CIANSP - COLÉGIO NOSSA SENHOR A DA PIEDADE
R u a M o n s e n h o r D o m i n go s P i n h ei r o , 3 5 – C a l a f a t e / B H
F o n e : ( 3 1 ) 3 3 3 4 6 9 1 3 - [email protected]
75 Anos Educando para a Vida
DISCIPLINA: FÍSICA
PROFESSOR: TARANTO
TRABALHO RECUPERAÇÃO
DATA DE ENTREGA:
04/12/15
ANO: 3º EM
ENSINO
VALOR: 20,0
ALUNO(A):
NOTA:
Nº:
RECUPERAÇÃO FINAL – FÍSICA - novembro/2015
ORIENTAÇÃO
Prezado aluno:
A seguir estão algumas orientações e lembretes importantes para o seu sucesso nos
estudos de recuperação e os principais exercícios de cada capítulo que devem ser
resolvidos para a melhor compreensão e fixação do conteúdo programático.
1. COMPREENSÃO DO PROBLEMA
Problemas de física não são resolvidos apenas com fórmulas ou macetes, mas com
fundamentos de física, raciocínio e matemática. Leia com atenção o enunciado do
problema antes de começar a resolvê-lo. Este parece ser um conselho óbvio,
desnecessário, mas não é. É muito comum o aluno não entender detalhes envolvidos
na situação, devido a uma leitura superficial do enunciado.
Primeiro é preciso compreender o problema. Tente "contar a história do problema"
com suas próprias palavras. Tente descobrir os princípios físicos envolvidos na
situação.
Preste atenção em alguns fatores que influenciam na dificuldade de compreensão de
problemas:
a) Diferenças no significado de uma mesma expressão usada na linguagem cotidiana
e na linguagem da Física (mais precisa).
b) Ordem e forma de apresentação dos dados.
c) Presença de dados irrelevantes para a solução do problema.
d) Caráter hipotético de alguns problemas de Física, apresentando dados distantes
dos valores reais e objetos e situações que não fazem parte da vida cotidiana.
e) Diferença entre as teorias pessoais e intuitivas e as teorias Físicas.
f) Utilização de conceitos errados veiculados constantemente na mídia.
2. ANÁLISE DE DADOS
Faça um desenho esquemático da situação envolvida no problema.
Se o problema se desenvolve em várias etapas, faça um esquema que mostre a
evolução da situação, mesmo que isso resulte em mais trabalho.
Indique no esquema as variáveis escalares e vetoriais envolvidas e associe essas
variáveis a símbolos e abreviações consistentes.
Não utilize o mesmo símbolo ou abreviação para variáveis diferentes.
Sempre indique os referenciais necessários, no desenho esquemático.
Verifique se todas variáveis estão com unidades de medidas compatíveis e se precisar
transforme-as.
3. ESTABELECIMENTO E EXECUÇÃO DE UM PLANO
Estabeleça um plano para a solução do problema e se for preciso decomponha o
problema e trabalhe nele, parte por parte.
Divida a solução em vários passos. Veja se é capaz de explicar, em qualquer
momento da resolução, o que você está fazendo e por quê.
É importante também saber o que você fará com o resultado de cada passo.
4. ANÁLISE DO RESULTADO
A maior dúvida após a solução do problema, consiste em saber se ela está correta ou
não. Talvez a melhor forma de termos certeza sobre a correção da solução obtida é
resolver o mesmo problema por dois caminhos, diferentes e comparar as
respostas.
Caso isso não seja possível, tente o seguinte:
a) Mesmo que um problema exija a apresentação de resposta numérica, tente resolvêlo literalmente antes de substituir os valores numéricos de variáveis e constantes.
A obtenção da resposta literal permite a execução de testes para verificação de sua
consistência que não são possíveis de outra forma.
Verifique se a unidade resultante da análise dimensional da resposta está correta.
Se estiver correta, a solução pode estar correta.
Porém, se a dimensão estiver errada, a solução está errada.
A resposta obtida deve ser consistente com este fundamento.
b) Analise a resposta numérica e veja se a mesma é consistente.
c) Utilize sempre a teoria sobre Algarismos Significativos para expressar a resposta
numérica do problema.
SUCESSO !!!
Taranto
3º EM
ORIENTAÇÃO:
A) PARA O TRABALHO, ENTREGAR SOMENTE OS EXERCÍCIOS DE NÚMEROS
ÍMPARES. NÃO É PRECISO COPIAR O ENUNCIADO, APENAS NUMERAR E
RESOLVER, COM JUSTIFICATIVA CONSISTENTE.
B) PARA A PROVA, ESTUDAR TODOS OS EXERCÍCIOS. A PROVA SERÁ
ESPELHADA NELES.
1. Conteúdo Principal de Avaliação: ELETRICIDADE (estudo completo).
2. Trabalho – o valor máximo de 20 pontos só será obtido, se 30 QUESTÕES
QUAISQUER , à escolha do aluno, do total de 146, forem resolvidas corretamente e
com justificativa.
Estes exercícios, após serem resolvidos individualmente, à tinta azul ou preta, em folhas
grampeadas, com nome legível e série escritos na parte superior da 1ª folha, devem ser
encaminhados ao prof. Taranto, até a data limite. Após esta data os exercícios não serão
recebidos, nem avaliados.
Observação: em caso de questões que envolvam cálculos numéricos, o próprio
desenvolvimento contendo equações, cálculos, etc, já será considerado como
justificativa.
3. Lista de Exercícios: a seguir estão sugeridos 146 exercícios que servirão de base
para a elaboração da avaliação de valor 80 pontos.
Bons estudos!
EXERCÍCIOS:
1. (PUC-CAMPINAS) Dispõe-se de uma barra de vidro, um pano de lã e duas
pequenas esferas condutoras, A e B, apoiadas em suportes isolantes, todos
eletricamente neutros. Atrita-se a barra de vidro com o pano de lã; a seguir coloca-se a
barra de vidro em contato com a esfera A e o pano com a esfera B. Após essas
operações:
a) O pano de lã e a barra de vidro estarão neutros.
b) O pano de lã atrairá a esfera A.
c) As esferas A e B continuarão neutras.
d) A barra de vidro repelirá a esfera B.
2. (UFRS) Tem-se uma pequena esfera E, eletricamente carregada, pendurada por um
fio isolante (figura 1). Ao aproximar-se um bastão X, a esfera E é por ele atraída (figura
2). Logo após retirar-se o bastão X, aproxima-se um bastão Y. A esfera é então
repelida pelo bastão Y (figura 3).
Qual a alternativa que apresenta uma possível distribuição predominante de cargas
elétricas positivas (+) e negativas ( – ) na esfera e nos bastões?
Esfera E
a)
b)
c)
d)
+
+
–
–
Esfera X
+
–
–
+
–
+
+
+
Esfera Y
3. (CESGRANRIO) Na figura a seguir, um bastão carregado positivamente é
aproximado de uma pequena esfera metálica (M) que pende na extremidade de um fio
de seda.
Observa-se que a esfera se afasta do bastão. Nesta situação, pode-se afirmar que
a esfera possui uma carga elétrica total
a)
b)
c)
d)
Negativa
Positiva
Positiva ou nula
Negativa ou nula
4. (UFMG) Um professor mostra uma situação em que duas esferas metálicas estão
suspensas por fios isolantes. As esferas se aproximam uma da outra, como indicado
na figura.
Três estudantes fizeram os seguintes comentários sobre essa situação.
Cecília – uma esfera tem carga positiva, e a outra está neutra;
Heloísa – uma esfera tem carga negativa, e a outra tem carga positiva;
Rodrigo – uma esfera tem carga negativa, e a outra está neutra.
Assinale a afirmativa CORRETA.
a)
b)
c)
d)
Apenas Heloísa fez um comentário pertinente.
Todos os estudantes fizeram comentários pertinentes.
Apenas Cecília e Rodrigo fizeram comentários pertinentes.
Apenas Heloísa e Rodrigo fizeram comentários pertinentes.
5. (UFMG) Três bolinhas de isopor estão próximas de um bastão carregado. Uma está
carregada positivamente, outra está negativamente carregada e a última está
eletricamente neutra. Quantas bolinhas o bastão atrairá?
a)
b)
c)
d)
Apenas uma bolinha
Duas bolinhas
Três bolinhas
Nenhuma bolinha
6. Quando um bastão eletricamente carregado atrai uma bolinha condutora A, mas
repele uma bolinha condutora B, conclui-se que
a)
b)
c)
d)
A bolinha A pode não estar carregada
A bolinha B está positivamente carregada
Ambas as bolinhas estão descarregadas
A bolinha B não está carregada
7. (LONDRINA) Um bastão isolante é atritado com tecido e ambos ficam eletrizados. É
correto afirmar que o bastão pode ter:
a)
b)
c)
d)
Ganhado prótons e o tecido ganhado elétrons.
Perdido elétrons e o tecido ganhado prótons.
Perdido prótons e o tecido ganhado elétrons.
Perdido elétrons e o tecido ganhado elétrons.
8. Dispõe-se de uma barra de vidro, um pano de lã e duas pequenas esferas
condutoras A e B apoiadas em suportes isolantes, todos eletricamente neutros. Atritase a barra de vidro com o pano de lã; a seguir. Coloca-se a barra de vidro em contato
com a esfera A e o pano com a esfera B. Após essas operações:
a)
b)
c)
d)
O pano de lã atrairá a esfera
O pano de lã e a barra de vidro estarão neutras.
As esferas A e B continuarão neutras.
A barra de vidro repelirá a esfera B.
9. Atritado com seda, o vidro fica positivo e o enxofre negativo. Atritado com um
material X, o enxofre fica positivo. Atritado com o mesmo material X:
a)
b)
c)
d)
O vidro fica positivo.
O vidro fica negativo.
A seda fica negativa.
Nenhum material fica negativo.
10. Se um condutor eletrizado positivamente é aproximado de um condutor neutro,
sem tocá-lo, podemos afirmar que o condutor neutro:
a)
b)
c)
d)
Fica com metade da carga do condutor eletrizado.
Conserva a sua carga total nula e não é atraído pelo eletrizado.
Conserva a sua carga total nula, mas é atraído pelo eletrizado.
Eletriza-se negativamente e é repelido pelo eletrizado.
11. Analise as afirmativas abaixo:
I. Ao atritarmos um bastão de vidro com seda, há passagem de prótons da seda para
o vidro.
II. Ao aproximarmos um corpo eletrizado de um condutor, observamos, nesse condutor
uma separação de cargas.
III. Ao encostarmos uma esfera metálica neutra num corpo eletrizado com carga
positiva, esta ficará eletrizada negativamente.
Está (ão) correta (s) a (s) afirmativa (s):
a)
b)
c)
d)
I, apenas.
II, apenas
I e II, apenas.
I, II e III
12. (UFSCAR) Atritando vidro com lã, o vidro se eletriza com carga positiva e a lã com
carga negativa. Atritando algodão com enxofre, o algodão adquire carga positiva e o
enxofre, negativa. Porém, se o algodão for atritado com lã, o algodão adquire carga
negativa e a lã, positiva. Quando atritado com algodão e quando atritado com enxofre,
o vidro adquire, respectivamente, carga elétrica
a)
b)
c)
d)
Positiva e positiva.
Positiva e negativa.
Negativa e positiva.
Negativa e negativa.
13. (LONDRINA) Corpos eletrizados ocorrem naturalmente no nosso cotidiano. Um
exemplo disso é o fato de algumas vezes levarmos pequenos choques elétricos ao
encostarmos em automóveis. Tais choques são devidos ao fato de estarem os
automóveis eletricamente carregados. Sobre a natureza dos corpos (eletrizados ou
neutros), considere as afirmativas a seguir:
I. Se um corpo está eletrizado, então o número de cargas elétricas negativas e
positivas não é o mesmo.
II. Se um corpo tem cargas elétricas, então está eletrizado.
III. Um corpo neutro é aquele que não tem cargas elétricas.
Sobre as afirmativas acima, assinale a alternativa correta.
a)
b)
c)
d)
Apenas a afirmativas I é verdadeira.
Apenas a afirmativas II é verdadeira.
Apenas a afirmativas III é verdadeira.
Todas as afirmativas são verdadeiras.
14. (UEL) É conhecido que “cargas elétricas de mesmo sinal se repelem e cargas
elétricas de sinais contrários se atraem.”
Dispõe-se de quatro pequenas esferas metálicas A, B, C e D. Verifica-se que A repele
B, que A atrai C, que C repele D e que D está carregada positivamente. Pode-se
concluir corretamente que:
a) C está carregada negativamente.
b) B tem carga negativa.
c) A e B estão carregadas positivamente.
d) A e C têm cargas de mesmo sinal.
15. (UFMG) Duas esferas metálicas idênticas - uma carregada com carga elétrica
negativa e a outra eletricamente descarregada - estão montadas sobre suportes
isolantes. Na situação inicial, mostrada na figura I, as esferas estão separadas uma da
outra. Em seguida, as esferas são colocadas em contato, como se vê na figura II. As
esferas são, então, afastadas uma da outra, como mostrado na figura III.
Considerando-se as situações representadas nas figuras I e III, é CORRETO afirmar
que,
a)
b)
c)
d)
Em I, as esferas se repelem e, em III, elas se atraem.
Em I, as esferas se atraem e em III, elas se repelem.
Em III, não há força entre as esferas.
Em I, não há força entre as esferas.
16. (LONDRINA) Um bastão isolante é atritado com tecido e ambos ficam eletrizados.
É correto afirmar que o bastão pode ter:
a)
b)
c)
d)
Ganhado prótons e o tecido ganhado elétrons.
Perdido elétrons e o tecido ganhado prótons.
Perdido prótons e o tecido ganhado elétrons.
Perdido elétrons e o tecido ganhado elétrons.
17. (UNIMONTES) Sobre uma mesa isolante, colocam-se três corpos: A, B e C,
observando-se que os corpos se atraem mutuamente. Pode-se afirmar corretamente
que eles poderiam estar, respectivamente, com cargas:
a) Positiva, nula e negativa
b) Positiva, negativa e positiva.
c) Positiva, negativa e negativa
d) Negativa, positiva e negativa.
18. (UFMG) Um estudante atrita uma barra de vidro com um pedaço de seda e uma
barra de borracha com um pedaço de lã. Ele nota que a seda e a lã se atraem, o mesmo
acontecendo com o vidro e a borracha. O estudante conclui que esses materiais se
dividem em dois pares que têm cargas do mesmo tipo. Com base nesses dados, podese afirmar que:
a) a conclusão do estudante está errada.
b) esses pares são; o vidro com a borracha e a seda com a lã.
c) esses pares são; o vidro com a lã e a seda com a borracha.
d) esses pares são; o vidro com a seda e a borracha com a lã.
19. (FUVEST) Três esferas de isopor, M, N e P, estão suspensas por fios isolantes.
Quando se aproxima N de P, nota-se uma repulsão entre estas esferas, quando se
aproxima N de M, nota-se uma atração. Das possibilidades apresentadas na tabela,
quais são compatíveis com as observações?
a) A 1ª e a 3ª
b) A 2ª e a 4ª
c) A 3ª e a 5ª
d) A 4ª e a 5ª
e) A 1ª e a 2ª
20. (FUVEST) Dispõe-se de uma placa metálica M e de uma esferinha metálica P,
suspensa por um fio isolante, inicialmente neutra e isolada. Um feixe de luz violeta é
lançado sobre uma placa retirando partículas elementares da mesma. As figuras de (1)
a (4) ilustram o desenrolar dos fenômenos ocorridos.
Podemos afirmar que na situação (4):
a) M e P estão eletrizadas positivamente
b) M está negativa e P neutra
c) M está neutra e P positivamente eletrizada
d) M e P estão eletrizadas negativamente
e) M e P estão eletrizadas por indução
21. (CESESP) Sabe-se que a carga do elétron vale - 1,6 x 1019 C. Considere um bastão
de vidro que foi atritado e perdeu elétrons, ficando positivamente carregado com carga
de
5,0 x 10-6 C. Conclui-se que o número de elétrons retirados do bastão foi de
aproximadamente:
a) 1,6 x 1016
b) 3,1 x 1011
c) 2,5 x 1010
d) 3,1 x 1013
e) 1,6 x 1015
22. (UFMG) Um eletroscópio acha-se carregado conforme a figura:
Ligando-se a esfera E a Terra, por meio de um fio condutor, observa-se que as lâminas
L se fecham completamente por que:
a) as cargas positivas de L sobem e neutralizam a esfera E.
b) cargas positivas de E descem e neutralizam L.
c) cargas negativas de E escoam para a Terra e cargas positivas sobem para E.
d) cargas negativas da Terra se movem para o eletroscópio, neutralizando as lâminas.
e) cargas de E e de L escoam para a Terra.
23. (UBERLÂNDIA) Q e q são cargas de mesmo sinal.
A força eletrostática sobre q pode ser representada pelo vetor:
a) T, independentemente de serem positivas ou negativas.
b) R, se forem negativas.
c) T, se forem positivas e R se forem negativas.
d) S, quaisquer que sejam seus sinais.
e) U, quaisquer que sejam seus sinais.
24. (CESGRANRIO) Duas pequenas esferas condutoras, a e b, têm cargas de sinais
contrários, sendo que a carga de a é três vezes maior que a carga de b. Qual das
seguintes configurações representa as forças eletrostáticas entre a e b?
25. (FUVEST-SP) Um corpo A, eletrizado, fica sujeito a uma força F1, quando próximo
a uma carga 2Q (ver figura I), e sujeito a uma força F2 quando próximo a duas cargas
2Q e Q (ver figura II):
O valor da razão entre os módulos destas duas forças F2/F1 é:
a) 0
b) 1/2
c) 1
d) 2
26. (UEL-PR) Duas esferas idênticas com cargas elétricas +5,0.10-6 C e -1,0.10-6 C, a
uma distância D uma da outra, se atraem mutuamente. Por meio de uma pinça
isolante foram colocadas em contato e, a seguir, afastadas a uma nova distância d, tal
que a força de repulsão entre elas tenha o mesmo módulo da força de atração inicial.
Para essa situação, a relação D/d vale:
27. (Fuvest-SP) Três objetos com cargas elétricas idênticas estão alinhados como
mostra a figura. O objeto C exerce sobre B uma força igual a 3,0.10-6 N. A força
elétrica resultante dos efeitos de A e C sobre B é:
a) 2,0.10-6 N.
b) 6,0.10-6 N.
c) 12.10-6 N.
d) 24.10-6 N.
e) 30.10-6 N.
28. (Univali-SC) Três cargas elétricas pontuais de valores +Q, -2Q e +4Q estão em
equilíbrio e dispostas conforme a figura. As cargas extremas estão fixas e sua
separação é 6 cm.
Na condição de equilíbrio, a distância entre -2Q e +Q, em centímetros, é:
a)
b)
.
.
c) 2.
d) 3.
e) 4.
29. (UFRGS-RS) Duas partículas, cada uma com carga elétrica positiva q, estão
colocadas nas posições A e B, conforme
indica a figura.
Outra partícula, com carga elétrica
negativa -q, ocupa a posição C. A força
elétrica exercida sobre a carga em B, devido às cargas em A e C, tem módulo 2 F
Se a carga que está em A for colocada na posição P, a força elétrica exercida sobre a
carga em B terá módulo:
a) 1 F.
b) 2 F.
c) 3 F.
d) 4 F.
e) 5 F.
30. (Mackenzie-SP) Duas cargas elétricas positivas e iguais,
cada uma de valor Q, são fixadas nos vértices opostos de um
quadrado.
Nos outros dois vértices colocam-se duas outras cargas iguais
q, conforme mostra a figura. Para que as cargas q fiquem em
equilíbrio sob a ação de forças elétricas somente, deve-se ter:
a) q = -2 Q.
b) q =
Q.
c) q = 2 Q.
d) q = - Q.
e) q = 2Q.
31. (UFU-MG) A figura abaixo representa uma carga Q e um ponto P do seu campo
elétrico, onde é colocada uma carga de prova q.
Analise as afirmativas abaixo, observando se elas representam corretamente o sentido
do vetor campo elétrico em P e da força que atua sobre q.
São corretas:
a) Todas as afirmações.
b) Apenas I, II e III.
c) Apenas II, III e IV.
d) Apenas III e IV.
e) Apenas II e III.
32. (UFRGS-RS) O módulo do vetor campo elétrico produzido por uma carga elétrica
puntiforme em um ponto P é igual a E. Dobrando-se a distância entre a carga e o
ponto P, por meio do afastamento da carga, o módulo do vetor campo elétrico neste
ponto muda para:
a) E/4.
b) E/2.
c) 2E.
d) 4E.
e) 8E.
33. (PUC-MG) A figura representa duas cargas elétricas fixas, positivas, sendo q1 >
q2.
Os vetores campo elétrico, devidos às duas cargas, no ponto médio M da distância
entre elas, estão mais bem representados em:
34. (Unitau-SP) No ponto P, o vetor campo elétrico é melhor representado por:
35. (UMC-SP) Na figura, Q1 é uma carga positiva e Q2 é uma carga desconhecida. No
ponto P o campo elétrico total devido às duas cargas tem a direção e o sentido
indicados. Podemos afirmar que:
a) Q2 é positiva e seu módulo é menor que Q1/4.
b) Q2 é negativa e seu módulo é igual a Q1/4.
c) Q2 é negativa e seu módulo é menor que Q1/4.
d) Q2 é positiva e seu módulo é maior que Q1/4.
e) Q2 é negativa e seu módulo é maior que Q1/4.
36. (PUC-RS) Duas cargas elétricas de valores +Q e +4Q estão fixas nas posições 3 e
12 sobre um eixo, como indica a figura.
O campo elétrico resultante criado por essas cargas será nulo na posição:
a) 3.
b) 4.
c) 5.
d) 6.
e) 7.
37. (Cesgranrio-RJ) Duas cargas pontuais distam d uma
da outra. Consideram-se os dois pontos M e N (ver
figura). Tais que OM = ON. Qual das seguintes figuras
representa corretamente o vetor campo elétrico em M e
N?
a)
b)
c)
e)
d)
38. (Fuvest) Duas pequenas esferas, com cargas elétricas iguais ligadas por uma
barra isolante, são inicialmente colocadas como descrito na situação I. Em seguida,
aproxima-se uma das esferas de P, reduzindo-se à metade sua distância até esse
ponto, ao mesmo tempo em que se duplica a distância entre a outra esfera e P, como
na situação II. O campo elétrico em P, no plano que contém o centro das duas esferas,
possui, nas duas situações indicadas:
a) mesma direção e intensidade.
b) direções diferentes e mesma intensidade.
c) mesma direção e maior intensidade em I.
d) direções diferentes e maior intensidade em I.
e) direções diferentes e maior intensidade em II.
39. (Mackenzie-SP) No vácuo colocam-se as cargas QA = 48.10-6 C e QB = 16.10-6 C,
respectivamente nos pontos A e B representados na figura. O campo elétrico no ponto
C tem módulo igual a:
a) 60.105 N/C.
b) 55.105 N/C.
c) 50.105 N/C.
d) 45.105 N/C.
e) 40.105 N/C.
40. No campo elétrico de uma carga elétrica puntiforme Q, os vetores campo nos
pontos A e B têm intensidades iguais a 4,0.105 N/C. A intensidade do vetor campo
elétrico no ponto C vale:
a) 4,0.105
N/C.
5
b) 3,0.10 N/C.
c) 2,0.105 N/C.
d) 4,0/ .105 N/C.
e) 8,0.105 N/C.
41. (Unirio-RJ) Quando duas partículas eletrizadas com cargas simétricas são fixadas
em dois pontos de uma mesma região do espaço, verifica-se, nessa região, um campo
elétrico resultante que pode ser representado por linhas de força. Sobre essas linhas
de força é correto afirmar que se originam na carga:
a) positiva e podem cruzar-se entre si.
b) positiva e não se podem cruzar entre si.
c) positiva e são paralelas entre si.
d) negativa e podem cruzar-se entre si.
e) negativa e não se podem cruzar entre si.
42. (Acafe-SC) A figura representa, na convenção usual, a configuração de linhas de
força associadas a duas cargas puntiformes Q1 e Q2. Podemos afirmar que:
a) Q1 e Q2 são cargas negativas.
b) Q1 é positiva e Q2 é negativa.
c) Q1 e Q2 são cargas positivas.
d) Q1 é negativa e Q2 é positiva.
e) Q1 e Q2 são neutras.
43. (Mackenzie-SP) Existe um campo elétrico uniforme no espaço compreendido entre
duas placas metálicas eletrizadas com cargas opostas. Um elétron (massa m, carga e) parte do repouso, da placa negativa, e incide, após um tempo t, sobre a superfície
da placa oposta, que está a uma distância d. Desprezando as ações gravitacionais, o
módulo do campo elétrico ⃗ entre as placas é:
a) md/et2.
b) 2md/et2.
c) md/2et2.
d) d/2met2.
e) 4md/et2.
44. (Fatec-SP) Uma partícula de massa 1,0.10-5 kg e carga elétrica 2,0 µC fica em
equilíbrio quando colocada em certa região de um campo elétrico uniforme. Adotandose g = 10 m/s2, o campo elétrico naquela região tem intensidade, em N/C, de:
a) 500.
b) 0,050.
c) 20.
d) 50.
e) 200.
45. (Unaerp-SP) Durante uma aula no laboratório de eletricidade, foi realizado um
experimento em que uma partícula de 0,4 g de massa permaneceu em repouso
quando colocada num campo elétrico ⃗ direcionado para baixo. Calcule a carga
elétrica q da partícula e assinale a opção correta. Considere g = 10 m/s2 e |⃗ | = 800
N/C.
a) q = -10 µC.
b) q = 10 µC.
c) q = -5 µC.
d) q = 5 µC.
e) q = 8 µC.
46. . (PUC-RIO) Considere as figuras abaixo onde E é o vetor campo elétrico em P,
gerado pela carga Q e F é a força elétrica na carga de prova q, colocada em P.
Pode-se dizer que:
I. Na fig. (a) Q > 0 e q > 0
II. Na fig. (b) Q < 0 e q > 0
III. Na fig. (c) Q < 0 e q < 0
IV. Na fig. (d) Q > 0 e q < 0
Use para responder, o código abaixo:
a) se todas forem verdadeiras.
b) se apenas I, II e IV sofrem verdadeiras.
c) se apenas I e III forem verdadeiras.
d) se apenas II for verdadeira.
e) se nenhuma for verdadeira.
47. (PUC-MG) A figura mostra duas cargas de mesmo módulo e sinais opostos,
colocadas a uma distância 2a, formando o que chamamos de dipolo elétrico.
O vetor que representa corretamente o campo resultante E, produzido por essas cargas
num ponto P, a uma distância d, é:
a) E1
b) E2
c) E3
d) E4
e) E5
48. (PUC-MG) A figura mostra as linhas de força de um campo elétrico gerado por uma
carga de um determinado corpo, q é uma carga de prova positiva:
Em relação ao sentido da força elétrica que atua na carga q, à intensidade E do campo
elétrico nos pontos A e B e ao sinal da carga do corpo que gerou o campo elétrico, é
correto afirmar:
a) É o mesmo sentido das linhas de força; EA > EB; a carga do corpo é positiva.
b) É o sentido oposto ao das linhas de força; EA < EB; a carga do corpo é negativa.
c) É o mesmo sentido das linhas de força; EA > EB; a carga do corpo é negativa.
d) É o sentido oposto ao das linhas de força; EA < EB; a carga do corpo é positiva.
e) É o sentido oposto ao das linhas de força; EA > EB; a carga do corpo é positiva.
49. (UFMG) Na figura, um elétron desloca-se na direção x, com velocidade inicial Vo.
Entre os pontos X1 e x2, existe um campo elétrico uniforme, cujas linhas de força também
estão representadas na figura.
Despreze o peso do elétron nessa situação.
Considerando a situação descrita, assinale a alternativa cujo gráfico melhor descreve o
módulo da velocidade do elétron em função de sua posição x.
50. (PUC-SP) A presença do corpo eletrizado A perturba a experiência que um
estudante realiza com um aparelho elétrico B:
Para anular esse efeito, mantendo A
carregado, o estudante pode:
a) Envolver A com uma esfera metálica sem ligá-la ao solo.
b) Envolver A com uma esfera isolante sem ligá-la ao solo.
c) Envolver A com uma esfera isolante, ligando-a ao solo.
d) Envolver A com uma esfera metálica, ligando-a ao solo.
e) Colocar entre A e B uma placa metálica.
51. (UFRN) Uma das aplicações tecnológicas modernas da eletrostática foi a invenção
da
impressora a jato de tinta. Esse tipo de impressora utiliza pequenas gotas de tinta, que
podem ser eletricamente neutras ou eletrizadas positiva ou negativamente. Essas gotas
são jogadas entre as placas defletoras da impressora, região onde existe um campo
elétrico uniforme E, atingindo, então, o papel para formar as letras. A figura a seguir
mostra três gotas de tinta, que são lançadas para baixo, a partir do emissor.
Após atravessar a região entre as placas, essas gotas vão impregnar o papel. (O campo
elétrico uniforme está representado por apenas uma linha de força.)
Pelos desvios sofridos, pode-se dizer que a gota 1, a 2 e a 3 estão, respectivamente,
a) Carregada negativamente, neutra e carregada positivamente.
b) Neutra, carregada positivamente e carregada negativamente.
c) Carregada positivamente, neutra e carregada negativamente.
d) Carregada positivamente, carregada negativamente e neutra.
52. (UFR-RJ) Duas pequenas esferas puntiformes, eletrizadas com cargas 4Q e –Q
estão fixas nos pontos a e b conforme mostra a figura abaixo.
O campo elétrico resultante será nulo no ponto:
a) I.
d) IV.
b) II.
e) V.
c) III.
53. (U.F.Juiz de Fora) Uma gotícula de óleo, de massa m = 9,6 x 10-15 kg e carregada
com carga elétrica q = -3,2 x 10-19 C, cai verticalmente no vácuo. Num certo instante,
liga-se nesta região um campo elétrico uniforme, vertical e apontando para baixo. O
módulo deste campo elétrico é ajustado até que a gotícula passe a cair com movimento
retilíneo e uniforme. Nesta situação, qual o valor do módulo do campo elétrico?
a) 3,0 X 105 N/C.
c) 5,0 X 103 N/C.
b) 2,0 X 107N/C
d) 8,0. 10-3 N/C.
54.(Mackenzie-SP) Um corpúsculo eletrizado com carga elétrica Q, fixo em um ponto
do
vácuo, cria a 50 cm dele um campo elétrico tal que, quando colocamos uma carga de
prova
de 2µC nesse ponto, ele fica sujeita a uma força elétrica de repulsão de intensidade
576 · 10–3 N. O valor de Q é:
Dado: k0 = 9 · 109 Nm/C2
a) 4µC
b) 6µC
c) 8µC
d) 10µC
e) 12µC
55.(UFPE) As figuras abaixo mostram gráficos de várias funções versus a distância r,
medida a partir do centro de uma esfera metálica carregada, de raio a0. Qual gráfico
melhor representa o módulo do campo elétrico, E, produzido pela esfera?
56. (MACK-SP) A diferença de potencial entre dois pontos A e B é 1 x 106V. Pode-se
afirmar que o trabalho da força do campo elétrico para levar uma carga puntiforme q =
2 μC, de A para B, é:
a) -2 J
b) 2 J
c) 1 J
d) depende da trajetória da carga q ao deslocar-se de A para B.
57. (LONDRINA) A diferença de potencial entre dois pontos A e B, é de 50 V. O trabalho
necessário para transportar uma carga de 2 C de A para B é de;
a) 25 J
b) 50 J
c) 100 J
d) nulo
58. (UFCE) Uma carga negativa se move naturalmente.
a) do maior potencial para o menor potencial.
b) no mesmo sentido do vetor campo elétrico.
c) do menor potencial para o maior potencial.
d) tanto b como c são corretas.
59. (FAFI-BH) Na cidade de Belo Horizonte, as tomadas elétricas são em geral de 110
V. Isso significa que todo aparelho elétrico, ligado nessa tomada:
a) Dissipará uma potência de 110W.
b) Será percorrido por uma corrente de 5,0 ampères.
c) Receberá 110 J de energia de cada carga de 1 C que se deslocar de um terminal
para outro.
d) Transformará, por efeito Joule, a energia recebida em calor.
60. (UFRS) A diferença de potencial entre duas grandes placas paralelas separadas de
2 x 10-2 m é de 12 V. Qual a intensidade da força elétrica que atua numa partícula de
carga igual a 10-8 C que se encontra entre essas placas?
a) 2,4 x 10-11 N
b) 6 x 10-10 N
c) 2,4 x 10-9 N
d) 1,2 x 10-7 N
e) 6 x 10-6 N
61. (FATEC-SP) Dois pontos, A e B, estão localizados numa linha de força de um campo
elétrico uniforme, separados de 20 cm. Sabendo-se que a intensidade desse campo
elétrico é de 5 x 103 N/C, pode-se afirmar que a diferença de potencial entre os pontos
A e B, em módulo, é de:
a) 2,5 x 103 V
b) 5,0 x 103 V
c) 3,5 x 103 V
d) 4,0 x 103 V
e) 1,0 x 103 V
62. (PUCCAMP-SP) Considere dois pontos M e N, de um campo elétrico uniforme de
intensidade 5,0 x 103 N/C, conforme mostra o esquema abaixo:
Sabendo-se que o potencial elétrico no ponto M vale 40 V, é correto afirmar que:
a) O potencial elétrico no ponto N vale -10 V.
b) O trabalho do campo elétrico ao deslocar uma carga q = 2,0.108C, de M até N, vale 2,0.10-4 J.
c) O potencial elétrico no ponto N vale 40 V.
d) O trabalho do campo elétrico ao deslocar uma carga q = 2,0.10-6 C. de M até N, vale
2.10-4 J
e) O potencial elétrico do ponto N vale 90 V.
63. (FAFI-BH) Duas placas paralelas eletrizadas com cargas iguais e de sinais opostos
estão separadas por uma distância d. A d.d.p. entre as placas vale V. Uma carga
negativa q de massa m é abandonada próximo à placa negativa. O tempo gasto para
atingir a outra placa é:
a) (2 m d) / Vq
b) [√(2) m d] / Vd
c) [d √(2m)] / Vq
d) d √(2m / q)
64. (STA CASA-SP) Uma pequena gota de óleo com massa 1,28 x 10-14 Kg tem carga
elétrica igual a - 1,6 x 10-19 C. Ela permanece em equilíbrio quando colocada entre duas
placas planas, paralelas, horizontais e eletrizadas com quantidades de cargas opostas,
distanciadas 5 mm uma da outra. A aceleração da gravidade local é igual a 10 m/s2. A
d.d.p. entre as placas, em volts, é:
a) 1,0 x 103
b) 8,0 x 103
c) 4,0 x 103
d) 2,0 x 103
65. (PUC-RS) Uma carga de 2,0.10-7 C encontra-se isolada, no vácuo, distante 6,0 cm
de um ponto P. Qual a proposição correta?
a) O vetor campo elétrico no ponto P está voltado para a carga.
b) O vetor campo elétrico no ponto P é nulo porque não existe nenhuma carga em P.
c) O potencial elétrico no ponto P é positivo e vale 3,0 x 104 V.
d) O potencial elétrico no ponto P é negativo e vale - 5,0 x 104 V.
66. (MACK-SP) Uma carga elétrica puntiforme cria no ponto P, situado a 20 cm dela,
um campo elétrico de intensidade 900 V/m. O potencial elétrico nesse ponto P é:
a) 100 V
b) 180 V
c) 200 V
d) 270 V
e) 360 V
12. (UFCE) A distribuição de cargas puntiformes em que o campo elétrico e o potencial
elétrico são ambos nulos na origem é:
67. (PUC-MG) Duas cargas elétricas, de sinais diferentes e mesmo módulo, estão fixas
conforme mostra a figura. No ponto P indicado, o potencial resultante vale:
c) (Ko q) / a.[2 - √(2)]
d) (Ko q) / a.[√(2) -1 / 2]
a) (Ko q) / a.√(2) / 2
e) (Ko q) / a.√(2)
b) (Ko q) / a.[1 - √(2) / 2]
68 (CESGRANRIO) Duas cargas puntiformes, I e II, estão fixas nas posições indicadas
na figura:
O ponto M é o ponto médio do segmento que une as duas cargas. Observa-se
experimentalmente que, em M, o campo elétrico É tem a direção e o sentido
mostrados na figura e que o potencial elétrico é nulo (o potencial é também nulo no
infinito). Esses dados permitem afirmar que as cargas I e II têm valores respectivos.
I
II
a) -q
q
b) -q/2
q
c)
-q/2
q
d) -q
e) q
-q
q
69. (UFF) Duas placas metálicas, planas e paralelas são conectadas aos bornes de uma
bateria. Sejam 1 e 2 pontos do espaço entre as placas, conforme mostra a figura:
Sobre os potenciais V1 e V2, e as intensidades, E1 e E2 do campo elétrico nos pontos 1
e 2, respectivamente, pode-se afirmar que:
a) V1 < V2 e E1 < E2
b) V1 < V2 e E1 > E2
c) V1 = V2 e E1 = E2
d) V1 > V2 e E1 = E2
e) V1 > V2 e E1 > E2
70. (PUC-MG) A figura abaixo mostra as linhas de força de um campo elétrico uniforme,
duas superfícies equipotenciais desse campo e quatro pontos, A, B, C e D, dessa região.
Considere o trabalho (W) realizado para levar uma partícula, carregada positivamente,
do ponto A até o ponto B, percorrendo as trajetórias:
1—ADB; 2—AB; 3—ACB. A relação entre os trabalhos realizados ao longo desses
percursos está indicada corretamente em:
a) W 2 = 0, W 1 = W 3
b) W 1 = W 3 = W 2 / 5
c) W 1 = W 2 / 7 = W 3 / 3
d) W 1 = W 2 = W 3
e) W 1 / 7 = W 2 = W 3 / 5
71. (PUCCAMP-SP) Considere dois pontos M e N de um campo elétrico uniforme de
intensidade 5,0 x 103 N/C, conforme mostra o esquema abaixo;
Sabendo que o potencial elétrico no ponto M vale 40 V, é correto afirmar que:
a) O potencial elétrico no ponto M vale -10 V.
b) O trabalho do campo elétrico ao deslocar uma carga q = 2,0 x 10 C, de M até N, vale
-2,0 x 10-4 J.
c) O potencial elétrico no ponto N vale 40 V.
d) O trabalho do campo elétrico ao deslocar uma carga q = 2,0 x 10 C, de M até N, vale
2,0 x 10 J.
e) O potencial elétrico do ponto N vale 90V.
72. (VIÇOSA-MG) A figura representa uma região onde existe um campo elétrico
uniforme, de intensidade E,= 5,0 N/C, e duas superfícies equipotenciais de 50 V e 40 V:
À distância entre as superfícies é em m:
a) 2,0
b) 4,0
c) 5,0
d) 3,0
e) 1,0
73. (MACK-SP) Quando um condutor está em equilíbrio eletrostático, podemos afirmar
que:
a) a soma das cargas do condutor é igual a zero.
b) as cargas se distribuem uniformemente no seu volume.
c) as cargas se distribuem uniformemente em sua superfície.
d) o campo elétrico no interior do condutor é nulo.
e) o potencial elétrico no interior do condutor é nulo.
74. (PUC-SP) Um condutor carregado, afastado de outros condutores, é dotado de uma
ponta. Num ponto P da ponta, em relação aos demais pontos do condutor:
a) O potencial é maior.
b) O potencial é menor.
c) A densidade de distribuição da carga é maior.
d) A densidade de distribuição de carga é menor.
75. (STA CASA-SP) Uma esfera de raio igual a 1 m no vácuo é carregada com Q = -5
C de carga. Seu potencial, em volts, é igual a:
a) 9
b) 9 x 102
c) 9 x 104
d) 9 x 106
e) 9 x 108
76. (PUC-SP) Um condutor esférico e isolado, de raio a, é eletrizado positivamente de
modo que a sua superfície seja mantida a um potencial V. O gráfico que melhor
representa a variação do potencial V, em função da distância r ao centro do condutor
esférico, é:
77. (UFOP-MG) Tem-se 3 esferas metálicas iguais e isoladas entre si. As esferas A e B
estão eletricamente neutras e a esfera C possui carga elétrica Q. Coloca-se a esfera C
em contato com A e depois de certo tempo elas são separadas e isoladas. A seguir,
coloca-se a esfera A em contato com B e depois de certo tempo elas são separadas e
isoladas. Denominando de VA, VB e VC os potenciais elétricos e de QA, QB e QC as cargas
elétricas dos vetores A, B e C após o procedimento descrito, respectivamente, assinale
a alternativa correta:
a) VA = VB = VC ;
Q A = QB = QC . Q / 4
b) VA = VB = VC ;
Q A = QB = Qc = Q / 3
c) VC > VA ; VA > VB ; QC = 2QA = 2QB = q /2
d) VC > VB ; VA = VB ; QC = Q / 2 ; QA = QB = Q /2
78. (PUC-MG) A figura dessa questão mostra três cargas elétricas, idênticas, fixas nos
vértices de um triângulo isósceles de lado a e 2a, imerso no ar. A energia potencial
elétrica que a carga do vértice superior adquire pode ser calculada pela reação:
a) EP = Ko / a. q2
b) EP = Ko / a2. q
c) EP = Ko / 2a2. q
d) EP = Ko / 2a. q2
e) EP = Ko / a. √(q)
79. (STA. CASA-SP) Um elétron no vácuo, é acelerado, a partir do repouso, sob a
diferença de potencial de 1,0.104 volts. A carga de elétron é igual a 1,6.1019 Coulomb. A
energia máxima transferida ao elétron por essa d.d.p. é um valor mais próximo de:
I. 1,6. 1015 elétron-volts.
II. 1,6. 10-15 Joules. .
III. 1,0.104 elétron-volts.
Responda:
a) Se somente I é correta.
b) Se somente II é correta.
c) Se somente III é correta.
d) Se I e II são corretas.
e) Se II e III são corretas.
80. (NEWTON PAIVA) Na experiência a seguir, considere duas esferas condutoras e
isoladas de raios R1 e R2, onde R1 > R2. A esfera 1 possui uma carga Q e a esfera 2
está descarregada. Ligam-se, então, as duas esferas através de um fio condutor. Após,
atingido o equilíbrio, pode-se afirmar que:
a) Esfera maior fica com a menor carga.
b) As duas esferas ficam com o mesmo campo elétrico nas superfícies.
c) A esfera menor fica com a menor densidade na superfície de carga.
d) As duas esferas ficam com o mesmo potencial elétrico.
e) O campo elétrico no interior das duas esferas é o mesmo das suas superfícies.
81. (FMTM-MG) Duas cargas elétricas pontuais q e -2q estão fixas como mostra a
figura:
Em P, o potencial V e o módulo E do campo elétrico serão:
a) V = 0 e E = 1,5 vezes o campo elétrico gerado pela carga q.
b) V = 0 e E igual à metade do campo elétrico gerado pela carga q.
c) V 0 e E 0.
d) V = 0 e E = 0.
e) V 0 e E = 0.
82. (U. Caxias do Sul-RS) As cargas elétricas Q1 = -2µC e Q2= +4 µC estão fixas nos
pontos A e B, respectivamente. O ponto C é o ponto médio do segmento de reta AB. A
constante eletrostática k0 é igual a 9.109Nm2/C2. O potencial elétrico resultante no
ponto C:
a) é negativo.
b) é positivo.
c) é nulo.
d) vale 2µV.
e) vale 6µV.
83. (UNIC-MT) Duas cargas puntiformes de valores +Q e -3Q estão separadas
conforme a figura:
O ponto A tem potencial nulo. A distância entre a carga Q e o ponto A é:
a) 104 cm.
b) 26 cm.
c) 50 cm.
d) 60 cm.
e) 90 cm.
84. (Univali-SC) Uma carga elétrica Q está fixa no vácuo, cuja constante eletrostática é
k. O trabalho realizado pelo campo elétrico dessa carga, no deslocamento de uma
carga q desde o ponto A até B (eqüidistantes de Q), é:
a)
.
b) zero.
c)
d)
.
.
e)
.
85. (ECMAL) Duas cargas puntiformes, q1 = 4µC e q2 = -5µC, encontram-se separadas
pela distância de 15 cm. Considere o ponto A na metade dessa distância, o ponto B a
12 cm de q1 e 9 cm de q2 e K0 = 9.109Nm2/C2.
O trabalho necessário para levar uma carga de 2µC do ponto A ao ponto B é:
(01) 0,16J.
(02) 0,32J.
(03) 0,58J.
(04) 0,64J.
(05) 0,75J.
862. (UEM-PR) Duas cargas puntiformes +q e -q, com q > 0, são mantidas, em
equilíbrio, nos vértices do retângulo de lados a = 3 m e b = 4 m, conforme a figura.
Considere a constante de coulomb igual a K e o potencial V = 0, no infinito. Nessas
condições, assinale o que for correto.
(01) O potencial no ponto B é maior que o potencial no ponto A, ou seja, VB > VA.
(02) No cruzamento das diagonais do retângulo, o potencial é nulo. Porém, o campo
elétrico é diferente de zero.
(04) VA - VB = (1/6(Kq)) volts.
(08) O trabalho necessário para deslocar uma terceira carga q', em equilíbrio, de A até
B, é igual à energia potencial do sistema formado pelas três cargas.
(16) O campo elétrico resultante, no ponto A, é igual ao campo elétrico resultante no
ponto B.
(32) (VA - VB) ≠ (VB - VA).
Dê como resposta a soma dos números que precedem as afirmativas corretas.
87. (Cesgranrio) Nas figuras, três cargas positivas e pontuais q são localizadas sobre
a circunferência de um círculo de raio R de três maneiras diferentes. As afirmações
seguintes se referem ao potencial eletrostático em O, centro da circunferência (o zero
dos potenciais está no infinito):
I. O potencial em O nas figuras 1 e 3 é dirigido para baixo.
II. O potencial em O tem o mesmo valor (não-nulo) nos três casos.
III. O potencial em O na figura 2 é nulo.
Está(ão) certa(s) a(s) afirmação(ões):
a) I e II somente.
b) II somente.
c) III somente.
d) I somente.
e) I e III somente.
88. (UECE) No vácuo, 12 prótons de carga q estão igualmente espaçados e fixos ao
longo de uma circunferência de raio R e centro C. Considerando V = 0, o valor do
potencial elétrico no infinito e k a constante eletrostática, o potencial, em volts, e o
campo elétrico em V/m gerados pelos prótons no ponto C são, respectivamente:
a) 12 Kq/R² e 12 Kq/R , .
b) 0 e 12 Kq/R .
c) 12 Kq/R e 12 Kq/R² .
d) 12 Kq/R e 0.
89. (UFSM-RS) São feitas as seguintes afirmações a respeito de linhas de campo e
superfícies equipotenciais:
I. O sentido de uma linha de campo elétrico indica o sentido de diminuição do potencial
elétrico.
II. As linhas de campo são perpendiculares às superfícies equipotenciais.
III. Uma carga de prova em movimento espontâneo num campo elétrico uniforme
aumenta a sua energia potencial.
Está(ao) correta(s):
a) Apenas I.
b) Apenas II.
c) Apenas III
d) Apenas I e II.
e) Apenas II e III.
90. (PUC-MG) A figura abaixo mostra várias curvas que representam a interseção de
várias superfícies com o plano em que está situado um dipolo elétrico. Escolha a
opção correspondente à letra que representa a interseção de uma superfície
equipotencial com o plano mencionado.
a) A (circunferência envolvendo as duas cargas).
b) B (linha pelo ponto médio da separação das cargas).
c) C (linha curva envolvendo as duas cargas).
d) D (circunferência envolvendo o ponto médio da separação das cargas).
e) E (circunferência envolvendo a carga positiva).
91. (UEGO) Linhas de força são linhas tangentes ao vetor campo elétrico em cada um
de seus pontos, sendo essas linhas de força orientadas no sentido do vetor campo e
perpendiculares às superfícies equipotenciais. Das figuras a seguir, qual(is) pode(m)
representar as linhas de força de um campo elétrico produzido por cargas elétricas
estacionárias?
a) Apenas a figura I.
b) As figuras I e IV.
c) As figuras I, II e IV.
d) As figuras I, III e IV.
e) Todas as figuras.
92. (UFC-CE) Considere o campo elétrico uniforme, E, representado pelo conjunto de
linhas de força na figura abaixo. Sobre o potencial elétrico nos pontos A, B e C,
marcados com o sinal (+), é correto afirmar que:
a) o potencial elétrico é o mesmo em todos os pontos.
b) o potencial elétrico do ponto A é igual ao do ponto B.
c) o potencial elétrico do ponto A é igual ao do ponto C.
d) o potencial elétrico do ponto B é maior que o do ponto C.
e) o potencial elétrico do ponto A é menor que o do ponto B.
93. (UEPB) Duas placas metálicas paralelas, A e B, são ligadas a uma bateria,
estabelecendo entre elas uma tensão UAB = 360 V, como mostra a figura.
Suponha que a distância entre as placas é de d = 4,0 cm, e que um elétron de carga
qe = 1,6.10-19C é liberado, a partir do repouso, nas proximidades da placa negativa. A
partir das informações dadas, pode-se afirmar que a intensidade do campo entre as
placas e a intensidade da força elétrica que atua no elétron valem, respectivamente:
a) 8.103N/C e 15,6.10-20N.
b) 7.104N/C e 13,4.10-16N.
c) 9.103N/C e 14,4.10-16N.
d) 11.102N/C e 12,4.10-18N.
e) 6.104N/C e 16,4.10-17N.
94. (Uesb-BA) Uma carga elétrica q > 0, abandonada em repouso na região de um
campo elétrico uniforme
, irá se movimentar:
(01) em sentido contrário à orientação de ⃗ .
(02) em trajetória retilínea, mantendo velocidade constante.
(03) sujeita a uma força elétrica de módulo igual a


.
(04) aumentando a sua energia potencial elétrica.
(05) mantendo constante a sua energia mecânica.
41. (UEM-PR) Uma pequena esfera, negativamente carregada e com massa igual a
100 g, encontra-se em equilíbrio entre duas placas paralelas, horizontalmente
dispostas, como mostra a figura. Considerando que a distância entre as placas é de 10
cm, que a diferença de potencial entre elas é de 10V e que a aceleração da gravidade
é g = 10 m/s2, assinale o que for correto.
(01) A intensidade do campo elétrico entre as placas é igual a 1 V/m
(02) A esfera eletrizada possui carga igual a 1.10-2C.
(04) Ao dobrar-se a diferença de potencial entre as placas, para que a esfera
permaneça em equilíbrio, deve-se dobrar o valor da sua carga.
(08) Aumentando em 1% o valor da carga sobre a esfera, nas condições iniciais do
enunciado, o tempo que esta levará para atingir a placa superior será de 1 s.
(16) Com o aumento em 1% do valor da carga, a velocidade da esfera, ao atingir a
placa superior, será de 0,1 m/s.
(32) Ao inverter-se a polaridade das placas, a esfera eletrizada sofrerá uma
aceleração constante.
Dê como resposta a soma dos números que precedem as afirmativas corretas.
95. (Unitau-SP) 5,0 μC de carga atravessam a seção reta de um fio metálico, num
intervalo de tempo igual a 2,0 milissegundos. A corrente elétrica que atravessa a
seção é de:
a) 1,0 mA.
b) 1,5 mA.
c) 2,0 mA.
d) 2,5 mA.
e) 3,0 mA.
96. (UEL-PR) Sabe-se que a carga do elétron tem módulo 1,6.10-19C. A ordem de
grandeza do número de elétrons que passam por segundo pela seção transversal
constante de um condutor que transporta corrente de 0,15A é:
a) 1020.
b) 1019.
c) 1018.
d) 1017.
e) 1016.
97. (Unifesp) Num livro de eletricidade você encontra três informações: a primeira
afirma que isolantes são corpos que não permitem a passagem da corrente elétrica; a
segunda afirma que o ar é isolante e a terceira afirma que, em média, um raio se
constitui de uma descarga elétrica correspondente a uma corrente de 10000 ampères
que atravessa o ar e desloca, da nuvem à Terra, cerca de 20 coulombs. Pode-se
concluir que essas três informações são:
a) coerentes, e que o intervalo de tempo médio de uma descarga elétrica é de 0,002 s.
b) coerentes, e que o intervalo de tempo médio de uma descarga elétrica é de 2,0 s.
c) conflitantes, e que o intervalo de tempo médio de uma descarga elétrica é de 0,002
s.
d) conflitantes, e que o intervalo de tempo médio de uma descarga elétrica é de 2,0 s.
e) conflitantes, e que não é possível avaliar o intervalo de tempo médio de uma
descarga elétrica.
98. (UEM-PR) Uma barra constituída de material isolante tem, em cada extremidade,
uma carga de 1C. Se a barra girar em torno de seu ponto médio com velocidade
angular ω = 8π, podemos afirmar que:
(01) a barra completará quinze voltas em cada segundo.
(02) a corrente elétrica proporcionada pelo movimento da barra será de 8A.
(04) o período das oscilações da barra será de 0,13 segundo.
(08) a barra não executará um M.H.S.
(16) a corrente elétrica terá dimensão de segundo por coulomb.
Dê como resposta a soma dos números que precedem as afirmativas corretas.
99. (PUC-MG) Para saber a energia consumida por um aparelho eletrodoméstico em
quilowatt-hora (kWh), basta:
a) dividir por mil sua potência, dada em watts, e multiplicar o resultado pelo tempo de
funcionamento do aparelho, dado em horas.
b) multiplicar sua potência, dada em watts, pelo tempo de funcionamento do aparelho,
dado em horas.
c) dividir por mil sua potência, dada em watts, e multiplicar o resultado pelo tempo de
funcionamento do aparelho, dado em minutos.
d) dividir sua potência, dada em quilowatts, pelo tempo de funcionamento do aparelho,
dado em horas.
100. Uma lâmpada é submetida a uma ddp de 110V, consumindo a potência elétrica
de 60W. A corrente elétrica que atravessa a lâmpada tem intensidade,
aproximadamente, de:
a) 0,55A.
b) 3,5A.
c) 8,9A.
d) 1,8A.
e) 50A.
101. (F. M. Pouso Alegre) Numa conta da Cemig estava indicado um consumo de
energia elétrica de 300 kWh durante um mês. Esse valor de energia, escrito em
unidades do Sistema Internacional, é de cerca de:
a) 11.108J.
b) 33.103J.
c) 36.105J.
d) 26.1010J.
e) 15.1012J.
102. (UFPE) Um chuveiro elétrico funciona a uma potência de 3600W. Qual o
consumo mensal de energia em kWh, se ele é usado durante 15 minutos diariamente?
Considere o mês com 30 dias.
a) 27.
b) 25.
c) 23.
d) 21.
e) 19.
103. (FURG-RS) O custo da energia elétrica para um consumidor residencial vale R$
0,25 por kWh. Quanto custa por mês (30 dias) manter acesas durante cinco horas,
todos os dias, quatro lâmpadas de 100W?
a) R$ 72,00.
b) R$ 30,00.
c) R$ 18,00.
d) R$ 15,00.
e) R$ 3,75.
104. (UCSal-BA) Em uma residência, durante 30 minutos, ficaram ligadas cinco
lâmpadas de 100 watts, um ferro elétrico de 1500 watts e um chuveiro elétrico de 3000
watts. A energia elétrica consumida, durante os 30 minutos é, em kWh, igual a:
a) 0,50.
b) 1,0.
c) 2,0.
d) 2,5.
e) 5,0.
105. Um chuveiro elétrico, ligado em média uma hora por dia, gastaria R$ 18,00 de
energia elétrica por mês, se a tarifa cobrada fosse R$ 0,20 por quilowatt-hora. Então, a
potência desse aparelho elétrico é:
a) 90W.
b) 360W.
c) 2700W.
d) 3000W.
e) 10800W.
106. (Mackenzie-SP) Um chuveiro que está ligado à rede elétrica, segundo as
especificações do fabricante, consome 2,2 kWh de energia durante um banho que
dura 20 minutos. A ddp entre os terminais do resistor do chuveiro é 220V e a
intensidade de corrente elétrica que passa por ele é:
a) 50A.
b) 30A.
c) 25A.
d) 20A.
e) 10A.
107. (Enem) Lâmpadas incandescentes são normalmente projetadas para trabalhar
com a tensão da rede elétrica em que serão ligadas. Em 1997, contudo, lâmpadas
projetadas para funcionar com 127V foram retiradas do mercado e, em seu lugar,
colocaram-se lâmpadas concebidas para uma tensão de 120V. Segundo dados
recentes, essa substituição representou uma mudança significativa no consumo de
energia elétrica para cerca de 80 milhões de brasileiros que residem nas regiões em
que a tensão da rede é de 127V.
A tabela a seguir apresenta algumas características de duas lâmpadas de 60W,
projetadas respectivamente para 127V (antiga) e 120V (nova), quando ambas
encontram-se ligadas numa rede de 127V.
Lâmpada
Tensão da rede
(projeto original)
elétrica
Potência
medida
(watt)
Luminosidade
medida
(lúmens)
Vida útil média
(horas)
60W - 127V
127V
60
750
1000
60W - 120V
127V
65
920
452
Acender uma lâmpada de 60W e 120V em um local onde a tensão na tomada é de
127V,
comparativamente a uma lâmpada de 60W e 127V no mesmo local, tem como
resultado:
a) mesma potência, maior intensidade de luz e maior durabilidade.
b) mesma potência, maior intensidade de luz e menor durabilidade.
c) maior potência, maior intensidade de luz e maior durabilidade.
d) maior potência, maior intensidade de luz e menor durabilidade.
e) menor potência, menor intensidade de luz e menor durabilidade.
108. (FCM-MG) Na campanha de racionamento de energia elétrica, uma pessoa
observou que cada volta do disco do "relógio de luz" corresponde a 1,0 Wh. Verificou
também que, com apenas um aparelho eletrodoméstico ligado, o disco dá uma volta
em 30 s.
Se a pessoa usa o aparelho 4 horas por dia, o consumo mensal desse aparelho será
de:
a) 0,48 kWh.
b) 1,2 kWh.
c) 3,6 kWh.
d) 14,4 kWh.
109. (Unifesp) O consumo de uma casa deve ser reduzido de 90 kWh por mês para
atingir a meta de racionamento estabelecida pela concessionária de energia elétrica.
Entre os cortes que os moradores dessa casa pensam efetuar, está o desligamento do
rádio relógio, com a justificativa de que ele funciona ininterruptamente 24 horas por
dia. Sabendo que a potência de um rádio relógio é de 4 watts, em média, do total a ser
economizado, essa medida corresponde aproximadamente, a:
a) 0,9%.
b) 3%.
c) 9%.
d) 30%.
e) 90%.
110. (UFC-CE) Um pássaro pousa em um dos fios de uma linha de transmissão de
energia elétrica. O fio conduz uma corrente elétrica i = 1000A e sua resistência, por
unidade de comprimento, é de 5,0.10-5 Ω/m. A distância que separa os pés do pássaro,
ao longo do fio, é de 6,0 cm. A diferença de potencial, em milivolts (mV), entre os seus
pés é:
a) 1,0.
b) 2,0.
c) 3,0.
d) 4,0.
e) 5,0.
111. (UEM-PR) O gráfico a seguir representa o comportamento da corrente que
atravessa um resistor, em função da ddp a ele aplicada.
Nessas condições, assinale o que for correto:
(01) Este resistor não obedece à Lei de Ohm.
(02) Quando a corrente for de 0,4A, a ddp aplicada no resistor será de 25 volts.
(04) A resistência do resistor tem dimensões de volt x coulomb/segundo. .
(08) Quando a corrente for de 0,2A e percorrer este resistor por 2 segundos, então, a
potência será de 4 watts.
(16) A quantidade de energia dissipada pelo resistor, em qualquer tempo, será
constante e igual a 200 joules/segundo.
(32) Quando a corrente elétrica for de 0,2A, a resistência elétrica do resistor será de
50Ω.
112. (UFV-MG) Com base no gráfico "diferença de potencial (U) versus corrente (i)
para um resistor", afirmou-se que o resistor:
I. É ôhmico.
II. Apresenta uma resistência de 50Ω para uma corrente de 0,2A.
III. Apresenta uma resistência de 90 Ω para uma diferença de potencial de 30V.
Assinale a alternativa correta:
a) Todas as afirmativas são verdadeiras.
b) Apenas as afirmativas I e III são verdadeiras.
c) Apenas as afirmativas II e III são verdadeiras.
d) Apenas a afirmativa II é verdadeira.
e) Apenas a afirmativa I é verdadeira.
113. (U. Caxias do Sul-RS) Para seu funcionamento, um chuveiro elétrico tem
especificadas as informações: 220V-4840W. De acordo com essas informações, o
chuveiro tem seu funcionamento normal se ligado à rede elétrica de 220V.
Com base nesses dados, considere as seguintes proposições:
I. A resistência elétrica do chuveiro vale 10 ohms.
II. A corrente elétrica que circula no resistor do chuveiro vale 22 ampères.
III. A energia elétrica consumida em forma de calor, ao aquecer água durante 10
minutos, vale aproximadamente 484 kWh.
Considerando essas afirmações, é correto concluir que:
a) apenas a I está correta.
b) apenas a II está correta.
c) apenas a I e a II estão corretas.
d) apenas a I e a III estão corretas.
e) apenas a II e a III estão corretas.
114. (UFF-RJ) Um dos hábitos de higiene que proporciona uma vida saudável é o
banho diário. Na possibilidade de se utilizar um chuveiro elétrico, esse hábito pode se
tornar desagradável quando, nos dias frios, a água é pouco aquecida.
Para melhorar o aquecimento sem alterar o fluxo de água e a posição da chave
seletora, uma pessoa retira 1/6 do comprimento do resistor.
Considerando que a tensão nos terminais do chuveiro se mantém constante, é correto
afirmar que a razão entre as potências antes e após a redução do comprimento do
resistor é:
a) 6/1.
b) 6/5.
c) 1/6.
d) 1/1.
e) 5/6.
115. (Faap-SP) Dois chuveiros elétricos, um de 110V e outro de 220V, de mesma
potência, adequadamente ligados, funcionam durante o mesmo tempo. Então, é
correto afirmar que:
a) o chuveiro ligado em 110V consome mais energia.
b) ambos consomem a mesma energia.
c) a corrente é a mesma nos dois chuveiros.
d) as resistências dos chuveiros são iguais.
e) no chuveiro ligado em 220V a corrente é maior.
116. (UFJF-MG) Uma lâmpada é fabricada para dissipar a potência de 100W quando
alimentada com a ddp de 120V. Se a lâmpada for ligada numa ddp de 127V, então:
a) a potência dissipada aumentará cerca de 12%.
b) a corrente que a percorre não mudará.
c) a sua resistência elétrica diminuirá cerca de 18%.
d) a corrente que a percorre diminuirá, mantendo a potência inalterada.
117. (UFRN) Um chuveiro elétrico tem potência de 2800W, e uma lâmpada
incandescente tem potência de 40W. O tempo que a lâmpada deve ficar ligada para
consumir a mesma energia gasta pelo chuveiro em dez minutos de funcionamento é:
a) 1 hora e 10 minutos.
b) 700 horas.
c) 70 horas.
d) 11 horas e 40 minutos.
118. (Unirio-RJ) Uma jovem mudou-se da cidade do Rio de Janeiro para a capital de
Pernambuco. Ela levou consigo um chuveiro elétrico, cuja potência nominal é de
4400W, que funcionava perfeitamente quando ligado à rede elétrica do Rio de Janeiro,
cuja tensão é de 110V. Ao chegar a Recife, ela soube que a tensão da rede elétrica
local é de 220V. Para que o chuveiro elétrico continue a dissipar, por efeito Joule, a
mesma potência que era obtida no Rio de Janeiro, a sua resistência elétrica deve ser:
a) diminuída em 50%.
b) mantida inalterada.
c) duplicada.
d) triplicada.
e) quadruplicada.
119 (UEL-PR) Muitos aparelhos eletrodomésticos têm seu funcionamento baseado
simplesmente no comportamento de resistências elétricas. Exemplos destes são as
lâmpadas incandescentes, ferros de passar, chuveiros elétricos, entre outros.
Considerando o funcionamento das resistências, é correto afirmar:
a) Ao se diminuir a resistência de um chuveiro elétrico, reduz-se a potência consumida
por ele.
b) A resistência de uma lâmpada incandescente de 100W é maior que a de uma
lâmpada de 60W.
c) Em um chuveiro elétrico, para manter estável a temperatura quando se aumenta a
vazão de água, deve-se diminuir a resistência do chuveiro.
d) Quando se seleciona em um ferro de passar a posição "mais quente", o que se está
fazendo é aumentar a resistência do ferro ao maior valor possível.
e) A potência consumida independe da resistência desses aparelhos.
120. (UEL-PR) Para variar a potência dissipada por aparelhos tais como chuveiros,
aquecedores elétricos, lâmpadas incandescentes, são projetados resistores com
diferentes resistências elétricas. Em um projeto, um fio condutor de comprimento l e de
diâmetro da seção transversal D teve reduzidos à metade tanto o seu diâmetro quanto
o seu comprimento (conforme está representado na figura). O que acontecerá com a
resistência R' do novo fio, quando comparada à resistência R do fio original?
a)
c)
b)
d)
e)
121. (Mackenzie-SP) Um fio A tem resistência elétrica igual a duas vezes a resistência
elétrica de um outro fio B. Sabe-se que o fio A tem o dobro do comprimento do fio B e
sua seção transversal tem raio igual à metade do raio da seção transversal do fio B. A
relação ρA/ρB entre a resistividade do material do fio A e a resistividade do material do
fio B é:
a) 0,25.
b) 0,50.
c) 0,75.
d) 1,25.
e) 1,50.
122. (UFSM-RS) Dois fios condutores do mesmo material e do mesmo comprimento,
com seções retas de áreas A e 2A, submetidos à mesma diferença de potencial e à
mesma temperatura, dissipam, por efeito Joule, respectivamente, as potências P1 e P2,
com P1/P2 valendo:
a) 1/4.
b) 1/2.
c) 2
d) 4
e) 8
123. (Uesb-BA) Um condutor cilíndrico de comprimento L tem resistência elétrica R.
Sendo estirado até um comprimento 2L, mantendo o mesmo volume, a resistência
elétrica será igual a:
a) 4R.
b) 2R.
c) R.
d) R/2.
e) R/4.
124. (Uniube-MG) Nos resistores de carvão vêm impressas várias faixas coloridas que
determinam o seu valor. Elas obedecem ao seguinte código: a primeira faixa colorida
da esquerda representa o primeiro algarismo; a segunda faixa colorida da esquerda
representa o segundo algarismo; a terceira faixa colorida da esquerda representa a
potência de 10, pela qual deve ser multiplicado o número formado pelos dois
algarismos anteriormente identificados. Existe ainda, para muitos resistores, uma
quarta faixa que corresponde à tolerância do fabricante. Dado o código de cores para
resistores de carvão em ohms:
Cor
Algarismo
Preto
0
Marrom
1
No laboratório foi montado o circuito a seguir (cores no resistor da esquerda para a
direita: marron, preto e marron):
O gráfico que melhor ilustra o experimento com este resistor ôhmico é:
125. (Mackenzie-SP) Qual das afirmações está errada?
a) o amperímetro é um instrumento de resistência interna quase nula.
b) o voltímetro é um instrumento de resistência interna quase infinita.
c) para uma dada resistência, a corrente é inversamente proporcional à ddp aplicada.
d) em um condutor metálico, a resistência depende de sua área de seção transversal.
e) o curto-circuito pode ocasionar grande aquecimento, acarretando perigo de
incêndio.
126. (UEL-PR) O instrumento destinado a medir a intensidade de corrente elétrica é
chamado de amperímetro. Para medir a intensidade da corrente que passa por um fio
é preciso primeiro cortá-lo, para depois, então, conectar o amperímetro no circuito, de
modo que a corrente atravesse o instrumento de medida. Com esta informação,
conclui-se que é essencial que a resistência do amperímetro seja:
a) grande, quando comparada com qualquer uma das resistências presentes no
circuito.
b) aproximadamente igual à maioria das resistências presentes no circuito.
c) aproximadamente igual à maior das resistências presentes no circuito.
d) aproximadamente igual à menor das resistências presentes no circuito.
e) pequena, quando comparada com qualquer uma das resistências presentes no
circuito.
33. (Fuvest-SP) Você dispõe de um voltímetro e de um amperímetro ideais. Para
determinar experimentalmente o valor da resistência R você escolheria a montagem:
127. (UFRN) Pedro deseja determinar a diferença de potencial elétrico no resistor R1 e
a corrente elétrica no resistor R2 do circuito a seguir.
Marque a opção em que o voltímetro (V) e o amperímetro (A) estão corretamente
conectados, de modo que Pedro possa medir as grandezas desejadas.
128. Na figura estão representadas cinco lâmpadas iguais (1, 2, 3, 4 e 5). Os terminais
X e Y do circuito elétrico estão submetidos a uma diferença de potencial elétrico
constante. Qual dessas lâmpadas pode ser retirada do circuito sem alterar a
luminosidade das outras lâmpadas?
a) 1.
b) 2.
c) 3.
d) 4.
e) 5.
129. (UEL-PR) Abaixo está esquematizado um trecho de circuito em que todos os
resistores são iguais. Entre os pontos A e F existe uma diferença de potencial de
500V. Entretanto, pode-se tocar simultaneamente em dois pontos desse circuito sem
tomar um "choque". Esses pontos são:
a) B e C.
b) B e D.
c) C e D.
d) C e E.
e) D e E.
130. (Mackenzie-SP) No circuito ao lado, para que ambos os amperímetros ideais, A1
e A2, indiquem zero, é necessário que as resistências R1 e R2 valham,
respectivamente:
131. (Uniube-MG) Quando a ponte de Wheatstone (ponte de fio) está em equilíbrio (iG
= 0), conforme figura a seguir, o valor de Rx é em ohms:
a) 40
b) 60
c) 80
d) 120 e) 180
132. (PUC-RJ) Considere duas situações. Na situação A, uma lâmpada é conectada a
uma bateria, que fornece uma ddp constante, e, na situação B, duas lâmpadas iguais
são conectadas em série à mesma bateria. Comparando-se as duas situações, na
situação B, a bateria provê:
a) a mesma luminosidade.
b) maior intensidade de corrente.
c) menor intensidade de corrente.
d) maior luminosidade.
e) menor tensão.
133. (UFC-CE) Um barbeador elétrico, cujos
dados nominais são 120V e 8W, deve ser
usado em uma tomada disponível de 240V.
Para não danificar o aparelho, deve ser instalada em série com este barbeador uma
resistência cujo valor, em ohms, é:
a) 1800.
b) 1200.
c) 900.
d) 600.
134. (CEFET-PR) Num circuito elétrico de tensão 110V, protegido por um fusível de
30A, é instalado um chuveiro de 3500W de potência. Se a tensão passar a 220V e a
potência do chuveiro para 4400W, com o mesmo fusível, o circuito:
a) continuará sendo interrompido, pois a potência do chuveiro sofreu um aumento de
25,7%.
b) não mais será interrompido, pois o fusível suporta uma tensão maior.
c) a exemplo do que já acontecia quando a tensão era de 110V, continuará não sendo
interrompido.
d) não mais será interrompido, pois a corrente do circuito ficará inferior à suportada
pelo fusível.
e) continuará sendo interrompida, pois a corrente do circuito continuará sendo superior
à suportada pelo fusível.
135. (PUC-PR) Um determinado circuito elétrico de uma residência, cuja tensão
elétrica é de 120V, é constituído por cinco tomadas de corrente onde, eventualmente,
são ligados alguns tipos de aparelhos abaixo relacionados. O circuito é protegido por
um disjuntor (fusível) de 15,0A.
1. Máquina de lavar roupa - potência de 480W.
2. Aquecedor elétrico - potência de 1200W.
3. Enceradeira - potência de 360W.
4. Aspirador de pó - potência de 720W.
5. Televisão - potência de 240W.
O circuito será interrompido pelo disjuntor (fusível), ao se ligarem simultaneamente:
a) máquina de lavar roupa e aquecedor.
b) máquina de lavar roupa, enceradeira e televisão.
c) enceradeira, aspirador de pó e televisão.
d) aquecedor e aspirador de pó.
e) em nenhum dos casos apresentados o circuito será interrompido.
136. (CEFET-PR) Uma fonte ideal de tensão constante V forma um circuito com seis
resistores iguais com resistência que
vale 10Ω. Uma chave seletora permite
escolher as cinco posições marcadas
para permitir o aquecimento da água, no
menor tempo possível. A posição correta
para que tal efeito aconteça é a:
a) A.
b) B.
c) C.
d) D.
e) E.
137. (Inatel-MG) Em uma residência, na qual a voltagem é 120V, é instalado um
fusível de 22A. Se o chuveiro tiver a seguinte especificação: 2400W e 120V, qual o
número máximo de lâmpadas, com a especificação de 60W e 120V, que poderá ser
ligado na instalação residencial, simultaneamente com o chuveiro?
a) 12.
b) 10.
c) 8.
d) 6.
e) 4.
138. (UFMS) No circuito apresentado pela figura, a fonte fornece tensão constante U.
Cada resistor apresenta uma resistência R. Quando a chave C está aberta, a
intensidade da corrente elétrica e a potência dissipada no circuito são I e P,
respectivamente. Fechando-se a chave, os valores da intensidade da corrente e da
potência dissipada no circuito serão, respectivamente:
a) I/2 e P/4.
b) 2I e P/2.
c) I e P/2.
d) 2I e 2P.
e) I/2 e P/2.
139. Nos esquemas, todos os resistores são idênticos.
Pelo esquema 1, a potência é de 20 watts. Pelo esquema
2, a potência dissipada é, em watts, igual a:
a) 2,5.
b) 5,0.
c) 10.
d) 40.
e) 80.
140. (UEL-PR) Três resistores iguais, M, N e P, são associados como mostra a figura
e ligados a uma fonte de tenção constante U. Sabendo que o resistor P dissipa uma
potência de 60W, as potências dissipadas por M e N valem, respectivamente, em
watts:
a) 60 e 30.
b) 60 e 60.
c) 120 e 30.
d) 120 e 60
e) 240 e 60.
141. (Fatec-SP) Quando se submete o sistema representado
na figura, há uma diferença de potencial elétrico de 14V entre
os pontos A e B. O resistor que dissipa maior potência é o de:
a) 1
b) 2
c) 4
d) 3
e) 6
.
.
.
.
.
142. (ITA-SP) No circuito elétrico da figura, os vários elementos têm resistências R1,
R2 e R3 conforme indicado.
Sabendo que R3 = R1/2, para que a resistência equivalente entre os pontos A e B da
associação da figura seja igual a 2R2 a
razão r =
R2/R1 deve ser:
a) 3/8.
b) 8/3.
c) 5/8.
d) 8/5
e) 1.
143. (FCM-MG) Três lâmpadas idênticas L1, L2 e L3 estão ligadas num circuito
esquematizado na figura abaixo. Nos terminais M e N, aplica-se uma ddp constante.
Se a lâmpada L3 for desligada, as lâmpadas L1 e L2:
a) ficam com mais brilho.
b) ficam com menos brilho.
c) ficam com o mesmo brilho.
d) apagam-se.
144. (Unirio-RJ) É necessário ligar três lâmpadas em tensão igual a 110V com uma
fonte de 220V. Nesta situação, o circuito adequado para a melhor utilização das
lâmpadas é:
145. (ITA-SP) Duas lâmpadas incandescentes, cuja tensão nominal é de 110V, sendo
uma de 20W e a outra de 100W, são ligadas em série em uma fonte de 220V. Concluise que:
a) as duas lâmpadas acenderão com brilho normal.
b) a lâmpada de 20W apresentará um brilho acima do normal e logo queimar-se-á.
c) a lâmpada de 100W fornecerá um brilho mais intenso do que a de 20W.
d) a lâmpada de 100W apresentará um brilho acima do normal e logo queimar-se-á.
e) nenhuma das lâmpadas acenderá.
146. (ITA) Determine a intensidade da corrente que atravessa o resistor R2 da figura,
quando a tensão entre os pontos A e B for igual a V e as resistências R1, R2 e R3
forem iguais a R.
a) V/R
b) V/3R
c) 3V/R
d) 2V/3R
Download

recuperação física 3º ano - Colégio Nossa Senhora da Piedade