1
Me apresentando
Economista, formado em 1990, com Mestrado
Profissionalizante na UCAM (2006) em Estratégia
Empresarial, Mestrado Acadêmico na UFF (1994),
Curso de Análise de Conjuntura na UFRJ e outros.
Atuo como Economista-chefe na Lopes Filho
Consultoria de Investimentos
(www.lopesfilho.com.br) desde 2001, já tendo
atuado em Corretoras e Instituições de pesquisa.
Meus emails: [email protected] e
[email protected]
2
Minha área de atuação –
Economista-chefe
Atuando em consultoria há muitos anos,
como Economista-chefe. Montagem de
relatórios diários, semanais e mensais;
visita à clientes; construção de cenários de
curto, médio e longo prazo; projeções de
indicadores econômicos; call diários,
semanais e mensais com clientes;
apresentação nas mídias, televisiva e
escrita.
Como atua o economista?
O economista é, na sua essência, um
pesquisador, um intérprete dos fatos da
realidade e com essa visão, é o profissional
necessário para estudar cenários e suas
probabilidades, permitindo ações objetivas e
direcionadas para sobreviver e progredir no
mundo dos negócios. Precisa ter capacidade de
planejamento para então agir estrategicamente.
4
Quais são áreas de atuação?
O economista tem um amplo campo de atuação.
Tanto pode atuar na área privada, no
departamento financeiro ou na Tesouraria de
empresas, no departamento de análise de um
banco ou corretora; pode atuar na área pública,
em alguma empresa estatal ou mesmo na área
acadêmica, como professor.
Atua também em organismos internacionais, e
em empresas jornalísticas, fazendo análises.
As áreas de finanças e de análise de empresas têm
5
absorvido muitos recém-formados.
Como está o mercado de
trabalho para os economistas?
Mais que nunca a crise exige a presença de
economistas de bom calibre para cuidar do
conteúdo macro e micro do
mundo/doméstico.
6
Que conselho o senhor daria
para quem está iniciando a
carreira no mercado financeiro?


Primeiro, muita perseverança e trabalho árduo.
Tem que estar ligado em tudo que acontece no
mundo e conhecer todos os subsegmentos do
mercado financeiro nacional e internacional.
Não se deve queimar etapas e sim seguir cada
passo do conhecimento. Perguntar sempre que
tiver dúvida e absorver o que for possível do
conhecimento de mestres e profissionais do
mercado.
7
Interação entre mercado de
ações e ambiente econômico


Percebe-se que o mercado de ações (ativos)
sempre tende a ser reflexo da condução da
política econômica e do ambiente
econômico existente.
Neste ano, o Ibovespa opera no negativo,
reflexo das várias intervenções do governo
nos mercados e do cenário externo.
Mercado de Capitais – O que é?
É uma relação financeira criada por varias
instituições financeiras em condições que
permitem
aos
fornecedores
e
aos
tomadores de fundos de longo prazo,
realizar transações. Em outras palavras, “é
um sistema de distribuição de valores
mobiliários, que tem o objetivo de
proporcionar liquidez
aos
títulos
de
emissão de empresas e viabilizar seu
processo de capitalização.”

Mercado de Ações
É o segmento do mercado de capitais em
que ocorre a compra e a venda de
participações no capital das sociedades
anônimas. É aqui que as empresas captam
recursos a um custo inferior ao do mercado
financeiro.
Estrutura do Mercado de Ações
CVM – COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS;
BOLSA DE VALORES;
SOCIEDADES CORRETORAS;
SOCIEDADES DISTRIBUIDORAS.

Fontes de Recursos



Novas inversões de capital por parte
dos atuais acionistas;
Aumento no Endividamento junto as
instituições financeira;
Aumento de capital através da
procura de novos acionistas.
Ações



“Título de renda variável, emitidos por
sociedades anônimas.”
“São títulos nominativos negociáveis
que representam uma fração do capital
social de uma empresa.”
“São valores mobiliários negociáveis em
bolsas de valores ou no mercado de
balcão.”
Ações são ativos de renda variável,
ou seja, não oferecem ao
investidor rentabilidade garantida,
previamente conhecida. Por não
oferecer uma garantia de retorno
ao investimento. Portanto, este é
um investimento considerado
de risco.

Tipos de Ações
Ordinárias:
Direito a Voto;
Retornos na forma de dividendos;
Seus investidores se caracterizam
como estrategistas.
Preferenciais:



Oferecem preferência na distribuição
de resultado em caso de liquidação da
companhia;
Os acionistas preferenciais não tem
direito a voto;
O perfil dos investidores é de
especuladores.
Valor das Ações
O valor da ação, ou seja, seu preço de
compra e de venda, é determinado
tanto pelo mercado, variando em
função do desempenho financeiro
verificado ou esperado da empresa
detentora do capital, como pela
conjuntura econômica doméstica e
internacional.
ago/13
mar/13
45.000
out/12
mai/12
dez/11
jul/11
fev/11
set/10
abr/10
nov/09
jun/09
jan/09
ago/08
mar/08
out/07
75.000
mai/07
dez/06
jul/06
fev/06
set/05
abr/05
nov/04
jun/04
jan/04
Comportamento do Ibovespa
72.592
65.000
55.000
47.446
35.000
25.000
15.000
Ativos
Ibovespa
Dow Jones
Nasdaq
Dólar (Mercado)
Risco Brasil
Ouro (BM&F)
Petróleo (WTI)
Fechamento
48.574
15.546
3.600
2,2320
205
96,00
106,91
Evolução
Último Pregão Na semana No mês
2,48%
6,68%
2,35%
0,01%
0,53%
4,27%
0,36%
0,01%
5,79%
-0,22%
-1,67%
0,90%
205
225
238
3,23%
2,89%
8,60%
108,05
105,95
96,56
No ano
-20,31%
19,51%
20,94%
9,14%
147
-13,51%
90,93
No
Dia
47.400
15.544
3.588
2,2370
205
93,00
108,05
Na
Semana
45.533
15.464
3.600
2,2700
225
93,30
105,95
No mês No ano
47.457
14.910
3.403
2,2120
238
88,40
96,56
60.952
13.008
2.977
2,0450
147
111,00
90,93
Sinais da economia
São sintomas de alguma enfermidade:
Inflação
Taxa de Juros
Taxa de Câmbio
Fundamentos Econômicos




Dados fiscais – resultado primário e
dívida
Dados do Setor Externo: saldo em conta
corrente e balança comercial
Atividade Econômica – Produção
industrial, comércio varejista e
capacidade instalada
Mercado de trabalho
8,50
8,00
7,50
7,00
6,50
6,00
5,50
5,00
4,50
4,00
3,50
3,00
2,50
jan/04
abr/04
jul/04
out/04
jan/05
abr/05
jul/05
out/05
jan/06
abr/06
jul/06
out/06
jan/07
abr/07
jul/07
out/07
jan/08
abr/08
jul/08
out/08
jan/09
abr/09
jul/09
out/09
jan/10
abr/10
jul/10
out/10
jan/11
abr/11
jul/11
out/11
jan/12
abr/12
jul/12
out/12
jan/13
abr/13
jul/13
Em %
Trajetória do IPCA
6,27
20
10
6
jun/04
set/04
dez/04
mar/05
jun/05
set/05
dez/05
mar/06
jun/06
set/06
dez/06
mar/07
jun/07
set/07
dez/07
mar/08
jun/08
set/08
dez/08
mar/09
jun/09
set/09
dez/09
mar/10
jun/10
set/10
dez/10
mar/11
jun/11
set/11
dez/11
mar/12
jun/12
set/12
dez/12
mar/13
jun/13
Em %
Taxa Básica de Juros COPOM
19,75
18
16
14
12,5
12
8,75
8
7,25
ago/13
2,4000
jul/13
jun/13
mai/13
abr/13
mar/13
fev/13
jan/13
dez/12
nov/12
out/12
set/12
ago/12
jul/12
jun/12
mai/12
abr/12
mar/12
fev/12
jan/12
Trajetória da taxa de câmbio
2,3028
2,3000
2,2000
2,1000
2,0000
1,9000
1,8000
1,7000
250
fev/09
abr/09
jun/09
ago/09
out/09
dez/09
fev/10
abr/10
jun/10
ago/10
out/10
dez/10
fev/11
abr/11
jun/11
ago/11
out/11
dez/11
fev/12
abr/12
jun/12
ago/12
out/12
dez/12
fev/13
abr/13
jun/13
Trajetória do risco país
(EMBI) (pontos básicos)
Pontos base
450
400
350
300
213*
200
150
100
Desempenho da conta
financeira, US$ milhões
10.000,00
8.000,00
6.000,00
4.000,00
2.000,00
0,00
-2.000,00
-4.000,00
-6.000,00
20
10
20 .0
10 1
20 .0
10 3
20 .0
10 5
20 .07
10
20 .0
10 9
20 .1
11 1
20 .0
11 1
20 .03
11
20 .0
11 5
20 .0
11 7
20 .0
11 9
20 .11
12
20 .0
12 1
20 .0
12 3
20 .0
12 5
20 .07
12
20 .0
12 9
20 .1
13 1
20 .0
13 1
.0
3
-8.000,00
C onta financeira - investimentos brasileiros em carteira - US$ (milhões) - Banco
C entral do Brasil, Boletim, Seção Balanço de Pagamentos (BC B Boletim/BP) BPN12_FINIDBC 12
Atividade : PIM X PMC – “boca
do jacaré”
Os chamados “déficits gêmeos”
Saldo Primário
Transações C orrentes2,250
1,750
1,250
0,750
0,250
-0,250
-0,750
-1,250
-1,750
-2,250
-2,750
-3,250
Dez/02
Dez/03
Dez/04
Dez/05
Dez/06
Dez/07
Dez/08
Dez/09
Dez/10
Dez/11
jan/12
fev/12
mar/12
abr/12
mai/12
jun/12
jul/12
ago/12
set/12
out/12
nov/12
dez/12
jan/13
fev/13
mar/13
abr/13
3,750
3,700
3,650
3,600
3,550
3,500
3,450
3,400
3,350
3,300
3,250
3,200
Ativos
Ibovespa
Dow Jones
Nasdaq
Dólar (Mercado)
Risco Brasil
Ouro (BM&F)
Petróleo (WTI)
Fechamento
48.574
15.546
3.600
2,2320
205
96,00
106,91
Evolução
Último Pregão Na semana No mês
2,48%
6,68%
2,35%
0,01%
0,53%
4,27%
0,36%
0,01%
5,79%
-0,22%
-1,67%
0,90%
205
225
238
3,23%
2,89%
8,60%
108,05
105,95
96,56
No ano
-20,31%
19,51%
20,94%
9,14%
147
-13,51%
90,93
No
Dia
47.400
15.544
3.588
2,2370
205
93,00
108,05
Na
Semana
45.533
15.464
3.600
2,2700
225
93,30
105,95
No mês No ano
47.457
14.910
3.403
2,2120
238
88,40
96,56
60.952
13.008
2.977
2,0450
147
111,00
90,93
Agradeço a todos a atenção e me
coloco à disposição para perguntas.
30
31
Download

da apresentação