“Quando ideias se encontram": A Alemanha é o país homenageado em 2013
na Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro
20 editoras alemãs se apresentam no estande dedicado à Alemanha / A exposição multimídia
"Alemanha de A a Z" convida a todos para um intercâmbio entre culturas
Em 2013, a Alemanha é o país homenageado na XVI Bienal do Livro Rio (29/8 -8/9/2013), que neste ano
comemora o seu 30º aniversário. Esta homenagem, sob o lema "Quando ideias se encontram", é parte da
iniciativa “Alemanha + Brasil 2013-2014”. A presença alemã na Bienal do Livro Rio tem como objetivo
intensificar o intercâmbio entre ambas as nações e enriquecer o encontro através de uma ampla oferta de
atividades artísticas e literárias. Cerca de 20 editoras alemãs nas áreas do livro infantojuvenil, literatura,
ciência e alemão como língua estrangeira se apresentarão na mais importante feira brasileira do livro para
manter contatos locais e estabelecer novos. Os ilustradores Axel Scheffler, Ole Könnecke e Julia Friese; o
autor de não-ficção Manfred Geier; o artista de slam poetry – poesia contemporânea para ser declamada
em clubes e bares - Bas Böttcher; o autor e editor Ilija Trojanow, os escritores Olga Grjasnowa, Kathrin
Passig, Carmen Stephan e Wladimir Kaminer bem como o autor de graphic novel Reinhard Kleist
representarão a Alemanha como país homenageado no Brasil.
Lugar de encontro: O estande dedicado à Alemanha no Rio de Janeiro
O estande de 400 m² dedicado à Alemanha será organizado e apresentado conjuntamente pela Feira do
Livro de Frankfurt e pelo Goethe-Institut São Paulo e Rio de Janeiro, com o apoio do Ministério das
Relações Exteriores. Ao lado de livros infantis e juvenis atuais e de uma variedade de obras da literatura
alemã na tradução brasileira serão expostas outras coleções, entre elas, de gêneros em ascensão, como a
graphic novel e "Os livros mais belos da Alemanha". Ao mesmo tempo, a longlist dos candidatos ao Prêmio
do Livro Alemão [Deutscher Buchpreis] proporcionará aos visitantes internacionais da feira uma visão
geral dos debates literários recentes na Alemanha. A coleção "Vida Urbana" apresenta um panorama da
transformação da vida no mundo urbano à cidade como um espaço de ação.
O coração do estande dedicado à Alemanha é a exposição multimídia "Alemanha de A a Z". As 26 letras
esculpidas do alfabeto alemão, quatro delas em 3D, oferecem aos visitantes uma perspectiva bemhumorada da Alemanha - de A, de “Alltag” (cotidiano), a Z, de “Zukunft” (futuro). Nos corpos
tridimensionais das letras, estão embutidas vitrines, monitores e gavetas que apresentam diversos objetos
e informações sobre a história da Alemanha e sua cultura. Especialmente para as crianças será oferecido
um rally pela exposição interativa, para que, de forma lúdica, possam ser exploradas a cultura e a língua
do país homenageado.
O projeto do estande aproveita o logotipo do Ano da Alemanha no Brasil: O logotipo mostra uma fita em
movimento em forma de estrela que é projetada nas cores nacionais dos dois países. As cinco áreas
funcionais representarão as cinco cores do logotipo: a exposição “Alemanha de A a Z", a Livraria da
Travessa, uma área de trabalho para os editores presentes, um palco para eventos e uma área de
informações. O mural da identidade - também chamado "mural da fama" – completa a imagem do estande
alemão com breves perfis e fotos dos convidados e convida a todos para a troca entre culturas e para o
diálogo.
Ilustradores alemães também projetaram especialmente para a feira uma brochura com quadrinhos da
Alemanha, que apresenta de forma humorada e irônica as particularidades e peculiaridades do cotidiano
alemão. Os quadrinhos são apresentados em português.
Programação variada para jovens visitantes
A presença do convidado de honra será acompanhada por uma ampla programação cultural e profissional
dedicada sobretudo aos jovens visitantes. Ao lado de uma oferta de oficinas de ilustração e debates com
os autores presentes, os visitantes podem vivenciar as apresentações de slam poetry com Bas Böttcher.
Na programação do Café Literário também acontecem debates com brasileiros e outros autores
internacionais. A iniciativa destina-se a aprofundar e ampliar as relações teuto-brasileiras que já contam
com um programa de apoio à tradução. Tudo começa com um coquetel de recepção no dia da abertura da
feira (29 de agosto às 18h): a primeira oportunidade para uma troca informal e matchmaking.
Aparições conjuntas de autores alemães e brasileiros
No palco do estande dedicado à Alemanha, autores, ilustradores e artistas brasileiros e alemães se
apresentam juntos: o artista de slam poetry Bas Böttcher com o artista visual Ricardo Domeneck; os
escritores João Ubaldo Ribeiro e Wladimir Kaminer debatem sobre a metrópole literária de Berlim e o
ilustrador do personagem infantil “Grúfalo” Axel Scheffler e Ole Könnecke conversam com seus colegas
brasileiros sobre a criação de livros infantis. Na Bienal, serão lançadas no estande alemão as traduções da
premiada graphic novel "Der Boxer" de Reinhard Kleist e de "EisTau", de Ilija Trojanow.
Concurso para futuros designers
No estande da Alemanha serão apresentados os cinco ganhandores do “Concurso para futuros designers”,
realizado pouco antes da feira pelo Goethe-Institut Rio de Janeiro. Inspirado em um modelo similar da
Feira do Livro de Frankfurt, 40 estudantes de quatro universidades do Rio de Janeiro com formação em
Design criarão cartões postais que dão as boas-vindas à Alemanha no Rio. Eleitos por um júri, os cinco
estudantes com as ideias mais criativas terão seus cartões postais expostos pelas ruas da cidade do Rio
pouco antes e durante a Bienal do Livro Rio. Os três primeiros também serão agraciados com um prêmio
em dinheiro e um semestre de curso de alemão no Goethe-Institut Rio de Janeiro.
Programação profissional
A Feira do Livro de Frankfurt organiza um encontro entre editores alemães e brasileiros, um evento onde
editores brasileiros e alemães relatam suas cooperações, e visitas a editoras cariocas.Editoras brasileiras
podem se informar no estande sobre a Feira do Livro de Frankfurt e sua programação.
A Frankfurt Academy dará seguimento à estreia de sucesso do formato brasileiro da CONTEC, realizado no
Brasil no ano passado em cooperação com o LitCam. O programa de um dia de conferência se realizará em
30 de agosto no contexto da Bienal do Livro Rio. Sob o lema “Literacy and the new ways of teaching”, o
foco está nas novas tecnologias nas áreas da Educação e do livro infantil. Com a CONTEC, a Frankfurt
Academy criou uma plataforma para o universo de editoras. No dia 8 de outubro de 2013 – no contexto da
Feira do Livro de Frankfurt – a conferência acontecerá em Frankfurt pela primeira vez.
Na ocasião do lançamento no Brasil da plataforma francesa de conteúdo digital para bibliotecas
Culturethèque e da plataforma alemã Onleihe, a Bienal será palco nos dias 2 e 3 de setembro de 2013 do
colóquio internacional "A biblioteca no clique de um mouse – a mediateca digital." Este colóquio, que se
inscreve na continuidade de um programa bienal de colóquios franco-alemães desenvolvidos desde 2003,
pelo Goethe-Institut em São Paulo e no Rio de Janeiro e pela Maison de France e com o apoio da Fundação
Biblioteca Nacional, discutirá as questões que este novo modelo de biblioteca desperta, nos aspetos
técnicos, legais e organizacionais, em relação à biblioteca física e sua função, bem como em relação à
profissão do bibliotecário e suas evoluções. Como palestrantes estrangeiros, já temos confirmadas as
presenças de Frédéric Jagu, responsável pelas mediatecas do Institut français na França; Denis
Bruckmann, diretor de coleções da Bibliothèque nationale de France; Jörg Meyer, sócio executivo do Grupo
ekz e Arne Ackermann, diretor da Biblioteca Pública Municipal de Munique.
Pós-Bienal
Em sequência à Bienal do Livro Rio, os autores Kathrin Passig, Ilija Trojanow, Carmen Stephan, Jasmim
Ramadan, Ingo Schulze e Olga Grjasnowa residirão por quatro semanas no Brasil no contexto do chamado
projeto de residência para autores. Em seis cidades distintas do Brasil, eles tematizarão o país, sua gente,
sua cultura, sua história e refletirão a respeito. Um blog ofercerá ao público a oportunidade de seguir ao
vivo a experiência literária alemã-brasileira.
Contato:
Bärbel Becker, becker@book-fair.com
Sobre a Bienal do Livro Rio
Com aproximadamente 670 000 visitantes e uma área de 55 000 m², a Bienal do Livro Rio é um dos
maiores acontecimentos editoriais do Brasil e neste ano completa seus 30 anos de história. Além de 950
expositores, a cada dois anos ela convida uma ampla delegação de autores nacionais e internacionais, que
se apresentam para o público em inúmeros eventos culturais.
Sobre a Feira do Livro de Frankfurt
Com mais de 7 300 expositores de aproximadamente 100 países, a Feira do Livro de Frankfurt é a maior
feira de livro e mídia do mundo. Também organiza a participação de editoras alemãs em
aproximadamente 20 feiras internacionais do livro. Com www.buchmesse.de, ela mantém o portal para o
mercado editorial mais visitado em todo o mundo: O arquivo de formadores de decisão da indústria do
livro e de mídia contém cerca de 40 mil entradas. A Frankfurt Academy - a nova marca para conferências
da Feira do Livro de Frankfurt em cooperação com a Associação do Comércio Livreiro Alemão - organiza
congressos e eventos profissionais internacionais durante todo o ano. A Feira do Livro de Frankfurt é uma
subsidiária da Associação do Comércio Livreiro Alemão.
Contacto para a media:
Press & Corporate Communications, Frankfurt Book Fair
Katja Böhne, Press Officer, Tel.: +49 (0) 69 2102-138, press@book-fair.com
> Press information online >www.book-fair.com/press_releases
> Photos in print quality >www.book-fair.com/press_photos
Download

“Quando ideias se encontram": A Alemanha é o país homenageado