Setembro / Novembro 2011 - Volume I - Número 3
Pós-Graduação "Lato Sensu"
Curso de Cirurgia Dermatológica
CAMPUS RIO DE JANEIRO - RJ, HOSPITAL DA GAMBOA
INÍCIO:
OUTUBRO DE 2011
o,
endador Leonard
m
o
C
a
u
,R
a
o
b
m
a
al da G
: 20220-390
P
E
C
Endereço: Hospit
J,
R
/
o
ir
e
n
, Rio de Ja
159
S/N, Santo Cristo
/ Fax: (21) 2223-0
9
3
2
-3
3
2
2
2
)
1
Telefone: (2
itutoims.com.br
st
in
@
to
ta
n
o
c
:
il
E-ma
www.institutoims.com.br
Pós-Graduação "Lato Sensu"
Curso Modular de Dermatologia
UNIDADE DE GUARULHOS - SP
INÍCIO:
JANEIRO DE 2012
1844 - Vl. Augusta
,
os
lh
ru
ua
G
v.
A
:
Endereço
: 07025-000
Guarulhos - SP, CEP
5
Tel: (24) 3343-301
r
institutoims.com.b
E-mail: [email protected]
www.institutoims.com.br
Dermatologia
Dermatocosmiatria
Fototerapia
Micologia
Dermatopatologia
Dermatologia Oncológica
Hanseniase
Cirurgia Dermatológica
Publicação Oficial do Serviço de Dermatologia do IMS
Sumário
01
Relato de Caso: Carcinoma Verrrucoso
. Dra. Gabriela Santana Pozzatto.
. Dra. Fernanda Aguiar.
. Dra. Andressa de Freitas.
. Dra. Regina Souza.
. Dra. Marcela de Paula.
08
Relato de Caso: Siringoma
. Dra. Elisa Maranha.
16
2011 by Periódico de Dermatologia
Relato de Caso: Dermatite Herpetiforme
. Dra. Andressa de Almeida C. Freitas.
. Dra. Flávia Fernandes Gonçalves.
. Dra. Rafaela F. Elias.
Periódico de Dermatologia - IMS, V.I, n.3 - Set. / Nov. 2011
Relato de Caso
Carcinoma Verrrucoso
Equipe de estudo:
Orientadores:
Ÿ
Gabriela Santana Pozzatto.
Ÿ
Dra. Luciana Araujo
Ÿ
Fernanda Aguiar.
Ÿ
Dra. Lorena Marques
Ÿ
Andressa de Freitas.
Ÿ
Regina Souza.
Ÿ
Marcela de Paula.
Sobre o paciente
ID: M.G.C
Sexo: Feminino
Idade: 63 anos
Estado civil: Viúva
Proveniente: Natural e residente
do Rio de Janeiro.
QP:
“Tenho um caroço na virilha”.
HDA:
paciente compareceu ao Serviço em fevereiro de 2011, apresentando lesão tumoral gigante,
A
fétida, em FID, com evolução de aproximadamente 1 ano e crescimento progressivo.
Negava dor, apenas desconforto pelo peso da massa.
HIPÓTESES
DIAGNÓSTICAS:
•Carcinoma Verrucoso.
•Carcinoma Escamoso.
•Melanoma Amelanótico
EXAMES
COMPLEMENTARES:
•Hb 7.7, Ht 29
•USG Abdome e pélvica: normais
1
Carcinoma Verrrucoso
EXAME
HISTOPATOLÓGICO
Padrão endo
e exofítico.
2
Carcinoma Verrrucoso
Cristas amplas,
aprofundando-se
na derme.
3
Carcinoma Verrrucoso
Queratinócitos com
citoplasma mais amplo,
menos hipercromasia.
Fendas preenchidas
com ceratina.
Queratinócitos com
núcleos aumentados
e hipercromáticos.
4
Carcinoma Verrrucoso
INVASÃO DÉRMICA POR ILHOTA
DE QUERATINÓCITOS ATÍPICOS.
5
Carcinoma Verrrucoso
Projeções
epiteliais com
células sem
atipia estão mais
evidentes nas
camadas
inferiores.
6
Relato de Caso
Carcinoma Verrrucoso
CONDUTA:
Encaminhada ao INCA para
exérese cirúrgica da lesão.
HIPÓTESES DIAGNÓTICAS:
•Carcinoma Verrucoso.
•Carcinoma Verrucoso Híbrido.
7
Relato de Caso
Siringoma
Equipe de estudo:
Ÿ
Dra. Elisa Maranha, 1º Ano
QP:
“Carocinhos no pescoço”.
Prof.ª Orientadora:
Ÿ
Luciana Araujo
Sobre o paciente
ID: R.B.S
Sexo: Feminino
Idade: 37 anos
Exame dermatológico: Pápulas hipercrômicas localizadas nas pálpebras inferiores, região
cervical, tórax e região genital.
8
Siringoma
9
Siringoma
10
Relato de Caso
Siringoma
DIAGNÓSTICO:
•Tumor anexial benigno do ducto
sudoríparo écrino intradérmico.
•Pápulas cor da pele, de 1 a
5mm, em geral múltiplas e, às
vezes, isoladas, assintomáticas e
mais freqüente em mulheres
adultas.
•Ocorre predominantemente em
indivíduos brancos, porém a
ocorrência em mulher negra já foi
descrita.
•A área mais acometida é a face,
em particular as pálpebras e as
regiões periorbitárias.
•Outras localizações relatadas
são: tórax, pescoço, regiões
glúteas, pubiana e vulvar.
•Na vulva, as lesões podem ser
múltiplas ou solitárias e constituir
causa de prurido vulvar.
•Proliferação de numerosos
pequenos dutos, cujas paredes
são revestidas usualmente por
duas fileiras de células epiteliais
achatadas, localizadas na derme
papilar e reticular superior.
•As luzes dos ductos contêm
detritos amorfos. Alguns ductos
possuem pequenas caudas
semelhantes a vírgulas, dandolhes a aparência de girinos.
•Perto da epiderme podem haver
luzes canaliculares císticas
cheias de queratina, revestidas
por células que contêm grânulos
de cerato-hialina.
•Às vezes, essas estruturas se
rompem, produzindo reação tipo
corpo estranho.
11
23
Siringoma
derm101.com
derm101.com
12
Siringoma
13
Relato de Caso
Siringoma
•Assim, a literatura inclui técnicas
variadas, tais como:
eletrocauterização ou
eletrodissecção, excisão cirúrgica,
aplicação de alguns tipos de laser ou
de técnicas que combinam o uso do
ácido tricloroacético e o laser de Co2.
Diagnóstico:
•Clínico e histológico.
•Não são necessários outros exames
laboratoriais.
•Clinicamente, e em alguns casos,
dever ser feito diagnóstico diferencial
com lesões de xantelasma e mílio.
Tratamento:
•É estético.
•Raramente, há necessidade de tratar o
prurido, que pode estar presente nas
formas eruptivas e localizadas na região
vulvar.
•Indicadas terapêuticas que visam à
destruição ou remoção cuidadosas e
efetivas das lesões, buscando evitar
recidivas e/ou cicatrizes
23
29
14
Bibliografia
•www.derm101.com
•Dermatologia JEAN L. BOLOGNIA / JORIZZO/ RAPINI
•An. Bras. Dermatol. vol.81 no.4 Rio de
Janeiro July/Aug. 2006 doi: 10.1590/S036505962006000400006 Siringoma: INVESTIGAÇÃO
CLÍNICA, EPIDEMIOLÓGICA, LABORATORIAL E
TERAPÊUTICA
15
Relato de Caso
Dermatite Herpetiforme
Equipe de estudo:
Orientadores:
• Andressa de Almeida C. Freitas.
• Jorge Machado.
• Flávia Fernandes Gonçalves.
• Luciana Araújo.
• Rafaela F. Elias.
Sobre o paciente
ID: L.F.F
Sexo: Masculino
Idade: 27 anos
Proveniente: Natural do Rio de
Janeiro e residente de Duque de
Caxias.
QP:
“Bolinhas no cotovelo”.
HDA:
Início do quadro há 15 dias, com lesões que iniciaram no cotovelo esquerdo e progrediram para
cotovelo direito, joelho direito e nádegas. Fez uso de tiabendazol creme e prednisona 40mg/dia
sem melhora. Nega outras queixas.
HPP:
Nega patologias prévias e alergia medicamentosa.
HF:
Nega casos semelhantes.
EXAME DERMATOLÓGICO:
16
Dermatite Herpetiforme
EXAME
DERMATOLÓGICO
17
Dermatite Herpetiforme
18
Dermatite Herpetiforme
Hipótese Diagnóstica:
Dermatite Herpetiforme.
Conduta:
Biópsia incisional.
19
Dermatite Herpetiforme
20
Dermatite Herpetiforme
Conduta:
•Solicitados HC, hepatograma, G6PD, glicemia.
•Dapsona 50mg/dia.
Evolução:
Paciente apresentando melhora significativa das lesões após 2 semanas de
uso de Dapsona 50mg/dia.
21
Dermatite Herpetiforme
Conduta:
•Solicitado anti-TPO e TSH
•Encaminhado ao ambulatório de nutrição e
gastroenterologia
•Dapsona 100 mg/dia
Evolução:
22
Dermatite Herpetiforme
23
Dermatite Herpetiforme
Evolução:
• anti-TPO: 2647,9 (<60UI/ml)
• TSH: 29,79 ( 0,5-5,0 UI/ml)
Laudo histopatológico da biópsia de duodeno:
Microscopia:
Mucosa duodenal exibindo acentuada atrofia vilositária e infiltrado
linfoplasmocitário em lâmina própria linfócitos.
Conclusão:
Os achados histopatológicos podem fazer parte de um quadro de
Doença Celíaca.
24
Pós-Graduação "Lato Sensu"
Curso Modular de Dermatologia
CAMPUS, SÃO LUÍS - MA
INÍCIO:
JANEIRO DE 2012
192, Centro
r,
e
ll
u
M
n
e
s
n
a Ja
Endereço: Ru
is - Maranhão
u
L
o
ã
S
0
9
CEP:6520-2
227-6559
3
)
8
(9
:
x
a
/F
e
r
Telefon
tutoims.com.b
ti
s
in
@
to
ta
n
o
E-mail: c
www.institutoims.com.br
Pós-Graduação "Lato Sensu"
Curso Modular de Dermatologia
CAMPUS, VOLTA REDONDA - RJ
INÍCIO:
JANEIRO DE 2012
03,
la 5
, 23, Ed. CBS, sa
A
co
in
C
e
te
in
V
Endereço: Rua
0
, CEP: 27260-16
Vila Santa Cecília
3-3015
Tel/fax: (24) 334
itutoims.com.br
st
in
@
to
ta
n
co
:
il
E-ma
www.institutoims.com.br
Dermatologia
Dermatocosmiatria
Fototerapia
Micologia
Dermatopatologia
Dermatologia Oncológica
Hanseniase
Cirurgia Dermatológica
Acesse a versão eletrônica dessa revista em nosso site:
www.institutoims.com.br
Rio de Janeiro - RJ
Hospital da Gamboa,
Rua Comendador Leonardo, S/N,
Santo Cristo, Rio de Janeiro / RJ,
CEP: 20220-390
Telefone: (21) 2223-3239
Fax: (21) 2223-0159
São Luis - MA
Rua Jansen Muller, 192, Centro
CEP:6520-290`
Tel: (21) 2223-3239
Tel/fax: (98) 3227-6559
Celular:(98) 8821-4341
(98) 8821-5696
Volta Redonda - RJ
Rua Vinte e Cinco A, 23,
Ed. CBS, sala 503,
Vila Santa Cecília,
CEP: 27260-160
Tel/fax: (24) 3343-3015
Guarulhos - SP
Av. Guarulhos, 1844
Vl. Augusta, Guarulhos - SP
CEP: 07025-000
Pabx: (11) 2414-0827
Tel/fax: (24) 3343-3015
Download

Dermatite Herpetiforme