B.1.5 – Engenharia Elétrica
SISTEMA FOTOVOLTAICO PARA ALIMENTAÇÃO DE CARGA ELÉTRICA COMPARTILHADA
COM A REDE
Carlos Michel da Silva Moreira¹ e José Alves do Nascimento Neto²;
1. Estudante do Curso Tecnólogo em Automação Industrial, Campus Cajazeiras – Instituto Federal de Educação, Ciência e
Tecnologia da Paraíba, IFPB; e-mail *michelcarlos19@gmail.com
2. Professor Doutor em Engenharia Elétrica, Campus Cajazeiras - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba,
IFPB.
Palavras Chave: Energia Fotovoltaica, Sistema conectado a rede, Racionalização do uso de energia.
Introdução
A utilização de energia solar se mostra como uma
alternativa para implementação de sistemas que fazem
uso de uma energia dita “limpa”, ou seja, sem a emissão
de poluentes. Dentre as várias formas de utilização da
energia solar destaca-se a energia fotovoltaica, onde a
irradiação solar fornece energia para geração de corrente
elétrica, a qual pode alimentar cargas elétricas.
A geração de energia pelas placas se dá essencialmente
durante o período do dia no qual temos a presença da luz
solar, neste caso faz-se necessário o uso de baterias para
sua utilização durante o período noturno. Este projeto trata
da utilização de energia solar para o funcionamento de um
bebedouro presente nas instalações do IFPB, onde
durante o dia a energia solar é utilizada e durante o
período de baixa insolação ou durante a noite o bebedouro
volta a fazer uso da rede elétrica.
O bebedouro utilizado neste projeto apresenta uma
potência de 400W em pleno funcionamento, o bebedouro
está ilustrado na figura 3.
Figura 2. Placas Solar
Desta forma, considerando as perdas médias de 5% de
energia promovida pelo inversor e de 5% promovida pelo
regulador de cargas dispomos ainda de 477Wp para
alimentação do bebedouro, o representa energia suficiente
para o pleno funcionamento do mesmo.
Resultados e Discussão
Foi implementado um circuito de comando com dois
contatores para controlar o sistema, o qual faz a
comutação do sistema onde, caso tenha-se energia solar
suficiente, o mesmo vai prover o bebedouro de energia
para o seu funcionamento, à noite, este circuito de
comando faz a comutação inserindo a rede Elétrica
convencional. O esquema de comando utilizado encontrase ilustrado na figura 1.
Figura 3. Bebedouro.
Conclusões
a)
b)
Figura 1: a) circuito de força e b) circuito de comando
Para a geração de energia fotovoltaica foram utilizados dez
placas do tipo policristalina de 40Wp totalizando uma
potência de 400Wp e duas placas monocristalinas de
65Wp, o que nos conferiu a possibilidade de geração de
um total de 530Wp. As placas instaladas encontram-se
ilustradas na figura 2.
O sistema montado promove a comutação da alimentação
da carga (bebedouro) quando da ausência da energia de
origem fotovoltaica, sendo esta prioritária. Este sistema
promove a utilização de energia solar como forma de
diminuição do consumo de energia da rede convencional,
impactando na conta de energia. O sistema montado
objetiva a não utilização de acumuladores (baterias) por
serem poluentes e ainda devem ser submetidas a
manutenção periódica, bem como sua substituição.
Agradecimentos
Agradecimento ao IFPB pelo apoio e o espaço concedido
para a realização deste projeto.
67ª Reunião Anual da SBPC
Download

Sistema Fotovoltaico Para Alimentação de Carga Elétrica