einstein, a medicina se surpreende
com circunstâncias absolutamente opostas: das pessoas que vivem bem com apenas parte do cérebro.
Dois anos atrás, uma radiografia de rotina revelou um oco no interior da cabeça de um francês de 44
anos. Só depois de submetê-lo a exames de tomografia e ressonância magnética, os médicos da
Universidade do Mediterrâneo, em Marselha, perceberam que ele tinha cérebro, mas minúsculo e
alojado como uma capa rente ao crânio. Ainda assim, esse francês viveu quatro décadas sem chamar a
atenção. Vinte anos atrás o cérebro era visto como sendo formado por setores estanques, cada um
deles responsável por determinada habilidade.
A descoberta da neurogênese, o processo de produção de novos neurônios ao longo da vida,
em 1998, e o avanço da tecnologia de neuroimagens revelaram uma realidade diferente. O cérebro tem
capacidade de se regenerar e de se adaptar. Quando uma área sofre dano, outra pode muitas vezes
assumir suas funções. Oito em cada dez crianças que, para curar a epilepsia, tiveram um hemisfério
retirado vivem normalmente com meio cérebro. “As conexões cerebrais são globais. Cada tarefa é
realizada não por uma única área, mas por uma densa rede de neurônios”, explica Benito Damasceno,
chefe do departamento de neurologia da Faculdade de Medicina da Unicamp. As funções vitais, como o
batimento cardíaco e a respiração, estão protegidas em áreas profundas, como o hipotálamo e o tronco
cerebral. A maior parte do cérebro é constituída de massa encefálica, sem nenhuma função vital. Isso
explica como uma pessoa pode ter a cabeça transpassada por um arpão e sobreviver sem sequelas.
“O cérebro é mais parecido com uma floresta do que com um relógio ou computador, como se pensava
no passado.”, diz o neurologista Mauro Muszkat, da Universidade Federal de São Paulo.
(Carolina Romanini – Revista Veja, 21 de outubro de 2009 p.103)
64. Pode-se concluir após a leitura do texto que:
a) os estudos do cérebro contribuíram para a cura de pacientes com danos cerebrais como a epilepsia.
b) o cérebro é uma intensa rede neural, oco, com setores estanques e com capacidade de regeneração.
c) a ciência descobriu que o cérebro avariado pode se regenerar, porque uma área assume a função da
afetada.
d) pensava-se antes que o cérebro se parecia com um relógio ou um computador porque possui uma
densa rede neural.
e) Albert Einstein foi um neurologista que viveu quatro décadas com o cérebro avariado e ainda assim
foi um gênio.
65. Assinale a alternativa correta, após analisar as proposições a seguir.
I. A expressão “Dois anos atrás” poderia ser substituída, sem prejuízo ao significado, por “Há dois
anos”.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
II. Em “Cada tarefa é realizada não por uma única área” o pronome em negrito pode ser substituído por
toda, sem prejuízo ao significado.
III. A expressão “Circunstâncias absolutamente opostas” quer dizer, no texto, “circunstâncias nada
opostas”.
Está(ão) correta(s) apenas:
a) I.
b) II.
c) III.
d) I e III.
e) II e III.
66. Um automóvel tem entre seus componentes uma bateria e um alternador.
Sobre esses componentes considere as seguintes afirmações:
I) a bateria é um gerador eletromecânico.
II) o alternador tem a função de recarregar eletricamente a bateria.
III) o alternador é um gerador eletromecânico.
IV) a bateria, entre outras funções, fornece corrente elétrica para acender os faróis do carro.
É correto o que se afirma apenas em:
a) I.
b) II.
c) II e IV.
d) II e III.
e) II, III e IV.
67. Com relação aos conceitos de eletricidade e magnetismo, coloque V (verdadeiro) ou F (falso) nas
afirmativas abaixo e, em seguida, assinale a opção que apresenta a sequência correta.
(
) Na eletrização por atrito, o corpo que perde elétrons passa a ter mais prótons do que possuía
anteriormente e, nesse caso, fica eletrizado com carga positiva.
( ) Condutores são corpos que facilitam a passagem da corrente elétrica, pois possuem uma grande
quantidade de elétrons livres.
( ) Um ímã em forma de barra, ao ser cortado ao meio, dá origem a dois novos ímãs, cada um com
apenas um polo (norte ou sul).
( ) A bússola magnética, cuja extremidade encarnada é o seu polo norte, aponta para uma direção
definida da Terra, próxima ao Polo Norte Geográfico.
( ) Geradores são dispositivos que transformam outras formas de energia em energia elétrica.
( ) O chuveiro elétrico pode ser considerado um resistor, pois transforma energia elétrica em energia
exclusivamente térmica.
a) F – V – F – V – V – V
b) F – F – V – V – F – V
c) V – F – F – V – V – F
d) V – V – V – F – F – F
e) F – V – V – F – F – V
68. Como funciona a Máquina de Xerox
Quando se inicia a operação em uma máquina de Xerox, acende-se uma lâmpada, que varre todo o
documento a ser copiado. A imagem é projetada por meio de espelhos e lentes sobre a superfície de
um tambor fotossensível, que é um cilindro de alumínio revestido de um material fotocondutor.
Os fotocondutores são materiais com propriedade isolante no escuro. Mas, quando expostos à luz, são
condutores. Assim, quando a imagem refletida nos espelhos chega ao tambor, as cargas superficiais do
cilindro se alteram: as áreas claras do documento eliminam as cargas elétricas que estão sobre a
superfície do cilindro e as áreas escuras as preservam. Forma-se, então, uma imagem latente, que
ainda precisa ser revelada. Para isso, o cilindro é revestido por uma fina tinta de pó, o tonalizador, ou
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
toner, que adere à imagem latente formada sobre o tambor. Em seguida, toda a imagem passa para as
fibras do papel, através de pressão e calor. E, assim, chega-se à cópia final.
Fonte: Revista Globo Ciência, dez. 1996, p. 18.
O texto acima se refere a uma aplicação do fenômeno de eletrização, pois é graças a ele que o toner
adere ao cilindro metálico mencionado. O processo de eletrização pode ocorrer de três formas distintas:
atrito, indução e contato, mas todos os processos têm algo em comum. É CORRETO afirmar que o
comum destes processos é:
a) Deixar o corpo eletrizado, com um desequilíbrio entre o número de cargas elétricas positivas e
negativas.
b) Deixar o corpo eletrizado, com um equilíbrio entre o número de cargas elétricas positivas e negativas.
c) Arrancar as cargas positivas do corpo eletrizado.
d) Deixar o corpo eletrizado com uma corrente elétrica negativa.
e) Deixar o corpo eletrizado com um campo magnético.
69. Quando atritamos uma régua de plástico com um pedaço de lã:
I. Fazemos com que a régua de plástico fique carregada com cargas elétricas e o pedaço de lã continue
neutro eletricamente, pois o papel da lã é de atritar a régua.
II. Fazemos com que a régua de plástico fique carregada com cargas elétricas e o pedaço de lã fique
carregado com cargas elétricas contrárias às da régua, pois há transferência de cargas de um
material para o outro.
III. Fazemos com que a régua de plástico fique carregada eletricamente com o mesmo tipo de cargas da
lã, pois a transferência de cargas se dá de um objeto carregado para o outro.
IV. A régua de plástico e a lã ficam eletricamente neutros, pois o processo de eletrização por atrito é o
processo de indução de cargas.
Está(ão) correta(s):
a) I.
b) II.
c) III.
d) IV.
e) I e IV.
70. Um estudante deseja determinar o estado de eletrização de uma bexiga de aniversário. Para isso,
ele aproxima um corpo A, que não se sabe se está ou não eletrizado, e observa que há atração com a
bexiga. Após isso, ele pega outro corpo B, carregado positivamente, e aproxima-o da bexiga
e verifica novamente a atração. A partir dessa sequência, são feitas as seguintes afirmações:
I. Não se pode afirmar se o estado de eletrização da bexiga é neutro ou carregado.
II. Se o corpo A estiver negativamente carregado, então a bexiga está necessariamente neutra.
III. Se o corpo A estiver carregado positivamente, então a bexiga estará necessariamente carregada
com carga negativa.
São corretas as afirmações
a) I, apenas.
b) II, apenas.
c) I e III, apenas.
d) I e II, apenas.
e) I, II e III.
71. Fenômenos elétricos e fenômenos magnéticos fazem parte da vida diária das pessoas. Em relação
a esses fenômenos, assinale a opção correta de acordo com os conhecimentos da física.
a) O polo norte da agulha magnética de uma bússola será atraído pelo polo sul geográfico da Terra,
pois polos de nomes diferentes se atraem.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
b) Nos telefones existem eletroímãs que, como se sabe, funcionam devido à passagem da corrente
elétrica, que transfere elétrons para o núcleo de ferro do eletroímã.
c) A eletricidade estática acumulada num corpo pode provocar faíscas. Por isso, nos navios que
transportam petróleo, os tripulantes não devem usar sapatos com solado de borracha, que é um
isolante elétrico.
d) Corpos condutores de eletricidade ficam eletrizados mais facilmente que os corpos isolantes, pois
nos isolantes os elétrons não se movem.
e) Na eletrização por atrito os corpos ficam eletrizados com cargas de sinais contrários. Assim, o
corpo que ficou eletrizado positivamente ganhou prótons e o que ficou negativamente eletrizado
ganhou elétrons.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
INSTRUÇÃO GERAL
Consulte os dados a seguir, para resolver as questões, quando for necessário.
aceleração da gravidade = 10 m/s2
densidade do aço: 7,3 g/cm3
densidade do mercúrio: 13,6 g/cm3
72. Um carro se desloca com movimento retilíneo uniformemente variado em uma estrada plana,
passando em um determinado ponto com velocidade de 15 m/s. Sabendo-se que ele gasta 5,0
segundos para percorrer os próximos 50 metros, sua velocidade no final do trecho, em m/s, é de
a) 5.
b) 10.
c) 15.
d) 20.
73. Um móvel efetua um movimento retilíneo uniformemente variado, obedecendo à função horária S =
t2 + 5, onde o espaço S é medido em metros e o instante t em segundos.
A velocidade do móvel no instante t = 10 s vale:
a) 15 m/s.
b) 10 m/s.
c) 5 m/s.
d) 2 m/s.
e) 20 m/s.
74. Sobre os movimentos Retilíneo Uniforme e Retilíneo Uniformemente Variado é correto afirmarmos
que:
a) no MRU a velocidade é constante e diferente de zero. No Movimento Retilíneo Uniformemente
Variado a aceleração é constante e diferente de zero.
b) no Sistema Internacional de Unidades, medimos a velocidade em km/h e a aceleração em m/s2.
c) na equação horária x = 8 + 2 t (S.I.) o espaço inicial vale 2 m.
d) quando a velocidade é negativa, o móvel está andando de marcha ré.
e) no MRUV, a velocidade varia devido a aceleração ser variável.
75. O gráfico a seguir representa a posição em função do tempo de uma partícula em movimento
retilíneo uniforme sobre o eixo x.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
É CORRETO afirmar que:
a) em t = 1,0 s, x = 5,0 m
b) em t = 2,0 s, x = 6,0 m
c) em t = 3,0 s, x = 5,0 m
d) em t = 4,0 s, x = 6,0 m
e) em t = 5,0 s, x = 7,0 m
76. As figuras a seguir representam as posições sucessivas, em intervalos de tempo iguais, e fixos,
dos objetos I, II, III e IV em movimento.
O objeto que descreveu um movimento retilíneo uniforme foi
a) I
b) II
c) III
d) IV
77. Em uma prática de laboratório, um aluno observa que uma pequena bola, em movimento retilíneo
uniformemente variado, passa por um ponto A com velocidade de 1,0 m/s, e por um ponto B, 2,0 m à
direita de A, com 3,0 m/s. O tempo que a bolinha levará, para cumprir um trecho BC, se o ponto C está
a 4,0 m à direita de B, será de:
a) 0,25 s
b) 0,50 s
c) 1,0 s
d) 2,0 s
e) 4,0 s
78. As figuras 1 e 2 a seguir representam, respectivamente, todas as forças, constantes e coplanares,
que atuam sobre uma partícula e o diagrama da soma vetorial destas forças.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Com base nestas informações, pode-se afirmar que a partícula certamente estará em
a) repouso.
b) movimento retilíneo uniforme.
c) equilíbrio.
d) movimento circular uniforme.
79. A escassez de recursos hídricos pode ser vista como resultado de um conjunto de fatores naturais
e humanos que variam em cada região. No caso da região Sudeste, em especial da região
metropolitana de São Paulo, entre os fatores humanos que contribuem diretamente para a restrição da
disponibilidade de água estão:
a) a transposição de bacias hidrográficas e o grande consumo agrícola de recursos hídricos.
b) a intensa poluição de rios e lençóis freáticos e o grande consumo urbano e industrial de recursos
hídricos.
c) o grande consumo urbano e agrícola de recursos hídricos e a inexistência de infraestruturas de
captação, tratamento e distribuição de água.
d) a preservação de vastas extensões de floresta nativa e a transposição de bacias hidrográficas.
e) a inexistência de infraestruturas de captação, tratamento e distribuição de água e a intensa poluição
d rios e lençóis freáticos.
80. Assinale a alternativa que estiver correta:
a) Os planetas são astros luminosos.
b) O Big Bang foi a explosão de um acúmulo de matéria e energia, extraordinariamente comprimidos.
c) Estrelas são astros iluminados.
d) A Terra é o maior planeta do sistema solar.
e) Mercúrio é o planeta mais distante do Sol.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
O AZUL DA COR DA TERRA
Quando, em 12 de abril de 1961, o planeta Terra foi visto a uma distância jamais atingida antes
por qualquer mortal, o astronauta soviético Yuri Gagarin, que foi o primeiro a vê-la sob este ângulo,
exclamou admirado:
- A Terra é azul!
Pela primeira vez fotografada, assim foi ela vista também pelos olhos não menos admirados de
toda a humanidade: AZUL! Azul da cor da água límpida dos lagos, rios, mares e oceanos que cobrem a
maior parte da superfície de nosso planeta chamado, contraditoriamente (ou não), de Terra.
Água que existe em toda parte, dentro e fora de nós, e cuja presença percebemos ou
pressentimos o tempo todo, ainda que não a vejamos na forma líquida, que, por algum motivo, sempre
nos pareceu "a mais normal".
Sob essa ou outras formas que lhe são próprias, ela está mesmo em toda parte, ainda que não
tão evidente e explícita para nós: está nos lugares, nos objetos e nos seres animais, vegetais e minerais
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
que constituem o nosso ambiente natural, social e cultural.
Se não está no momento presente, já esteve em algum outro tempo na formação, composição,
preparação, conservação ou na higienização dos objetos que nos rodeiam, por mais sólidos, rígidos,
resistentes ou por mais etéreos que sejam. Como também está ou já esteve nas paisagens e nos
ambientes onde tais objetos e seres se encontram.
Está nos alimentos, remédios, tratamentos de saúde, vestimentas, edificações; na luz que nos
ilumina e no ar condicionado que aquece ou refrigera nossos ambientes; na decoração, arte, literatura;
no lazer e no transporte; na política, economia e religião. Nas comemorações de paz e nas disputas de
guerra. Enfim, no nascimento, na sobrevivência e na morte.
Graças à água, a humanidade se libertou de suas limitações, à medida que soube aproveitá-la,
conduzindo-a para os lugares onde melhor poderia ser utilizada e servir às suas inúmeras
necessidades.
Contudo, apesar da dádiva que ela sempre representou para nós, humanos, as relações das
civilizações modernas e pós-modernas, com essa mãe provedora, nem sempre têm sido pautadas pelo
princípio do "amor com amor se paga".
Hoje, a nossa Terra corre o risco de se tornar um planeta de terras áridas pelos maltratos que
infligimos à natureza, em suas mais variadas manifestações e diversidade.
Mas quem usa, cuida; quem necessita, zela; quem ama, protege. Quem recebeu a dádiva da
vida deve manter viva a fonte da qual a recebeu.
Daí a razão de termos escolhido a ÁGUA como tema para análise e reflexão nesta prova.
Planeta Terra: este planeta Azul que, um dia, o compositor e cantor Guilherme Arantes
homenageou com a belíssima música "Planeta Água".
Águas que movem moinhos são
as mesmas águas que
encharcam o chão
E sempre voltam humildes pro
fundo da terra, pro fundo da
terra
Terra, planeta água
81.
Analise o texto que apresenta características de uma das bacias hidrográficas de países e, em seguida,
identifique essa bacia no Mapa.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Segundo o Censo 2000, a região dessa bacia abriga cerca de 15 milhões de habitantes, distribuídos em
503 municípios de sete unidades da federação. Décadas de ocupação da região determinaram a
evolução de um processo de degradação ambiental, estendendo-se por toda a bacia, o qual
compromete gravemente o desenvolvimento econômico da região, a sustentabilidade ambiental e as
oportunidades de a população atingir um nível de igualdade social. O rio principal dessa bacia, chamado
de "Rio da Unidade Nacional", atravessa uma região semiárida, mas não seca porque traz água de
outra Região do país. No inverno, quando chove muito, ele enche e transborda, chegando a ficar, em
alguns trechos, com cerca de 10 km de largura. No seu trajeto, ele segue calmo e às vezes em quedas,
banhando e levando esperança para as populações das localidades em que passa.
(Adaptado de: IBGE e www.ana.gov.br)
Essa bacia hidrográfica é denominada por
a) Bacia do Norte-Nordeste.
b) Bacia do São Francisco.
c) Bacia do Sudeste-Sul.
d) Bacia Amazônica.
e) Bacia do Leste.
82. São objetivos do Plano Diretor – SP: promover melhor aproveitamento do solo nas proximidades
do sistema estrutural de transporte coletivo com aumento na densidade construtiva, demográfica,
habitacional e de atividades urbanas; incrementar a oferta de comércios, serviços e emprego em áreas
pobres da periferia; ampliar a oferta de habitações de interesse social nas proximidades do sistema
estrutural de transporte coletivo.
Diário Oficial. Cidade de São Paulo, 01/08/2014. Adaptado.
É correto afirmar que tais medidas visam a
a) estimular a aproximação espacial entre moradia, emprego e serviços na cidade.
b) inibir a verticalização em áreas próximas a vias de circulação e nas periferias.
c) reduzir a densidade demográfica em áreas próximas ao sistema estrutural de transporte coletivo.
d) coibir a distribuição espacial do setor terciário em áreas pobres da periferia.
e) restringir a concentração espacial de habitações de interesse social a áreas periféricas da cidade.
TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 7 QUESTÕES:
TEMPO DE CRISE, TEMPO DE DESPERTAR!
"O tempo, como o espaço, tem os seus desertos e as suas solidões."
(F. Bacon)
Analistas das ciências da Terra e do cosmo nos advertem que o tempo atual se assemelha muito
às épocas de grande ruptura no processo da evolução do planeta, caracterizadas por processos de
extinção em massa. Só que o risco, agora, não vem de alguma ameaça cósmica ou de algum
cataclismo natural produzido pelo próprio planeta, como naqueles tempos: vem da atividade humana.
A atual ameaça se chama 'Homo sapiens sapiens' (homem sábio sábio), que tem se comportado
como 'Homo sapiens demens' (homem sábio demente), criando os instrumentos de sua própria
destruição. O destino da biosfera está em suas mãos, e é ele que tem de decidir se quer continuar a
viver ou autodestruir-se.
Nos últimos três séculos, a humanidade ocidental criou um estilo de vida mundializado, ao qual
estão ligadas a destruição de ecossistemas, a ameaça nuclear e a falta de compaixão, que relega
milhões e milhões de pessoas à miséria. Como consequência, os indicadores da situação mundial, hoje,
são alarmantes.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Estimativas otimistas estabelecem como data-limite o ano 2030, a partir do qual a
sustentabilidade do sistema Terra não estará mais garantida. Resumidamente, são três os nós
problemáticos que devem ser desatados urgentemente:
- o nó da exaustão dos recursos naturais não renováveis;
- o nó da suportabilidade da Terra (quanto de agressão ela pode suportar?);
- o nó da injustiça social mundial.
Temos de mudar nossa forma de pensar, de sentir, de avaliar e de agir e partir de outros
princípios mais benevolentes para com o nosso planeta, se quisermos salvá-lo e também a nós
mesmos.
Mais do que nunca, precisamos ter sabedoria para captar informações imprescindíveis, definir a
direção certa, projetar o sonho que os guiará e priorizar as ações que vão traduzir este sonho em
realidade.
Para refazer a aliança com a Terra e com todas as formas vivas nela existentes, e com elas
selar um pacto de benquerença, "sonhar" é da maior importância.
E, então, nos perguntamos:
Qual é o nosso sonho, agora? Que visões de futuro ocupam as mentes e o imaginário coletivo?
Qual a nossa capacidade de criar novos valores? Que cuidados temos tomado para com a natureza e
que benevolência suscitamos para com todos os seres da criação? Que novas tecnologias utilizamos
coerentes com eles? Que irmandade estabelecemos entre todos os povos e culturas? Quem são os
sujeitos coletivos que irão gerar a nova civilização?
Nestes tempos de deserto e solidão, temos de sonhar e viver o sonho de uma nova civilização,
não mais regional, mas coletiva e planetária e, também, mais solidária, mais ecológica, mais integradora
e mais espiritual.
(Adaptado de Leonardo Boff, O Despertar da Águia. Vozes: Petrópolis, 1998.)
83. Atualmente, quando se fala em fonte alternativa de energia, pensa-se em uma energia pouco
poluente e, de preferência, abundante na natureza.
Dentre as fontes alternativas de energia, aquela que já é LARGAMENTE UTILIZADA, no Brasil, pelos
veículos automotores e CONSIDERADA RENOVÁVEL é
a) o gás natural, proveniente da Bolívia, que produz muito menos poluentes.
b) o etanol, produzido da cana-de-açúcar, que é mais conhecido como álcool.
c) o gás metano, que se forma nos aterros sanitários espalhados pelas grandes metrópoles.
d) a gasolina, sem o antidetonante e com chumbo, que propicia menor liberação de gás carbônico.
e) o biodiesel da mamona, produzido em usinas brasileiras, que substitui o óleo diesel de petróleo.
84. Reflita sobre o cartaz do Greenpeace.
Identifique a alternativa que apresenta uma proposta para minimizar o problema denunciado pela ONG.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
a) Execução de projetos de redução das queimadas na região.
b) Retirada dos grupos indígenas das áreas de floresta fechada.
c) Elaboração de estudos sobre as espécies de animais em extinção.
d) Planejamento de pacotes ecoturísticos voltados para a classe média.
e) Divulgação de cartazes incentivando o uso intensivo do carvão vegetal.
85.
Efeito estufa é o fenômeno provocado pelo calor proveniente do Sol, refletido pela Terra na atmosfera e
retido por uma capa de gases. Apesar de natural, o efeito tem se intensificado pela ação humana com a
queima de combustíveis fósseis, desmatamento, dentre outros. Pode-se afirmar que o efeito estufa
ocorre devido à formação de
a) uma fonte térmica terrestre capaz de transferir, por condução, calor para o subsolo, rios e oceanos.
b) correntes de convecção, que intensificam a dispersão da poluição atmosférica, evitando a chamada
inversão térmica.
c) gases-estufa acumulados na atmosfera que bloqueiam a saída do calor irradiado pelo solo, elevando
a temperatura da Terra.
d) um manto de ar na superfície terrestre, que possibilita aos seres humanos se adaptarem facilmente
às novas condições climáticas.
e) poluentes atmosféricos que contaminam o ar e produzem odores indesejáveis, não ameaçando a
vida humana, animal ou vegetal.
86. De acordo com o IPCC, algumas ações humanas estão agravando o aquecimento do planeta.
Entre as citadas a seguir, aponte AQUELA QUE ESTÁ EM DESACORDO com as propostas para
redução da emissão de gases do efeito estufa.
a) Deixar o carro em casa, pelo menos uma vez por semana.
b) Substituir o uso do carro pela bicicleta ou caminhar sempre que possível.
c) Ampliar a produção de carros movidos a diesel, combustível de menor preço.
d) Investir em tecnologias para desenvolver biocombustíveis a partir da biomassa.
e) Utilizar o transporte coletivo ou compartilhar o automóvel com pessoas conhecidas.
87. Considere o gráfico sobre emissões anuais de dióxido de carbono (CO2).
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Após a análise do gráfico, pode-se afirmar que a emissão anual de CO2, ocorrida por queima de
a) combustíveis fósseis na China, comparada com a ocorrida no Japão, apresenta uma variação de
20%.
b) combustíveis fósseis na América do Norte, é superior a 60% da soma das emissões na Europa
Ocidental e na Europa Oriental.
c) combustíveis fósseis na Europa Ocidental e na Oriental, apresenta média aritmética inferior a um
bilhão de toneladas.
d) florestas na região da Amazônia, representa um terço do total mundial.
e) florestas na região da Amazônia, excede, em 24 milhões de toneladas, a emissão proveniente da
queima de combustíveis fósseis no Brasil.
88. Considere o texto e a charge.
A Convenção da ONU sobre mudanças climáticas, realizada na cidade japonesa de Kyoto, em 1997,
estabeleceu que os países mais industrializados devem reduzir, até 2012, a emissão de gases do efeito
estufa em, pelo menos, 5% com relação aos níveis de 1990. Essa Convenção, conhecida por Protocolo
de Kyoto, definiu índices maiores para os principais emissores desses gases: 8% para a União
Europeia, 7% para os Estados Unidos da América e 6% para o Japão.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Pode-se afirmar que o autor da charge sugere que
a) o Japão obrigou os Estados Unidos da América a aceitar as deliberações dos governantes de Kyoto.
b) o governo dos Estados Unidos da América não está disposto a cumprir decisões do protocolo de
Kyoto.
c) a União Europeia já cumpriu as resoluções estabelecidas pelos países que assinaram o protocolo de
Kyoto.
d) os japoneses, por imposição dos cientistas de Kyoto, reduziram em 6% a emissão de gases do efeito
estufa.
e) o governo de Kyoto acusou a União Europeia de ser a maior responsável pela emissão de gases do
efeito estufa.
89.
A figura simboliza um fenômeno que tem sido analisado por um grande número de cientistas, os quais
argumentam que esse fenômeno tem provocado, dentre outros,
a) a elevação da temperatura média do planeta.
b) o aumento do índice do uso da energia solar.
c) a diminuição do buraco da camada de ozônio.
d) a elevação do número de habitantes da Terra.
e) a diminuição do nível dos oceanos do planeta.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
90. A BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, foi condenada a pagar indenização por dano moral
coletivo de R$1 milhão por condições degradantes de trabalho. A condenação é resultado da ação do
Ministério Público do Trabalho (MPT) em Umuarama (PR), ajuizada em 2012, após investigação que
flagrou trabalhadores em condições análogas à escravidão […] No início de 2012, o MPT-PR em
Umuarama constatou graves irregularidades trabalhistas na Fazenda Jaraguá, em Iporã. Os problemas
iam desde jornada excessiva e condições precárias dos alojamentos, até a contaminação da água
fornecida aos trabalhadores para consumo. “A situação encontrada configura trabalho degradante, já
que foram desrespeitados os direitos mais básicos da legislação trabalhista, causando repulsa e
indignação, o que fere o senso ético da sociedade”, afirma o procurador do Trabalho Diego Jimenez
Gomes, responsável pelo caso. A BRF é uma gigante do ramo de produtos alimentícios que surgiu a
partir da fusão entre Sadia e Perdigão, além de ser detentora de marcas como Batavo, Elegê e Qualy. A
empresa tem 49 fábricas em todas as regiões do País e mais de 100 mil funcionários. Em 2013, a
receita líquida foi R$30,5 bilhões e o lucro líquido consolidado foi de R$1,1 bilhão.
Portal Instituto Unisinos, 29 ago.2014. Disponível em: http://www.ihu.unisinos.br/noticias/534749.
Com base no texto e no conhecimento de geografia agrária, assinale a alternativa correta.
a) A organização da produção agropecuária no Brasil apresenta contradições estruturais entre as
formas de organização do trabalho e as estratégias empresariais de incremento dos lucros.
b) Apenas os estados brasileiros com formas de produção no campo mais atrasadas mantêm práticas
de trabalho degradantes.
c) A expansão das relações capitalistas no campo e a modernização da agricultura permitiram
abandonar relações de produção pré-capitalistas.
d) A fusão de grandes empresas produtoras de alimentos implica em uma separação entre indústria e
agricultura.
e) A ausência de mão de obra capacitada para atender as novas tecnologias aplicadas à produção
agropecuária leva empresas a suprir sua demanda, utilizando trabalhadores em condições análogas
à escravidão.
91. Assinale a alternativa correta. Os testes a seguir referem-se a Pronomes Pessoais e Pronomes
Possessivos:
1. This shirt belongs to Rodrigo. Give __________ to __________.
a) its / she
b) it / him
c) it / he
d) them / him
e) them / he
2. __________ rarely sees __________, but __________ always talk on the telephone.
a) she / him / they
b) she / he / they
c) her / him / them
d) she / him / them
she / he / them
3. Janete is the girl who sits between Mary and __________.
a) he
b) she
c) its
d) me
they
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
4. I did promise __________ to be there in time.
a) they
b) their
c) theirs
d) themselves
them
5. The manager told __________ that we could leave when we finished the project.
a) we
b) us
c) hers
d) his
ours
92. Assinale a alternativa correta. Os testes a seguir referem-se a PRONOMES PESSOAIS e
PRONOMES POSSESSIVOS:
1. Hey, this is a very funny dog. I wonder who ____________ owner is.
a) your
b) it
c) him
d) yours
e) its
2. My father and I sold ____________ old car to a friend yesterday.
___________ neighbor didn't want to buy ___________.
a) ours / our / it
b) our / our / it
c) our / ours / it
d) our / ours / its
our / our / its
3. Most people like to plan their holidays __________.
a) themselves
b) oneself
c) ourselves
d) himself
yourselves
4. Where in the world, Mauro, did you hurt __________?
a) himself
b) hers
c) yourself
d) yourselves
his
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
5. The parts had spent a long time preparing ___________ to fight ___________ but the battle
__________ didn't last long.
a) each other / themselves / oneself
b) them / each other / by itself
c) itself / each other / oneself
d) one another / them / by itself
themselves / one another / itself
93. Assinale a alternativa correta. Os testes a seguir referem-se a Pronomes Pessoais e Pronomes
Possessivos:
1. Would you please bring __________ some ice cream?
a) me
b) he
c) they
d) themselves
e) she
2. So everybody is to pay for ___________ own dinner?
a) them
b) theirs
c) him
d) its
his
3. Let's stop quarreling, OK? You've got ___________ opinions and I've got __________.
a) your / mine
b) yours / my
c) you / me
d) yours / mine
your / my
4. Husbands usually like __________ wives to look pretty.
a) theirs
b) their
c) her
d) his
its
5. Victor's pen writes much better than ____________.
a) they
b) your
c) our
d) hers
their
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
The Most Precious Curse
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
By Erin Prelypchan
For Wensley and Lilian Hidalgo, the choice was clear. The devout Roman Catholic Couple living in the
misty northern Philippine city of La Trindad couldn't afford to have a third child. "No more children! Life's
too hard now," says 40-year-old Lilian laughing, bundled in sweaters against the chill. "I first heard about
the necklace from a midwife in our neighborhood. It seemed simple and natural, so we decided to try it".
What she and her husband decided to experiment with is a relatively recent idea in population control the standard days or "necklace" method. Women use color-coded beads on a necklace to determine
when it's safe to have sex without getting pregnant. Beads for the fertile days of the month glow in the
dark, giving couples no excuses for missing the point in an unlit bedroom. "At first the husbands were
hesitant, especially about the middle part of the necklace. It was too long, they said, 12 days without
sex", says midwife Virginia Rivera, referring to the white beads that indicate the unsafe days for sex. "But
many of the husbands got used to it".
(Newsweek, 10.02.2003.)
94. Nas frases "I first heard about the necklace from a midwife in our neighborhood. It seemed simple
and natural, so we decided to try it", os pronomes pessoais I, it e we referem-se, respectivamente, a
a) midwife, La Trindad, children.
b) midwife, the necklace, children.
c) midwife, the necklace, Lilian and her husband.
d) Lilian, La Trindad, children.
e) Lilian, the necklace, Lilian and her husband.
95.
De acordo com a tira,
a) a demissão de um colega deixa a secretária aborrecida com seu chefe.
b) o chefe pede à secretária que demita um colega.
c) a entrevistadora diz a seu chefe que o candidato é inadequado para o cargo.
d) o candidato diz à entrevistadora que se dava bem com seu antigo patrão.
e) a entrevistadora pergunta ao candidato por que ele deixou seu último emprego.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
There are many ways to look at the weak June jobs report and this is one of them that captures more
broadly the lack of labor market activities. It‟s the ratio of 16-and-overs that are employed to the
population of that group. In June, the employment-to-population ratio returned to 58.2%, matching an
eight-month low (To get a number worse than 58.2%, one has to go back to 1983!). Of course, some of
the younger group are students, and the older group retirees, but a chart of those between the ages of
25-to-54 looks pretty similar.
(http://www.marketwatch.com/story. July, 2011. Adapted)
96. O trecho – some of the younger group are students – associa os estudantes
a) às classes pobres.
b) às minorias raciais.
c) às mulheres.
d) aos jovens.
e) aos idosos.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Top 3 Ways to Make a Good Impression at Work
It is important that you make a good impression at work. If you make a good impression on your boss, he
or she is more likely to give you more responsibility which can lead to promotions and raises. Here are
three ways to make a good impression at work.
1. Know When to Call in Sick to Work
Do you think coming to work when you are sick instead of staying at home will impress your boss?
Reasonable bosses know that a sick employee not only isn‟t productive, he or she can spread an illness
around the office rendering everyone else unproductive. Call in sick when you need to.
2. Know What Topics to Avoid Discussing
Avoiding inappropriate topics may not help you make a good impression at work but it will keep you from
making a bad one. Subjects that do not make for good workplace conversation include politics, religion,
and health problems and other personal issues.
3. Dress Appropriately
Make a good impression at work by wearing the right clothes. You should dress the right way for the
“role you are playing.” If you aspire to be a leader at work, dress like one.
(http://www.marketwatch.com/story. October, 2011. Adapted)
97. De acordo com as recomendações dadas no texto para construir uma boa imagem no ambiente de
trabalho, considere as seguintes informações:
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
I. Temas polêmicos devem ser evitados.
II. Seja amigo de todos os seus chefes e colegas.
III. Vista-se de forma original e extravagante.
Está correto apenas o que se afirma em
a) I.
b) II.
c) III.
d) I e II.
e) II e III.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Solid Waste Disposal in U.S. 1990
This graphic shows that the vast majority of the waste in the United States is landfilled. Since 1990, the
numbers of recycled and composted waste have increased significantly.
(Disponível em http://www.elmhurst.edu/~chm/vchembook/316solidwaste.html. Acesso em: 12.07.2011)
98. Segundo o texto, podemos afirmar que:
a) A eliminação dos resíduos sólidos nos Estados Unidos começou em 1990.
b) Apenas 10% do lixo reciclado foram eliminados nos Estados Unidos em 1990.
c) A partir de 1990, o percentual de lixo reciclado começou a declinar nos Estados Unidos.
d) 80% da eliminação dos resíduos sólidos aconteceram em aterros nos Estados Unidos em 1990.
e) Nos Estados Unidos, em 1990, a maior parte dos resíduos sólidos foi eliminada pela reciclagem e
pela incineração.
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Global protest grows as citizens lose faith in politics and the state
The demonstrations in Brazil began after a small rise in bus fares that triggered mass protests.
Within days this had become a nationwide movement whose concerns had spread far beyond fares:
more than a million people were on the streets shouting about everything − from corruption to the cost of
living to the amount of money being spent on the World Cup.
In Turkey, it was a similar story. A protest over the future of a city park in Istanbul snowballed too
into something bigger, a wider-ranging political confrontation with prime minister.
If the recent scenes have seemed familiar, it is because they shared common features: viral,
loosely organised with fractured messages and mostly taking place in urban public locations.
Unlike the protest movement of 1968, or even the end of Soviet influence in Eastern Europe in
1989, these are movements with few discernible leaders and often conflicting ideologies. Their points of
reference are not even necessarily ideological, but take inspiration from other protests, including those of
the Arab Spring and the Occupy movement. The result has seen a wave of social movements −
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
sometimes short-lived − from Wall Street to Tel Aviv and from Istanbul to Rio de Janeiro, often engaging
younger, better educated and wealthier members of society.
In Brazil, the varied banners underlined the difficulty of easy categorisation as protesters held
aloft signs expressing a range of demands from education reforms to free bus fares, while denouncing
the billions of public dollars spent on stadiums for the 2014 World Cup and the Olympics.
1
“It‟s sort of a Catch-22”, Rodrigues da Cunha, a 63-year-old protester told the Associated Press.
“On the one hand, we need some sort of leadership; on the other, we don‟t want this to be compromised
by being affiliated with any political party.”
As the Economist pointed out, while mass movements in Britain, France, Sweden and Turkey
have been inspired by a variety of causes, including falling living standards, authoritarian government
and worries about immigration, Brazil does not fit the picture, with youth unemployment at a record low
and enjoying the biggest leap in living standards in the country‟s history.
So what‟s going on? “This is a very peculiar moment”, Saskia Sassen, a sociology professor at
Columbia University, New York, told the Observer. She argues that one distinguishing factor is that many
of the protest movements of the past decade have been defined by the involvement of what she calls
“the modest middle class”, who have often been beneficiaries of the systems they are protesting against,
but whose positions have been eroded by neoliberal economic policies that have seen both distribution
of wealth and opportunities captured by a narrowing minority. As people have come to feel more distant
from government and economic institutions, a large part of the new mass forms of dissent has come to
be seen as an opportunity to demonstrate ideas of “citizenship”.
Sassen‟s belief that many of the recent protests are middle-class-driven appeared to be
confirmed overtly − in the case of Brazil, at least.
theguardian.com
99. In the fourth paragraph, the author characterizes the typical members of the Brazilian society
engaging in the protests.
This characterization is based on the criteria of:
a) age, education, income
b) maturity, schooling, profit
c) experience, culture, interest
d) generation, breeding, expenditure
TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
Brazil’s Rolezinhos – The Kids Are All Right
Shopping Metrô Itaquera, a gleaming mall amid the favelas (shantytowns) of eastern São Paulo,
gained notoriety on January 11th, when the police used rubber bullets and tear gas to disperse a crowd
of 3,000 youths. The youngsters were participating in a rolezinho, a gathering of tens, hundreds, and
sometimes thousands of youngsters which is convened via social networks.
Mall owners and shopkeepers have reasons to be cautious. A few rolezinhos have led to
muggings and robberies. But most do not end in Itaquera-like chaos: the word‟s true meaning is closer to
“little outing”. And theories that rolezeiros are class warriors or favela dwellers tired of the country‟s
veiled racism are not correct. “Their battle cry is not „Less oppression!‟” says Renato Barreiros, who has
directed a documentary about them. “It‟s „More Adidas!‟”
The point of a rolezinho is “to hang out, chill, buy nice things, meet people”, explains Vinicius
Andrade, a 17-year-old from Capão Redondo, a favela in western São Paulo. He has taken part in 18 big
rolezinhos and helped organize a few, drawing some of his 89,000 Facebook followers. His 15-year-old
girlfriend, Yasmin Oliveira, a rolezeiro sweetheart with 94,000 fans of her own on the social network,
says that 2shopping centers make good meeting places because they are safe – an important
consideration in a crime-ridden city. There are few other public venues for kids, especially in poorer
neighborhoods.
As well as air conditioning, shopping centres also confer something no open-air space can:
status. Rolezeiros enjoy walking around in a branded T-shirt and bermudas, with a pair of 400 reais
($170) shades perched on a baseball cap. Vinicius confesses to spending 800-1,000 reais a month on
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
clothes and accessories, most of what he makes as a helper at a local Adventist church. Just 8% of
Itaquera shoppers enjoy a monthly income in excess of 2,780 reais. 1Some rolezeiros support their
flashy lifestyle by reselling outmoded attire to poorer neighbors.
Shopkeepers in the local malls have mixed feelings about the gatherings. On the one hand, the
youngsters make ideal clients: they often pay cash and can spend 2,000-3,000 reais in one go. On the
other, larger groups can scare away customers.
Adapted from http://www.economist.com
100. In the sentence “...shopping centers make good meeting places because they are safe...”
(ref. 2), the word they refers to
a) fans.
b) shopping centers.
c) rolezeiros.
d) kids.
e) neighborhoods.
Para quem faz DNA, a seleção é natural!
Download

lista_de_pascoa_1a_2..