MAPEAMENTO DAS OPERADORAS BRASILEIRAS
1
Tiago Ribeiro Sapia 2
Resumo: Este artigo apresenta a forma em que estão distribuídas no território
nacional o sistema de telefonia fixa comutada (STFC),e o sistema móvel
celular(SMC, SMP)
1. INTRODUÇÃO
Em julho de 1997 o Congresso Nacional aprovou a Lei Geral das
Telecomunicações, a base regulatória para o setor, que também continha as
diretrizes para a privatização do Sistema Telebrás ampla reestruturação do
Sistema de telefonia nacional estatal que foi desmembrada em três grandes
regiões de concessionárias de serviços locais de telefonia fixa para atender a
distintas regiões geográficas definidas pelo PGO (a Telesp, a Tele Norte-Leste
e a Tele Centro-Sul), sendo mantida a Embratel em sua configuração
tradicional e, além disso, criando-se oito concessionárias de telefonia celular de
Banda A para operar os serviços oferecidos até então pelas subsidiárias da
Telebrás;a seguir veremos detalhadamente cada região do sistema SMP e
STFC.
2. SISTEMA TELEFÔNICO FIXO COMUTADO(STFC)
Após a privatização do STFC, possuía no um total de 6 concessionárias
(Telemar, Brasil Telecom, Telefonica, CTBC, Sercomtel e Embratel) e mais de
50 operadoras entre autorizadas e prestadoras com autorização que ainda não
haviam entrado em operação.
As Concessionárias eram Formadas por empresas do sistema Telebrás
privatizadas em 1998 e alguns casos especiais, estas operadoras tinham uma
carga de metas a cumprir mais elevada, e mais obrigações que as demais.
E as Autorizadas onde inclui as chamadas empresas espelhos, que
receberam autorizações em 1999 , espelhinhos, e demais empresas com
autorização de STFC. A partir de 31 de dezembro de 2001 deixou de existir um
limite para o número de prestadores de STFC por região. As concessionárias
se tornaram autorizatárias fora da sua região de concessão.
1
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
1
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
Abaixo segue a relação das operadoras concessionárias autorizadas e
espelhos com suas devidas áreas de cobertura:
2.1 Região I
É a região que possui a maior abrangência de estados, nela estão os
estados Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas,
Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará,
Amapá, Amazonas e Roraima.(vide Fig.1)
Fig.1 Mapa Região I
Concessionárias
1,2,4 a 17- Telemar(31)
3 – CTBC(12)
1
Empresas Espelho
Vésper(21)
13-Intelig Telecom(23)
Autorizações
1 -Sermatel
1 -Teledados
2,3 -Engevox
2,3 -Intelig
2,3 -Impsat
2,3 -Telenova
2,3 -Telmex(AT&T)
4- Telefônica
14- Apoio
14- Nortelpa
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
2
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
2.2 Região II
Representado pelo Distrito Federal e pelos Estados do Rio Grande do
Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás,
Tocantins, Rondônia e Acre.
É a região que apresenta maior diversidade de operadoras, tanto
concessionária como espelhos
Fig.2- Mapa Região II
Concessionárias
Empresas Espelho
8,19,21,23,24,26 a 30
Brasil Telecom(14)
22 e 25– CTBC(12)
20- Sercontel(43)
1
18 a 30
GVT(25)
Autorizações
Embratel(21)
Intelig Telecom(23)
Impsat
Sercomtel
Telenova
Telmex
Telefônica
Telenova
Tmais
Transit
Options
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
3
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
2.3 Região III
Abrange apenas o estado de São Paulo
Fig. 3 Mapa Região III
Concessionárias
Empresas Espelho
31,32 e 34Telefônica(15)
33- CTBC(12)
Vésper(21)
Autorizações
Ampla
Impsat
Intelig Telecom
Konecta
Telmex
Telefônica
Transit
GVT
2.4 REGIÃO IV
1
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
4
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
Corresponde a modalidade das operadoras de longa distância nacional,
nela apenas a Empresa Brasileira de Telecomunicações SA. - EMBRATEL,
realiza esse tipo de cobertura em território nacional.
A modalidade de operadoras de longa distância Internacional:
Empresa Brasileira de Telecomunicações SA. – EMBRATEL
Brasil Telecom S/A
Intelig Telecom
3. Serviço Móvel Celular(SMC)
Serviço móvel celular é o serviço de telecomunicações móvel terrestre,
aberto à correspondência pública, que utiliza sistema de radiocomunicações
com técnica celular, interconectado à rede pública de telecomunicações, e
acessado por meio de terminais portáteis, transportáveis ou veiculares, de uso
individual.
O território brasileiro está dividido em Áreas de Concessão para
prestação do SMC (vide fig.4)
Fg.4 mapa das areas SMC
3.1 Áreas Cobertura do SMC
1
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
5
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
3.1.1 Área 1
Área geográfica que inclui municípios pertencentes ao Estado de São Paulo
3.1.2 Área 2
Estado de São Paulo, excluídos os municípios contidos na Área 1 anterior.
3.1.3 Área 3
Estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo.
3.1.4 Área 4
Estado de Minas Gerais
3.1.5 Área 5
Estados do Paraná e Santa Catarina
3.1.6 Área 6
Estado do Rio Grande do Sul
3.1.7.Área 7
Estados de Goiás, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia,
Acre e Distrito Federal
3.1.8 Área 8
Estados do Amazonas, Roraima, Amapá, Pará e Maranhão
3.1.9 Área 9
Estados da Bahia e Sergipe
3.1.9 Área 10
Estados do Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e
Alagoas.
4. Serviço Móvel Pessoal(SMP)
O Serviço Móvel Pessoal – SMP é o serviço de telecomunicações móvel
terrestre de interesse coletivo que possibilita a comunicação entre Estações
Móveis e de Estações Móveis para outras estações. O SMP é caracterizado
por possibilitar a comunicação entre estações de uma mesma Área de Registro
do SMP ou acesso a redes de telecomunicações de interesse coletivo.
O serviço foi dividido em três grandes regiões:
1
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
6
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
4.1 REGIÃO I
Fig 5. Mapa Região I
Área SMC
Banda A
Banda B
3 (RJ, ES)
Vivo
Claro
Amazônia
Vivo
Telemig
TIM
9 (BA, SE)
Vivo
TIM
Claro
10 (Nordeste)
TIM
Claro
-
8 (Amazônia)
4 (MG)
Banda D
Banda E
TIM
Oi
Claro
4.2 REGIÃO II
Fig 6. Mapa Região II
1
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
7
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
Área SMC
Banda A
5 (PR, SC)
6 (Rio G Sul)
TIM
Banda B
Banda D
Vivo
Claro
Banda E
Brasil Telecom
Vivo
Claro
TIM
7
4.3 REGIÃO III
Fig 7. Mapa Região III
Área SMC
Banda A
Banda B
Banda D
1 (SP Capital)
Banda E
-
Vivo
2 (SP Interior)
Claro
TIM
-
5. Considerações finais
Apresentou-se neste artigo o quadro atual da distribuição da rede de
telefonia fixa comutada(STFC) a região em que cada concessionária, espelho e
autorizada atua indicando sua região e expondo as novas diretivas de futuras
empresas que já encontram-se autorizadas para atuarem no Brasil, assim
como também os serviços móvel pessoal(SMP) e serviço móvel celular(SMC),
indicando o modelo de area da região atuante das teles, assim também as
Bandas de operação de cada operadora.
Por se tratar de um pais de grande extensão territorial; Ë importante
destacar a descentralização que a privatização causou ao pais, elaborando
uma política de desenvolvimento rigorosa em regiões onde necessitavam
desse tipo de serviço, e regiões geográficas de difícil acesso.
1
Este artigo faz parte da complementação do programa de aprendizado da disciplina Comutação da 7fase
8
do curso de Engenharia de Telecomunicações da UnC - Canoinhas, ministrada pelo professor Edmundo
Edmundo Zuchowski Filho, no primeiro semestre de 2006.
2
Acadêmico do curso de Engenharia em Telecomunicações - tsapia@gmail.com
Download

1 Tiago Ribeiro Sapia 2 Resumo: Este artigo apresenta a forma em