Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Pobreza e Saúde:Vínculo Mortal
• As pessoas que vivem em contextos de pobreza
tem mais probabilidade de adoecer ou de morrer
mais jovem que outros grupos.
• Por exemplo, quem vive em pobreza absoluta
tem uma probabilidade 5 vezes maior de morrer
antes dos 5 anos de idade
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
“A pobreza é a pior forma de violência” Mahatma
Gandhi
“A pobreza pode ser definida como uma condição humana
caracterizada por uma privação crônica e prolongada dos
recursos,
capacidades, opções, seguridade e poder necessários para
usufruir de um adequado nível de vida e os demais
direitos civis, culturais, econômicos, políticos e sociais”
ONU
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Tipos de Pobreza
• Extrema ou absoluta: é a privação dos elementos
necessários para manter a vida e a saúde (alimentos
adequados, água potável, moradia...)
• Relativa: é a privação de oportunidades, a falta de
bens materiais .
• Herdada: Os pais pobres podem transmitir sua
condição social a seus filhos.
• Imediata: É a pobreza causada por circunstâncias
imprevistas, como secas, terremotos, guerras.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Populações vulneráveis
• Mulheres;
• Populações indígenas;
• Os grupos minoritários e
socialmente excluídos;
• Portadores de deficiências
físicas e mentais;
• Portadores de HIV/AIDS.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
A feminização da pobreza
• Na maioria dos países a pobreza tem um
rosto feminino;
• O número de mulheres não alfabetizadas é
o dobro que os homens;
• Maior probabilidade de sofrer com estados
de saúde relacionados com a pobreza
(anemia ferropriva, e desnutrição por
carência de proteínas)
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Metas de desenvolvimento para reduzir a
pobreza até 2015
• Erradicar a pobreza extrema;
• Ensino Fundamental para
todos;
• Promover a igualdade entre
os gêneros e capacitar a
mulher;
• Reduzir a mortalidade
infantil;
• Melhorar a saúde materna.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Papel das políticas de saúde
As políticas de saúde vêm no sentido de
implementar estratégias governamentais
que visam a corrigir os desequilíbrios
sociais e propiciar a redução das
desigualdades sociais
Pessine, 2002
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Exemplos dos principais tipos de
políticas relacionados à saúde
•
•
•
•
•
•
Acesso a métodos contraceptivos adequados;
Facilitar o acesso a enfermeiras obstetras;
Reduzir a taxa de mortalidade infantil;
Promover o aleitamento exclusivo nos primeiros 6 meses;
Acesso aos serviços de saúde na infância;
Eliminar a discriminação contra as meninas;
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Exemplos dos principais tipos de
políticas relacionados à saúde
•
•
•
•
•
•
•
Prevenção das cáries;
prevenção das doenças diarréicas;
Erradicar a prostituição infantil;
Erradicar o trabalho infantil;
Educação sexual;
Prevenção das DST/AIDS;
Campanhas contra drogas lícitas e
ilícitas.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Ações em favor da saúde da comunidade
• Incluir informações acerca dos fatores
determinantes da saúde nos projetos
pedagógicos dos cursos de Ciências da
Saúde.
• Elaborar, realizar e avaliar intervenções da
equipe de saúde em conjunto com líderes
comunitários e demais parceiros da rede de
suporte social .
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
O SUS e os serviços de saúde
1988: A promulgação da Constituição Federal
instituiu o Sistema Único de Saúde, visando
cumprir a premissa básica de que a saúde é
direito de todos e dever do Estado e que o
cidadão tem acesso universal e igualitário às
ações e serviços para sua promoção, proteção e
recuperação.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
O que a comunidade espera de um
serviço de saúde
• Delimitação da área de atendimento;
• Fortalecimento do vínculo entre os
trabalhadores dos serviços de saúde e
usuários;
• Humanização do atendimento;
• Articulação com outro serviços de maior
complexidade, localizadas dentro ou fora
do município.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
O que a comunidade deve esperar de
um serviço de saúde
• Reorganização dos procedimentos técnicooperacionais,visando o pleno atendimento
de problemas de saúde apresentados pelos
usuários e seus familiares;
• Desenvolvimento de ações de promoção da
saúde, com o fortalecimento da educação
em saúde e prevenção de doenças;
• Conselhos de saúde.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Trabalho em grupos
• Leitura e discussão em grupo do texto
“Atenção à saúde da criança no Brasil:
aspectos da vulnerabilidade programática
e dos direitos humanos”
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Exercício em sala de aula
Grupo 2: Definir:
Os aspectos e os princípios do sistema de saúde
Grupo 1: Definir:
brasileiro, construídos historicamente nas ultimas
décadas (até final dos anos 90)
A importância do
tema ser tratado; Grupo 3: Definir:
Os fatores
Os aspectos e os princípios dos sistema
epidemiológicos
de saúde brasileiro, construídos
associados à temáticahistoricamente a partir do ano 2000.
em questão;
Grupo 4: elaborar:
Os objetivos
Uma análise critica da vulnerabilidade
propostos pelo
dos programas e as estratégias utilizadas
para a implementação das ações.
estudo;
Grupo 5: Destacar:
As diretrizes políticas que amparam o
programa focando o fechamento do
estudo.
Profª. Efigenia Ap. Maciel
Freitas_UFU
Download

AULA 1_Pobreza e Saúde