PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA – PRPGP
CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA-CCT
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO DE CIÊNCIAS
E EDUCAÇÃO MATEMÁTICA (Mestrado Profissional e Acadêmico)
II SAECEM – II SEMANA ACADÊMICA EM ENSINO DE CIÊNCIAS E EDUCAÇÃO
MATEMÁTICA DO PPGECEM-UEPB - 23 a 25 de novembro de 2015
http://segundasaecem.wix.com/saecem segundasaecem@gmail.com
Apoio:
TEMA DO EVENTO: Itinerários e Interfaces entre pós-graduação e educação básica: ações, desafios e
perspectivas na formação do professor–pesquisador.
PROGRAMÇÃO GERAL, INSCRIÇÕES, APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS,
RELAÇÃO DE PALESTRAS, MINICURSOS, COMUNICAÇÕES ORAIS, ETC.
Data
Atividades
7:00 às 8:30h – Credenciamento - Local: Auditório de Psicologia – Campus I - UEPB
8:30 às 10:00h – Abertura e Apresentação Cultural - Local: Auditório de Psicologia – Campus I - UEPB
10:0h às 12:00h - Conferência de Abertura: Itinerários e interfaces entre pós-graduação e educação básica na
área de Ensino da CAPES: ações, desafios e perspectivas na formação do professor–pesquisador - Profa Dra
Tania Cremonini de Araújo-Jorge – FIOCRUZ e Coordenadora da Área de Ensino da CAPES.
Local: Auditório de Psicologia – Campus I - UEPB
13:30 às 15:00h - Atividades livres de organização de docentes, discentes e ex-discentes do PPGECEM.
23/11/2015
15:00 às 16:30h – Atividades livres de organização de docentes, discentes e ex-discentes do PPGECEM.
Local: CCT - Bloco C: Salas C 101,102,103, 106,108 e 109, 206, 301, 302, 308 e 309 .
16:30 às 18:00h – Oficina: Modelagem 5D: uma ferramenta para estimular a criatividade e a inovação –
Profa Dra. Tânia Cremonini de Araújo-Jorge – FIOCRUZ e Coordenadora da Área de Ensino da CAPES.
Local: Biblioteca Setorial do CCT
20:00 às 23:00h - Eventos Culturais e Jantar de Adesão
8:00 às 12:00h – Conferências.

24/11/2015


Local: Auditório de Psicologia – Campus I - UEPB
Ver, sentir, pensar e agir: os mestrados profissionais de ensino e a elaboração do produto
educacional – Profa Dra Filomena Maria G. S. Cordeiro Moita – UEPB, Profa Ms. Maria Aldia da Silva
& Profa Ms. Verônica Lima de Almeida Caldeira
Ética na docência e na pesquisa – Prof. Dr. Edmundo de Oliveira Gaudêncio – UEPB
A formação e a docência de um professor pesquisador do ensino - aprendizagem de Matemática –
Prof. Esp. José Urânio das Neves – UFCG
13:30 às 15:00h - Comunicações Orais
15:00 às 16:00h - Palestras
16:00 às 20:00h - Palestras, Mesas Redondas, Minicursos e Oficinas
Local: CCT - Bloco C: Salas C 101,102,103, 106,108 e 109, 301, 302, 308 e 309
8:00 às 12:00h - Conferências de Encerramento.

25/11/2015

Local: Auditório de Psicologia – Campus I - UEPB
Pesquisa qualitativa: uma nova abordagem com o círculo hermenêutico-dialético – Profa Dra Maria
Marly de Oliveira - UFRPE
Formação do professor - pesquisador em Ensino de Ciências e Educação Matemática: perspectivas
contemporâneas – Profa Dra Lourdes de la Rosa Onuchic – UNESP/USP
1
INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 22/11/2015 OU PRESENCIALMENTE NO CREDENCIAMENTO
PROCEDIMENTOS ONLINE:
ACESSAR O LINK:
http://segundasaecem.wix.com/saecem
DEPOIS DE FEITA A INSCRIÇÃO ENTÃO, EFETUAR O PAGAMENTO NA SEGUINTE CONTA:




Agencia: 1591-1
Conta Corrente: 58566-1
BANCO DO BRASIL
Favorecido: (fundação proj diversos)
NO CREDENCIAMENTO APRESENTAR COMPROVANTE DE INSCRIÇÃO E COMPROVANTE DE
DEPÓSITO BANCÁRIO.
O PAGAMENTO PODERÁ TAMBÉM SER EFETUADO NO ATO DO CREDENCIAMENTO.
TAXA DE INSCRIÇÃO
Sócios de Entidades
Cientificas Profissionais
Aluno de Pós-graduação
25,00
20,00
Professor da Educação Básica
25,00
20,00
Professor do Ensino Superior
50,00
40,00
Aluno de graduação
20,00
16,00
* Os associados a Entidades Científicas Profissionais da área de Educação, Ensino de Ciências e Educação
Matemática (SBEM, ABQ, SBEnBio, SBF, etc) terão 20% de desconto na taxa de inscrição, conforme descrito na
tabela acima.
APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS

Comunicações Orais: 1. Comunicações de Pesquisa: Apresentadas por alunos de pós-graduação do
PPGECEM, em que sejam apresentados seus trabalhos/projetos de pesquisa finalizados ou em andamento no
PPGECEM. Terão duração de 20 minutos, sendo 15 minutos de apresentação e 5 minutos de discussão.
Relatos de Experiência e Produtos Educacionais: Apresentados por alunos de pós-graduação do
PPGECEM, em que sejam apresentados produtos educacionais e/ou experiências de sala de aula com
intervenção inovadora. Terão duração de 20 minutos, sendo 15 minutos de apresentação e 5 minutos de
discussão.

Minicursos (com duração de 04 horas) ou Oficinas (com duração de 02 a 04 horas) - A serem ministrados
preferencialmente por docentes e ex-alunos do PPGECEM e Convidados.

Conferências, Palestras, Seminários e Mesas-Redondas – A serem ministradas por docentes do PPGECEM
e Convidados. Terão duração de 45 minutos a 02 horas.

Atividades Livres – de livre organização dos docentes, discentes e ex-discentes do PPGECEM e das áreas
como um todo (Educação Matemática, Ensino de Ciências: Educação Biológica, Ensino de Física e Educação
Química). Terão duração de 01 a 02 horas.
2
ATIVIDADES LIVRES (AL) – segunda à tarde – 13:30 às 15:00h

Palestra: Conhecimento, ciência, pesquisa: reflexões para o campo da educação. MAURA LUCIA
FERNANDES PENNA - UFPB. SALA C-206

Oficina: Química dos cabelos: cosméticos capilares como tema gerador no Ensino de Química.
LEOSSANDRA CABRAL DE LUNA & GILBERLÂNDIO NUNES DA SILVA. SALA C-101

Palestra: O Ensino de Ciências (Física) como cultura: uma referência aos brinquedos populares.
MARCELO GOMES GERMANO – UEPB. SALA C-102

Palestra: Mapa aberto para uma ecologia científico-poética. MAYARA LARRYS GOMES DE ASSIS.
SALA C-103

Palestra: A modelização matemática na formação do professor e pesquisador: um novo olhar. ROGER
HUANCA - UEPB. SALA C-302

Palestra: A Matemática na Base Nacional Comum Curricular. ROGÉRIA GAUDÊNCIO DO RÊGO –
UFPB. SALA C-106

Oficina: O ensino de geometria na arte de dobrar papéis. LUCIANA MARIA DE SOUZA MACÊDO.
UEPB. SALA C-308

Exposição: A experiência do PROAFE na transformação do ensino de ciências e matemática nas escolas
públicas municipais de campina grande. OSMUNDO ROCHA CLAUDINO. UEPB. SALA C-301
ATIVIDADES LIVRES (AL) – segunda à tarde – 15:00 às 16:30h

Palestra: Língua Portuguesa, Ensino de Ciências e Matemática: a redação de enunciados de provas.
MARIA AUXILIADORA BEZERRA – UFCG. Palestra: Leitura e Inclusão do cego na escola regular:
limites e possibilidades. ZULEIDE MARIA DE A. S. GUIMARÃES - UVA. SALA C-206

Palestra: A prática pedagógica do respeito como uma das alternativas para combater a violência na
escola. MARIA CÉLIA ASSIS – UEPB. SALA C-101.

Diálogos sobre resolução e exploração de problemas no cotidiano da sala de aula: Diálogos I: A
Multicontextualidade do cotidiano da sala de aula de matemática e a pesquisa em resolução e
exploração de problemas na formação do professor – pesquisador: a experiência do GEPEP. SILVANIO
DE ANDRADE (Coordenador do Grupo) & MEMBROS DO GEPEP. SALA C-102. Diálogos II: Resolução
de Problemas: Porquê? Para quê? Como? LOURDES DE LA ROSA ONUNCHIC – USP/UNESP. SALA
C-102

Palestra: A Modelagem Matemática em sala de aula. RÔMULO MARINHO DO RÊGO – UEPB. SALA
C-302

Oficina: O ensino de geometria na arte de dobrar papéis. LUCIANA MARIA DE SOUZA MACÊDO.
SALA C-308.

A História da matemática na formação do professor da educação básica. JOSÉ LAMARTINE DA
COSTA BARBOSA –UEPB. SALA C-103

Palestra: FelizCidade: Jogos de Inovação com Educação Tutorial para integrar ensinos fundamental,
médio e superior. MARCELO ALVES DE BARROS. SALA C-106

Exposição: A experiência do PROAFE na transformação do ensino de ciências e matemática nas escolas
públicas municipais de campina grande. OSMUNDO ROCHA CLAUDINO. UEPB. SALA C-301
TIVIDADES LIVRES (AL) – segunda à tarde – 16:30 às 18:00h

Oficina: Modelagem 5D: uma ferramenta para estimular a criatividade e a inovação – TÂNIA
CREMONINI DE ARAÚJO-JORGE – FIOCRUZ e Coordenadora da Área de Ensino da CAPES. Local:
Biblioteca Setorial do CCT.
3
COMUNICAÇÕES ORAIS (CO) – terça - 13:30 às 15:00h
EXPOSIÇÃO: - segunda à tarde, terça pela manhã e à tarde: A experiência do PROAFE na transformação do
ensino de ciências e matemática nas escolas públicas municipais de campina grande. OSMUNDO ROCHA
CLAUDINO. UEPB. SALA C-301
PALESTRAS (P) – terça – 15:00 às 16:00h

Os desafios da apropriação social da produção científica da pós-graduação. CIDOVAL MORAIS DE
SOUSA – UEPB. SALA C-109

Ensino de ciências e "objetivismo científico" na era das TICs. OSMUNDO ROCHA CLAUDINO –
UEPB. SALA C-301

Pesquisa, Investigação e experimento como princípios de aprendizagem. Prof. Dr. THIAGO E. A.
SEVERO. UFRN. SALA C-101

História da matemática: a pesquisa se desdobrando em projetos na escola básica - GRACIANA
FERREIRA DIAS – UFPB. SALA C-102

O uso de artefatos históricos na Educação de Jovens e Adultos. CRISTIANE BORGES ANGELO UFPB. SALA C-103

O diálogo entre o abstrato e o concreto no ensino de matemática - LUÍS HAVELANGE SOARES – IFPB.
SALA C-302

Possibilidades pedagógicas do uso da imagem fotográfica em livros didáticos de Matemática. ANIBAL
DE MENEZES MACIEL – UEPB. SALA C-106

Etnobiologia: saberes e práticas da tradição. ÉRICA CALDAS SILVA DE OLIVEIRA – UEPB. SALA
C-108
MINICURSOS (MC) e OFICINAS (OF) – 16:00 às 20:00h

Consumo de água na fatura doméstica: uma proposta de ensino para o conteúdo de função afim
através da modelagem matemática. CARLOS ALEX ALVES & CIBELLE DE FÁTIMA CASTRO DE
ASSIS. SALA C-101

Metodologia da Pesquisa Científica: a construção do conhecimento pessoal e da autonomia
intelectual. PATRÍCIA MELO ROCHA, THÂMARA CHAVES BRASIL, VIRGÍNIA EUGÊNIA DA
SILVA, ROGER HUANCA. SALA C-102

Como se reinventa(m) os espaços sociais de salas de aula? MARIA DO SOCORRO MOURA
MONTENEGRO. SALA C-103

As TIC’S como ferramenta pedagógica no ensino de química. KAREN ALVES XAVIER & SÉRGIO.
SALA C-309

Atividades lógico-matemáticas e aprendizagem na EJA: Desafios e possibilidades. ZELIA MARIA
DE ARRUDA SANTIAGO & RÔMULO TONYATHY DA SILVA. SALA C-106

O processo de Leitura e escrita Braille. (10 vagas). Fabio Alexandre Santos e Alindembergue Oliveira.
SALA C-302

O uso do crocodile como ferramenta pedagógica. BRUNA TAYANE DA SILVA LIMA, KÁTIA
PEREIRA DUARTE. SALA C-108

Uso do software e simulação no ensino de química com a temática sabão ecológico. CARLOS
HELAIDIO CHAVES DA COSTA, ANDRÉ SANTOS DA COSTA, FRANCISCO MICHELL SILVA
ZACARIAS. SALA C-109

Criação de recursos educativos digitais sob a abordagem da teoria dos modelos mentais de JohnsonLaird. CLAUDIA MARGARITA OROZCO RODRÍGUEZ & LUCAS HENRIQUE VIANA. SALA C308
4
COMUNICAÇÕES ORAIS (CO). Local: Bloco C do CCT. Ver http://segundasaecem.wix.com/saecem#!programa/cq3e
ADRIANO ALVES DA SILVEIRA
WELLTON CARDOSO PEREIRA
ANDRIELY IRIS SILVA DE ARAÚJO
ADRIANA DA SILVA VELOZO BEZERRA
SALA: C-101
Análise combinatória em sala de aula: uma proposta de ensino-aprendizagem no contexto da resolução, exploração e proposição
de problemas.
Formulação e resolução de problemas no contexto do projeto escolar agente jovem: uma discussão sobre a matemática no ensino
médio brasileiro.
Ensino aprendizagem de álgebra através da resolução e exploração de problemas.
Contribuições da abordagem de ensino de matemática via resolução, proposição e exploração de problemas para o entendimento
do conceito e das representações de função
Ideias/significados da multiplicação e divisão: o processo de aprendizagem por alunos do 5º ano do ensino fundamental via
resolução, exploração e proposição de problemas.
SHEILA VALÉRIA PEREIRA DA SILVA
SALA: C102
RÔMULO TONYATHY DA SILVA
Memórias e saberes matemáticos: Letramentos matemáticos nas práticas cotidianas de pessoas idosas
FRANCISCO ADEILTON DA SILVA
Uma investigação sobre o uso da história da matemática numa SALA de aula do ensino médio
GISANE FAGUNDES RODRIGUES
História e filosofia na educação matemática: Um pensamento sob a perspectiva da formação dos professores de matemática
DANILO WAGNER DE SOUZA GOMES
As influências das relações sociais e do contexto histórico da Alemanha no desenvolvimento do cálculo.
LUCIMARA DE FREITAS ELEUTÉRIO
Um estudo sobre as concepções de licenciandos em relação ao ensino da matemática.
THÂMARA CHAVES BRASIL
SALA: C-103
Modelagem matemática e experimentação em geometria: explorando possibilidades na formação inicial de professores de
matemática
ÉRICK MACÊDO CARVALHO
O uso da modelagem matemática na formação de professores de matemática da educação básica.
CARLOS ALEX ALVES
AYLLA GABRIELA PAIVA DE ARAÚJO
Que saberes são mobilizados quando futuros professores vivenciam atividades de modelagem matemática?
Modelagem e aplicações matemáticas na confecção do molde de vestuário: um caso em estudo
RÔNERO MÁRCIO CORDEIRO DOMINGOS
Modelagem Matemática e Resolução de Problemas: uma experiência vivenciada com alunos da Licenciatura em Física e
Matemática.
SALA: C-106
DHIEGO VIEIRA DO AMARAL
Laboratório interativo de matemática (lim): estudo da implantação do lim em uma escola de ensino fundamental
ANDRÉ FERREIRA DE LIMA
Do sensível às ideias: um estudo de geometria a partir de atividades envolvendo espaço e forma
JOSÉ MÁRCIO DA SILVA RAMOS DINIZ.
O clube de matemática como espaço de aprendizagem
JÚLIO PEREIRA DA SILVA
O laboratório de matemática na formação do pedagogo
ZULEIDE FERREIRA DE SOUSA
A PRODUÇÃO DE SIGNIFICADOS A PARTIR DO ENSINO DA GEOMETRIA ESPACIAL E PLANA
LEONARDO LIRA DE BRITO
O Uso dos Materiais didáticos no laboratório de matemática no Museu Vivo de Ciências.
5
SALA: C-108
CHRISTIANO CORDEIRO SOARES.
A invisibilidade dos atores sociais com deficiência no Timor-Leste
FABIO ALEXANDRE SANTOS
A inclusão escolar de alunos surdos na cidade de Goiana – PE: na ótica dos interpretes de língua de sinais
LIGIANE GOMES MARINHO SALVINO.
Uso de tecnologia na alfabetização matemática de pessoas com deficiência visual.
VIRGÍNIA EUGÊNIA DA SILVA
Educação matemática na inclusão de crianças surdas: um olhar na formação inicial do professor de matemática.
BRUNA TAYANE DA SILVA LIMA
O processo de alfabetização de crianças com baixa visão: estratégias de ensino em foco
LUCIANA MARIA DE SOUZA MACÊDO
INTERVENÇÕES COM JOGOS MATEMÁTICOS NA APRENDIZADEM DE CRIANÇAS COM TDAH
SALA: C-109
ELIVELTON SERAFIM SILVA.
O uso de tecnologias na formação inicial: concepções, teoria e prática
KÉSIA DE MÉLO HERMENEGILDO
A investigação matemática com o geogebra: múltiplos olhares para a formação do professor da educação básica
AILTON DINIZ DE OLIVEIRA.
O uso da robótica como uma ferramenta a mais no ensino de funções
LEONARDO AUGUSTO DE FIGUEIREDO GOMES.
Ensino de Matemática no Brasil: desenhando práticas matemáticas do giz as TICs
JOEL SILVA DE OLIVEIRA
CLAUDIA MARGARITA OROZCO RODRÍGUEZ E
LUCAS HENRIQUE VIANA
UMA PROPOSTA DE ENSINO DA GEOMETRIA PLANA COM O AUXÍLIO DO SOFTWARE WINGEOM.
Criação de recursos educativos digitais sob a abordagem da teoria dos modelos mentais de Johnson-Laird.
SALA: C-301
CYBELLE DINIZ CAVALCANTI TRAVASSOS
LUIZ EDUARDO PAULINO DA SILVA
MATOFOBIA: Algumas razões e possíveis soluções
APRENDIZAGEM NA DISCIPLINA DE BIOLOGIA POR EDUCANDOS (AS) DO
PROEJA: DIÁLOGO COM OS SABERES PROFISSIONAIS
BRUNO OLIVEIRA DE LIMA
Humor: uma forma inovadora de ensinar biologia
MARIANA SILVA LUSTOSA
Uma análise sobre a contribuição da variação metodológica no ensino de ciências naturais: um estudo de caso
RAISSA MIRELLA MENESES ALVES
Aula prática como uma estratégia metodológica no ensino de biologia
SALA: C-302
RENALLY GONÇALVES DA SILVA
EWERTON MORAES LUNA
JOANA MENARA SOUZA SOARES.
Utilizando imagens como elemento facilitador na compreensão das leis de newton durante a resolução de problemas
A produção de Energia elétrica através de instalações nucleares: como os sites de revistas populares de divulgação científica
abordam esse tema
LILIANE SILVA CÂMARA OLIVEIRA.
Millikan e a comprovação experimental para o efeito fotoelétrico
Avaliação dos efeitos genotóxicos da poluição aquática em peixes do gênero tilapia em uma pespectiva ambiental no rio
MAXARANGUAPE, PUREZA/RN
LUCIANO LUCENA TRAJANO
Proposta e Análise de Estratégias de Ensino para os Conceitos de Entropia e Espontaneidade
6
SALA: C-308
NÍVIA MARIA RODRIGUES DOS SANTOS
DIONES BENTO DOS REIS.
Fracasso escolar no Ensino de Ciências
Ensino de ciências: relato das dificuldades apresentadas pelos professores de química para o uso de modelos em escolas
públicas no município de Campina Grande-PB.
DENNEFE VICENCIA BENDITO
O uso de mapas conceituais no ensino de ciências: um estudo sobre as propostas apresentadas em dissertações e teses
SAMYA DE OLIVEIRA LIMA
Análise do ensino da matemática na educação do campo: um estudo de caso sobre o curso PROCAMPO – URCA
JUCILENE BRAZ DA COSTA
Investigações no ensino de ciências na perspectiva de uma aluna cega.
SALA: C-309
ELIONORA RAMOS FARIAS
LEONARDO SANTOS SILVA,
AYLLA GABRIELA PAIVA DE ARAÚJO,
LUCIANA MARIA DE SOUZA MACÊDO,
ZULEIDE FERREIRA DE SOUZA
A utilização dos jogos por alunos da licenciatura em matemática na construção do conhecimento matemático
FRANCÍLIA DE FÁTIMA SILVA QUEIROZ
TIÊGO DOS SANTOS FREITAS
A LINGUAGEM MATEMÁTICA PRESENTE EM ALGUNS GÊNEROS DO DISCURSO
Influências da língua materna e da linguagem matemática na resolução de problemas matemáticos por alunos do ensino
médio
PATRÍCIA MELO ROCHA
A resolução de problemas no ensino de estatística: uma contribuição na formação inicial do professor de matemática
O JOGO 'BATALHA DAS QUATRO OPERAÇÕES COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA
7
Download

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA