www.afresp.org.br
Ano XLVII | Edição n.º 355 | Agosto de 2011
Uma carreira de sucesso
Obra da Regional de
Presidente Prudente
09
Segue em ritmo acelerado a construção da nova sede Regional de
Presidente Prudente.
Em entrevista exclusiva concedida ao Jornal da Afresp, o AFR aposentado e
ex-Coordenador da Administração Tributária, Tabajara Acácio de Carvalho, fala
sobre seus 38 anos de carreira na Secretaria da Fazenda.
Esta é mais uma iniciativa da
Afresp, que tem como filosofia adquirir sedes próprias para seus escritórios Regionais.
Leia entrevista da página 05
Conselho define nomes para Comissão Eleitoral
07
A Comissão Eleitoral, que organizará
e coordenará os trabalhos eleitorais de
2011, é constituída pelos AFRs: José
Carlos Fernandes (Presidente), Oswaldo
Garcia da Cunha (membro) e Francisco
Lucindo Ramalho Netto (membro).
Associados participam 14
de show internacional
Os nomes foram aprovados durante
reunião do Conselho Deliberativo.
Regional de Campinas realiza homenagens
08
Os AFRs Adilson Monteiro Garcez e
Valdenor Souza e Silva foram homenageados durante festa realizada no C.C. de
Campinas.
O evento contou com a presença de
120 convidados e o presidente da Afresp
prestigiou.
A Afresp recebeu em seu auditório o grupo internacional FSP.
Ao som de violino, teclado e
violoncelo, o show fez uma viagem
pela música do leste europeu e das
américas, além da performance apresentada pelos dançarinos.
Índice da PR
Talentos AFRs
Febrafite
ICAT para pagamento da PR do 2º
trimestre é fixado em 96,18%. É importante ressaltar que a PR é o resultado
do trabalho do Fisco Paulista.
Nesta edição confira os talentos
dos colegas AFRs Sérgio Valente,
Yara Regina Franco, Benedicto Dutra
e Eden Lima.
O presidente da Afresp participou
da reunião dos planos de saúde para
tratar da implantação do Febrafite
Saúde na sede da AAFIT, em Brasília.
Pag. 04
Pag. 12
Pag. 16
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
2
Expediente
Jornal da Afresp - Órgão oficial da Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo
Reconhecida de Utilidade Pública Estadual pela Lei nº 277, de 5/5/1949. Reconhecida de Utilidade Pública Municipal pelo
Decreto nº 40.019 de 1/11/2000. CNPJ nº 62.635.990/0001-91 - Inscrição Municipal nº 1.005.705-6
Edifício Sede - Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4843 - Jd. Paulista- São Paulo - SP - CEP 01401-002 - PABX 11 3886-8800
Escritório Centro AFR João Álfaro Soto - Rua Roberto Simonsen, 62, 2º andar, sl. 21 - CEP 01017-020 - Tel.: 11 3242-0372/3107-9623
E-mail: associacao@afresp.org.br - Site www.afresp.org.br
Diretoria Executiva
Sedes Regionais - Diretores
Presidente: Luiz Carlos Toloi Junior
1º Vice-Presidente: João Dias Yanes
2º Vice-Presidente: Hildebrando Djalma Pirágine
Secretário Geral: Marcimedes Martins da Silva
Secretário Adjunto: Arnaldo Marquezini
1º Tesoureiro: Omar Roldão de Moura
2º Tesoureiro: Angela Manzoti Nahman
Conselho Deliberativo
Presidente: João Álfaro Soto (Capital); Vice-Presidente: José
Varkulja (Capital); 1º Secretário: Eduardo Gonçalves (Ribeirão
Preto); 2º Secretário: Roberto Garcia (Santos).
Comissão Fiscal: Ari José Brandão (Sorocaba), Claiton Osnir do
Amaral (Piracicaba) e Luís Augusto Sanches (Jundiaí).
Conselheiros (ordem alfabética): André Pachione Pillay (Bauru), Antenor Roberto Barbosa (Presidente Prudente), Antonio
Guerra (São José dos Campos), Benedito Franco da Silveira
Filho (Conselheiro nato), Durvail Soares Pompeo (Capital),
Eliana Maria Pessoa F. de Oliveira (Capital), Fabiano Buchetti de
Sousa (Araraquara), Heitor Okuma (Marília), Honorato Sanchez
Duran (Capital), José Eduardo Gracioto (ABCD), Miguel Siqueira
(Taubaté), Miguel Ângelo C. da Silva (Campinas), Nilza Bardi
Romano (Araçatuba), Roberto Bonifácio de Souza (São José do
Rio Preto), Roberto Chiaverini (Osasco), Ruy Sarzedas Cunha
(Guarulhos), Sebastião Tadeu de Vasconcelos (Franca) e Teruo
Massita (Capital).
Diretorias da Afresp
João Dias Yanes (Amafresp e de Inscrição); Marcimedes Martins
da Silva (Seguros); Arnaldo Marquezini (Administrativa e de Patrimônio); Omar Roldão de Moura (Financeiro e de Tecnologia da
Informação); Hildebrando Djalma Pirágine (Recursos Humanos)
e Angela Manzoti Nahman (Convênios e de Cultura).
Diretorias Designadas
Américo Castagna Neto (Esportes); Arthur Antonio Chagas
Pisani (Planejamento); Benedito Franco da Silveira Filho
(Aposentados e de Previdência); Cézar José D´Avoglio (Regionais); José Pucci Cuan (Assessoria Jurídica) e Maria da Graça
Palumbo Gaiarsa (Social).
Fundafresp
Aldo Gentile (coordenação)
Membros da Comissão: Cássio Lopes da Silva Filho, Luiz Fernando
Catta Preta César, Luiz Waldemar Zuolo, Roberto Garcia, Francisco Lucindo Ramalho Netto e João Álfaro Soto.
Ouvidoria
Hélio Pires Monteiro
Tels: 0800-550679/11-3886-8843
Fax: 11-3886-8852. E-mail:ouvidor@afresp.org.br
Auditoria Interna da Amafresp
José Carlos Franco Fernandes
Filiada à Febrafite
ABCD/S. B. do Campo- Pedro Rosálio da Cunha Pereira
R. Doutor Dupré, 50 - Nova Petrópolis - S. Bernardo do Campo
- CEP 09770-030 - Tel. 11 4330-3466 - 11 4121-8511
Araçatuba - José Carlos Almada
R. São Paulo, 538 - Vila Mendonça - CEP 16015-130
Tel. 18 3623.6394 e 3623.1888
Araraquara - Anselmo Abdala
Av. Espanha, 188 - 1º andar - CEP 14801-130
Tel. 16 3322-9034 - Tel/Fax. 16 3322-7245
Bauru - Carlos Inácio da Silva
R. Rio Branco, 15-15 - sala 11 - Ed.Tocantins - CEP 17015-311
Tel. 14 3227-8987 e 14 3226-2850
Campinas - José Lúcio Zambrotti Gomes Campos
Av. Andrade Neves, 2.412 - 6° and.- sl. 62
CEP 13070-001 - Tel. 19 3242-9571 e 3241-8811
Franca - João Batista de Matos
R. Luiz Silva Diniz, 2451 - CEP 14403-422 - Tel. 16 3724-1057
Guarulhos - Eugênio Evandro Fernandes
R. Tapajós, 298 - CEP 07111-340 - Tel. 11 2468-8906
e 2409-8622
Jundiaí - Antonio Jair Simionato
Rua Flávio Rossi, 42 - Vila Maria Luiza - CEP 13209-301
Tel. 11 4586-8637 e 4586-8636
Marília - Airton Marcos Alves
R. Paes Leme, 47 - 2° and. - sl. 21 - CEP 17500-150
Tel. 14 3413-4270 e 3433-5679
Osasco - Antonio Carlos de Oliveira Joaquim
Condomínio Sant’Agostinho (Shopping Primitiva)
R. Dona Primitiva Vianco,244, sl. 907/908- CEP 06016-000
Tel. 11 3681-7583 e 3682-1449
Piracicaba - Alberto Penno Junior
R. Prudente de Moraes, nº 525 - Sl 03 - Centro
CEP:13400-310 - Tels: 19 3433-1849 e 19 3422-9166
Presidente Prudente - Ailton Estácio
R. Siqueira Campos, 172 - Bairro do Bosque - CEP 19010-060
Tel/Fax. 18 3221-6928 - Tel. 18 3221-3682
Ribeirão Preto - Rose Mary T. Lino do Nascimento
R. Américo Brasiliense, 405, 10º, sl. 1009 - CEP 14015-050
Tel/Fax. 16 3610-4936 e Tel. 16 3635-9053
Santos - Décio Correa Villela
Av. Conselheiro Nébias, 576 - CEP 11045-002
Tel. 13 3233-2115 e 3222-5757
São José do Rio Preto - Alberto Aparecido de Andrade
Av. Francisco das Chagas de Oliveira, 245 - CEP 15091-330
Tel. 17 3227-8133 e 3227-8598
São José dos Campos - Everaldo de Melo Brandão
Av. Mario Galvão, 403, Jardim Bela Vista- CEP 12209-004
Tel. 12 3922-0010 - 3922-4024
Sorocaba - Vanderlei Correa Fidelis
Av. Antônio Carlos Comitrê, 510, 1º andar, sala 15,
CEP 18047-620 - Tel. 15 3231-7290 e 3232-7004
Taubaté - Maria Leonidas Coelho Jaques
Rua José Dias de Carvalho, nº 130, Jardim Russi - Taubaté CEP 12010-370 - Tel. 12 3632-6415 e 3624-2413
Subsede - Av. Roberto Simonsen, 62 - 2º and- sl. 21 - Centro São Paulo - CEP 01017-020 - Tel.: 11 3242-0372/3107-9623
DRTC-I Gilberto Carlos de Lima
DRTC-II João Ramalho
DRTC-III João Alves Pereira
Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4843 - CEP 01401-002
Tel. 11- 3886-8800
Endereços e mais informações disponíveis no site da Afresp
www.afresp.org.br, link Regionais e CCs.
Centros de Convivência
Araçatuba - Rod. Marechal Rondon, Km 527,5 - Fazenda
Baguassu - (Próx. à Assoc. Atlética - Banco do Brasil)
Tel.: 18-3625-3586
AFR Luiz Carlos Toloi Junior, Araraquara - Av. Dr. Renato
Santini Junior, 117 - Recreio Campestre Idanorama.
Tel.: 16-3335-2371/Cel.:16-8119-2435
Bauru - Chácara Vale São Luís, lote 15 - Rod. Bauru-Iacanga
(saída Estrada Água do Capim). Tel.: 14-3239-4272
Campinas - Rua Alexandre Cazelatto, s/nº Bairro Betel
(Município de Paulínia). Tel.: 19-3884-7407/Cel.: 19-9139-1851
Franca - Rod. João Traficante, km 5 - chácara 01 - Cond. “Recanto Esperança”- (Saída Franca-Ibiraci). Tel.: 16-9969-6011
AFR Luiz Dias, Grande São Paulo - Guarulhos - Rua Maria
Garcia Utrilla, n°50 Próx.a acesso para Cumbica. Bairro Nova
Cumbica CEP 07230-640. Tel.: 11-2446-1584
Jundiaí - Trav. Rod. Geraldo Dias, altura do nº 1300
Vila Formosa - Jundiaí - Tel.: (11) 4492-4575
Marília - R. José Paschoal Gervásio, 325, quadra 6 - Bairro
Letícia II - Distrito de Padre Nóbrega. Tel.: 14-3415-1658
AFR Roberto Chiaverini, Grande São Paulo - Osasco -R.
Octávio Catelani, n° 172 - Jardim Adalgisa - Tel.: 11-3682-5096
Presidente Prudente - Rua dos Jasmins, s/nº - Bairro do
Limoeiro - Álvares Machado (próx. Balneário Amizade)
Tel.: 18-9703-8870
Ribeirão Preto - Rua E, 15 - Recreio Internacional
(saída Estrada de Serrana) Tel.: 16-3629-0213
São José do Rio Preto - Rua Jairo de Andrade Leme s/n
(antiga rua 2) - Morada Campestre Tel.: 17-3238-1080
Sorocaba - Av. Francisco Roldão Sanches, 1000 (antiga Estrada
da Serrinha) - Alto da Boa Vista - Sítio Darcy
Tel.: 15-3228-2933
Vale do Paraíba - Rua do Aconchego, 295
Bairro do Sapé II - Caçapava. Tel.: 12-9784-2279
OBS.: Santos - Os colegas de Santos têm a Barraca da Afresp:
Pto. de Referência R. Ângelo Guerra (1ª rua após a Av. Cons.
Nébias, direção Pta. da Praia/Gonzaga) - Conj. 04 - Ponto 27
Expediente Jornal da Afresp
Marketing & Comunicação:
Presidente Luiz Carlos Toloi Junior
Assessor de Marketing & Comunicação:
Arthur Antônio Chagas Pisani
O Conselho Editorial do Jornal da Afresp é formado por todos
os membros da Diretoria Executiva.
Coordenadora de Marketing: Viviane Bulbow de A. Mendes
(MTB 33.251JP/SP)
Jornalista: Fabieli de Paula Soares
Designers: Daniel Meneghini de Britto e Leandro G. de Sousa
Periodicidade: mensal
Tiragem: 9.750 exemplares
Circulação: agosto e setembro/2011
Redação: Av. Brig. Luís Antônio, 4843 - São Paulo - SP
CEP 01401-002 - Telefones: 11 3886-8837/ 8901
E-mail: marketing@afresp.org.br
Os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e a sua
publicação neste periódico não implica, necessariamente, em concordância da Diretoria da Afresp com os conceitos neles emitidos.
Comunicados
Saudades
Profundamente consternada, a Diretoria da Afresp cumpre o doloroso dever de noticiar o falecimento dos seguin­tes colegas:
13/05/2011- Accacio Marin Fortes, aos 81anos, aposentado de São Paulo
31/05/2011- Francisco Mieli, aos 78 anos, aposentado de São Paulo
12/06/2011- Alvaro Minguzzi, aos 94 anos, aposentado de São Gonçalo
13/06/2011- José Tavares Barradas, aos 88 anos, aposentado de Sales Oiveira
15/06/2011- Euvaldo Atalla, 87 anos, aposentado de São Paulo
23/06/2011- Antonietta Botter, 74 anos, aposentada de São Paulo
05/07/2011- Ismael Franco Leme, 89 anos, aposentado de Mogi das Cruzes
06/07/2011- Newton Leme Duarte, 83 anos, aposentado de São Paulo
11/07/2011- Cesidio de Almeida Moraes, 92 anos, aposentado de Botucatu
13/07/2011- José Rafael Campos, 63 anos, aposentado de Santo André
19/07/2011- Alberto Augone, 83 anos, aposentado de São Paulo
19/07/2011- José Carlos Delício, 73 anos, aposentado de Botucatu
Às famílias enlutadas, nossas mais sentidas condolências.
Contribuições
O comunicado nº09 de 2011, assinado pelo presidente Luiz Carlos Toloi Junior em 05/08/2011, determina as seguintes cotas para o
mês de agosto/2011: a) mensalidade Afresp= R$ 71,62 (setenta
e um reais e sessenta e dois centavos), mantendo o valor anteriormente cobrado; b) cota Amafresp=
R$ 365,00 (trezentos e sessenta e cinco
Jun
Jul
Ago
reais), aumentando o valor anteriormente
2011 2011
2011
cobrado; c) cota FundaMensalidade da
fresp = R$ 31,21 (trinta
71,62
71,62
71,62
e um reais e vinte e um
Afresp
centavos), corresponden360,00 360,00
365,00
Cota Amafresp
tes a contribuição mínima
de 20 (vinte) cotas no valor
Cota do Fundo
unitário de R$ 1,5605 (jade Solidariedade
neiro/2011). Informamos
ainda que os citados valores
31,21
31,21
31,21
Cota Fundafresp
terão vigência a partir de
01/08/2011 .
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
3
Editorial
Responsabilidade Social
A Afresp é uma entidade sem
fins lucrativos, cuja missão é propiciar qualidade de vida ao associado
titular, agente fiscal de rendas, e
seus familiares.
O corpo dirigente da Afresp é
escolhido a cada três anos mediante
eleição direta, para a qual podem
concorrer todos os associados que estejam em dia com suas contribuições e
uma vez observado o parágrafo 2º, do
artigo 80, do Estatuto Social, quanto
ao tempo de permanência no quadro
associativo. Esse ano de 2011 será de
eleição em novembro, o que confere
propriedade às considerações a seguir.
A eleição é uma festa da democracia e os locais de escrutínio se
convertem em verdadeiros pontos
de encontro de colegas, por vezes há
muito tempo não vistos, o que colabora para um congraçamento da classe
e o fortalecimento de amizades, cristalizadas no meio da atividade fiscal e
se estendendo, em alguns casos, até
um saudável relacionamento familiar.
Mas, a eleição do corpo dirigente
da entidade é, acima de tudo, uma
oportunidade de delegar poderes
para conduzi-la, como se fora uma
procuração com poderes específicos, quer para o comando diário de
todos os departamentos produtores
de serviço, quer para lhe imprimir
novos rumos ou adotar procedimentos importantes e inovadores. Tudo,
porém, subordinado ao princípio
básico da transparência, sujeito à
aprovação do Conselho Deliberativo, de assembleias ordinárias ou
extraordinárias, conforme o caso.
A administração da Afresp exige de
seus dirigentes alto nível de responsabilidade, não só pelos atos praticados
individualmente, como também pela
solidariedade estabelecida em estatuto, que transforma todos como responsáveis pela atividade de cada um. Daí
decorre que as chapas concorrentes a
uma eleição devam ser constituídas de
elementos que, além de comprometidos com o bem comum dos associados,
sejam também comprometidos todos
com o bom desempenho de cada um
de seus integrantes.
A Afresp exige de seus
“ dirigentes
alto nível de
responsabilidade.
”
E não é pouca a responsabilidade
com o bem comum dos associados. Ela
se estende ao patrimônio da entidade
que lhes pertence.
São cerca de 18 mil filiados à
Amafresp que devem ser atendidos
em suas necessidades por uma vida
melhor. São pessoas que, a qualquer
tempo e independente de idade, podem precisar de serviços médicos, laboratoriais e hospitalares de qualidade
ou que já demandam recuperação de
sua saúde. E a complexidade do atendimento médico e hospitalar, acrescida de seus altos custos, maiores a
cada dia, não oferecem margem para
grandes vôos de criatividade e, muito
menos, para atitudes impensadas. É a
saúde do colega e de seus familiares
que está em jogo, merecedora de ex-
trema dedicação e seriedade.
Segurança do patrimônio do associado e garantias da família após sua
vida também fazem parte do centro
de preocupações da entidade. Com
carteira equilibrada, o seguro de vida
não aceita a existência de doenças préexistentes no ingresso de um potencial
segurado, mas, em compensação, a
Afresp oferece a seus beneficiários
todas as garantias. Ao contrário de
muitos seguros no mercado que, sem
qualquer restrição dessa natureza, vasculham o passado do segurado, após
sinistro, com intenção explícita de não
honrar o pagamento.
Esses dois serviços ofertados ao
associado, além de muitos outros
direcionados a propiciar qualidade de
vida, fazem da Afresp uma entidade
exemplar no contexto das associações
similares. Mas a garantia de que todos esses serviços serão duradouros
reside no sentido de corpo de seus
associados, no invejável patrimônio e
reservas financeiras de que é possuidora a entidade e na visão responsável de um cenário futuro, condições
essenciais para garantir vida longa à
associação e ao associado.
Quaisquer que sejam os dirigentes
eleitos nesse ano em curso, fazemos
votos que sejam dotados de competência e equilíbrio para preservar
o que existe. Mas não só. Melhorar
ainda mais sempre será possível, desde que sejam imbuídos do propósito
de servir ao associado, sem interesse
pessoal e com incondicional dedicação
ao próximo.
O tempo passa...
Acervo do AFR Alexandre Derani
A primeira foto foi tirada durante uma despedida que
ocorreu no Posto Fiscal de Chavantes em abril de 1959.
Já a segunda retrata um churrasco dos colegas AFRs
na cidade de Palmital, no mês de outubro de 1959.
1
2
Seção “O tempo passa...” tem por finalidade resgatar momentos da história da fiscalização. Se você tem alguma foto em que possa identificar alguns colegas, pode remetê-la
A/C Jornal da Afresp, à Av. Brig. Luís Antônio, 4843 - Jd. Paulista - CEP 01401-002 e-mail: marketing@afresp.org.br
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
4
Afresp
Mandado de Segurança: Recurso ao Supremo Tribunal Federal
Segundo informações fornecidas pelo escritório do Dr. Márcio
Cammarosano, contra o acórdão do Tribunal de Justiça de São
Paulo que concedeu a segurança para impedir a redução da remuneração dos AFRs em razão da Emenda Constitucional nº 41/2003,
a Fazenda Pública do Estado, dentro do prazo, apresentou Recurso
Extraordinário ao Supremo Tribunal Federal, que decidirá em última
instância a controvérsia.
Considerando que, até o momento, não há jurisprudência
daquela Corte a respeito da matéria em discussão, torna-se
imprevisível qual será o resultado da decisão, como também
quando será ela prolatada.
Reunião ocorreu no dia 18 de julho
Reunião com Cammarosano na Afresp
A diretoria da Afresp, junto com o presidente do Conselho Deliberativo, João Álfaro Soto, e conselheiros se reuniram com o
advogado Dr. Márcio Cammarosano, para saber mais informações do processo. O encontro aconteceu no dia 18 de julho, na sede
da Afresp e durou cerca de duas horas.
Participaram da reunião: Luiz Carlos Toloi Junior (presidente da Afresp), João Álfaro Soto (presidente do Conselho Deliberativo),
Roberto Chiaverini (conselheiro), Omar Roldão de Moura (1º tesoureiro), Angela Manzoti Nahman (2º tesoureira), Arthur Antônio
Chagas Pisani (diretor de planejamento), Américo Castagna Neto (Diretor de Esportes), José Pucci Cuan (diretor do Jurídico),
Benedito Franco da Silveira Filho (Diretor de Aposentados e Previdência), Hélio Pires Monteiro (ouvidor), Edgar Stocco (associado), Oswaldo Garcia da Cunha (associado e membro da Comissão Eleitoral) e Gentil Costa Camargo (Advogado da Afresp).
ICAT para pagamento da PR do 2º trimestre é fixado em 96,18%
No dia 06 de agosto, o Diário Oficial divulgou que o valor do Índice de
Cumprimento de Metas das Unidades
de Administração Tributária (ICAT),
da coordenadoria de Administração
Tributária (CAT) corresponde a 96,18%
(noventa e seis inteiros e dezoito centésimos por cento).
Este valor serve de referência para o pagamento da
Participação dos Resultados (PR) e é relativo ao período de
avaliação correspondente ao 2º trimestre deste ano, encerrado
em 30 de junho de 2011.
É importante ressaltar que a PR é o reconhecimento pelo
desempenho do trabalho de todos os Agentes Fiscais de
Rendas em prol do Estado e de sua população.
Associados recebem Relatório Anual 2010
Cada associado recebeu no início do mês de agosto, o “Relatório Anual 2010”, por meio de
correspondência.
Nesta publicação consta o detalhamento de todas as contas da entidade, além da descrição
de todas as benfeitorias realizadas por cada diretoria da Afresp.
Este caderno foi planejado e desenvolvido pelo departamento Financeiro e diagramado pelo
departamento de Comunicação e Marketing da Afresp, com patrocínio do Banco Santander.
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
5
Afresp
Uma carreira de sucesso
Veja entrevista exclusiva com Tabajara Acácio de Carvalho
Em entrevista exclusiva concedida ao Jornal da Afresp, o AFR aposentado e ex- Coordenador da Administração Tributária,
Tabajara Acácio de Carvalho, fala sobre seus 38 anos de carreira na Secretaria da Fazenda.
Tabajara Acácio de Carvalho
Qual sua formação anterior ao ingresso na Secretaria da Fazenda?
Antes de ingressar na Secretaria da
Fazenda trabalhei no comércio, fui professor e advogado. Depois fiz concurso
para Procuradoria Geral do Estado, que
na época era o Departamento Jurídico
do Estado, onde trabalhei por sete anos.
Em que ano você foi nomeado Agente
Fiscal de Rendas e através de que
concurso?
Fui aprovado no concurso de 1961 e
nomeado em fevereiro de 1966. Por uma
série de razões resolvi aceitar o cargo
somente na última chamada.
Quais seus primeiros passos na fiscalização? Como executivo da CAT,
que funções foram exercidas até a
ocupação do cargo de Coordenador
da Administração Tributária?
Eu iniciei na fiscalização direta de tributos em São Bernardo do Campo. Na
época, o diretor da DSI (atual DEAT)
me chamou para colaborar na Delegacia Regional da Fazenda, no serviço
interno, e me designou como assistente.
Dessa forma, fui assistente da DRF-1
até a criação da DRT-1, cujo primeiro
delegado foi o colega João Álfaro Soto,
com quem tive muita honra de trabalhar.
Nesse período fiquei como assistente
na DRT-1 até ser designado o 1º Diretor
da Divida Ativa e exerci essa função por
cinco anos. Passado este tempo, fui designado como Assistente da CAT e, depois,
Coordenador Adjunto. Para minha surpresa, antes de me aposentar fui nomeado
coordenador efetivo da CAT.
ria aconteceram muitas mudanças na
Secretaria da Fazenda, principalmente
após o Posto Fiscal Eletrônico ser efetivamente implantado e funcionando perfeitamente. As ações fiscais continuam sendo
bem organizadas e a CAT e DEAT contam
com excelentes profissionais.
Por quanto tempo exerceu o cargo de
Juiz do Tribunal de Impostos e Taxas?
Como foi essa experiência?
Exerci o cargo de Juiz do Tribunal de Impostos e Taxas de 1979 até 2003, ou seja,
durante 24 anos. Sempre procurando ser
criterioso, dediquei-me a estudar a fundo
cada processo em busca da justiça fiscal.
Posso afirmar que foi uma experiência
gratificante e de extremo aprendizado, que
me proporcionou entrar em contato com
pessoas de grande valor.
Como associado da Afresp e filiado
à Amafresp, que conceito você tem
da entidade e dos serviços por ela
prestados?
Tenho um conceito altíssimo tanto da
Afresp quanto da Amafresp. É difícil uma
associação de classe ter dirigentes tão
dedicados e competentes, como o presidente da Afresp, Luiz Carlos Toloi Junior,
e seus companheiros de diretoria. Quero
ressaltar que a Amafresp está à frente
de todo e qualquer plano de saúde, digo
por experiência própria, pois sou filiado e
utilizo os serviços.
Em que ano se aposentou e o que o levou
a se aposentar?
Foi em 23 de janeiro de 2004, com 68 anos.
Após 48 anos no serviço público, sendo
três no magistério, sete na Procuradoria
Geral do Estado e 38 anos na Fazenda. Tive
algumas razões para me aposentar e uma
delas foi a convicção de que era preciso
dar espaço para os mais novos.
Como aposentado, você exerce alguma
atividade relativa à sua formação e experiência profissional?
Atuo em meu escritório de advocacia, mas
por incrível que pareça tive poucos casos
relacionados de alguma forma à Fazenda,
até porque o escritório é mais ligado ao
Direito Cartorário. Ressalto que minha
equipe de advogados não defende casos
que sejam contra a Fazenda, por uma
questão de ética e de meu nome a zelar.
Tendo em vista sua trajetória de sucesso na área tributária da Secretaria da
Fazenda, conhecedor profundo que é
da atividade de fiscalização de tributos,
como você avalia essa atividade comparando a exercida em seu tempo com
a praticada hoje pelos novos Agentes
Fiscais de Rendas?
Em sete anos de minha aposentado-
Fazendo uma retrospectiva de sua vida
profissional, remuneração, garantias
do cargo e de seu engajamento como
associado da Afresp, você poderia
identificar algo que pudesse ser melhorado daqui para frente?
Não mudaria em nada a administração da
Afresp. Estou muito satisfeito com a atual
diretoria e acredito que esse trabalho
deva continuar com a mesma qualidade.
No dia 23 de setembro você receberá
o Título de Cidadão Paulistano. Em
sua opinião o que representa esta
homenagem?
O convite para receber este título foi uma
verdadeira surpresa. Eu vim de Santa Rita
de Cássia, interior de Minas, e cheguei a
São Paulo no dia 02 de fevereiro de 1956,
ou seja, sou mais paulistano que mineiro.
Aproveito esta entrevista e declaro que
muito me honrará a presença de todos
os colegas que puderem comparecer
na sessão solene, onde receberei o Título de Cidadão Paulistano, a ser realizada no dia 23 de setembro, às 19h, na
Câmara Municipal.
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
6
Afresp
Tribunal de Impostos e Taxas lança livro na sede social da Afresp
O coquetel de lançamento do livro “O ICMS na História
do Tribunal de Impostos e Taxas do Estado de São Paulo”
aconteceu na sede social da Afresp em 30 de junho.
A obra aborda diversos temas de relevância jurídicotributária, sob o enfoque pragmático de quem os julga.
Com um total de 480 páginas e 30 autores o livro contou
com o total apoio da Afresp. Ele pode ser adquirido no
site da editora MP: www.mpeditora.com.br
“Coube aos autores o enfrentamento dos temas
Colegas durante lançamento do livro
propostos, com o exame percuciente e crítico dos julgados ao longo do tempo, concretizando monografias
não só compromissadas com a verdade e coerência jurídica, mas também valiosas para o aprimoramento
dos estudos jurídicos para a consulta e para a pesquisa”, afirma José Paulo Neves, Presidente do Tribunal de Impostos e Taxas de
São Paulo.
Recadastramento dos servidores em exercício
Os servidores públicos estaduais da Administração Direta, das
Autarquias e das Fundações, que estão em exercício, devem fazer o
recadastramento 2011.
A atualização cadastral é obrigatória e deve ser feita durante o
mês de aniversário do servidor público. A medida engloba também
os servidores e militares afastados e licenciados.
O procedimento é realizado pelo site da Secretaria de Gestão
Pública, no endereço: www.gestaopublica.sp.gov.br, ou por formulários
disponíveis nas unidades de Recursos Humanos dos órgãos. Quem
não fizer o recadastramento, terá o salário suspenso e só voltará a
receber depois que a situação for regularizada pelo RH.
O objetivo do recadastramento é manter os dados dos servidores
atualizados para planejar o seu perfil futuro. Realizado pela primeira
vez entre fevereiro e maio de 2007, o recadastramento tornou-se
anual em fevereiro do ano seguinte, por meio do decreto nº 52.691.
Acesse o site da Secretaria de Gestão Pública
Alterações
É importante o servidor manter seu cadastro sempre atualizado. Por isso, não é preciso esperar o mês de aniversário para
informar a mudança de endereço, estado civil, ou prestar outras informações. Também pelo site da Secretaria de Gestão
Pública nas unidades de RH, é possível fazer alterações de dados. No entanto, este procedimento não desobriga o servidor
a realizar o recadastramento obrigatório no mês do aniversário.
Serviço
Período do recadastramento: até dezembro/2011, no mês de aniversário do servidor público. Pode ser feito pela internet, no
site da Secretaria de Gestão Pública (www.gestaopublica.sp.gov.br) ou pelo preenchimento de formulário no RH dos órgãos.
AFRs da Ativa
Se você faz aniversário no mês de agosto: o prazo para realizar o
recadastramento obrigatório vai até 31 de Agosto
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
7
Conselho Deliberativo
Conselho define nomes para Comissão Eleitoral
Os nomes dos membros da Comissão foram aprovados no dia 18 de junho
O Conselho Deliberativo da Afresp definiu os nomes dos AFRs que irão compor a Comissão Eleitoral que organizará e coordenará os trabalhos eleitorais da
Afresp, em todo o Estado, para as eleições da Diretoria Executiva e do Conselho
Deliberativo a se realizar no dia 22 de novembro.
Por unanimidade foram aprovados os AFRs inscritos há mais de três anos no
quadro associativo: José Carlos Franco Fernandes (presidente da Comissão),
Francisco Lucindo Ramalho Netto (membro) e Oswaldo Garcia da Cunha (membro).
Os nomes foram aprovados durante reunião do Conselho Deliberativo, na sede
da Afresp em 18 de junho.
Francisco,José Carlos e Oswaldo
Eleições Afresp 2011
EDITAL DE CONVOCAÇÃO
A Comissão Eleitoral, constituída pelos Agentes Fiscais de
Rendas José Carlos Franco Fernandes, Oswaldo Garcia da Cunha
e Francisco Lucindo Ramalho Netto, aprovados pelo Conselho Deliberativo da Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado
de São Paulo – AFRESP, em reunião do dia 18 de junho de 2011,
em obediência ao que dispõe o Inciso II do artigo 88 do Estatuto
Social da Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado
de São Paulo - AFRESP, por meio do presente Edital, CONVOCA
os associados que estejam em pleno gozo dos seus direitos estatutários, para as ELEIÇÕES da DIRETORIA EXECUTIVA e do
CONSELHO DELIBERATIVO da AFRESP, que serão realizadas
no dia 22 de novembro de 2011 (terça feira), das 9:h00 às 17:h00,
por votação direta e em escrutínio secreto, de acordo com o que
determina o artigo 80 do Estatuto Social, que no seu § 1° veda
o voto por procuração, e no art. 95 permite o voto em trânsito,
nos seguintes locais: SÃO PAULO - Capital: SEDE SOCIAL DA
AFRESP – Av. Brigadeiro Luiz Antonio, nº 4843, PRÉDIO da SEFAZ:
Av. Rangel Pestana, nº 300; DRTC I: Av. Rangel Pestana, nº 300;
DRTC II: Rua Afonso Sardinha, nº07-Lapa; DRTC III: Rua Butantã,
nº 260 – Pinheiros; DRT 02-LITORAL: Praça Antonio Telles, nº
28 – Santos ; DRT 3-VALE DO PARAÍBA: Travessa Rochi Antonio
Bonafé, nº 50 – Taubaté, Praça Conselheiro Rodrigues Alves, nº
120 – Guaratinguetá e Av. Mário Galvão, nº 403 – São José dos
Campos; DRT 04-SOROCABA: Rua Coronel Benedito Pires, nº
34, 12º andar – Sorocaba, Rua José Pedro Straburg Jr., nº 380
– Itapetininga, e Praça Regente Feijó, nº 52 – Itu; DRT 05-CAMPINAS: Av. Dr. Alberto Sarmento, nº 04 – Campinas, Praça XV de
Novembro, nº 94 – Americana, Rua Senador Vergueiro, nº 250 –Limeira e Rua Prudente de Morais, nº 533, loja 03-Piracicaba; DRT
06 – RIBEIRÃO PRETO: Av. Presidente Kennedy, nº 1550 – Ribeirão
Preto, Rua vinte e dois, nº 324 – Barretos e Av. Dr. Ismael Alonso
Y Alonso, nº 1270 – Franca; DRT 07 – BAURU: Rua Afonso Pena,
nº 4-50 – Bauru, Rua Riachuelo nº 500 – Jaú, Rua Treze de Maio,
nº 260 – Lins, Rua Bahia, nº 1179 – Avaré, Rua Major Leônidas
Cardoso, nº 204, 2º andar – Botucatu; DRT 08 – SÃO JOSÉ DO
RIO PRETO: Av. Brigadeiro Faria Lima, nº 5715 – São José do Rio
Preto, Rua Ceará, nº 628 – s/loja – Catanduva, Rua Tocantins, nº
3583 – Votuporanga e Rua 5 (cinco), nº 2828 – Jales; DRT 09 – ARAÇATUBA: Rua São Paulo, nº 510 – Araçatuba e Rua Paes Leme,
nº 1951 – Andradina e Av. Bento da Cruz, nº 5 - Penápolis; DRT
10 – PRESIDENTE PRUDENTE: Rua Tenente Siqueira Campos, nº
36 – Presidente Prudente, Rua Maracajú, nº 1050 – Dracena e Av.
Tiradentes, nº 37 – Presidente Venceslau; DRT 11 – MARÍLIA: Rua
Paes Leme, nº 47, 2º andar, sala 21 – Marília, Rua Sebastião Leite
do Canto, nº 345 – Assis e Av. Antonio de Almeida Leite, nº 1117
– Ourinhos; DRT 12 – ABCD: Dr. Dupré nº 50 – São Bernardo do
Campo, DRT 13 – GUARULHOS: Rua Tapajós, nº 269 – Guarulhos
e Rua Vereador Narciso Y Guimarães, nº 260 -Mogi das Cruzes;
DRT 14 – OSASCO: Rua José Sanciarulo, nº 200 – Osasco; DRT
15 – ARARAQUARA: Av. Espanha, nº 188, 1º andar – Araraquara,
Rua Dr. Carlos Botelho, nº 1701 - São Carlos, Av. Visconde do Rio
Claro, nº 1450 – Rio Claro e Rua Duque de Caxias, nº 1511 – Pirassununga - DRT 16 JUNDIAÍ: Rua Flávio Rossi, nº 42 – Jundiaí
e Rua Coronel João Leme, nº 560 – Bragança Paulista. Para os
cargos da Diretoria Executiva somente poderão ser votados os
Agentes Fiscais de Rendas cujo tempo de permanência no quadro
associativo seja superior a 3 (três) anos, e para o Conselho Deliberativo, a permanência no quadro associativo deve ser superior
a 1 (um) ano, em ambos os casos, na data da sua inscrição junto
à Comissão Eleitoral (art. 80 § 2º - Estatuto Social). A inscrição
dos candidatos far-se-á perante a Comissão Eleitoral, com início
no dia 21 de setembro de 2011 e término impreterível no dia 21 de
outubro de 2011(art. 82 do Estatuto Social). A inscrição para a disputa de cargos da Diretoria Executiva será feita, obrigatoriamente,
sob forma de chapa completa, vedada a participação do candidato
em mais de uma chapa (art. 82 § 1º do Estatuto Social), e para o
cargo de Conselheiro e respectivo Suplente, será individual, sendo
vedada qualquer vinculação com a chapa de candidatos à Diretoria
Executiva. O voto dado ao candidato ao cargo de Conselheiro é
vinculado ao do respectivo suplente (§ único do art. 85 do Estatuto
Social). Para o Conselho Deliberativo, o associado votará apenas
em um dos candidatos inscritos na sua respectiva região administrativa, salvo na Capital, onde cada associado votará em até seis
candidatos (art.83 do Estatuto Social). Para as eleições, considerase domicílio eleitoral do associado, a região administrativa onde
se situa o endereço declarado pelo associado como sendo de sua
residência e constante do cadastro da AFRESP no último dia do
mês anterior ao da eleição, mas em até 60 (sessenta) dias antes
da eleição o associado poderá optar por outro domicílio eleitoral
que não o da sua residência desde que o declare formalmente à
AFRESP (art. 84 e § 2º do Estatuto Social).
São Paulo, 02 de agosto de 2011
José Carlos Franco Fernandes - Presidente da Comissão Eleitoral
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
8
Regionais
Centro de Convivência de Campinas promove festa julina e homenagens
Os AFRs Valdenor Souza e Silva e Adilson Monteiro Garcez foram homenageados durante evento
Homenagens, música ao vivo, comidas típicas, bingo, brincadeiras,
barracas imperdíveis e até mesmo a apresentação de uma animada
quadrilha, ensaiada pelos próprios associados, fizeram a festa julina de
Campinas um verdadeiro sucesso.
O evento contou com a presença de 120 convidados, entre eles o
presidente da Afresp, Luiz Carlos Toloi Junior, o Inspetor Fiscal, Florisberto Francisco da Silva, o vereador Luis Yabiku, o ex-diretor Regional
de Campinas, Adilson Monteiro Garcez, que foram recepcionados pelo
diretor Regional de Campinas, José Lúcio Zambrotti.
O momento foi de confraternização e de surpresas agradáveis, pois os
colegas AFRs Adilson Monteiro Garcez e Valdenor Souza e Silva foram
homenageados. Toloi Junior e José Lúcio Zambroti anunciaram que o
salão de festas seria nomeado como “AFR Adilson Monteiro Garcez” e o
quiosque seria intitulado “AFR Valdenor Souza e Silva”.
Confraternização no salão de festas do Centro de Convivência de Campinas
“Não podemos esquecer todo esforço e colaboração do AFR Adilson.
Este colega, mesmo na época não sendo diretor Regional, acompanhou
cada detalhe da construção deste salão de festas, inaugurado em 25 de
junho de 2005. Menciono também a dedicação incansável do AFR Valdenor,
conhecido como o nosso mestre-cuca. Em diversas confraternizações este
caro colega preparou deliciosos pratos”, disse Toloi Junior. Ele também
acrescentou que a atitude dos dois colegas são exemplos que promoveram
a união e integração da classe.
Valdenor, Florisberto, Lúcio, Toloi e Adilson
O diretor Regional de Campinas lembrou que as melhorias nas Regionais não devem depender apenas do diretor
Regional de cada região, mas que todos os AFRs podem
colaborar e somar esforços para que os objetivos sejam
alcançados, a exemplo dos colegas Adilson e Valdenor.
“Nada mais justo do que homenagear esses dois
grandes colegas que colaboraram para o bem-estar da
nossa classe”, afirmou Lúcio Zambroti.
Adilson
Salão de festas “AFR Adilson Monteiro Garcez”
Os AFRs homenageados agradeceram o reconhecimento dos colegas e ficaram emocionados. Estas homenagens foram iniciativas do diretor Regional de Campinas
que contou com total apoio da diretoria Afresp .
A festa Julina prosseguiu em um clima de amizade,
onde todos os colegas da classe, familiares e convidados
aproveitaram mais um momento de encontro e confraternização.
Lúcio Zambroti aproveitou a oportunidade e destacou o empenho das colaboradoras daquela Regional que
organizaram o evento.
Valdenor
Quiosque “AFR Valdenor Souza e Silva”
Familiares e colegas do AFR Valdenor
Toloi, Valdenor, Lúcio e Florisberto
Adilson, Maria Tereza, Lúcio e Toloi
Familiares e colegas do AFR Adilson
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
9
Regionais
Obra da Regional de Presidente Prudente segue em ritmo acelerado
O andamento da obra indica que a entrega da nova sede poderá ser antecipada
Com objetivo de oferecer ainda mais benefícios aos
associados e proporcionar melhorias, uma das filosofias
da Afresp é adquirir sedes próprias para seus escritórios
Regionais. Por isso, já está em andamento a construção
da sede Regional de Presidente Prudente.
Nos meses de março e abril o projeto da nova sede
e os orçamentos para construção foram aprovados. A
nova sede terá 295,20 m² e ficará muito próxima à DRT
da Região.
No mês de maio foi feita a demolição da casa antiga,
já existente no terreno adquirido em 2010. Em junho e
julho foram erguidos os alicerces da construção e está
sendo concluída a laje do primeiro pavimento.
A obra segue em ritmo acelerado e as condições
climáticas favorecem o desempenho da construção,
desta forma, a entrega da nova sede Regional poder ser
antecipada.
Regional de Ribeirão Preto realiza 1º jantar dos aposentados
A Regional de Ribeirão Preto realizou o 1º Jantar dos Aposentados com o apoio da
Afresp. Compareceram aproximadamente 90 pessoas, entre associados e seus familiares.
O presidente da Afresp, Luiz Carlos Toloi Junior, fez questão de prestigiar o evento.
Na ocasião foram homenageadas as AFRs recém aposentadas Rose Mary Lino do
Nascimento (diretora Regional de Ribeirão Preto) e Maria Stella Brondi Pugini. Cada uma
delas recebeu uma placa de homenagem das mãos do presidente da Afresp que discursou
durante o evento.
Diretores da Afresp visitam obras das Regionais de Osasco e Santos
No dia 1º de agosto, o diretor de Regionais, Cézar José D'Avoglio, e o diretor de
Administração e Patrimônio, Arnaldo Marquezini visitaram o Centro de Convivência
de Osasco e a Sede Regional de Santos. O intuito da visita foi acompanhar de perto
o andamento das reformas nas respectivas unidades.
O diretor Regional de Osasco, Antonio Carlos de Oliveira Joaquim, mostrou o
novo piso do salão e tratou de detalhes da obra. Em breve o salão contará com forro
de gesso e ar condicionado, proporcionando mais conforto aos associados.
Regional de Santos
O diretor da Regional de Santos, Décio Correa Vilela, informou que a obra segue
em ritmo acelerado, pois já foram retirados o telhado do salão antigo e também seu
forro de gesso que estavam completamente comprometidos por infiltrações. O novo
telhado já está pronto e agora está sendo feita a estrutura para colocação do forro
de gesso com iluminação e som.
Regional de Osasco
Feijoada beneficente em São José do Rio Preto
A solidariedade também está presente na Afresp de São José do Rio Preto. No
dia 10 de julho os Agentes Fiscais de Rendas da DRT/8 participaram de uma feijoada
beneficente organizada pela Afresp,
A renda foi toda revertida para a creche "Instituição Educacional Casa da Criança".
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
10
Regionais
Festas Juninas animam associados
ABCD, Araraquara, Caçapava e Piracicaba realizam eventos de confraternização no mês de junho e julho
Conforme vimos na edição anterior do Jornal da Afresp
e agora acompanhamos neste exemplar, várias Regionais
realizaram a típica festa junina. Essas confraternizações
mostram que a união faz parte da classe dos AFRs.
A Regional ABCD também realizou uma belíssima festa
junina. Mais de 80 AFRs e familiares participaram do evento
que contou com a apresentação ao vivo do Coral da DRT/12.
No dia 30 de junho foi a vez de Piracicaba. A Regional
reuniu mais de 20 associados em um clima de amizade. Já
no dia 02 de julho o Centro de Convivência de Araraquara
fez uma verdadeira quermesse, com banda ao vivo, barracas
e uma decoração caprichada.
E para fechar com chave de ouro, no dia 09 de julho foi
a vez do Centro de Convivência de Caçapava. A festa foi
aberta à comunidade local e vários colegas de São José
dos Campos e Taubaté participaram, inclusive o delegado
Tributário de Santos, Emilio Bruno.
Piracicaba
ABCD
Caçapava
Araraquara
Fundafresp
Fundafresp distribui mais de R$ 200 mil nos meses de junho e julho
A comissão do Fundafresp reuniu-se em 29 de junho e 27 de julho para distribuir os valores arrecadados. No total, em junho,
46 entidades foram beneficiadas e o valor distribuído foi de R$ 120 mil. Já em julho foram beneficiadas 31 entidades e o valor
total distribuído foi de R$ 82.700,00.
Beneficiados
Confira a lista de entidades assistenciais que receberam recursos no mês de Junho:
01) Instituição Assistencial Cristã Lar Mãe Mariana - Poá - R$ 2.400,00
02) Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Macatuba
- Macatuba - R$ 2.000,00
03) Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Mirandópolis Mirandópolis - R$ 2.000,00
04) Lar das Crianças do Menino Deus - Pirassununga - R$ 4.000,00
05) Centro Pirassununguense de Assistência à Infância - Pirassununga
- R$ 4.000,00
06) Amic – Amigos da Criança – Centro Espírita Fé e Amor - Campinas
- R$ 4.000,00
07) Centro Comunitário São Judas Tadeu – Marília - R$ 4.000,00
08) Lar Esperança – São José do Rio Preto - R$ 3.000,00
09) Lar Escola Cairbar Schutel – São Paulo - R$ 3.300,00
10) Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Pirapozinho - Pirapozinho - R$ 2.000,00
11) Centro Espírita e Albergue Noturno Joana d’Arc - Rancharia
- R$ 3.000,00
12) Creche Fraternidade Maria de Nazaré – São Paulo - R$ 2.000,00
13) Instituto Comboniano de São Judas Tadeu – São José do Rio Preto
- R$ 2.000,00
14) Fundação do Câncer Jaime Pereira - Piracicaba - R$ 2.000,00
15) Associação Beneficente Nossa Casa - Piracicaba - R$ 2.000,00
16) Lar São Vicente de Paulo de Cravinhos - Cravinhos - R$ 2.000,00
17) Lar Vicentino de Lagoinha - Lagoinha - R$ 2.000,00
18) Serviços de Assistência Social de Ibirá - Ibirá - R$ 2.700,00
19) Associação Lar da Criança de Ibirá - Ibirá - R$ 4.000,00
20) Sociedade Beneficente Bezerra de Menezes - Pirajuí - R$ 4.000,00
21) Rede de Combate ao Câncer de Santa Cruz do Rio Pardo – Santa
Cruz do Rio Pardo - R$ 3.000,00
22) Associação de Educação Popular Pixote - Osasco - R$ 3.900,00
23) Conferência de Santa Izabel da Sociedade de São Vicente de Paulo
de Cafelândia - Cafelândia - R$ 2.000,00
24) Casa de Saúde Santa Marcelina – São Paulo - R$ 2.000,00
25) Associação Filantrópica Nosso Lar - Assis - R$ 4.000,00
26) Associação Integrada de Deficientes e Amigos - Limeira - R$ 2.000,00
27) Lar Maria José de Jesus – São José do Rio Preto - R$ 2.000,00
28) Lar Espírita Caminho de Nazaré - Araçatuba - R$ 2.000,00
29) Centro Social São José - Sorocaba - R$ 2.000,00
30) Associação Batataense dos Deficientes Físicos - Batatais - R$ 4.000,00
31) Sociedade de Obras Religiosas de Monteiro Lobato – Monteiro Lobato
- R$ 2.000,00
32) Congregação das Franciscanas Filhas da Divina Providência - Recanto
São Francisco de Assis – Serra Negra - R$ 2.000,00
33) Ação de Recuperação Social - Santos - R$ 2.000,00
34) Associação Bethel – Projeto Mão Amiga – Presidente Prudente R$ 2.000,00
35) Centro de Convivência Infantil Filhos de Oxum – Taboão da Serra R$ 2.000,00
36) Grupo Espírita Batuíra – São Paulo - R$ 4.000,00
37) Centro de Recreação Infantil Betel – São Paulo - R$ 2.000,00
38) Centro Espírita Irmã Liberata - Cedral - R$ 2.000,00
39) Associação Beneficente de Cultura Espírita Mãos Fraternas - Itajobi R$ 2.000,00
40) Asilo São Vicente de Paulo de Ibirá - Ibirá - R$ 2.000,00
41) Creche Lar André Luiz de Itú – Itú - R$ 2.000,00
42) Entidade Beneficente Abrigo de Luz - Votuporanga - R$ 2.000,00
43) Lar Frei Arnaldo - Votuporanga - R$ 2.700,00
44) Centro de Assistência e Promoção Social Nosso Lar – São Paulo R$ 2.000,00
45) Associação Beneficente Dr. Bezerra de Menezes - Votuporanga R$ 4.000,00
46) Associação Roupeiro de Santa Rita de Igarapava - Igarapava - R$ 2.000,00
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
11
Fundafresp
Solidariedade: a união faz a diferença
Fundafresp recebe carta de agradecimento de entidade beneficiada
O AFR Sérgio Afonso Domingues, enviou uma carta em agradecimento ao auxílio
concedido à entidade Promoções Humanas
Eugênio de Mazenod, onde atualmente é
voluntário.
Na carta ele informou que o auxílio veio
em boa hora e que ajudará a entidade a prestar melhor serviço: assim aquelas crianças
e adolescentes terão a oportunidade de se
tornarem adultos responsáveis.
Crianças da entidade Promoções Humanas Eugênio de Mazenod
"Ficamos felizes por saber que não estamos sós nesta luta pelo atendimento à criança e ao adolescente. Sabemos que o
Fundafresp compartilha o ideal de solidariedade e amor ao próximo", afirma Sérgio.
A entidade Promoções Humanas Eugênio de Mazenod também enviou as fotos acima, como forma de agradecimento.
Conforme já divulgamos as entidades beneficiadas pelo Fundafresp
recebem um adesivo exclusivo (foto ao lado). Esta é mais uma maneira de
demonstrar toda atenção e carinho proporcionado pelo Fundo de Assistência
Social da Afresp a todas as entidades beneficiadas no Estado de São Paulo.
Faça como o colega Sérgio e contruibua com o Fundafresp, além de
indicar entidades.
Sua participação no Fundafresp é de grande importância e lembre-se
que a união faz a diferença!
Indique entidades da sua cidade!
Colega participante do Fundafresp, indique entidades de idosos ou menores carentes da sua região. Consulte no site da Afresp
(www.afresp.org.br) o regulamento do Fundafresp ou obtenha mais informações com Joanita no telefone: (11) 3886-8807.
Beneficiados
Confira a lista de entidades assistenciais que receberam recursos no mês de Julho:
01) Associação de Peregrinação do Rosário – Presidente Prudente - R$
2.000,00
02) Instituição Assistencial e Educacional Dr. Klaide – Santo André - R$
4.000,00
03) Associação do Menor de Igarapava – Igarapava - R$ 2.000,00
04) Associação União de Mães do Jardim das Flores – Osasco - R$ 4.000,00
05) Casa Abrigo da Criança do Município de Tupã – Tupã - R$ 3.000,00
06) Lar Espírita Bezerra de Menezes – Ribeirão Pires - R$ 2.800,00
07) Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Piracicaba – Piracicaba - R$ 2.000,00
08) Centro Espírita Francisco de Assis – São Paulo - R$ 2.000,00
09) Fundação Padre Emílio Immoos – Avaré - R$ 3.000,00
10) Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Piracicaba – Piracicaba
- R$ 2.000,00
11) Obra Social e Assistencial Santa Inês – São José dos Campos - R$
2.000,00
12) Associação de Voluntários de Combate ao Câncer – Região de Jales –
Jales - R$ 2.000,00
13) Centro Ecumênico de Publicações e Estudos Frei Tito de Alencar Lima
– São Paulo - R$ 4.000,00
14) Associação Pão Nosso – Catanduva - R$ 3.300,00
15) Sociedade de Amparo Fraterno Casa do Caminho – São Paulo - R$
4.000,00
16) Lar São Vicente de Paulo – Cardoso - R$ 2.000,00
17) Centro de Apoio a Criança e Adolescente de Marília – Marília - R$ 2.000,00
18) Pastoral de Atendimento e Integração do Menor – Jundiaí - R$ 2.100,00
19) Lar São Vicente de Paulo – Monte Alto - R$ 2.700,00
20) Lar dos Velhos São Camilo de Leles – Buritama - R$ 2.000,00
21) Centro Espírita Nosso Lar Casas André Luiz – Guarulhos - R$ 2.000,00
22) Centro de Promoção Social Cônego Luiz Biasi – São Paulo - R$ 2.000,00
23) Lar dos Velhinhos da Sociedade de São Vicente de Paulo – Santo Antônio
da Alegria - R$ 2.000,00
24) Centro Espírita Allan Kardec – Penápolis - R$ 2.000,00
25) Núcleo Educacional Joanna de Ângelis – Catanduva - R$ 4.000,00
26) Associação Espírita Beneficente Adolfo Bezerra de Menezes – São
Paulo - R$ 2.000,00
27) Associação Educacional para Múltipla Deficiência – São Paulo - R$
4.000,00
28) Associação de Munícipes para Amparo ao Menor Osasquense – Osasco
- R$ 3.000,00
29) Associação Metodista de Ação Social de Pinheiros – São Paulo - R$
2.000,00
30) Associação Metodista de Ação Social – São Paulo - R$ 2.800,00
31) Associação Espírita Beneficente Pátria do Evangelho – Fernandópolis R$ 4.000,00
01) Instituição Assistencial Cristã Lar Mãe Mariana - Poá - R$ 2.400,00
Fundafresp informa
3.189 doações já realizadas
a entidades carentes
Casa do AFR
Total distribuído desde 1995:
Valor contabilizado:
R$ 7.157.720,00
R$ 2.551.424,21
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
12
Talentos AFRs
AFRs aposentados mostram talento
e competência em obras literárias
Poesia: Ondas
Ondas cincuncêntricas irão se formar
E percorrerão assim seu caminho tácito
Até as bordas do lago que se aplainará
Ondas marinhas formadas por vento distante
Uma madeira flutua sobre a água do mar
Num sobe e desce, num vai e vem constante
A onda passa, a tábua fica no mesmo lugar
Sérgio Valente
Yara Regina Franco
Benedicto Dutra
Podemos acompanhar em cada edição do Jornal da Afresp muitos AFRs escritores que demonstram competência e talento em suas obras literárias.
Conheça abaixo algumas obras literárias dos AFRs aposentados, Sérgio Valente,
Yara Regina Franco e Benedicto Dutra:
Os tsunamis são ondas gigantescas
Vindas de longínquas agitações marítimas
Causando estragos e cenas dantescas
Destruindo tudo, fazendo muitas vítimas
No ar se propagam as ondas sonoras
São meios de defesa e comunicação
De máquinas, homens e aves canoras
Chegam e passam, audíveis ou não
O livro de contos “Deus protege os cães perdidos e outros achados” traz surpreendentes histórias e reflexões curiosas. O autor e AFR Sérgio Valente joga o
tempo todo com as palavras. Traços de realismo, surrealismo, até de romantismo
e naturalismo, às vezes combinados com vestígios do policialesco permeiam as
histórias. Literatura de primeira linha. Vale a pena conferir.
Condições meteorológicas extremas
Causam ondas de calor perigosas
Em regiões normalmente amenas
Que matam crianças e gentes idosas
Já a colega Yara Regina Franco lançou recentemente, junto com outros colegas
autores, a coletânia "Fantasia", organizada pelo grupo Alpas XXI. A coletânea é
composta por poesias, contos e crônicas. A autora participa do conto intitulado
"Sonho premonitório".
Nas mulheres ondas de calor são a causa
Da concentração, sono e humor alterados
São sintomas comuns na menopausa
Devido aos níveis hormonais rebaixados
O autor e AFR Benedicto I. C. Dutra escreveu o livro “Conversando com o
Homem Sábio” que traz uma mensagem de esperança para um futuro melhor. A
obra é destinada a jovens de todas as idades, com a finalidade de incentivá-los
a adquirir atitudes positivas em relação à vida. Sonhar com o futuro e ter inspirações enobrecedoras.
As ondas da vida são o nosso desafio
Como tudo na vida elas vem e vão
Com calma, persistência e muito brio
Haveremos de vencê-las então
Escrito pelo AFR Eden Lima
Aposentados
Aposentados participam de DVDtecas
Os colegas aposentados se reuniram nos dias 18 de maio e 13 de
julho para participar das tradicionais DVDtecas. O evento é promovido pela diretoria de Aposentados, com o objetivo de proporcionar
momentos de reencontro e confraternização. A próximas DVDtecas
acontecerão nos dia 14 de setembro e 23 de novembro. Participem!
Chuteiras Penduradas
Agora chegou a vez de mais alguns poderem deliciar-se com tudo aquilo que desejavam quando se dirigiam ao trabalho
nos dias mais difíceis. E nunca o tempo é demais para a vontade do homem de contemplar, de buscar, de conhecer. Que o
jornal seja lido com mais calma, que novos livros sejam descobertos, que o sol morene a pele todos os dias e a lua abençoe,
todas as noites, os sonhos ou os pensamentos que a madrugada inspira. Saúde e alegria para todos vocês:
07/07/2011 - Mario Borges do Couto, nível III
09/07/2011- Antonio Rodrigues Pereira, nível V
07/07/2011 - Reinaldo Vieira de Sousa, nível V
09/07/2011- Cenedrim Manoel da Silva, nível IV
07/07/2011- Sérgio Reinhardt Santana, nível V
09/07/2011- Maria Adelaide da Conceição Borges, nível VI
07/07/2011- Edvar Antonio Forte, nível VI
14/07/2011- Márcia Franca Pires Palhuca, nível VI
07/07/2011- João Carlos Chiaro, nível V
14/07/2011- Edson Bonetti, nível VI
07/07/2011- Wagner Righetti, nível VI
14/07/2011- Sérgio Reinhardt, nível V
07/07/2011- Francisco Carlos Sanchez Antunes, nível VI 14/07/2011- Dulce Maria Cabeza Mendonça, nível V
07/07/2011- Hidenobu Maemura, nível VI
21/07/2011- Ailson Leme Siqueira, nível não informado
09/07/2011- Maria Leite Martins, nível IV
21/07/2011- Claudionor Dias Souto, nível não informado
09/07/2011- Odete Maria de Lima, nível V
21/07/2011- Luiz Fernando F. Leite, nível não informado
09/07/2011- Eli Pedraza, nível VI
26/07/2011- Getúlio Fernandez Herreira, nível não informado
Atenção
AFRs APOSENTADOS
Se você faz aniversário
no mês de agosto,
você tem até o dia
31/08 para realizar o
recadastramento anual
em uma agência do
Banco do Brasil
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
13
Seguros
Vip’s corretora: sinônimo de transparência e qualidade
Departamento de
Seguros Responde
?
O que são oficinas credenciadas? Quais as vantagens
oferecidas por elas?
Colaboradores da Vip’s Corretora
A Afresp tem como prioridade procurar e oferecer os melhores serviços para
seus associados. Desta forma, a entidade
sempre firmou parcerias com empresas
idôneas, que possam garantir qualidade,
segurança e eficiência naquilo que fazem.
Com este pensamento, no ano de 1992
a Afresp firmou parceria, na área de seguro de vida, com a Vip’s Corretora, empresa
dedicada a intermediação e administração
de seguros.
A Vip´s Corretora de Seguros possui
Sócios da Vip’s Corretora com certificação ISO 9001
27 anos de experiência e se especializou
no desenvolvimento e administração de apólices do funcionalismo público, sendo que
nos últimos 20 anos trabalhou exclusivamente para apólices que atendem ao Fisco
Estadual Brasileiro.
No ano de 2005, recebeu, da revista Cobertura, ícone a nível nacional, o prêmio de
destaque, único dentro do mercado nacional, pelo fato de ter sido a primeira, e até hoje
a única Corretora de Seguros, a ser certificada em todos os ramos de seguro com o
Sistema de Gestão de Qualidade ISO 9001.
Esta certificação foi outorgada pela Fundação Vanzolini, empresa de certificações
gerida por catedráticos da USP.
O Seguro de Vida intermediado pela Vip´s é um produto Mapfre, uma multinacional
européia no ramo de seguros que se destaca pela qualidade de seus serviços e pela
solidez de seus princípios empresariais, o que permitiu que nestes 20 anos tenham sido
beneficiadas aproximadamente 3 mil famílias
que, na falta de seus titulares, foram amparadas pelos seguros estipulados pela Afresp.
Daniel Ahumada recebendo Comenda Febrafite
Neste ano de 2011 o diretor-presidente da
Vip’s Corretora de Seguros, Daniel Alejandro
López Ahumada, recebeu a Comenda Febrafite. Esta honraria homenageia justamente
pessoas que tenham prestado relevantes
serviços à Federação e ao Fisco Estadual/
Distrital Brasileiro. Atualmente a Vip’s presta
serviços para 11 Associações mantidas pela
Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais.
O diretor de Seguros da Afresp, Marcimedes Martins da Silva, falou do sucesso da
parceria entre a Associação e a Corretora Vip’s. “Sem dúvidas esta parceria trouxe
muitas vantagens para os nossos associados e além do preço reduzido, garantimos
cobertura independente da faixa etária”.
Marcimedes ainda ressaltou a importância da excelência nos serviços prestados pela
corretora. “É importante enfatizar que a Vip’s presta ótimos serviços ao associado da
Afresp. A qualidade de seus profissionais é fruto de um trabalho dedicado e incansável
no investimento de pessoas com conhecimento detalhado em Seguro”, afirmou.
“Oficinas credenciadas são uma rede
de oficinas, previamente definidas pela
seguradora, que visam conceder ao
segurado alguns benefícios, como por
exemplo: desconto ou parcelamento da
franquia, atendimento diferenciado, com
maior rapidez na execução do serviço,
sistema de leva-e-traz e garantia da
seguradora na qualidade dos serviços
realizados.
Para a seguradora, as oficinas credenciadas constituem fator redutor no
preço de peças e mão-de-obra, reduzindo consequentemente o custo médio
de seus sinistros, além de agilizarem o
processo de regulação/ajuste do orçamento e liberação do veículo.
Seguro de Vida Afresp informa
No mês de julho
foram 16 famílias
amparadas pelo
Seguro de Vida
Afresp que receberam
indenização.
Valorizando a Vida
Parceria
Comunicado de Sinistros
O setor de Sinistros da
Afresp comunica que em
julho foram
atendidos
46 casos de sinistros de
automóveis e nenhum
sinistro de residência.
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
14
Sociocultural
Associados participam de show internacional no auditório da Afresp
O grupo internacional FSP encantou a plateia no show que durou mais de uma hora
No dia 02 de agosto a Afresp recebeu em
seu auditório o grupo internacional FSP. Vários
convidados assistiram ao show com os talentosos músicos Vicente Falek, Daniel Stein (filho
da AFR Cecília Stein) e Igor Pimenta, além dos
dançarinos.
Com os instrumentos violino, teclado e violoncelo, o show fez uma viagem pela música
do leste europeu e das américas, unindo som e
muita dança.
A belíssima performance apresentada pelos dançarinos Natacha Muriel e Lucas Magalhães encantou a plateia.
Estavam presentes o
presidente da Afresp, Luiz Carlos Toloi Junior, o presidente do Conselho Deliberativo, João
Álfaro Soto, e diretores da Associação.
" O show do FSP marca o trecentésimo terceiro evento realizado por essa Diretoria, além
das demais confraternizações ocorridas nos Centros de Convivência, que contaram com o
total apoio da nossa entidade. É com satisfação que a Afresp, símbolo de tradição, solidez
e confiança, tem uma gestão voltada em prol de seus associados, sempre com objetivo
de oferecer os melhores serviços e propiciar qualidade de vida e bem-estar a esta família
Afrespiana", afirmou Toloi Junior.
A diretora de Convênios e Cultura, Angela Manzoti Nahman, também falou durante o
evento. Ela agradeceu a presença de todos e comentou sobre o talento do grupo FSP e
destacou que o violinista, Daniel Stein, iniciou sua carreira artística há mais de 10 anos,
justamente no palco da Afresp.
Após o show todos participaram de um delicioso coquetel servido no saguão da sede da
Afresp.
Acesse o site: www.afresp.org.br e confira mais fotos disponíveis no link.
Conheça os novos Convênios Afresp
Clínica de Podologia Rita Pacheco - Avenida 7 de Setembro,
650 - Jardim América - Franca/SP - Tels.: (16) 3720-5691
(16) 9310-8637 / Descontos de até 15%. Veja detalhes no
site da Afresp : www.afresp.org.br
Plenitud Núcleo de Idiomas - Rua Afonso Pena, 1151 - Vila Duque de Caxias -Tels.: (16) 3724-3539 /Descontos de 25 a 35%
nos cursos de espanhol, inglês, italiano, francês e português.
Óptica Melani Botto - Rua Monsenhor Rosa, 1855 - Centro
Tels.: (16) 3724-1444 / 10% de desconto na aquisição de
óculos de sol, lentes oftalmológicas e armações de óculos,
com exceção das grifes Oakley ou em campanhas.
Academia K@2 Fitness Technology- Unidades: (Sorocaba,
Santana, Centro, Morumbi, Unidade Paulista e Ibirapuera).
Saiba os endereços das unidades e descontos através do site
da Afresp : www.afresp.org.br.
Óticas Carol - Desconto de 8% a 12% em todos os produtos
para pagamento à vista (somente não é válido para produtos
com preço controlado) - www.oticascarol.com.br
Bio Ritmo Academia - (Unidades participantes: Centro, Cerro
Corá e Higienópolis). Saiba os endereços das unidades e descontos através do site da Afresp : www.afresp.org.br.
*Identificar vínculo associativo. Imprescindível a apresentação
da carteirinha da Afresp.
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
ANS - nº31763-2
15
Amafresp
Patologias da Coluna Vertebral
Veja neste artigo orientações sobre os tratamentos de doenças da coluna vertebral
A maioria das doenças da coluna
vertebral são decorrentes de processos
degenerativos, próprios do envelhecimento. As mais frequentes são as hérnias de
disco intervertebral, os osteófitos (espícula
óssea) e as artroses.
Nenhuma dessas degenerações tem
cura, pois ainda não há nenhum mecanismo
que regenere os tecidos. A região cervical
e a lombar são os segmentos da coluna
vertebral que mais sofrem esses processos
e a dor é o sintoma principal, que pode
ficar restrita na região ou irradiar para os
membros, em decorrência da compressão
das raízes nervosas, que saem da coluna
vertebral.
O tratamento conservador deve sempre
ser priorizado, com técnicas de fisioterapias e medicamentos. Mesmo quando
indicado corretamente, o tratamento é
prolongado e a resposta é lenta, porém
gradativa, o que muitas vezes desanima
o paciente, pois normalmente a dor reduz
de intensidade, mas persiste por tempo
prolongado.
Os tratamentos invasivos (cirurgias)
devem ser sempre colocados em segundo
plano, depois que se esgotaram todas as
alternativas de tratamento conservador.
Mesmo nos casos com indicação cirúrgica
deve-se priorizar as técnicas minimamente
invasivas, atuando na raiz nervosa comprometida.
Cirurgias de grande porte, com o implante de hastes e parafusos de metais,
devem ser reservadas para casos muito
especiais, onde não há nenhuma outra
alternativa de tratamento, pois a médio e
longo prazo os resultados quase sempre
são insatisfatórios e muitas vezes as dores
voltam em intensidade ainda maior e as
possibilidades de tratamento nessa fase
ficam reduzidas e prejudicadas.
As cirurgias de coluna com implante de
hastes e parafusos é definitiva, uma escolha
sem volta e muitas vezes de consequências
incertas, pois muitas das técnicas e materiais utilizados, não possuem evidências
científicas de bons resultados, pelo contrário, muitos trabalhos científicos demonstram
que a efetividade das cirurgias não superam
a dos tratamentos mais conservadores.
A Amafresp selecionou um
“grupo
de médicos especialistas
Assim, a Amafresp selecionou um
grupo de médicos especialistas em
patologias de coluna vertebral, ligados
a universidades e hospitais de alta tecnologia, com grande experiência clínica
e cirúrgica, para conduzir os casos dos
filiados Amafresp.
em patologias de coluna vertebral, ligados a Universidades
e hospitais de alta tecnologia
com grande experiência clínica
e cirúrgica.
”
Considerando todos esses aspectos e
consequências, a Amafresp entende que
o tratamento de tais patologias deve ser
conduzido por médicos especialistas em
coluna vertebral, com larga experiência
na área, com o auxílio de fisioterapeutas,
não bastando apenas a especialização em
ortopedia geral ou neurocirurgia.
A lista de médicos e clínicas encontrase no site da Afresp (www.afresp.org.br)
na especialidade de “coluna vertebral”.
Ressaltando que somente os profissionais
relacionados em nosso site estão autorizados a realizar intervenções cirúrgicas
em coluna vertebral.
Dr. Walter Lyrio do Valle, assessor médico da
Amafresp
Campanha Prevenção 2011
A Amafresp iniciou em agosto a Campanha Prevenção 2011, que leva diversos tipos de exames preventivos até as unidades
de trabalho dos filiados. Acesse o site da Afresp www.afresp.org.br e confira as datas e locais. Participe!
Planilha de Custos da Amafresp - 2011 (Regime Contábil - Competência)
Confira os demais valores do ano de 2011 no site da Afresp (www.afresp.org.br) em Amafresp, link Informações Financeiras.
Mês
Consultas
Exames
JUN
601.530,50
1.411.340,58
*TOT.
2.246.233,51
5.876.108,17
Mês
Atend.
Prestados por
Reciprocidade
JUN
621.482,85
(424.441,55)
*TOT.
2.286.989,34
(2.369.596,55)
Glosas
Geradas
Outros Atend.
Ambulatoriais
Demais
Convênio
Emergências
Despesas
OdontolóMédicas
Assistenciais
gico
Terapias
Internações
296.798,28
4.083.797,47
1.317.901,10
462.770,96
59.096,84
1.871.618,07 22.283.744,19
7.013.798,92
3.977.805,90
351.663,59
Despesa
com INSS
Devoluções
Cotas
Descontos
obtidos
34.334,93
0
159.227,67
4.276,74
Reembolso
Odontológico
Ressarc. ao
SUS
71.132,96
84,95
44,748,98
352.917,87
569,44
67.035,10
Recuperação
Cobranças
Taxa ADM.
8,5%
Despesas
Totais
Qtde. de
Cotas
Valor da
Cota Real
0
(507.096,74)
676.040,00
8.749.522,11
22.583,50
387,43
0,00
(2.592.439,21)
3.663.096,75
45.193.049,50
-
-
Sujeito a alterações. Atualizada em 03/08/2011. Saldo Fundo de Reserva Amafresp, atualizado em 15/08/2011 R$ 6.860.714,64. Saldo do Fundo de Solidariedade: atualizado em 15/08/2011 R$ 636.439,59.
* Valores totais referentes ao acumulado entre janeiro e junho de 2011.
Jornal da Afresp | Agosto de 2011
16
ANS - nº31763-2
Amafresp
Presidente da Afresp participa de AGE em Brasília
Toloi Junior e respresentantes do Fisco estadual também participaram de reunião dos planos de saúde
Toloi Junior durante reunião apoiou a implantação do Febrafite Saúde
O presidente da Afresp, Luiz Carlos Toloi Junior, participou de Assembleia Geral Extraordinária do Conselho Deliberativo da
Febrafite e também de reunião dos Planos de Saúde do Fisco estadual brasileiro na sede da AAFIT (Associação dos Auditores
Tributários do Distrito Federal), em Brasília. Estavam presentes também o presidente da Febrafite, Roberto Kupski e representantes de todo o Fisco Estadual. A reunião ocorreu no dia 19 de julho.
Em pauta, além de outros temas de interesse do Fisco, estava a implantação do Febrafite Saúde, instituição que irá operar
planos privados de assistência à saúde, na modalidade de autogestão, sem fins lucrativos e cujo objetivo é “oferecer assistência
aos servidores ativos, aposentados e pensionistas do setor fazendário estadual”.
A constituição do Febrafite Saúde foi deliberada em Assembleia da Federação realizada em agosto de 2009. Desde aquela
data, a instituição foi ganhando forma: já tem Estatuto Social e CNPJ próprios.
Após algumas esplanações do assunto, o presidente da Afresp, Luiz Carlos Toloi Junior, se manifestou defendendo que o mais
viável para aquele momento é que alguma entidade filiada à Federação, sem plano de saúde ou com plano menor, desse início
a implantação do Febrafite Saúde.
O presidente da Asfepa (PA), Antônio Carlos de Freitas Catete, e o presidente da Audifisco (TO), Jorge Couto, disponibizaram
os Estados do Pará e de Tocantins para dar início ao Febafite Saúde, com todos os presentes aclamando a iniciativa.
O tema volta a ser discutido na próxima Assembleia da Febrafite, que acontecerá entre os dia 14 e 16 de setembro, em Recife.
Novas carteiras Unimed serão enviadas em setembro
Os filiados Amafresp que não residem na capital receberão em setembro as novas
carteirinhas de identificação da Unimed. Elas serão enviadas pela Diretoria Executiva
da Afresp e terão prazo de validade até 30 de setembro de 2012.
Este é um procedimento de praxe realizado a cada dois anos e permite que os
filiados Amafresp possam continuar utilizando normalmente os serviços da Unimed.
É importante lembrar que a carteira Unimed poderá ser utilizada em qualquer
localidade do Estado, exceto na Capital e Grande São Paulo, e onde existe Convênio
de Reciprocidade, visto que o associado fará uso exclusivo da carteira Amafresp.
Caso não receba a referida carteira até 20 de setembro de 2011, favor contatar o Departamento de Inscrição da Afresp, através
dos telefones: (11) 3886-8840 /8868 e 8838 ou envie um e-mail para o seguinte endereço: departamentoinscricao@afresp.org.br
Carta
Você Sabia
À Amafresp
Venho por meio desta parabenizar a Amafresp, e ao mesmo tempo agradecer
a presteza e eficiência na rapidez com que a Diretoria e o departamento médico
autorizaram o InCor a proceder num implante de CDI com cardiodesfribilador em
minha pessoa. Quero agradecer também pelas recomendações e exigências médicas
daquele hospital, no período em que fiquei internado.
O meu muito obrigado a todos, desde os funcionários até a Diretoria. E que esta
atenção especial que vocês tem com seus associados e filiados continue sempre!
Oswaldo Pereira Ribeiro
Que a Amafresp é o
único plano de saúde que
leva diversos tipos de
exames preventivos até
as unidades de trabalho
de seus filiados?
Download

Uma carreira de sucesso