ALMOÇO
DE NEGÓCIOS
CIESP COTIA
VOCÊ SABE
CONVERSAR?
IMPLANTAÇÃO
DO NJE CIESP
CASTELO
Circular para
Presidência
Diretoria
Engenharia
Produção
RH
MKT
Outros
ano 02 | Nº 09 | dezembro/janeiro 2015
INDÚSTRIA
Como voltar a
crescer sem amarras
CIRCULA NAS INDÚSTRIAS DE 13 CIDADES
CIESP CASTELO: Barueri, Carapicuíba, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus e Santana de Parnaíba
CIESP COTIA: Araçariguama, Cotia, Embu das Artes, São Roque, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista
BARAUNA
ARQUITETURA
E CONSTRUÇÕES
32 anos de experiencia
no mercado
Construções Industriais,
Comerciais e Residenciais
Office – Atelier da Granja: Rua Tapes, 34, Granja Viana, Cotia/SP
Tels.: 4612-7771 / 4617-3941 / 9-96557696
baraunaarquitetura@uol.com.br / www.baraunaarquitetura.com.br
EDITORIAL
BONS VENTOS
PARA 2015
C
hegamos na 9ª edição da revista CIESP CASTELO COTIA, um ano e meio de trabalho, levando aos colaboradores das indústrias
das 13 cidades da região Oeste, muita informação do CIESP, FIESP, SESI E SENAI e sendo o principal canal de comunicação com
essas empresas na região.
Como matéria de capa destacamos artigo do 1º vice-presidente do CIESP, Rafael Cervino Neto, “INDÚSTRIA, COMO VOLTAR A
CRESCER SEM AMARRAS” mostrando que podemos crescer em 2015, se agirmos com Inovação, Produtividade e o governo com Reforma Fiscal e maior abertura comercial.
Outro artigo interessante é de Álvaro Fernando, “VOCÊ SABE CONVERSAR” onde aborda com muita competência e experiência própria, a arte de conversar, de entender o que o cliente deseja e atendê-lo da melhor forma possível, de maneira alegre, simpática e efetiva,
deixando- o sempre feliz. Essa matéria serve também para outros relacionamentos, como familiares, de amizades, nos condomínios e entre
colegas no trabalho. Norberto Bobbio, filósofo político italiano – 1909/2004 – dizia sobre sua maior lição de vida:
“Aprendi a respeitar as ideias alheias, a deter-me diante do segredo de cada consciência, a compreender antes de discutir e a discutir antes de condenar.
E a detestar fanáticos com todas as minhas forças” .
Outra matéria valiosa é “A VIDA CONTRA O TEMPO” falando da atividade física, que todo mundo sabe da importância para a saúde, mas
tão poucos levam a sério. No artigo é destacado o valor da ginástica laboral.
E muitas informações de cursos, palestras e encontro de negócios das regionais do CIESP e tantos outros artigos interessantes.
Finalizamos, agradecendo a todos os anunciantes, que acreditaram na força de comunicação da revista e a importância de estar conosco, não
só para comunicar seus produtos e serviços, mas também da cooperação para manter a revista viva.
Depois de ler a revista, passe para seu colega de trabalho ao lado, repartindo o conhecimento e a informação por toda a empresa,
imprescindível no mercado de trabalho, cada vez mais exigente de bons profissionais.
Boa leitura e tenha um feliz ano novo.
João Lino
Editor
EXPEDIENTE REVISTA CIESP
CONSELHO
Rua Paula Rodrigues, 61
06233-030 - Osasco - SP
Fone: 11 3686-5922/4714
ciespcastelo.com.br
ciesp@ciespcastelo.com.br
DIRETORIA REGIONAL CASTELO
2011-2015
Diretor Titular
Fabio Starace Fonseca
1º Vice-Diretor
Sergio Marchesi
2º Vice-Diretor
José Carlos Nadalini
Gerente Regional
Lourdes Proença
Alciney Tadeu da Rocha
Altair Antônio de Souza
Antonio Carlos M. Abreu
Carlos Alberto Orlando
Carlos Roberto Seicentos
Clemens de Souza Daniel Fernandes Borrelly
Dirceu Paulino
Enrique Robles Garcia
Fábio da Silva Félix
Jandir Barboza
Joaquim X. Isaac
José Carlos Andrade Nadalini
José Francisco de Sá Ribeiro
José Soares
Juracy Rubens F. D. Lucca
Luiz Carlos de G. M. Strobel Manoel Lima Domingues
Manoel Torres Sobrinho
Mário Jorge Nyari
Maurizio Cozzi
Pércio Michalski Ramos
Ronaldo K. Rodrigues
Silvio Ferreira Dutra Rodrigues
CONSELHO
Rua do Amor Perfeito, 200
06713-290 - Cotia - SP
Fone: 4612-9722
ciespcotia.com.br
faleconosco@ciespcotia.com.br
Diretoria Regional Cotia
2011-2015
Diretor Titular
Walter Sacca
1º Vice-Diretor
José de Vasconcellos Jr.
2º Vice-Diretor
Terezinha de Jesus C. de Almeida
Gerente Regional
Claudia Regina Papi
Marcelo Santiago Trindade
Mario Leopold C. Appel
Mauro Daffre
Anselmo Nakatani
Ronald Ferfila
Vinício Cesar Pensa
Carlos Peterson Tremonte
Francisco Saraiva S. Torres Jr
Giovanni Ciriaco Maio
Roberto Klaus Huessner
Julio Ricardo Bacheschi
Paulo Eduardo Alves Correa
Norbert Edwin Lammers
Claudio Hanaoka
Ari José fonts Marques
Pedro Augusto P. de Queiroz
Mauricio Gemignani
Eduardo Jorge F. Soares
Marcio Yutaka Abe
Editoração e Comercialização:
Ace Mais
Tel.: 4551-3312/4777-1399
Diretor Comercial e Editor: João Lino da Silva
atendimentorevistaciesp@gmail.com
Marcelos Santos Dutra
José Carlos Nunes
Paulo Rezende de C. Reis
Jair Carlos Zanandréa
Leandro Cavallaro
José Paulino R. Ribeiro
Achille Ferrario
Nelson Luiz Barbosa
Carlos del Nero
Gilmar Fernandes
Ivete Judith R.S. de Carvalho
Ulisses Vieira
Mario Cesar Moreira
Orlando D.T. Zungolo
Cleisson Baldassi filho
Nelcino Oliveira Primo
Washington T. T. Nishiyama
Toni Guede Pellicer
Fabio Hermes Queiroz
Direção de Arte: ACE Propaganda
Tiragem: 10.000 exemplares
A Revista CIESP é uma publicação das diretorias
regionais dos CIESP Castelo e Cotia.
Artigos assinados não refletem a opinião da Revista CIESP,
sendo de inteira responsabilidade de seus autores.
3
Crescer
sem amarras
Por Rafael Cervone Netto
“O país tem solução mas é
preciso deixar a economia
livre para crescer sem amarras”
A
s previsões que o Ciesp e a Fiesp
fizeram em dezembro de 2013 para
a economia brasileira deste ano
se confirmaram no mês de agosto passado,
quando o IBGE divulgou o desempenho do
terceiro trimestre e revisou para baixo o resultado positivo do primeiro trimestre do ano.
A esse quadro de agravamento da economia
somam-se um desgastante processo de desindustrialização, causado pela valorização
cambial e pelo Custo Brasil, puxado por
quedas constantes nos índices de emprego,
perda da competitividade, alta carga tributária, excesso de burocracia, insegurança dos
sistemas tributário, jurídico e trabalhista. São
fatores que encarecem nossos produtos em
média 34,2% em relação aos importados,
atrasam ou inibem novos investimentos
nacionais e estrangeiros, interferem na atividade industrial e pesam negativamente no
desenvolvimento do BrasiI.
Era sabido que 2014 seria um ano bastante
complicado para a economia. Porém, estamos no início do ultimo trimestre do ano e
não há perspectiva de reversão desse quadro
em um período de curto prazo. É preciso, no
entanto, que sejam tomadas medidas urgentes para que o país saia desse cenário de queda em que se encontra.
O país tem solução, mas é preciso deixar a
economia livre para crescer sem amarras.
Sem burocracia, com desoneração, com sim4
plificação dos processos e consciência plena
da importância da indústria para a economia
nacional. Em função da complexidade burocrática, no Brasil, o tempo gasto para calcular,
preencher e pagar impostos chega a 2600
horas/ano, em média, o que representa R$
26 bilhões por ano. Em países desenvolvidos, no entanto, são gastas apenas 179 horas,
nos países em desenvolvimento 250 horas e
na China, 300 horas.
Já passamos por muitas crises e conseguimos
ultrapassá-las. A união da indústria é elemento essencial para trabalhar de maneira proativa para enfrentar esse ambiente econômico
desafiador e evitar que seus efeitos sejam
ainda mais maléficos à cadeia produtiva, ao
emprego e à população brasileira. Entretanto,
nunca houve um ambiente de negócios tão
hostil ao empreendedorismo.
A indústria tem trabalhado arduamente para
que essa situação seja revertida. O que precisamos é que as medidas sejam tomadas
na velocidade que o momento requer. O
mundo não vai nos esperar. É fundamental
que nos primeiros 90 dias de governo, o presidente eleito ataque os principais problemas
do país e da indústria. O Brasil precisa de
uma agenda completa de reformas ambiciosas, que incentivem a competitividade da
cadeia produtiva e, assim, possa atingir o tão
esperado crescimento econômico.
*Rafael Cervone Netto é 1º vice-presidente do Centro
das Indústrias do Estado de São Paulo - CIESP
Unidade do Senai-SP em Osasco
recebe investimento para
ampliar o atendimento
às indústrias locais
A Escola SENAI Nadir Dias de Figueiredo,
em Osasco, referência no ensino de metalurgia no país, recebeu um investimento para a
modernização e adequação de ambientes e
equipamentos, possibilitando o atendimento às indústrias do segmento da metalurgia.
Atualmente a escola oferece cursos de
Aprendizagem Industrial, Técnicos, Superior de Tecnologia, Pós-graduação e
Formação Inicial e Continuada, na escola
e nas empresas. Além dos cursos, a escola
conta com uma estrutura que possibilita
atender às empresas em assessorias e produtos tecnológicos.
O investimento foi voltado para a modernização de oficinas e laboratórios, bem como a
construção de novos ambientes, nas áreas de
metalurgia, mecânica e eletroeletrônica, focando na melhoria da estrutura dos ambientes e aquisição de novos equipamentos, além
da reforma geral nas áreas comuns da escola.
Na área da Mecânica foram adquiridos tornos mecânicos convencionais e fresadoras
universais que atendem a NR12, centro
de usinagem High Speed, eletroerosão de
penetração à CNC, eletroerosão a fio, máquinas de medir por coordenadas tridimensionais manual e à CNC, foram criados laboratórios de CAD/CAM para dar suporte
à programação e ao processo de usinagem
em máquinas CNC. Com esta estrutura o
núcleo da Mecânica está apto a prestar serviços de usinagem não seriada em máquinas convencionais e à CNC, desenvolver
peças para a manutenção de máquinas e
equipamentos, ferramental de corte e dobra, ferramentas para injeção de metais e
construção de protótipos.
Na área Elétrica foram adquiridos novos
CLP’s e também foi criada uma sala de automação predial, para atendimento às novas
demandas desta área, como instalação de
CFTV, sistemas de alarme patrimonial e de
incêndio e sistemas de controle de acesso.
No segmento de Fundição a escola modernizou as oficinas e laboratórios para
uso nos cursos regulares e atendimento às
indústrias. Hoje, a Escola desenvolve assessorias nos processos de fundição em areia
verde, areias em resinas (Shell Mold, Cold
Box, Cura à Frio), sob pressão, por gravidade, coquilha, por centrifugação para ligas
de baixo ponto de fusão e microfusão por
cera perdida, objetivando a melhoria dos
processos e a redução de refugos.
O Centro Técnico em Fundição Artística
oferece formação profissional para o segmento e consultoria técnica na definição,
implantação, operacionalização e capacitação em máquinas e processos de fundição
por cera perdida, além de atender os diversos setores ligados à escultura em metal,
desde a indústria especializada até entidades museológicas, educacionais e artísticas. Ainda no segmento da Fundição são
realizados ensaios em areias aglomerada
por argila e aglomeradas com resinas. Para
a fundição, foram adquiridos equipamentos
automatizados de moldagem em areia e tecnologias de injeção de metal.
Foram criados laboratórios de Caracterização de Materiais, de Prototipagem Rápida
e de Digitalização de Imagens em 3D. O laboratório de Caracterização de Materiais é
equipado com: Microscópio Eletrônico de
Varredura (M.E.V.), Microscópio de Força
Atômica (AFM) e Difração de Rx (DRx) e
oferece serviços como: micro análise química, análise topográfica e análise de fases
por contraste químico, entre outros.
A escola conta com o Núcleo Tecnológico
de Soldagem, setor especializado em asses-
sorias no processo produtivo e na Qualificação de Procedimento de Soldagem, Soldadores e Operadores, conforme normas
internacionais, este processo é acompanhado por Inspetores de Soldagem qualificados pelo Sistema Nacional de Qualificação
e Certificação (SNQC) e internacional
(Certified Welding Inspector - CWI). Para
este setor foram adquiridos equipamentos
de última geração para os processos usuais,
automatização e robotização.
A escola possui um laboratório de ensaios
metalúrgicos acreditado junto ao CGCRE/
Inmetro, na norma ABNT NBR ISO/
IEC 17025. Atuando em área exclusiva, o laboratório conta com equipamentos calibrados que visam oferecer o máximo de confiabilidade nos resultados obtidos nos ensaios
realizados. Alguns dos ensaios que podem
ser realizados são: análises químicas, ensaios
físicos e mecânicos, ensaios metalográficos
e ensaios de corrosão: salt spray, entre outros.
Também foi feita a modernização tecnológica dos laboratórios de microscopia, química, tratamento térmico e de superfície e
ensaios mecânicos.
A unidade dispõe de especialistas para assessorar sua empresa nas áreas de metalurgia, fundição e soldagem, com enfoque
na melhoria da qualidade e produtividade
industrial, através de uma equipe técnica
capacitada.
Conheça o SENAI de Osasco.
Agende sua visita pelo telefone
(11) 3685-7986 ou
e-mail: jose.alves@sp.senai.br
Contato: Erlan
5
UMA ANÁLISE DO
CRISIS MANAGEMENT
(GESTÃO DE CRISE)
O mundo dos negócios é permanentemente
atingido por crises ou distúrbios no âmbito internacional, no âmbito da economia nacional
e no próprio micro-ambiente da empresa.
Nos últimos anos poderíamos observar crises financeiras no âmbito internacional, que
foi causado pela crise financeira do mercado
imobiliário dos Estados Unidos.
O empresário deve se preparar adequadamente para as diversas crises no seu Macro
-Ambiente Econômico, Nacional e Inter-Nacional, crises Financeiras e/ou Monetárias,
crises de Demanda e de Oferta no mercado
e naturalmente as crises no micro-ambiente
das empresas que se relacionam ao sistema de
gestão, liquidez financeira, sistema de produção, eficácia de vendas e distribuição, crises do
fim de vida das linhas de produtos e/ou lançamento de novos produtos.
Todas estas crises podem ser classificadas em
três grandes categorias :
1. CRISES que podem atingir a empresa do
âmbito internacional.
2. CRISES econômicas, financeiras, políticas ou fiscais, que podem atingir as empresas
e que tem origem no âmbito nacional.
3. CRISES no micro-ambiente da empresa e
que podem ter várias origens.
A alta gestão deve prestar atenção, observando o ambiente externo da empresa e o
ambiente interno da empresa, implantando
imediatamente medidas de CRISIS MANAGEMENT para proteger a empresa
contra os impactos dos diversos fenômenos
de conflitos;
Nas crises que tem origem no âmbito Internacional, a alta gestão tem que analisar as consequências destas crises para a empresa e implantar medidas preventivas para a empresa.
Crises no âmbito interno do país tem origem
em fenômenos Macro-Econômicos, Sociais e
Monetários que naturalmente estão fora do
6
- Medidas de “ DOWNSIZING “ do tamanho
da Empresa;
- Remanejamento de Recursos Líquidos,
Materiais e Patrimoniais;
- Consolidação e/ou Integração da Empresa;
- Aplicação de OUTSOURZING
ou Terceirização;
- Engenharia Societária através de integração
e/ou desintegração de atividades econômicas;
- Aquisição ou vendas de Consolidadas
ou Integradas;
- Retro ou Pro – Integração com Fornecedores
e/ou Consumidores (Clientes);
- Integração Horizontal ou Vertical;
- Re-design de Produtos (massificação
ou elitização);
A proteção da estrutura empresarial no micro - Auditoria de Fraudes e Desvios ou Due Diligence;
-ambiente são as que devemos analisar com - Downsizing da Folha de Pagamentos;
- Férias Coletivas e outras medidas;
mais cuidado.
O ambiente operacional e o mesmo mercado
expedem permanentemente avisos para a alta Analisamos algumas das medidas de crise no
gestão da existência de crises em vários setores Micro-Ambiente:
e ambientes internos da empresa, como são: 1. Down Sizing
a) Avisos de falhas na estrutura interna Significa Redução de Tamanho, o Downsizing em termos empresariais pode ser aplida Empresa:
- Falta de liquidez e crédito da empresa no mercado; cado em várias e/ou específicas Áreas ou Setores, ou seja, os Segmentos que seriam mais
- Design da línea de produtos é obsoleto;
atingidos pela CRISE.
- Conflitos entre membros da alta gestão
e/ou gerencias departamentais ou divisionais;
Os específicos Setores, onde são aplicados as
- Roubos e/ou desvios por executivos e subalternos medidas:
do patrimônio fixo ou liquido da empresa;
- Administração Geral
- Equipamentos e máquinas industriais obsoletos; - Marketing
- Necessidade de re-capitalização da empresa;
- Finanças
- Crise de Demanda dos Consumidores
- Vendas e Distribuição
e/ou Crise de Oferta dos Fornecedores.
- Pós-Vendas
- Produção Industrial ou Prestação de Serviços
Que ferramenta esta a disposição para a alta - Importações e/ou Exportações
gestão para enfrentar os fenômenos de CRI- - Outros Setores, Departamentos e Segmentos
SES e para proteger o patrimônio fixo e líqui- da Empresa
do da empresa:
As ferramentas do MAS – Management 2. A Ferramenta do Outsourcing e/ou
Advisory Services:
Terceirização
controle dos indivíduos, sendo:
- Variação negativa do PIB;
- Variação e aumento de Juros (Prime Rate);
- Variação Inflacionária e/ou Deflacionária
- Variação tendenciosa da M-3 na teoria
Monetária;
- Valorização e/ou Desvalorização da Moeda
Nacional;
- Agitação no aumento ou redução da Demanda
e/ou da Oferta;
- Instabilidade Ideológico e/ou Partidário;
- Eleições turbulentas ou fraudulentas;
- Variações na Renda dos Consumidores;
- Variações negativas do poder de compra dos
agentes econômicos;
A Ferramenta do Outsourcing e Terceirização foi introduzida pela Indústria Automobilística, nos anos 40 a 50.
A Gestão por Crise pode adaptar esta ferramenta no “Crisis Management” para se
proteger contra sinais de CRISE no Micro
ou Macro-Ambiente, em caso de incapacidade de Estrutura Produtiva por falta de
investimentos.
Estrategicamente, antes de aumentar a capacidade de Produção, através de Investimentos, o
volume de Vendas e a estabilidade do Macro
e do Micro-Ambiente devem estar garantidos.
5. Ferramenta de Aquisições ou
Vendas de Organizações
A Gestão por Crise pode sugerir a execução
de Aquisições de Empresas que possuem
linhas de Produtos ou Serviços desejáveis e
que podem proteger a Organização contra os
efeitos de uma CRISE específica.
Por outro lado, é válida a sugestão da venda
parcial ou total da Organização para liberar recursos para investir em atividades mais viáveis,
assim protegendo a Empresa de ser atingida
pelos efeitos de uma CRISE especifica.
6. Ferramenta para a Gestão de Crises
a PRO-E-RETRO-INTEGRAÇÃO.
Em certas épocas ou situações estratégicas
e/ou CRISES, Organizações podem requerer medidas de PRO-E-RETRO-INTEGRAÇÃO, investindo em empresas
fornecedoras para formar laços, garantindo
Matérias Primas essenciais de escarcidade.
Com experiência de mais de 30 anos
Por outro lado é valida a ferramenta de
de atuação de seus diretores,
PRO-INTEGRAÇÃO para uma integraoferecemos
gerenciamento qualificado
ção estratégica com clientes importantes,
Texto em todas as operações de Comércio
especialmente em um mercado altamente
Exterior, processos governamentais
competitivo.
3. Ferramenta da Consolidação e
Integração Empresarial
CONSOLIDAÇÃO E INTEGRAÇÃO
EMPRESARIAL e a fusão de várias atividades econômicas em uma HOLDING
ou MANAGEMENT COMPANY para
que sobrevivam em conjunto CRISERS do
Macro-Ambiente e do Ambiente Interno
da Empresa que oferece AMEAÇA durante
épocas de CRISE.
Esta Ferramenta do CRISIS MANAGEMENT pode consolidar empresas Concorrentes, Fornecedores e/ou Clientes ou outras com similaridade de linhas de Produtos Analisamos aqui alguns poucos fenômenos
do CRISIS MANAGEMENT, que se expanou Produtos Novos.
de com muitos outros fenômenos á serem
discutidos e avaliados.
4. Engenharia Societária
A Gestão de Crises pode utilizar as técnicas Nosso escritório de Auditores Interdepende Engenharia Societária para enfrentar pro- dentes oferece um Seminário de GESblemas de origem externa como interna da TÃO POR CRISE de um dia ou mais e
oferece Consultoria de CRISIS MANAorganização.
A falta de Capital próprio de uma empresa GEMENT.
que possui um excelente portfólio de Produ- Prof .Bill Rasmussen, MBA , Ph.D.
tos ou Serviços, pode eventualmente decidir, Administrador & Contador e
Edson Borges Barcellos, Administrador de Empresas
através da Engenharia Societária, convidar www.rasmussen.auditores@terra.com.br
outras empresas para participar do desenvolvimento destes produtos ou serviços.
12 anos
aTendendo na
O Direito Societário Brasileiro poderia inGRanja Viana
dicar o melhor caminho para a execução da
Engenharia Societária através da análise das
psicóloGa
três grandes formas Societárias:
cRp 06/16056
a) Sociedades Comanditas por Ações
aboRdaGem
ou Quotas.
coGniTiVo-compoRTamenTal
b) Sociedades de Responsabilidade
30 anos de pRofissão
Limitada por Quotas.
Rua Tapes, 34 - Granja Viana
Tels.: 4612-7771 / 99652-4849
c) Sociedades Anônimas por Ações –
atelierdagranja@uol.com.br
Abertas ou Fechadas.
SEM
COMPLICAÇÃO
personalizados, visando redução
de custos, segurança e agilidade.
Desenvolvemos sistemas logísticos,
criando confiabilidade e tranquilidade,
em toda a cadeia de operações
integradas, para que a empresa
se dedique inteiramente a
desenvolvimento de mercado.
Somos referência, em todos os processos
de importação e exportação, com gestão
pontual e descomplicada.
OSASCO: 55 (11) 3685-4662
SANTOS: 55 (13) 3223-5699
contato@america-comex.com.br
7
www.america-comex.com.br
Habilidades
Conversacionais
Você sabe conversar?
Por Alvaro Fernando
E
ste ano estive em diversas empresas,
instituições e universidades fazendo
palestras sobre a comunicação, a persuasão e o poder do diálogo. Missão que
me traz grande satisfação por dois motivos:
O primeiro, a paixão pelo tema, o segundo,
o bem que se dissemina quando ampliamos
o poder da comunicação entre as pessoas, a
comunicação é claramente o caminho para
a conquista de todos os objetivos profissionais, individuais ou de equipe.
Caçula de nove irmãos, logo fui obrigado a
aprender os caminhos de uma conversa e
daí veio a paixão. Aprendi cedo que “É conversando que a gente se entende”. Desde pequeno participava de conversas com pessoas
muito mais velhas do que eu. Isso foi um ótimo treinamento.
Mais tarde me entreguei a composição de
trilhas sonoras e trabalho com os maiores
anunciantes do Brasil há 27 anos.
Posso dizer que o meu trabalho durante esses anos todos foi, conversar com pessoas. O
seu não é?
8
Muitas e muitas vezes estive parado na frente
de um diretor de marketing, de criação ou
um diretor de cinema, enquanto ele me explicava como gostaria que fosse a música de
um comercial de TV. Uma música que seria
em seguida composta e gravada por mim.
Poderia ser para uma marca famosa de automóvel, um banco ou um chocolate. Você
com certeza já ouviu alguma música minha,
fiz mais de 2 mil músicas para comerciais.
A hora emocionante é justamente aquela
em que retornamos com a música pronta e
apresentamos a aquele, ou aqueles que anteriormente nos disseram como ela deveria ser.
A reação pode ser a seguinte:
- Nossa! Que maravilha! Ficou perfeito, era
exatamente isso que tínhamos imaginado
quando falamos com você.
Ou seja: Um sucesso total, não é mesmo?
Mas, pode ser também:
- Nossa! O que aconteceu? Ouvindo essa
música eu penso: Não foi nada disso que
tínhamos imaginado, quando falamos com
você. Você não entendeu!
Para começar, repare na questão do “não foi
nada disso que tínhamos imaginado”, ou seja,
meu cliente tinha em mente algo, ele imaginou... ele “criou”uma trilha sonora, ou um
“resultado” dentro da cabeça, e agora aquilo
que eu estou apresentando para ele não está
batendo com aquilo que ele tinha “criado”.
Repare também num outro ponto, em 27
anos nenhum cliente partiu do raciocínio de
que eu entendi o que era para ser feito, mas
não consegui fazer.
Ou seja, eles nunca duvidaram de minha capacidade como músico e artista.
É sempre pacífica a ideia de que a alteração
entre o resultado apresentado e aquilo que
estava na mente do cliente veio a partir de
um erro de comunicação entre pessoas.
E as suas entregas como tem sido? Seus
clientes costumam se encantar com o que
você apresenta para eles? Ou é comum você
ouvir alguém de sua equipe dizendo: Eles
não sabem o que querem... ou... eles não entendem nada do que falamos... ou ainda, eles
são muito confusos...
Modelos à partir
de RS 28.000
Meu caro leitor, devo dizer-lhe que seja lá
qual for a sua atividade, você compõe trilhas
sonoras diariamente.
Um vendedor pode ter apenas um nome de
alguém e um e-mail, e depois de compor a
sua trilha sonora, transformar o que possuía
num grande cliente.
Um líder compõe diariamente trilhas para
sua equipe, às vezes a todos ou às vezes a
cada um individualmente, em busca do aperfeiçoamento.
Assim como as minhas, essas trilhas são
compostas através da palavra, de origem grega: (Dia=Através e Logo=Palavra). São compostas a partir de Diálogos.
Estar absolutamente “afinado”, focado na boa
comunicação é necessidade fundamental
para enfrentar o mercado de hoje.
Perceba que a maioria das empresas por
onde passei sabe executar o seu trabalho, os
obstáculos que me são relatados estão sempre situados no campo da comunicação ou
para ser mais preciso, da má comunicação.
Outro dia me perguntaram no elevador se eu
trabalhava com comunicação e eu acabei respondendo que não... mas que eu trabalhava
com a falta dela.
Como ficam as pessoas quando você acaba
de conversar com elas? Quando você as deixa, ficam em paz, tranquilas? Ou ficam agitadas, angustiadas, desmotivadas, com inveja,
ciúmes, ou qualquer tipo de irritação?
Quando falamos algo devemos ter em mente que nossas palavras são muito poderosas
e que não temos um controle exato sobre os
resultados que elas provocam nos outros.
Uma palavra depois de lançada pode chegar
a mente de outra pessoa como uma flor ou
uma faca, reduzir a possibilidade de erro foi
o estudo a que me apliquei estes anos todos
por uma questão de sobrevivência. A minha
trilha tem que bater com aquela que foi “criada” na mente de meu cliente.
Conhecer os significados comuns das palavras, não é o suficiente, é preciso estar presente, atento aos sinais e aberto a conhecer
o outro.
Alguém pode até conseguir esconder aquilo
que está pensando, mas dificilmente conseguirá esconder aqui que está sentindo.
A comunicação pessoal hoje é muito mais
do que uma necessidade, ela está incorporada a sua percepção de mundo, a sua capacidade de entendimento de si e do outro. Ela
é a porta voz de suas atitudes, de seu comportamento.
Não estamos mais falando apenas do vendedor que quer vender mais, mas não estuda o
seu mostruário ou produto, estamos falando
da competência de persuasão através do entendimento rápido e sem ruídos, da geração
natural de empatia e confiança. Habilidade
conversacional, a maior virtude do profissional moderno.
Mencione
esse anúncio
e o frete será
grátis!
Dedicado ao escritor e congressista: Tom Coelho.
> Baixo custo de manutenção
> Assistência técnica
> Peças de reposição
> Financie pelo PROGER
Contatos: www.alvarofernando.com.br
alvaro@vustudio.com.br
Tel. (11) 5574-0993 e (11) 98509-5727 facebook: alvarofernandopalestras
Entre em contato conosco!
Tel: (11) 4063-9539
contato@lematt.com.br
www.lematt.com.br9
CASTELO | em ação
CONCEX
1º CONGRESSO DE
COMÉRCIO EXTERIOR
DA REGIÃO OESTE
Nos dias 11 e 12 de novembro foi realizado o 1º Congresso de
Comércio Exterior da Região Oeste, na UNIFIEO, com a presença de um público muito interessado em conhecer caminhos
para entrar no mercado da exportação.
O evento foi organizado pela Secretaria da Indústria, Comércio
e Abastecimento da Prefeitura de Osasco; Associação Comercial
e Empresarial de Osasco e do Comitê de Incentivo ao Comércio
Exterior da região Oeste, sendo o CIESP CASTELO um de seus
apoiadores.
O CONCEX , através de palestras e painéis, passou informações
e conhecimentos importantes para a capacitação das empresas
micro, pequenas e médias e mostrou que exportar não é tão difícil assim.
A Prefeitura de Osasco, por meio da Casa do Empreendedor, e
com apoio da Fundação Vanzolini e APEX quer intensificar a
atuação das empresas localizadas no seu município a atuar neste
segmento de mercado tão promissor, como tem demonstrado a
China , Índia e outros países. Para isso implementará na cidade o
PEIEX – Projeto Extensão Industrial Exportadora.
Estande do CIESP no Concex
10
ALMOÇO DE NEGÓCIOS
NO CIESP CASTELO CONTA
COM 80 ASSOCIADOS
Mais um concorrido ALMOÇO DE NEGÓCIOS aconteceu no
CIESP CASTELO, no dia 31 de outubro, com muito brilho e camaradagem.
Na oportunidade alguns empresários contribuíram com o Lar Jesus, adquirindo brinquedos educativos e interessantes, em parceria
com a Toyster Brinquedos, que se destinaram ao Natal das crianças
desta ONG batalhadora.
Outra novidade foi a inauguração da geladeira com produtos dessa
prestigiosa marca DAMM, a preço de custo para os associados do
CIESP CASTELO.
Muitos associados, na oportunidade, levaram para casa Salmão,
Bacalhau, Casquinha de Siri e bolinhos de Bacalhau vindos diretamente de Portugal. Tudo uma delícia.
CASTELO | em ação
Implantação do
NJE CIESP Castelo
O CIESP Castelo implantou no mês de outubro, em sua Regional, o NJE - Núcleo de
jovens Empreendedores. O evento contou com a presença de aproximadamente 60 convidados. A abertura do
evento ficou por conta de Cido Rodrigues, Coordenador do NJE e diretor da empresa
associada - SparNet Comunicação. Além de conhecer o NJE os participantes tiveram a
oportunidade de apreciar a palestra COMUNICAÇÃO E PERSUASÃO: o Poder
do Diálogo, com Alvaro Fernando (Musico e Sócio da VU Studio).
Sobre o NJE Com uma visão de Liderança Empreendedora e com o objetivo de identificar, aglutinar e
desenvolver novas lideranças institucionais e empresariais, aprimorando suas qualidades
de gestão com foco em maior competitividade e desenvolvimento do empreendedorismo nos diversos setores da economia. O grupo funciona a partir de reuniões/encontros
mensais e palestras periódicas com especialistas e é coordenado por Aparecido Rodrigues Souza – Diretor da empresa Spar Comunicação e Marketing.
Convidamos todos os empreendedores que tenham interesse em liderança, networking,
novos negócios e ideias inovadoras.
Participe!!!
Outras atividades e iniciativas que podem ser desenvolvidas
pelo grupo:
- happy business hour: encontro informal de relacionamento comercial objetivando a
geração de negócios;
- cursos: eventos de capacitação com ênfase em liderança e empreendedorismo;
- cine debate: projeção de um filme do circuito comercial com discussão do tema voltado
ao mundo corporativo auxiliado por um mediador;
- visitas técnicas em empresas ou repartições públicas para conhecer os processos e suas
finalidades, bem como mapear as melhores práticas para fins de benchmarking;
- ações de responsabilidade social a entidades beneficentes;
- apoio a ações da Confederação Nacional de Jovens Empreendedores (Conaje), como
o Feirão do Imposto;
- participação em fóruns e conselhos municipais;
- organização de eventos durante a Semana do Jovem Empreendedor, realizada em março em diversos municípios;
- apoio à Semana Global de Empreendedorismo, evento mundial realizado anualmente
no mês novembro sob coordenação da Endeavor;
- realização de um encontro anual reunindo jovens empreendedores de todo o Estado.
Informações e contato: (11) 3686-5922/4714
eventos@ciespcastelo.com.br
ANUNCIE NA REVISTA CIESP
E VENDA MAIS
aconteceu
no CIESP CASTELO
Setembro:
29/09 – Palestra com transmissão on-line
sobre FAP-RAT e NTEP: Efeitos na Gestão
Empresarial.
OUTUBRO:
08/10 – Grupo de RH – Palestra:
Desaposentação;
23/10 – 1ª Sessão de Negócios de Osasco e
Região em parceria com o SEBRAE, este
evento foi integrado junto com o Grupo de
Novos Negócios do CIESP Castelo;
30/10 – Inauguração do Núcleo de Jovens
Empreendedores e Palestra Comunicação e
Persuasão: O Poder do Diálogo;
31/10 – Almoço de Negócios para
Empresários Associados; (Neste
almoço contamos com a presença de
aproximadamente 80 pessoas).
Novembro:
05/11 – Palestra – Os 09 tipos
de Inteligências como “Ferramentas
Comportamentais”
07/11 – Reunião do Conselho SESI-SENAI
(Obras do SENAI de Carapicuíba);
11/11 e 12/11 – Feira do CONCEX
realizado na UNIFIEO (CIESP Castelo
participou como parceiro no evento);
13/11 – Palestra: Implantando uma Cultura
de Alto Desempenho;
25/11 – Palestra: Meu cliente pretende pedir
recuperação judicial, e agora?
26/11 – Apresentação do Projeto Meu Novo
Mundo (FIESP e SENAI).
NOVOS ASSOCIADOS
ciesp castelo
• DMF Soldas
• Processo Inox
• EOS Business Advices
• Vichiwork Consultoria & Seguros
• Editora Monobloco
• BQA Advogados
11
Delegue a gestão
de suas certidões
fiscais em todo o
território nacional
e acompanhe
a situação de
todas elas com
um simples click
LANÇAMENTO DO
SELO SOCIAL
ITAPEVI 2015
No dia 20 de outubro, no salão de festas
Atenas, foi lançado o projeto Selo Social
ITAPEVI 2015. Na oportunidade o prefeito de Itapevi, Jaci Tadeu da Silva, o presidente do Instituto Abaçaí, Áureo Giunco
Jr. e os investidores sociais formalizaram
oficialmente a proposta.
Um dos investidores é a MTSZ, de Itapevi, associada do CIESP CASTELO,
representada pelos seus diretores, Manoel Diretores da MTSZ, Manuel Torres e Zelma,
Sobrinho e Zelma. A gestora executiva do investidores do projeto, recebem Certificado.
CIESP Castelo, Lourdes Proença esteve presente, prestigiando o evento.
O programa Selo social utiliza indicadores criados pela ONU – 8 Jeitos de Mudar o Mundo – para promover transformações sociais nas cidades brasileiras. O selo social é uma estratégia de mobilização e integração de órgãos públicos, empresas e entidades sociais para
fomentar e potencializar o Desenvolvimento Social por meio da execução de projetos e investimentos sociais.
Cortar o tempo
Fácil, prático e acessível
24 horas por dia,
de qualquer lugar.
Entre em contato agora mesmo
para mais informações.
Ligue (11) 3145-5813
www.certidaogestao.com.br
12
Quem teve a ideia de cortar
o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança,
fazendo-a funcionar
no limite da exaustão.
Doze meses dão para qualquer
ser humano se cansar
e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação
e tudo começa outra vez,
com outro número e
outra vontade de acreditar
que daqui pra diante vai ser diferente.
Carlos Drummond de Andrade
Uma região
A
cada vez
mais forte
combinação de indicadores invejáveis e a posição geográfica
estratégica fazem da região Oeste da Grande São Paulo um dos principais
centros econômicos do país.
Em suas cidades, há uma força que resulta da diversidade de uma indústria muito
forte e um comércio pujante aliados a um
segmento de serviços que se encontra em
acelerado processo de crescimento.
Os números e as potencialidades regionais
poderiam fazer com que estivéssemos plenamente satisfeitos com os resultados. Mas
nós estamos entre aqueles que querem
sempre mais, e que acima de tudo sabem
que podemos ir além.
Nossa região tem grande expertise como
poucas em relação ao aproveitamento de
oportunidades; foi exatamente isso que
aconteceu quando da implementação inicial do Condomínio Alphaville, e também
com o surgimento do Rodoanel, e poderíamos ainda lembrar anteriormente toda
a história da implementação da indústria
ferroviária.
Ou seja, em cada tempo da nossa história, os
líderes econômicos, políticos e sociais souberam alinhar os interesses individuais com
as perspectivas mais gerais da sociedade.
Entretanto, quando consideramos o alinhamento estratégico da atualidade, há que se
reconhecer que poderíamos ter avançado
ainda mais, haja vista que entre tantas regiões importantes de São Paulo e do Brasil
fomos uma das últimas em que se materializou a implementação de um Consórcio Intermunicipal de Prefeitos e também apenas
recentemente começamos a consolidar um
Fórum de Desenvolvimento regional.
Agora que o Consórcio de Prefeitos está
se fortalecendo, é cada vez mais evidente
o quanto poderemos materializar uma renovada agenda de políticas públicas nas
diversas áreas e temáticas urgentes, entre as
quais destacamos a mobilidade urbana, o
transporte, a segurança, entre outras.
Mas o que poderíamos ter feito para ir além
era uma das perguntas que sempre repetíamos quando nos encontrávamos diante dos
processos de negociação.
É por isso que saudamos e apostamos muito das nossas energias na consolidação do
Fórum de Desenvolvimento Regional,
espaço de articulação da sociedade civil,
ponto de pluralidade e de perspectivas de
interesses comuns.
Na medida em que o Fórum Regional reúne instituições representativas dos empre-
ASSOCIE-SE AO CIESP.
SUA EMPRESA E SEUS FUNCIONÁRIOS
TERÃO MUITOS BENEFÍCIOS.
sários, trabalhadores, organizações comunitárias e educacionais, ele passa a ser a um
só tempo um lugar de conversas e de implementação de arranjos locais e regionais
absolutamente positivos.
Acreditamos que estão sendo implementados importantes passos para que a região
Oeste da Grande São Paulo seja cada vez
muito mais forte.
Agora que se aproxima o final do ano e que
o segmento do comércio tende a se dinamizar ainda mais, nos sentimos na obrigação
de chamar a atenção de todos para a importância dessa agenda que se encontra em
pleno desenvolvimento.
José Pereira Neto – Presidente do Sindicato
Comerciários e Osasco e região
Jurandir Paes – Presidente do Sindicato do Comércio
Varejista de Osasco e região
Acesse os sites:
www.ciespcotia.com.br
www.ciespcastelo.com.br
13
saúde | bem-estar
A VIDA
CONTRA
O TEMPO...
Por Emilio Marchetti e Marcio Macarini
Diretores da Corpore Esporte e Wellness
O
dia nem acabou, percebemos que
não realizamos nossas tarefas e já
estamos pensando no dia seguinte. Para complicar não vemos a hora de jantar
e literalmente, “cair na cama”, sendo que muitas vezes não conseguimos nos recuperar
física e mentalmente para enfrentarmos um
novo dia.
Esse comportamento é mais comum do que
imaginamos e pode se agravar com o surgimento de doenças como estresse, ansiedade,
ganho de peso, hipertensão, problemas na
coluna e também nos levar a estados de irritabilidade, insônia, cansaço, desmotivação, etc.
O estresse, quando crônico, apresenta reflexos na saúde e então, adotamos duas condutas; percebemos o problema e procuramos
melhorar nossos hábitos ou nos acomodamos e aceitamos passivamente, permitindo
que isso interfira em nosso desempenho
pessoal e profissional.
Será que já nos demos conta que nossa vida
no futuro será um reflexo do que somos e do
que fazemos hoje?
As empresas já perceberam e, preocupadas
com a saúde de seus colaboradores, estão implantando programas de qualidade de vida,
sendo a ginástica laboral, uma das técnicas
14
de controle do estresse que visa, entre outros 3º - Aplicar uma metodologia baseada em
benefícios, a diminuição de tensão corporal três eixos:
através de exercícios físicos no ambiente de a) Motor – promovendo a melhora da resistência muscular, força, equilíbrio, coortrabalho.
Além disso, a ginástica laboral instrumentali- denação, alongamento, etc..
za os colaboradores a praticar essas técnicas e b) Psicossocial – considerando o “eu” no
conteúdos no seu dia a dia e até em momen- contexto da empresa, nas relações, humor,
tos de lazer.
percepção corporal e do espaço, socialização, atitudes positivas, crescimento, etc...
Qual o novo enfoque da Ginástica
c) Cognitivo – aplicando o conhecimento e
Laboral em um programa de
os novos conceitos adquiridos em benefício próprio e da empresa.
qualidade de vida?
1º - Desenvolver a consciência corporal e
como o corpo se coloca no espaço, de forma Comprovando a importância da ginástica
saudável, comunicativa e sociável na em- laboral, uma síntese de pesquisas da Fundapresa e fora dela e, não simplesmente pela ção HUDES com empresas que realizavam
execução de mais uma série de movimentos ginástica de pausa, mostrou que em média,
houve aumento de 2 a 5 % na produtividade;
repetitivos.
queda de 20 a 25% nos acidentes; diminui2º - Valorizar três formas de relacionamento: ção de 10 a 15% da rotatividade; diminuição
intrapessoal, que promove o autoconhe- de 15 a 20% no absenteísmo, excelentes recimento, a redescoberta de potencialidades sultados que justificam a implantação desse
e fraquezas; interpessoal, que visa sociali- programa. (Pereira da Costa - 1991).
zação e as boas relações, colaborando para
o trabalho em equipe e a empresarial, que
ocorre pelas ações do dia a dia no ambiente
corporativo, participando de forma saudável
das ações da empresa.
CASTELO | em ação
Campanha para arrecadação
de brinquedos 2014 – CIESP Castelo
Nos últimos meses, o CIESP Castelo promoveu uma Campanha de Doações de brinquedos em prol das 136 crianças do LAR Jesus entre as Crianças (www.larjesuscriancas.
org.br), entidade que é cuidada e assistida
pela empresa associada ao CIESP Castelo, a
Gráfica Flor de Acácia.
Com a ajuda dos colaboradores das indústrias nos eventos realizados e da empresa
Toyster Brinquedos, também associada ao
CIESP, e que ofereceu sua linha de brinquedos a preço de custo - conseguimos ir além
da meta das 136 crianças do LAR, e com os
brinquedos excedentes presentearemos
também às crianças da AACD de Osasco.
A Diretoria do CIESP Castelo e sua equipe
agradecem à todas as pessoas e indústrias
que colaboraram com a campanha em 2014.
Vocês promoveram a visita do Papai Noel
para muitas crianças este ano!
Parabéns por esse gesto de generosidade.
Para mais informações entre em contato:
(11) 3686-5922/4714
ou eventos@ciespcastelo.com.br
ESPAÇO CIESP COTIA
COM 30%
DESCONTO P/
ASSOCIADOS
Sala Prime
Capacidade: 6 pessoas
Espaço Auditório em vários formatos
Capacidade máxima 100 pessoas
Área Externa com capacidade para 120 pessoas
Piscina, churrasqueira, freezer horizontal, sala de apoio coberta
Sala VIP
Capacidade: 15 pessoas
Telão de projeção,
ar condicionado,
cadeiras brancas
AUDITÓRIO COM DATA SHOW, WIFI, AR CONDICIONADO, SOM, SALA DE REUNIÃO, EVENTOS AO AR LIVRE, ESTACIONAMENTO.
Consulte-nos pelo tel: 4612-9722 ou pelo e-mail: gerhirs@ciespcotia.com.br
Local: Rua do Amor Perfeito, 200 - Cotia-SP, alt. km 26 da Raposo Tavares
CASTELO
CURSOS IN COMPANY
CIESP CASTELO
SOLUÇÕES CUSTOMIZADAS PARA SUA EMPRESA
Os cursos In Company do CIESP Castelo trazem para a sua empresa soluções customizadas para o desenvolvimento de sua equipe. O
conteúdo programático dos cursos são adaptados às necessidades de cada empresa, tendo
em vista a demanda da organização. Para cada
curso agendado fazemos uma reunião juntamente com um profissional da área, visando o
detalhamento e a adequação da proposta.
Os horários das aulas são
totalmente flexíveis, podendo ser realizados de
manhã, tarde, noite ou
ainda em período integral. O CIESP também
oferece a flexibilidade dos
cursos serem ministrados
na própria empresa ou na
sede do CIESP Castelo,
(localizado em Osasco).
Ao realizar os cursos no
CIESP Castelo, os clientes
contam com toda estrutura necessária, ou seja, o acesso à salas multifuncionais e auditório com capacidade para
até 100 pessoas, ambas equipadas com data
show, sistema de áudio e vídeo, wi fi, sala de
apoio para coffee e almoço, amplo espaço
com jardim para atividades externas, área
coberta para refeições ao ar livre, além de
estacionamento próprio. E para os associados que optarem pela realização do curso in
company no CIESP Castelo, toda essa infraestrutura é oferecida sem custo adicional
na proposta.
Ao promover cursos in company as empresas não só se beneficiam com uma equipe
mais especializada e motivada, mas também
fornecem aos seus colaboradores diversas
ferramentas para um aprimoramento profissional de qualidade e com aplicabilidade
imediata, incentivando e promovendo assim o crescimento profissional e pessoal.
Invista no crescimento de seus colaboradores e de sua empresa com as Soluções Customizadas do CIESP Castelo. Possuímos
cursos disponíveis em diversas áreas, entre
em contato e solicite uma proposta.
Contato: Lourdes Proença
administrativo@ciespcastelo.com.br
ou 11 3686-5922/4714
Acesse nosso site:
www.ciespcastelo.com.br
GINÁSTICA = VIDA SAUDÁVEL
EXERCÍCIO FÍSICO E ESPORTE, UM CAMINHO PARA O DESENVOLVIMENTO DAS PESSOAS
Ginástica laboral e ginástica educativa à distância para empresas
Gestão esportiva: torneios, academias em empresas e consultoria
Programas esportivos e recreativos para condomínios
Conte com nossa experiência de mais de 15 anos
16
(11) 3467-7971 / 99999-7252
contato@mncorpore.com.br
www.mncorpore.com.br
Esporte e Wellness
A DUBHAY CUIDA DA TERCEIRIZAÇÃO,
PARA VOCÊ CUIDAR MELHOR DO SEU NEGÓCIO
CONTROLE PATRIMONIAL
LIMPEZA E CONSERVAÇÃO
SERVIÇOS COMPLEMENTARES
CARGOS OFERECIDOS
CARGOS OFERECIDOS
CARGOS OFERECIDOS
EQUIPAMENTOS
• Bastão de Ronda
• Rádio Comunicador
• Veículo/Moto
• Sistema de Ronda via Internet
• Sistema de Controle de Crachás
• Faxineiro
• Copeira
• Auxiliar de Serviços Gerais
• Jardineiro
• Supervisor
• Zelador
• Manutencista
• Atendente
• Ascensorista
• Recepcionista
• Telefonista
• Promotora de Vendas
• Operadora de telemarketing
acemais.com.br
• Porteiro
• Rondista
• Fiscalização de Patrimônio
• Garagista
• Supervisor de Área
• Operador de Monitoramento
EQUIPAMENTOS
EQUIPAMENTOS
• Handset
• Table Tops
• Veículo/Moto
• Displays para PDV
• Stands Modulares
• Carrinhos Funcionais
• Lavadoras de alta pressão
• Aspiradores industriais
• Roçadeiras
• Enceradeiras
• Equipamentos de jardinagem
• Produtos Biodegradáveis
Tel.: 11 4777-1355 | www.dubhay.com
EMBALAGENS, TAMPAS
E FECHAMENTOS SOB MEDIDA
INJETORAS DE 35 A 300 TONELADAS
www.mtsz.com.br
Apresentamos uma grande variedade de produtos standard. Conheça alguns itens:
Potes 10g e 4g
com ou sem películas
Potes 90g
Potes 70g
Potes 8g
sem rosca
Potes 8g
com tampa quadrada
Potes 40g
Tampa flip top
24mm
Tampa amaciante dosadora
VENDAS
Pabx: 55 (11) 4774-3551
comercial@mtsz.com.br
vendas@mtsz.com.br
vendas2@mtsz.com.br
www.mtsz.com.br
17
MACRO | economia
Indústria da região perde
350 vagas em outubro
Resultado amplia queda no ano e acumulado
chega a 2200 postos de trabalho a menos
O
nível de emprego industrial na Diretoria Regional
do CIESP em Osasco (região composta por sete
municípios) apresentou resultado negativo no mês
de outubro/2014. A variação ficou em -0,43%, o que significou uma queda de aproximadamente 350 postos de trabalho.
No ano, temos um acumulado de -2,65%, representando uma
queda de aproximadamente 2200 postos de trabalho. Nos últimos 12 meses, o acumulado é de -3,93%, representando uma
queda de aproximadamente 3300 postos de trabalho.
O índice do nível de emprego industrial na Diretoria Regional do CIESP em Osasco foi influenciado pelas variações negativas dos setores de Produtos de Metal, exceto Máquinas
e Equipamentos (-4,03%); Máquinas, Aparelhos e Materiais
Elétricos (-3,14%); Equipamentos de Informática, Produtos Eletrônicos e Ópticos (-1,89%) e Produtos Químicos
(-1,02%), que foram os setores que mais influenciaram o
cálculo do índice total da região.
A tabela ao lado mostra o comportamento setorial dos meses de outubro de 2013 e 2014 e os acumulados no ano e
em 12 meses.
descrição
Produtos alimentícios
Bebidas
Produtos têxteis
Confecção de artigos do vestuário e acessórios
Artefatos de couro, calçados e artigos para viagem
Produtos de madeira
Celulose, papel e produtos de papel
Impressão e reprodução de gravações
Coque, petróleo e biocombustíveis
Produtos químicos
Produtos farmoquímicos e farmacêuticos
Produtos de borracha e de material plástico
Produtos de minerais não-metálicos
Metalurgia
Produtos de metal, exceto máquinas e equip.
Equip. de informática, prods. eletrônicos e ópticos
Máquinas, aparelhos e materiais elétricos
Máquinas e equipamentos
Veículos automotores e autopeças
Outros equipamentos de transporte
Móveis
Produtos diversos
Total da diretoria regional
out/13 out/14 Ano 12 Meses
0,00
-0,23
-3,21
-3,61
1,46
0,91
3,46
6,05
0,35
-1,47 18,79
15,92
-3,60
-0,34
-1,45
-5,56
0,93
0,17
5,48
5,84
-1,06
0,16
-2,53
-5,83
0,93
-1,02
-3,72
-2,69
0,11
2,58
14,13
12,27
-0,77
-0,28
-2,80
-4,54
-3,12
4,00 -10,34
-16,13
-1,36
2,33
10,89
9,87
-0,84
-4,03 -10,06
-9,55
12,43 -1,89
-4,33
-2,97
-0,44
-3,14 -15,17
-17,91
-0,13
-0,22 -12,93
-14,05
0,00 -14,29 -14,29
-14,29
-17,24 0,00
-4,17
-4,17
0,78
2,41
6,69
-0,78
-0,32 -0,43 -2,65
-3,93
DIRETORIA REGIONAL DO CIESP EM COTIA
Nível de Emprego Industrial
O nível de emprego industrial na Diretoria Regional do
CIESP em Cotia (região composta por seis municípios)
apresentou resultado positivo no mês de outubro/2014. A
variação ficou em 0,50%, o que significou um aumento de
aproximadamente 300 postos de trabalho.
No ano, temos um acumulado de -2,99%, representando
uma queda de aproximadamente 1750 postos de trabalho.
Nos últimos 12 meses, o acumulado é de -4,46%, representando uma queda de aproximadamente 2650 postos de
trabalho.
O índice do nível de emprego industrial na Diretoria Regional do CIESP em Cotia foi influenciado pelas variações
positivas dos setores de Máquinas e Equipamentos (5,78%);
Produtos Alimentícios (1,80%); Produtos Farmoquímicos e
Farmacêuticos (1,16%) e Produtos Químicos (0,70%), que
foram os setores que mais influenciaram o cálculo do índice
total da região.
A tabela ao lado mostra o comportamento setorial dos meses de outubro de 2013 e 2014 e os acumulados no ano e
em 12 meses.
18
descrição
Produtos alimentícios
Bebidas
Produtos têxteis
Confecção de artigos do vestuário e acessórios
Artefatos de couro, calçados e artigos para viagem
Produtos de madeira
Celulose, papel e produtos de papel
Impressão e reprodução de gravações
Coque, petróleo e biocombustíveis
Produtos químicos
Produtos farmoquímicos e farmacêuticos
Produtos de borracha e de material plástico
Produtos de minerais não-metálicos
Metalurgia
Produtos de metal, exceto máquinas e equip.
Equip. de informática, prods. eletrônicos e ópticos
Máquinas, aparelhos e materiais elétricos
Máquinas e equipamentos
Veículos automotores e autopeças
Outros equipamentos de transporte
Móveis
Produtos diversos
Total da diretoria regional
out/13 out/14 Ano 12 Meses
0,45
1,80
4,50
5,27
1,24
0,85
-8,97
-5,84
0,90
0,47
-1,09
-5,21
1,69
0,62
4,05
4,05
3,68
0,00
0,00
0,71
-0,50
0,70
-2,03
-4,41
-0,63
1,16
13,05
9,74
0,39
-0,42
-1,70
-2,66
0,00
1,92
3,92
3,92
-1,02
0,00
2,68
5,15
-0,97
0,74
1,36
0,74
1,04
-3,89
2,17
-3,49
0,00
-0,53
-4,95
-5,27
0,18
5,78
-1,34
-2,14
-0,30
-0,87
-2,65
-4,62
0,00
0,00 -40,00
-40,00
9,80
-1,80 -64,66
-69,52
0,00
0,00
0,00
0,00
0,48
0,50 -2,99
-4,46
o
d
n
a
g
o
j
o
s
a
t
s
e
e
Voc
o
d
n
a
g
ou esta jo
r
e
c
n
e
v
para
??
Com muitos ACEs, trabalhamos para fazer sua empresa valer mais,
ser mais desejada, seu produto/serviço ter mais valor.
Somos comprometidos com resultados positivos e alinhados
com todas as ferramentas de comunicação e branding.
Faça um teste, e vamos ganhar muitas partidas juntos.
4777-1399 / 4777-1400 | www.acemais.com.br
COTIA
ALMOÇO DE NEGÓCIOS
NO CIESP Cotia
Com novos associados recebendo
os seus Certificados
Palestra
Retorno
Financeiro
Foi realizado no dia 24 de outubro mais um ALMOÇO DE NEGÓCIOS NO CIESP
COTIA, Rua do Amor Perfeito, 200, Cotia-SP, com a participação de quase 80 associados.
Um ambiente alegre, onde os empresários trocaram ideias , fizeram networking e se confraternizaram. Na oportunidade foram entregues Certificados aos novos associados do CIESP
a muitas empresas da região. O último Almoço de Negócios do ano de 2014 ocorrerá no dia
5 de dezembro.
No dia 14 de novembro tivemos no CIESP
COTIA a palestra “Retorno Financeiro de
Programas de Segurança, Saúde e Qualidade
de Vida nas Empresas” proferida pelo consultor Eduardo Ferreira Nantes, Gerente de
Qualidade de Vida do SESI, em São Paulo,
promovida pelo GERHIRS – Grupo Executivo de Recursos Humanos, Inserção e
Responsabilidade, com o seguinte conteúdo
programático: cenários internos e externos de
Segurança, Saúde e Qualidade de vida. Como
realizar estudos de Impacto e de Retorno sobre Investimento das principais ações e projetos organizacionais. Apresentação de cases.
NOVOS ASSOCIADOS
ciesp cOTIA
Diretores do CIESP COTIA José de Vasconcelos Jr. (1º ViceDiretor), Terezinha de Jesus C. de Almeida (2º Vice-Diretor)
e Walter Sacca (Diretot Titular) entregam os certificados
aos novos associados: Bete Cunha, Envia Service; Francisca
Bezerra, Lavanderia Santiago; Cléber de Castro, Grupo Vista;
Elaine Barbaresco, Festa Certa Evento; Dra. Raquel Volick
Kann, Naturelle; Nilson Junior, Aba Motors; Luiz Lauriano,
Park Idiomas.
20
• Mais Atento
• Micro Livre
• RS Sucatas
• Clean Coat
• HBSIS
• UPTIME
• Aba Motors
• Smart Fleet
• BR Talent
• HMF Serviços
• Park Idiomas
• VSS Control
• Exactcom
• Southco Brasil
• Mecano Pack
• Padaria Patrícia
• Alcance Locação
• Lavanderia Santiago
• Vector Solutions
• Vista Solutions
• Marché Marketing
• Dejemajosa Medicina do Trabalho
• Festa Certa Evento
• DSP Comércio de Móveis
• Liderança Autêntica
• Gama Tec Equipamentos
• Florio Produtos Alimentícios
• Roemer Osasco
• Delgo Metalúrgica
CHAPEU | chapeu
Por meio de parcerias e convênios, oferecemos a nossos associados
descontos e vantagens em áreas como negócios, formação profissional,
crédito e aquisição de bens e serviços.
Para lhe proporcionar benefícios exclusivos, trabalhamos cada vez mais
para o estabelecimento de outros convênios.
NOVOS PARCEIROS
• SGS - Auditorias e Certificações
Desconto em certificações de conformidade de produtos e sistemas de qualidade.
• Impacta - Capacitação Técnica Profissional
Desconto em cursos técnicos, de especialização, graduação, pós-graduação e MBA.
• DHL - Logística Internacional
Desconto em envio de remessas nacionais e internacionais.
SAIBA MAIS SOBRE ESTAS E OUTRAS PARCERIAS:
www.ciesp.com.br/servicos • servicos@ciesp.org.br
3549-3233 e 3258
Quer falar com mais de 10.000 executivos,
de 5.000 indústrias de 13 municípios da região Oeste?
Anuncie na Revista CIESP
das regionais Castelo e Cotia.
O melhor canal de comunicação
para vender para PF e PJ.
Enviada através do mailing
corporativo do CIESP.
Informações: 4551-3312
atendimentorevistaciesp@gmail.com
A única revista da
região Oeste que
alcança 13 municípios
Vista também nos sites:
www.ciespcastelo.com.br
www.ciespcotia.com.br
CIESP CASTELO: Barueri, Carapicuíba, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus e Santana de Parnaíba
21
CIESP COTIA: Araçariguama, Cotia, Embu das Artes, São Roque, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista
MACRO | visão
Mercado eleva
projeções para inflação
A projeção para o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil apresentou leve recuo, de acordo com dados divulgados na manhã de hoje
(24/11) pelo Banco Central em seu Boletim Focus, relatório que levanta a mediana
das previsões referente as principais variáveis
macroeconômicas do país. Segundo a leitura, a estimativa de crescimento da economia
brasileira em 2014 recuou para 0,20%, ante
leitura de 0,21% na semana anterior. Já para
2015, o boletim informa taxa de crescimento prevista no patamar de 0,80% pela terceira
semana consecutiva.
Com relação ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), verificou-se o segundo avanço consecutivo nas expectativas do
mercado, cuja projeção mediana para 2014
passou de 6,40% para 6,43%. No mesmo
sentido, as estimativas da inflação para 2015
exibiram avanço maior (de 0,05p.p.), chegando nesta semana a 6,45%. No que tange a
taxa Selic, espera-se que o juro básico finalize
o ano de 2014 no patamar de 11,50%, e termine o próximo ano em 12,00%.
O movimento altista também foi registrado
nas avaliações relativas a taxa de câmbio no
ano de 2014, passando de R$/US$ 2,53 para
R$/US$ 2,55. Já para 2015, espera-se que a
taxa de câmbio atinja um patamar mais desvalorizado, (R$/US$ 2,65).
No que diz respeito as contas externas, a
expectativa é que o déficit em Transações
Prévia
da confiança
da indústria
sinaliza novo
aumento
em novembro
O Índice de Confiança da Indústria (ICI) registrou avanço de 3,9%
em sua prévia de novembro, já expurgados os efeitos sazonais, conforme os dados divulgados sexta-feira (21/11) pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). O indicador passou de 82,6 para 85,8 pontos,
e caso confirmado, será a segunda alta consecutivo no índice, visto
que no mês anterior a confiança havia aumentado em 1,8%.
O Índice de Situação Atual (ISA) cresceu 8,8% na passagem de outubro para novembro, forte aceleração em relação ao resultado imediatamente anterior, que apontou queda de 1,2%. A alta neste indicador foi o principal responsável para o resultado do ICI de novembro,
visto que o Índice de Expectativas (IE) recuou 0,7% na leitura atual,
após forte avanço em outubro (4,9%).
Por sua vez, a Nível de Utilização da Capacidade Instalada (NUCI)
chegou a 83,0%, retornando ao patamar de setembro, após ter chego
a 82,0% em outubro. O resultado definitivo da pesquisa será divulgado na próxima quarta-feira, dia 26 de novembro.
Correntes chegue a US$ 83,00 bilhões, ante
US$ 82,00 bilhões projetados na semana
anterior. Para 2015, a mediana das projeções
do mercado em relação ao déficit desta conta
chegou a US$ 77,00 bilhões nesta semana. A
Balança Comercial, por outro lado, observou
seu saldo superavitário em 2014 reduzir-se
pela sexta semana seguida, passando de US$
0,40 bilhões para US$ 0,10 bilhões, ao passo
que para 2015 o mercado manteve o saldo
positivo em US$ 6,50 bilhões.
Por fim, as expectativas quanto a retração na
produção industrial segue em 2,30% para
2014. Por outro lado, a projeção para o crescimento do setor em 2015 foi ajustada levemente de 1,31% para 1,30%.
Confiança do
Consumidor atinge
pior resultado desde
dezembro de 2008
A Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgou na manhã de hoje
(24/11) o Índice de Confiança do Consumidor (ICC). De acordo
com a leitura, na passagem de outubro para novembro, já descontados
os efeitos sazonais, foi constatada queda de 6,1% no índice (aceleração
do ritmo cadente frente a perda de 1,5% na leitura anterior), que passou de 101,5 pontos para 95,3 pontos. Vale salientar que esse é o pior
resultado desde dezembro de 2008 (94,8 pontos).
Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, o índice apresentou retração de 15,0%, após queda de 8,9% registrada no mês de outubro, na mesma base comparativa. O forte declínio no mês é reflexo da
preocupação com a inflação, o mercado de trabalho e com o recente
aumento da taxa de juros. O Índice de Situação Atual (ISA) recuou
5,1% na passagem mensal, chegando a 96,6 pontos em novembro (o
menor da série histórica iniciada em setembro de 2005), ante 101,8
na leitura anterior. O resultado foi puxado pela queda de 12,1% no
indicador da situação econômica atual. Já o Índice de Expectativas
(IE) passou de 101,6 para 94,7 pontos, computando uma taxa de variação negativa de 6,8%. O resultado sofreu forte influência negativa
do indicador de otimismo com a economia nos seis meses seguintes
(-12,0%), que atingiu o menor patamar desde dezembro de 2008.
MACRO VISÃO é uma publicação da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo – FIESP
22
Rede do Clube de Vantagens
cresce a cada dia
Conheça alguns parceiros e os benefícios oferecidos aos associados Acib
A rede do Clube de Vantagens da Associação Comercial e Industrial de Barueri –
Acib não para de crescer. Já são mais de 50
empresas participantes e pouco mais de 5
mil cartões em funcionamento atendendo
os associados e suas empresas. A expectativa da Associação é terminar o ano com
cerca de 20 mil cartões em operação. Para
isto, a Acib vem buscando fortalecer as parcerias e aumentar o número de empresas e
funcionários participantes.
Os descontos estão cada vez mais competitivos por parte dos parceiros, que visam a atrair
novos clientes às empresas participantes e
também ajudar a Associação a continuar
com este trabalho voluntário que chama de
“a casa do empresário”.
As empresas que querem dar algum tipo de
benefício aos seus funcionários, além dos
que constam da CLT, podem buscar a ajuda
da Acib para valorizá-los ainda mais. Após a
filiação, dependendo do volume de funcionários, os benefícios podem sair para cada
um deles apenas R$ 1 por mês.
A rede de descontos é composta por empresas que vão desde assistência técnica para celulares a compra de carros, escolas, farmácias,
serviços, restaurantes, loja de roupas, entre
outras. Das parcerias que a Acib possui por
conta do Clube de Vantagens, a Associação
destaca duas delas:
Cinépolis
Outra parceria que vem dando muito retorno e atraindo ainda mais associados, é
com a Cinépolis. Hoje, um associado Acib,
de posse de seu cartão do Clube de Vantagens, tem entrada com 50% de desconto de
segunda a quinta nas salas do Cinépolis do
Parque Shopping Barueri e Shopping Iguatemi Alphaville.
A Cinépolis é a quarta maior operadora de
cinemas do mundo e a maior da América Latina, atualmente com mais de 3.300 salas em
11 países. A empresa foi fundada em 1947 e
tem sua sede na cidade de Morélia, no México. Para a Acib é um orgulho ter a participação dessa empresa no Clube de Vantagens.
Participe desta rede de benefícios que não
para de crescer. A partir de R$ 1 por mês para
cada funcionário de sua empresa, proporcione-lhe mais benefícios, mais reconhecimento e valorize-o. Faça parte da Acib.
Chevrolet Carrera
Pela parceria com a Chevrolet Carrera, o
associado pode comprar um carro com até
20% de desconto. Em caso de renovação de
frota, por exemplo, de cinco carros, um deles pode sair praticamente de graça.
Esta parceria vem funcionando muito bem
para Rede do Clube de Vantagens cresce
a cada dia ambas as partes e a tendência é
que ela se fortaleça cada vez mais, uma vez
que a Carrera agora também tem parte da
operação da Volkswagen e a Acib já está
trabalhando para que este benefício chegue
até a marca.
Moacyr Correa Felix, Presidente da ACIB
Feliz 2015
A revista CIESP CASTELO COTIA
deseja a todos os seus leitores, colaboradores,
articulistas, anunciantes e a todas
as indústrias da região Oeste
um PRÓPERO ANO NOVO.
Castelo
Cotia
23
O SUCESSO DEPENDE
SÓ DO TALENTO?
Por João Lino
Estivemos no SENAI OSASCO para falar
com os medalhistas de Ouro da Olimpíada
Nacional do Conhecimento, realizada em
BH e com sua família, para tentar levantar
os fatos que contribuíram para chegarem à
vitória: Renan Ferreira Giarola Guimarães,
medalha de Ouro em Construção de Moldes CNC e Lucas Berto de Lima, medalha
de Ouro em Soldagem
Levantamos que a mãe do Renan, Silvana
Cristão Ferreira, está sempre apoiando e
acompanhando o filho no estudo, presente
por conta própria na Olimpíada em BH e ao
lado também no SENAI, nas atividades em
que pode estar presente. ” O SENAI não apenas instrui o aluno, mas prepara para a vida,
com disciplina, caráter e metodologia de ensino” disse Silvana. Sobre o filho ela disse que
desde cedo o Lucas foi ótimo aluno, dedicado
e esforçado, sempre disciplinado, em primeiro
lugar o estudo e depois a vida social e esportiva. Lucas trabalha e estuda de 10 a 14h/dia
de forma feliz, e pretende fazer engenharia
mecânica. Perguntado sobre como procede
com os amigos que sempre convidam para
sair ele resiste e fala que tem como prioridade
o estudo e depois de terminar tudo pode sair
com eles. Com essa atitude é exemplo para os
amigos, tendo já levado para o SENAI diversos que hoje estão estudando firme e também
com objetivos no sucesso profissional
A seguir falamos com o pai de Lucas, José
Berto. José estudou 8 anos no SENAI , sendo
6 em Osasco, trabalhou muito em ferramentaria e hoje com sua esposa é empresário e proprietário da ART TECH , fornecedora de postes de iluminação e coberturas metálicas com
tela. Acha que o seu exemplo foi um incentivo
para o Lucas, embora este sempre tenha sido
estudioso, ambicioso e com objetivo definido
para encontrar o sucesso profissional. “Tudo
que faço é para ser o melhor, colher o melhor
resultado” disse Lucas, que pretende em breve
ser engenheiro de soldagem.
O que pudemos notar através desta reportagem é que para se alcançar o sucesso é necessário muito estudo, muito esforço, muitas
horas de diversão suprimidas e apoio constante dos pais em todas as horas.
No livro “Fora de Série – Outliers” Malcolm
Gladwell fala da razão do sucesso de muitas
pessoas que ele pesquisou: ” ...para alcançar
o nível de excelência em qualquer atividade
são necessárias nada menos do que 10 mil
horas de prática – o equivalente a 3 horas
por dia (ou 20 horas por semana) de trei-
Coordenador técnico Glauber Silva de Oliveira,
Renan Ferreira e Silvana Cristão Ferreira.
José Berto (pai) , Lucas Berto e sua mãe.
namento durante 10 anos” e que o talento +
muito estudo + oportunidade e cultura são
os caminhos básicos para o sucesso. Guga, famoso campeão de tênis brasileiro, treinava 8
horas diariamente e os Beatles, antes da fama,
tocaram 8 horas, sete noites por semana em
Hamburgo, tendo se apresentado por 1.200
horas, antes de alcançar o sucesso.
CUSTO BRASIL
Telefonia e acesso à Internet no Brasil estão entre os mais caros do mundo
Existem vários fatores que forçam os custos
altos de produtos no Brasil, além dos impostos e da burocracia. Um deles é o custo da
telefonia e acesso à Internet.
Segundo pesquisa mundial feita pela União
Internacional de Telecomunicações, publicado em Genebra, temos nesta área custos muito mais altos do que praticados na maioria dos
países desenvolvidos, fato que freia a expansão
24
destes serviços para a camada mais carente,
que tem os preços até 20 vezes mais. Este fato
faz com que 44% das pessoas que têm computador não terem acesso à Internet.
Para a indústria este é mais um fator que
sobrecarrega os custos e deixa os produtos
brasileiros fora da competição internacional.
Mesmo assim, mais de 50% da população
brasileira está conectada à internet.
UNINDO FORÇAS VENCENDO DESAFIOS
Um mundo de soluções para empresas de
todos os segmentos e portes:
A ACIB Associação Comercial e Industrial
de Barueri, trabalha para fomentar
negócios e defender o interesse de seus
associados em âmbito municipal.
ASSOCIE-SE TAMBÉM À ACIB!
JUNTOS NOSSA FORÇA É MAIS!
Conheça alguns dos nossos serviços:
- Certificação Digital
- Certificado de Origem para exportadores
- Análise de Crédito
- Clube de Vantagens (Seus colaboradores
economizando em uma grande rede de
serviços e compras)
Ligue agora para 4198-8787 e fale com um de nossos especialistas!
Peça já seu orçamento, temos os melhores preços da Região SKYBOX – GUARDA DE DOCUMENTOS
Av. Lourenço Zácaro, 386,
Jd. São Silvestre, Barueri (SP)
Fone: 11 4382-4361
www.skybox.eco.br
comercial@skybox.eco.br
A hora de fortalecer
o desenvolvimento
regional
Q
uando estamos diante de grandes
desafios, precisamos saber exatamente quais serão as próximas
ações que precisam ser implementadas. Afinal de contas, sempre haverá um primeiro
passo para alguém que deseja chegar ao final
de uma maratona.
Em relação às políticas públicas, as coisas
funcionam da mesma maneira. É essencial
ter muita clareza com relação às estratégias
prioritárias.
Ao longo da minha história pessoal, participei com todas as minhas energias no
movimento sindical, lugar em que aprendi
o quanto os processos de desenvolvimento
precisam inclusivos. Afinal de contas, sempre
acreditei muito nos referenciais de Hebert de
Souza, o Betinho, segundo o qual: “Participação é um dos cinco princípios da democracia, sem ela, não é possível transformar
em realidade, a história humana, nenhum
dos outros princípios: igualdade, liberdade,
diversidade e solidariedade.”.
É por estas e outras questões que fiquei
absolutamente entusiasmada quando
o Prefeito de Osasco, Jorge Lapas con-
vidou-me para assumir a Secretaria de
Desenvolvimento Trabalho e Inclusão da
cidade de Osasco.
Tenho trabalhado ao longo dos últimos dois
anos para fortalecer uma política de geração
de empregos e renda, para consolidar a agenda da Economia Solidária na cidade e para
que sejam garantidas as condições para a
implementação de programas sociais absolutamente elementares.
E mais, tenho apostado de maneira efetiva
na consolidação dos caminhos do desenvolvimento, e em relação a esta questão, é
essencial o empoderamento dos diferentes
segmentos da sociedade civil organizada.
Digo isto porque tenho plenas convicções
de que existe uma série de agendas cujas garantias de uma maior assertividade apenas
serão possíveis à medida que estas sejam implementadas em nível regional.
As políticas regionais certamente criam convergências e fortalecem sinergias materializando novas oportunidades.
Dessa maneira, reconheço na atualidade
que a combinação das ações do Consórcio
Intermunicipal de Prefeitos e do Fórum de
Desenvolvimento Regional marcará um
necessário ineditismo de um conjunto de
ações, dentre as quais destaco como sendo
prioritária a implementação de uma Agência
de Desenvolvimento Regional. Esta agência
será um instrumento fundamental para que
possamos avançar ainda mais o caminho do
desenvolvimento regional.
Certamente a articulação da AGÊNCIA será
um elemento essencial para o fortalecimento
de políticas públicas modernas para a nossa
região, especialmente no que se refere ao
fortalecimento de uma série de arranjos produtivos, elemento central de novas sinergias.
Mônica Veloso – Secretaria Municipal de
Desenvolvimento Trabalho e Inclusão de Osasco
FÉRIAS EM UBATUBA
ALUGUE
PRAIA GRANDE (frente ao mar)
O melhor canal de
comunicação para quem
quer vender para
a INDÚSTRIA e para
seus FUNCIONÁRIOS
Consulte: 4551-3312
Pronta para Morar
3 Dorms. (1 suíte), 2 vagas, lareira
Condomínio Fechado
Travessa da João Paulo Ablas - Cotia
Diretamente com o proprietário:
4777-1399 ou 98931-7913
Acomodação confortável p/ 11 pessoas,
estacionamento p/ 3 carros.
Infs. (11) 989 317-872
samelloag@acepropaganda.com.br
VITRINE DAS INDÚSTRIAS
PRODUTOS
SERVIÇOS
- Para
anunciar -ligue:
4551-3312
PRODUTOS e SERVIÇOS
- Paraeanunciar
ligue:
4551-3312
Custo
de 1 módulo: R$ 200,00
SERVIÇOS
GINÁSTICA
ADVOCACIA
Ginástica Laboral
Arteiro Gargiulo
Advogados
www.advocaciaag.com.br
contato@advocaciaag.com.br
11-4702-3024 - Granja Viana
ARQUITETURA
BARAUNA ARQUITETURA
E CONSTRUÇÃO
www.baraunaarquitetura.com.br
baraunaarquitetura@uol.com.br
11-4617-3941 - Granja Viana
COMPUTAÇÃO GRÁFICA
ARQUITETURA ILUSTRADA
COMPUTAÇÃO GRÁFICA
www.arquiteturailustrada.com.br
contato@arquiteturailustrada.com.br
11-2778-9669 - Granja Viana
DECORAÇÃO
ABADE TAPETES
ORIENTAIS
Tapetes persas e indianos
www.tapetesabade.com.br
11-4702-4113 - Granja Viana
EXPORTAÇÃO/IMPORTAÇÃO
Esporte e Wellness
Gestão Esportiva - Programas
Esportivos para Condomínios
www.mncorpore.com.br
contato@mncorpore.com.br
11-3467-7971 - Morumbi -SP
INFORMÁTICA
MICRO MAIS
Assistência Técnica
contato@micromais.com.br
11-4612-5444 - Cotia
HOTEIS
PALESTRAS
FABIO SANTORO
PALESTRAS E TREINAMENTOS
Liderança, Vendas, Motivação,
Atendimento.
www.liderancautentica.com.br
fabio.santoro@liderancautentica.com.br
11-4063-4170
PROPAGANDA
ACE MAIS PROPAGANDA
www.acemais.com.br
prlino@acepropaganda.com.br
11-4777-1399 - Granja Viana
TERCEIRIZAÇÃO MÃO DE OBRA
BLUE TREE HOTELS
DUBHAY
www.bluetree.com.br
reservas.congonhas@bluetree.com.br
11-2137-4000 - São Paulo
www.dubhay.com
atendimento@dubhay.com.br
11-4777-1355 - Cotia
IMOBILIÁRIA
PRODUTOS
EMBALAGENS PLÁSTICAS
ELLO IMOBILIARIA
www.elloimobiliaria.com.br
ello@elloimobiliaria.com.br
11-4777-9199 - Cotia
MTSZ EMBALAGENS
PLÁSTICAS
www.mtsz.com.br
vendas@mtsz.com.br
11-4142-6930 - Itapevi
MARCAS E PATENTES
EMPILHADEIRAS
AMÉRICA ASSESSORIA
EM COMÉRCIO EXTERIOR
www.america-comex.com.br
contato@america-comex.com.br
11-3685-4662 - Osasco
Gestão e Crédito
CERTIDÃO & GESTÃO
www.certidaogestao.com.br
11-3145-5813 - Barueri e SP
PA MARCAS E PATENTES
www.pamarcas.com.br
pamarcas@pamarcas.com.br
11 4777-9616 - Granja Viana
PALESTRAS
TOM COELHO
PALESTRAS E TREINAMENTOS
www.tomcoelho.com.br
11-4612-1012 - Cotia
atendimento@tomcoelho.com.br
ALPHAQUIP MAQS.
EQUIPAMENTOS
www.alphaquip.com.br
alphaquip@alphaquip.com.br
11-4063-9539 - Barueri
PLATAFORMAS
LEMATT PLATAFORMA
ELEVATÓRIA
www.lematt.com.br
contato@lematt.com.br
11-4063-9539 - Barueri
Business School
Liderança e Gestão
Organizacional
MBA Executivo
Inscrições Abertas
Início Fevereiro de 2015
Um MBA voltado às exigências do mercado moderno, com foco na
aplicabilidade prática nas organizações. Inclui mais de 40 ferramentas de
gestão disponibilizadas aos participantes para utilização imediata no
ambiente de trabalho.
Utiliza um metodologia interativa, contemplando a experiência da
FranklinCovey Internacional, presente em 150 países e com treinamentos e
consultorias em 38 línguas.
Através do convênio com a FranklinCovey Business School, o CIESP Castelo
viabiliza na região de Osasco a implantação do MBA Executivo em Liderança
e Gestão Organizacional.
Meri Tomazelli
mtomazeli@franklincovey.com.br
(11) 5105-4406
www.franklincovey.com.br/business-school
www.ciespcastelo.com.br
Download

INDÚSTRIA - Ciesp Cotia