NA COMUNIDADE
O MISTÉRIO DA VIDA
NOVA
“A cada dia o Senhor
acrescentava à comunidade
outras pessoas que iam
aceitando a salvação.”
(At 2, 47)
A REDESCOBERTA DA
COMUNIDADE
Lugar privilegiado de Encontro
com Cristo
• PALAVRA: Catequese
• LITURGIA: sacramentos
• CARIDADE: serviço,
ternura, acolhida...
MISTAGOGIA E COMUNIDADE
NA COMUNIDADE FAZER A
EXPERIÊNCIA DAS AÇÕES
SALVADORAS DE DEUS
At 2, 42-47
Ensinamento
Comunhão fraterna
Partir do pão
Oração
VIVER EM COMUNHÃO
A Igreja alimenta constantemente
a consciência de que a unidade com
Deus em Cristo, fundamento e
alicerce da vida eclesial, há de ser
vivida como comunhão entre irmãos
na fé, entre comunidades vivas e
apostólicas.
COMUNIDADE CRISTÃ:
sinal da presença divina
no mundo
importância de cada pessoa na
comunidade e o chamado de
Jesus, causa da comunhão
fraterna
todos somos irmãos dificuldade principal:
imperialismo de cada eu
COMUNIDADE CRISTÃ: sinal da
presença divina no mundo
qualidade da nossa comunhão
e comunicação interpessoal.
“Cada membro da comunidade
é percebido como promessa ou
ameaça para os outros?”
CONDIÇÕES
NECESSÁRIAS PARA
AMADURECER NA
COMUNIDADE
ser autêntico,
envolver-se,
autoavaliar-se,
autocriticar-se,
viver e controlar as próprias
emoções,
calar-se e calar,
flexibilidade de atitudes,
receber a agressividade e a
frustração sem angústia
lucidez, discernimento diante das
ambigüidades,
descobrir os sentimentos de medo,
insegurança, angústia, tristeza, refletir
sobre o próprio comportamento,
entrega...
NA COMUNIDADE
• vida não só uns-ao-lado-dos-outros e
sim uns-com-por-para-os-outros
(viver para os outros)
• interesse comum, espírito comum:
sentido de pertença: não porque é
boa, mas porque é nossa!!!
NA COMUNIDADE
• Solidariedade – caridade fraterna –
interação pessoal
• Viver na comunidade é viver junto
a vontade de Deus.
Ex: apóstolos – diferentes, mas ao
redor de Jesus (gente diferente,
coincidência de princípios e objetivos)
COMUNIDADE PASCAL

precisamos aprender a ganhar e perder –
mistério pascal: morte e ressurreição. “Nova
vida se dá assumindo a morte de cada dia e
de cada momento”. Grão de trigo na terra...

a atitude e o olhar dos outros nos fazem
viver, do contrário nos sentimos
abandonados, vazios.
COMUNIDADE PASCAL
a comunidade é dom de Deus, nela
somos irmãos, Cristo nos preside
nesta escola do amor. Lugar de
formação, de conversão; ao gerar
comunhão a comunidade configura-se
como comunhão de discípulos
missionários
a comunidade será espaço teologal
da experiência do Senhor
Ressuscitado.
COMUNIDADE PASCAL


ter mística comunitária – relações
fraternas e assim chegar, a partir das
diferenças ao "um só coração",
mediante um processo de
amadurecimento permanente.
a experiência de fé é experiência de
uma pessoa que vive a fé e a celebra,
animada pelo Espírito Santo.
LUGAR PRIVILEGIADO PARA
CATEQUESE MISTAGÓGICA
Aprofundamento da fé
Convida a entrar numa
vida de comunhão com
Deus
LUGAR PRIVILEGIADO PARA
CATEQUESE MISTAGÓGICA
Proporciona um encontro
vivo e persuasivo com Cristo
Anuncia e testemunha
Promove a vivência
celebrativa
O CATEQUISTA NA
COMUNIDADE
SEGUIR JESUS
• Imitar o exemplo do Mestre
• Ter a vida de Jesus dentro de Si
• Participar da missão do Mestre
• Ser referencial e lugar de encontro
com Cristo
• Ser dom, esperança e promessa
FRUTOS:

Transformação progressiva da
consciência pelos sagrados
mistérios vivenciados celebrados e
explicados.
FRUTOS:

“Fé Adulta” – capaz de
testemunhar no seu próprio
ambiente a esperança cristã
que o anima e suscitar adesão.
A comunidade será, portanto,
espaço de experiência do
mistério da VIDA NOVA em
Cristo.
Download

Comunidade Mistagógica