Vamos conversar sobre …
BRUNI
A Administração de
Custos, Preços
e Lucros
Adriano Leal Bruni
albruni@infinitaweb.com.br
BRUNI
Observações do autor …
 Alguns slides apresentam
minhas dicas para os
professores que usem
meus livros ou meus slides
Dica de Bruni!!!
Dica de Bruni!!!
 Geralmente eu peç
peço para dois
alunos interpretarem o
diá
diálogo na frente da sala de
aula!
 Vou projetando os slides e
eles interpretam os
personagens e as suas falas
 Apó
Após a leitura da conclusão,
conclusão,
todos batem palmas.
palmas.
 O efeito didá
didático constuma
ser excelente!
excelente!
BRUNI
Dica de Bruni!!!
A figura do
mestre costuma
indicar as minhas
dicas para os
professores!
Fique atento!
BRUNI
Dicas de Bruni!
 Sugere-se o uso do
Powerpoint XP ou superior
 Eu costumo usar um
“apresentador” (presenter
em inglês), um mouse sem
fio para professores e
palestrantes
 Recentemente, tenho
usado um modelo da
Targus, muito bom.
BRUNI
Capítulo
0
BRUNI
Apresentação do
curso
Programação didática
 Objetivo
Discutir o processo
de registro e gestão
de custos e preços,
enfatizando os
aspectos relativos à
DECISÃO
EMPRESARIAL
BRUNI
Capítulos
BRUNI
 1. Os custos, a contabilidade e as
finanças
 2. Os custos e a contabilidade financeira
 3. Os custos e a contabilidade gerencial
 4. os custos e seus componentes
 5. Os custos e a margem de
contribuição
 6. Tributos, custos e preços
 7. Os custos, os preços e os lucros
 8. Os preços, o marketing e a estratégia
 9. O modelo Custofacil.xls
Capítulo
1
BRUNI
Custos, contabilidade
e finanças
Objetivos do capítulo
 Entender o significado da
palavra custos
 Saber distingüir a
Contabilidade Financeira
da Contabilidade
Gerencial
 Compreender a
terminologia geral dos
gastos
BRUNI
Para entender os ...
Custos
BRUNI
Tantos adjetivos …
Uma só palavra
muitos significados
BRUNI
Uma breve introdução
Custa
$10.000,00
BRUNI
O que são custos
BRUNI
 Para quem compra, conceito claro ...
 Custo é igual a preço!
 E para quem produz?
Alguns adjetivos









Custos contábeis
Custos fabris
Custos plenos
Custos afundados
Custos de oportunidade
Custos relevantes
Custos fixos
Custos de propriedade
E tantos outros …
BRUNI
No início ...
BRUNI
Eu preciso
contabilizar
quantos dentes
de dinossauro eu
tenho!!!
Os usuários das informações
Internos
Usuários
Externos
BRUNI
Os usuários das informações
BRUNI
Necessidade de
estabelecimento
de regras e normas
padronizadas
Conferir a
qualidade da
informação
Auditoria
Usuários
As diferentes contabilidades
Financeira
Custos
Gerencial
BRUNI
Contabilidade financeira
 Obrigatória
 Sujeita às normas e
imposições legais
 Altamente normatizada
e padronizada
 Posterior auditoria
 Atende à vontade do
Leão
 Regras próprias
(LALUR)
BRUNI
Contabilidade gerencial
 Foco na decisão
 Não está sujeita às
restrições e
imposições legais
 Mais dinâmica e ágil
 Específica para cada
negócio
Instrumentos da
Contabilidade Gerencial
BRUNI
Informação
Gestor
Análise dos custos
 Atende a ambas
 Financeira
 Gerencial
 Cuidado com a mistura dos
focos
 Uso da contabilidade
financeira no processo de
tomada de decisões
 Uso da contabilidade
gerencial para registro e
impostos
BRUNI
Pensando sobre a …
Terminologia
dos gastos
BRUNI
Gastos, custos e despesas ...
Consumo para
estoque
1
Custo
2 Produto
ou
Serviço
Consumo no
tempo
3
Despesa
Incorridos
4
Investimentos
5
Gastos
BRUNI
E o CPV?
Entendendo os custos
BRUNI
Consumo no tempo
Consumo para estoque
Demonstração de
Resultado
Balanço Patrimonial
Receitas
(-) Deduções
Materiais
Estoques
Finais
(-) CPV
(-) Despesas
(=) Lucro
Tributável
(-) IR
(=) Lucro
Líquido
Fornecedores
Funcionários
Depreciação
Equipamentos
CPV …
Custo ou despesa?
Capital
Fixando a aprendizagem …
Industrial,
fabril,
produtivo
=
custos
BRUNI
Fixando para valer …
Comercial,
administrativo,
financeiro
=
despesas
BRUNI
A conta, por favor ...
BRUNI
 Qual o custo?
 Salário fabril: $500,00
 Compra de máquina:
$400,00
 Matéria-prima
consumida: $200,00
 Salário administrativo:
$300,00
 Depreciação industrial:
$700,00
$1.400,00
O desperdício ….
Perdas
!!!
BRUNI
Uma dúvida cruel ....
Custo ou
despesa?
BRUNI
O conceito de perdas ...
 Bens ou
recursos
consumidos mas
não
incorporados ao
produto final
 Desperdício
Rotineiro: custos
Ocasional: despesas
BRUNI
É ruim,
hein ...
Um exemplo em perdas
 Uma fábrica de escovas
verificou que o peso de
cada escova finalizada é
igual a 40g. Porém o
processo produtivo gera
aparas iguais a 10g.
Qual o volume de
plástico associado ao
custo da escova?
BRUNI
O custo da escova
Finalizada: 40g
Perdas: 10g
Custo: 50g
Perdas rotineiras
devem ser
incorporadas
nos custos
BRUNI
Outro exemplo em perdas
 Em função de uma falha no
fornecimento de energia elétrica,
a produção da fábrica de escovas
foi obrigada a descartar 60 Kg de
plástico, que estavam prontos
para o processo de injeção.
Qual o volume de
plástico associado ao
custo da escova?
BRUNI
Perdas não rotineiras
ZERO
Perdas ocasionais não devem
ser incorporadas nos
custos
Despesa = 60Kg
Perdas ocasionais devem ser
classificadas como despesas
BRUNI
Gastos no comércio
BRUNI
Custos são acumulados
nos valores das mercadorias
Para sempre lembrar …
RESPOSTAS
DOS
EXERCÍCIOS
BRUNI
Exercício
BRUNI
RESPOSTAS
SABOREARTE
Classificação no Saborearte
Os dados a seguir correspondem ao
restaurante Saborearte. Responda ao
que se pede.
a) A abertura do restaurante demandou
.... Qual a classificação contábil deste
fato?
Investimento
b) Para fabricar ... Qual o custo de cada
medalhão?
$2,50
c) Os gastos com profissionais ...
Custos. Participam do serviço.
BRUNI
RESPOSTAS
O enunciado
está na
página 49!
Saborearte (parte 2)
Calculando
o custo e o
preço do
prato
BRUNI
RESPOSTAS
Custo da carne
BRUNI
Composição do custo
RESPOSTAS
900g está para $12,00
assim como
400 g está para X
X = 400/900 x $12,00
X = $5,33
Custo das batatas
BRUNI
Composição do custo
RESPOSTAS
800g está para $2,00
assim como
200 g está para Y
Y = 200/800 x $2,00
Y = $0,50
Síntese dos custos e preço





Composição do custo
Carne:
$5,33
Batata:
$0,50
Outros:
$6,00
Soma:
$11,83
 Taxa de marcação = 2,50
Preço do prato = $29,58
BRUNI
RESPOSTAS
Exercício
BRUNI
RESPOSTAS
A ORIGINAL OFICINA
DE CÓPIAS LTDA.
Para entender as perguntas
Leia o enunciado
do exercício na
página 52 do
livro!!!
BRUNI
Pede-se ...
BRUNI
RESPOSTAS
a) os custos mensais totais da
empresa;
b) as despesas totais mensais;
c) os gastos mensais da
empresa;
d) o resultado registrado no
mês.
Original: Sintese das
informações
BRUNI
RESPOSTAS
Descrição
$
Tipo
Aquisição da copiadora
Consumo: depreciação da copiadora
Compra das 80 resmas de papel
Consumo: 50 resmas
Compra de 04 cartuchos
$4.800,00
$200,00
$800,00
$500,00
$200,00
$100,00
$200,00
I
C
I
C
I
C
C
$400,00
$240,00
$600,00
$130,00
C
C
C
D
Consumo de 02 cartuchos
Energia elétrica
Salário do funcionário
Encargos
Aluguel
Contador
Solução da Original
Receita
BRUNI
RESPOSTAS
$3.080,00
22.000 x $0,14
(-) Custos
Depreciação da copiadora
Consumo das resmas
Consumo dos cartuchos
Energia elétrica
Salário do funcionário
Encargos
Aluguel
(-) Despesas
Contador
Resultado
$200,00
$500,00
$100,00
$200,00
$400,00
$240,00
$600,00
($2.240,00)
$130,00
($130,00)
Perdas rotineiras incorporadas em custos
Vendas = 22.000 cópias
Consumo = 50 resmas com 500 folhas
= 25.000 folhas
$710,00
Capítulo
2
Os custos e a
contabilidade
financeira
BRUNI
Objetivos do capítulo
 Entender o sentido do
registro dos custos na
Contabilidade Financeira
 Saber distingüir os
componentes dos custos na
Contabilidade Financeira
 Compreender alguns dos
principais adjetivos
associados aos custos
BRUNI
Recordar é viver …
 Custos
 Multiplicidade de significados
 Contabilidades
 Financeira: registro
 Gerencial: decisão
 Terminologia dos gastos
Gastos
Investimentos
Custos
Produto
Despesas
BRUNI
Custos sob a ótica da …
Registrar!!
!
Contabilidade
Financeira
BRUNI
Uma separação básica ...
Associados à formação dos estoques
Custos
Produto
Despesas
Associadas a consumo temporal
BRUNI
Uma razão legal …
 Legislação estabelece a
necessidade de aplicar
CUSTEIO POR
ABSORÇÃO
 Estoques absorvem TODOS
os gastos PRODUTIVOS,
inclusive os indiretos
BRUNI
Custeio por absorção
 Estoques absorvem
os custos de
produção
 Fixos
 Variáveis
 Classificação contábil
dos custos
BRUNI
As duas contabilidades
BRUNI
Financeira
Gerencial
Receitas
Receitas
(-) Custos fixos
(-) Custos var
(-) Custos var
(-) Desp var
(=) Lucro bruto
(=) Margem de
contribuição
(-) Desp fixas
(-) Desp var
(=) Lucro oper.
Componentes dos custos
Materiais Diretos
Mão-de-Obra Direta
Custos Indiretos
Produto
BRUNI
Componentes contábeis ...
Preencha os espaços da figura
1
2
3
4
5
6
7
8
BRUNI
Componentes contábeis ...
BRUNI
RESPOSTAS
1
MD
Materiais
Diretos
2
MOD
3
CIF
4
Despesas
Mão-de-Obra Dir
Custos Indiretos
Mensurada e
identificada
de forma direta
Custos que não
são
Gastos não
associados
MD nem MOD
à produção
Matéria-Prima
Embalagem
5
Custo primário ou direto
6
Custo de transformação
7 Custo total, contábil ou fabril
8
Gastos incorridos ou custo integral
Exercício
Sonho Doce
Suave Ltda.
BRUNI
BRUNI
Classificação de gastos
Descrição
RESPOSTAS
Valor ($)
Classificação
110.000,00
CIF
CIF
CIF
Receita
Aluguel de escritórios administrativos
10.000,00
Despesa
Aquisição de nova empacotadeira
50.000,00
Investimento
Mão de obra direta
14.000,00
Materiais requisitados indiretos
15.000,00
Depreciação do parque industrial
3.000,00
Seguro da área industrial
5.000,00
CIFs = $31.000,00
Receita de vendas
Outros custos indiretos
Materiais requisitados diretos
Depreciação de computadores da
diretoria
8.000,00
MOD
CIF
12.000,00
MD
1.000,00
Despesa
MD = 12 MOD = 14 CIF = 31 Desp = 11 Rec = 110 (em $1.000,00)
Calcule …
a)Custo direto ou
primário
b)Custo de
transformação
c)Custo contábil
d)Custo pleno ou
gasto incorrido
BRUNI
RESPOSTAS
Calculando os custos …
BRUNI
MD = 12 MOD = 14 CIF = 31 Desp = 11
Rec = 110 (em $1.000,00)
RESPOSTAS
 Custo direto ou primário
MD + MOD
12.000,00 + 14.000,00 = $26.000,00
 Custo de transformação
MOD+CIF
14.000,00 + 31.000,00 = $45.000,00
 Custo contábil
MD + MOD + CIF
12.000,00 + 14.000,00 + 31.000,00 =
$57.000,00
 Custo pleno ou gasto
incorrido
MD + MOD + CIF + DESP
57.000,00 + 11.000,00 = $68.000,00
Cálculo do resultado
RESPOSTAS
e) Resultado
Descrição
Total
Receita
110.000,00
(-) Custo pleno (68.000,00)
= Resultado
42.000,00
÷
Número de unidades: 200
= Resultado unitário
BRUNI
$210,00
BRUNI
Classificação segura …
Classificando os gastos
Item
Valor
Compra de equipamentos mecânicos 1.500.000,00
Depreciação = $150.000,00 C:CIF
para as revisões
Gastos com a aquisição de móveis e
50.000,00
computadores para a área
Depreciação = $5.000,00 D
administrativa da nova empresa
Gastos com a construção do prédio
4.000.000,00
da oficina mecânica Depreciação = $200.000,00 C:CIF
Salários e encargos do pessoal
100.000,00
administrativo da nova empresa
Aquisição de suprimentos para as
600.000,00
Consumo = $480.000,00 C:MD
revisões (80% foi consumido)
Salários e encargos de mecânicos
400.000,00
Outros custos fixos da oficina
200.000,00
I
I
I
D
I
C:MOD
C:CIF
BRUNI
A solução …
Pergunta-se:
a) Qual o custo contábil médio por
revisão mecânica?
b) Qual o gasto incorrido por revisão
mecânica?
Descrição
Total
Unitário
Custos contábeis
MD
480.000,00
MOD
400.000,00
CIF
550.000,00
Soma dos custos
1.430.000,00
286,00
Despesas
Salários adm
Deprec adm
Soma das despesas
Soma dos gastos
100.000,00
5.000,00
105.000,00
21,00
1.535.000,00
307,00
BRUNI
A solução …
Descrição
Total
Unitário
Custos contábeis
MD
480.000,00
MOD
400.000,00
CIF
550.000,00
Soma dos custos
1.430.000,00
286,00
Despesas
Salários adm
Deprec adm
Soma das despesas
Soma dos gastos
100.000,00
5.000,00
105.000,00
21,00
1.535.000,00
307,00
Depr Predio:200
SunkCom
Cost a terceirização
…
Depr
Equip:
150
Custo
Outros: 200
Irrecuperável
Descrição
Total
BRUNI
Unitário
Custos contábeis
MD
480.000,00
zero
MOD
400.000,00
zero
CIF
550.000,00
$350
mil
Soma dos custos
1.430.000,00
286,00
Despesas
Total
$355 mil
Salários adm
100.000,00
zero
Deprec adm
$55.000,00
mil
Soma das despesas
105.000,00
21,00
Terceiro
1.535.000,00
307,00
$280,00
Soma dos gastos
Unitário
$71,00
Não deve ser aceita!
$351,00
Capítulo
3
Os custos e a
contabilidade
gerencial
BRUNI
Objetivos do capítulo
 Entender os propósitos da
Contabilidade Gerencial
 Saber distingüir os gastos
em decorrência da decisão
 Compreender os conceitos
de ponto de equilíbrio,
margem de segurança e
alavancagem
BRUNI
Agora, o que importa é a …
BRUNI
Decisão!!!
Relembrando ...
Para a contabilidade financeira
Custos
Produto
Despesas
Estoques absorvem TODOS
os custos
BRUNI
É preciso saber …
Para onde ir!
BRUNI
BRUNI
Para decidir …
Fixos
Não oscilam conforme
produção e vendas
Variáveis
Oscilam conforme
produção e vendas
Decisões Rotineiras
Gastos
Classificação
volumétrica
BRUNI
Classifique os gastos
 Consumo de matéria-prima em
uma indústria
Variável
 Seguro da planta industrial
Fixo
 Comissões sobre vendas
Variável
 Salários administrativos
Fixo
 Fretes de insumos produtivos
Variável
 Fretes de entregas
Variável
Para pensar …
 Qual a classificação da
conta de telefone da
indústria?
 Já que apresenta um valor
diferente todos os meses é
um gasto ….
FIXO!!!
Classificação
Volumétrica
Não oscilam
conforme produção
e vendas
BRUNI
Um exemplo ilustrativo …
 Fábrica de Sorvetes Frio
Delícia Ltda.
 Gastos produtivos:
 Aluguel e salários:
$1.000,00/mês;
Fixos
 Matéria-prima/embalagem:
$8,00/Kg.
Variáveis
BRUNI
Outros dados …
 Dados do mercado
 Preço de venda:
$10,00/kg
 Volume de vendas:
600 Kg/mês
BRUNI
Estudando os …
BRUNI
Gráficos
Gastos ($)
Os gastos fixos
Constantes
Volume (Q)
BRUNI
Gastos ($)
Os gastos variáveis
Crescentes
Volume (Q)
BRUNI
Uma curiosidade …
Totais
Unitários
BRUNI
Gastos ($)
Os gastos fixos unitários
Qualquer cor de
carro preto!
Economias
de
Escala
Decrescentes
Volume (Q)
BRUNI
Gastos ($)
Os gastos variáveis unitários
Constantes
Volume (Q)
BRUNI
BRUNI
Uma síntese …
Gastos fixos
Totais ($)
Quantidade
Gastos fixos
unitários ($)
Quantidade
Gastos variáveis
totais ($)
Quantidade
Gastos variáveis
unitários ($)
Quantidade
Análise CVL
Custo
Volume
Lucro
Variações nos volumes produzidos
provocam diferentes consequências
sobre custos e lucros
BRUNI
Novo exemplo …
BRUNI
Restaurante
Bom de Garfo
Analisando os números …
 O restaurante Bom de
Garfo apresenta os dados
seguintes.
 Pratos servidos: 3.000 por
mês
 Custos fixos: $12.000,00
 Custos variáveis: $15.000,00
 Preço de venda: $10,00 por
prato
 Capacidade: 5.000 pratos por
mês
 Calcule o custo por prato.
BRUNI
Custo do prato
F $12.000,00
V $15.000,00
$27.000,00
÷ 3000
$9,00
BRUNI
E agora?
Sabendo que o estabelecimento
recebeu uma proposta para o
fornecimento de 1.000 refeições
mensais a $6,00 por prato, discuta
a viabilidade da proposta.
Custo do prato = $9,00
Mas … distribuídos
como?
F = 12 mil, V = 15 mil
BRUNI
BRUNI
Graficamente …
$
Gastos fixos
totais
Quantidade
3
4
$
Gastos variáveis
totais
Quantidade
3
4
$
Gastos variáveis
unitários
$5,00
Quantidade
3
4
Venda: $6,00
(-) GVu: -$5,00
(=) Ganho: $1,00
Margem de
contribuição
Um número mágico …
Na contabilidade gerencial, é
de fundamental importância
saber usar e analisar a …
margem de contribuição
!!!
BRUNI
Calcule o que se pede ...
 Um comerciante de calçados
compra cada par em média por
$80,00
 Incorre em fretes e seguros no
valor de $18,00 por par
 Vende cada par por $180,00
 Paga comissões iguais a 5% do
preço
 Recolhe impostos iguais a 20%
do preço
Qual a sua margem de
contribuição?
BRUNI
Calculando a contribuição
Preço:
(-) Custo:
(-) Frete e seguro:
(-) Comissões (5%):
(-) Impostos (20%):
(=) Margem contrib:
$180,00
($80,00)
($18,00)
($9,00)
($36,00)
+$37,00
BRUNI
A análise conjunta e o ...
Ponto de
equilíbrio
BRUNI
Un. Monet. ($)
Construindo um único gráfico
BRUNI
Receita total
Break-even point
Ponto de ruptura
Gasto total
Ponto de equilíbrio
contábil (PEC$)
Gasto
variável
Gasto fixo
Ponto de equilíbrio contábil (PECq)
Volume (Q)
Gastos ($)
Os gastos unificados …
Receitas
Totais
Gastos
Totais
PEC$
PECq
Volume (Q)
BRUNI
Uma formulazinha básica …
Ponto de equilíbrio contábil (PECq)
Quantidade produzida e vendida
para lucro contábil nulo
A partir dele as operações
começam a ser lucrativas
Gastos Fixos
PECq =
Preço - GVun
Margem de Contribuição Unitária
PEC$ = PECq x Preço
BRUNI
BRUNI
Para a Fábrica de Sorvetes
Aluguel e salários: $1.000,00/mês
Matéria-prima/embalagem: $8,00/Kg
Preço de venda: $10,00
Volume de vendas: 600 Kg/mês
Gastos Fixos
PECq =
Preço - GVun
Gastos Fixos
PECq =
Preço - GVun
=
1000
10 - 8
Margem de Contribuição
Unitária
= 500 Kg/mês
PEC$ = PECq x Preço = 500 x 10 = $5.000,00/mês
BRUNI
Un Monet ($)
No gráfico …
$6.000,00
$5.000,00
Lucro = $200,00
500
Volume (Q)
E se …
Mais de um
produto
precisar ser
considerado?
BRUNI
Simples …
 Muito simples!!!
Use uma
“média”!
BRUNI
Hot Dogs Vira-Lata
BRUNI
Gastos mensais
Salário do
funcionário:
$400,00
Encargos: $300,00
Outros: $500,00
Gastos unitários
Pão: $0,20
Salsicha: $0,10
Molho e outros:
$0,20
BRUNI
Calculando o PEC
Gastos Fixos
PECq =
Preço - GVun
Gastos Fixos
PECq =
1200
Margem de Contribuição
Unitária
=
= 2400 Hot Dogs/mês
Preço - GVun 1 – 0,50
PEC$ = PECq x Preço
= 2400 x $1 = $2.400,00/mês
Resolveu vender refrigerante
Preço: $1,00
Custo: $0,70
100% das vendas de
hot dog são acompanhadas
de refrigerantes
BRUNI
Um lanche “médio”
 Ítem
 Hot dog
 Refrigerante
 Lanche médio
Preço
$1,00
$1,00
$2,00
BRUNI
Custo Var
$0,50
$0,70
$1,20
BRUNI
Calculando o PEC
Gastos Fixos
PECq =
Preço - GVun
Gastos Fixos
PECq =
1200
Margem de Contribuição
Unitária
=
= 1500 Lanches/mês
Preço - GVun 2 – 1,20
PEC$ = PECq x Preço
= 1500 x $2 = $3.000,00/mês
Economias de escopo
Pensando sobre ...
Economias de
escopo
Redução de custos em
função do aumento de mix
BRUNI
Perdas possíveis sem prejuízo
Margens de
segurança
BRUNI
Un Monet ($)
No gráfico …
BRUNI
Margem de segurança
$6.000,00
Faturamento
$5.000,00
Quantidade
Volume (Q)
Analisando o conforto
 Margem de segurança
 O quanto se pode perder em
vendas sem incorrer em
prejuízos
 MS em quantidade
 Vendas (Q) – PEC (Q)
 MS em $
 Vendas ($) – PEC ($)
 MS em %
 MS (Q) / Vendas (Q) ou
 MS ($) / Vendas ($) ou
BRUNI
Fábrica de Sorvetes …
 MS em quantidade
Vendas (Q) – PEC (Q)
600 – 500 = 100 kg
 MS em $
Vendas ($) – PEC ($)
6000 – 5000 = $1.000,00
 MS em %
100 / 600 = 16,67%
1000/6000 = 16,67%
BRUNI
Perfumes Cheiro Bom
BRUNI
 Para produzir 1000
unidades/mês
 Embalagens: $2.000,00
 Essência: $8.000,00
 Salários e encargos fixos:
$10.000,00
 Preço unitário: $30,00
 Sabendo que a empresa
está produzindo 800
unidades, calcule as
margens de segurança
Resposta
Movendo o mundo
Alavancagem
BRUNI
Um conceito físico
BRUNI
Alavancagem
“Dê-me uma alavanca e um
ponto de apoio, e eu
moverei o mundo”.
Arquimedes
matemático grego
(287 AC e 212 AC)
Gastos fixos e alavancagem
BRUNI
Variação
nos lucros!!!
Variação
nas vendas!!!
Para sempre lembrar …
RESPOSTAS
DOS
EXERCÍCIOS
BRUNI
Exercício
BRUNI
RESPOSTAS
Fábrica de
Cera
D’Abelha
BRUNI
D’Abelha (#3)
Descrição
Vida útil
Investimento
Prédio da
fábrica
20 anos
$400.000,00
Depreciação = 20.000,00
Equipamentos
industriais
Utensílios
fabris
diversos
Soma
10 anos
$300.000,00
Depreciação = 30.000,00
5 anos
$100.000,00
Depreciação = 20.000,00
$800.000,00
Depreciação Total = 70.000,00
RESPOSTAS
BRUNI
D’Abelha (#4)
Descrição
Valor
Aquisição de matérias primas (o
consumo foi de apenas 60%)
I $200.000,00
Consumo = $120.000,00
Embalagens (consumo igual a
80%)
I
RESPOSTAS
C:MD(V)
$80.000,00
Consumo = $64.000,00
Salários industriais fixos
$66.000,00
Outros custos indiretos (fixos)
$24.000,00
Conta de telefone anual da área
administrativa
$10.000,00
Salários
de
funcionários
administrativos e comerciais
$16.000,00
C:MD(V)
C:MOD(F)
C:CIF (F)
D:F
D:F
D’Abelha (#5)
Parte I- Com base nos
números fornecidos ..
calcule ...:
a) resultado (lucro ou prejuízo);
b) custo contábil;
c) c) custo pleno.
BRUNI
RESPOSTAS
BRUNI
D’Abelha (#6)
Descrição
Total
Unitário
400.000,00
10,00
MP Consumida
Embalagem consumida
(120.000,00)
(64.000,00)
(3,00)
(1,60)
Subtotal dos custos variáveis
(184.000,00)
(4,60)
Salários industriais
(66.000,00)
(1,65)
Depreciações diversas
Outros custos indiretos (fixos)
(70.000,00)
(24.000,00)
(1,75)
(0,60)
Subtotal dos custos fixos
(160.000,00)
(4,00)
Subtotal dos custos
(344.000,00)
(8,60)
(=) Resultado bruto
56.000,00
Receitas
RESPOSTAS
Custos variáveis
Custos fixos
b
1,40
Despesas fixas
Conta de telefone anual
Sal administrativos e comerciais
(10.000,00)
(16.000,00)
(0,25)
(0,40)
Subtotal das despesas
(26.000,00)
(0,65)
Subtotal dos custos plenos
(370.000,00)
(9,25)
(=) Resultado operacional
30.000,00
0,75
c
a
BRUNI
D’Abelha (#6)
Descrição
Total
Unitário
400.000,00
10,00
MP Consumida
Embalagem consumida
(120.000,00)
(64.000,00)
(3,00)
(1,60)
Subtotal dos custos variáveis
(184.000,00)
(4,60)
Salários industriais
(66.000,00)
(1,65)
Depreciações diversas
Outros custos indiretos (fixos)
(70.000,00)
(24.000,00)
(1,75)
(0,60)
Subtotal dos custos fixos
(160.000,00)
(4,00)
Subtotal dos custos
(344.000,00)
(8,60)
(=) Resultado bruto
56.000,00
Receitas
RESPOSTAS
Custos variáveis
Custos fixos
b
1,40
Despesas fixas
Conta de telefone anual
Sal administrativos e comerciais
(10.000,00)
(16.000,00)
(0,25)
(0,40)
Subtotal das despesas
(26.000,00)
(0,65)
Subtotal dos custos plenos
(370.000,00)
(9,25)
(=) Resultado operacional
30.000,00
0,75
c
a
D’Abelha (#7)
 Parte II- Em janeiro
de 2002, ... Se você
fosse diretor
financeiro da
empresa, qual
deveria ser a sua
decisão: assinar ou
não o contrato?
BRUNI
RESPOSTAS
BRUNI
D’Abelha (#8)
Descrição
Total
Unitário
400.000,00
10,00
MP Consumida
Embalagem consumida
(120.000,00)
(64.000,00)
(3,00)
(1,60)
Subtotal dos custos variáveis
(184.000,00)
(4,60)
Salários industriais
(66.000,00)
(1,65)
Depreciações diversas
Outros custos indiretos (fixos)
(70.000,00)
(24.000,00)
(1,75)
(0,60)
Subtotal dos custos fixos
(160.000,00)
(4,00)
Subtotal dos custos
(344.000,00)
(8,60)
(=) Resultado bruto
56.000,00
Receitas
RESPOSTAS
Custos variáveis
Custos fixos
1,40
Preço = $6,00
(-) GVu = ($4,60)
Mg Cont = $1,40
$
Gasto
Gastofixo
var total
unit
total
Gasto
var
Despesas fixas
Conta de telefone anual
Sal administrativos e comerciais
(10.000,00)
(16.000,00)
(0,25)
(0,40)
Subtotal das despesas
(26.000,00)
(0,65)
Subtotal dos custos plenos
(370.000,00)
(9,25)
(=) Resultado operacional
30.000,00
0,75
Q
Capítulo
4
BRUNI
Os custos e seus
componentes
Objetivos do capítulo
 Distinguir os principais
componentes contábeis
dos custos
 Entender os principais
desafios envolvidos na
gestão de cada um dos
componentes
 Compreender o
mecanismo do rateio e
suas soluções parciais
BRUNI
Componentes contábeis ...
1
MD
Materiais
Diretos
Matéria-Prima
Embalagem
2
MOD
3
CIF
Mão-de-Obra Dir
Custos Indiretos
Mensurada e
identificada
de forma direta
Custos que não
são
MD nem MOD
 Materiais diretos
 Mão-de-obra
direta
 Custos indiretos
de fabricação
BRUNI
Sub-capítulo
BRUNI
Matéria
prima e
embalagem
Materiais Diretos
Materiais diretos (MD)
 Recursos
consumidos de forma
direta na elaboração
do produto ou na
prestação do serviço
 Indústria
 Matéria-prima
 Embalagem
 Comércio
 Mercadorias
BRUNI
Outro aspecto …
Avaliação de
Materiais Diretos
Programação
MOD
BRUNI
Financeira versus Gerencial …
 Restaurante Sabores e
Amores Ltda.
 Vinhos Encorpaddo
 Venda no mês de uma
unidade por $45,00
 Alíquota de IR igual a 20%
 Recebeu informação do
fornecedor: o produto
custará $50,00
BRUNI
BRUNI
Os estoques …
Mês de
aquisição
Quantidade
Custo Unitário
Janeiro
01
$20,00
Março
01
$30,00
Junho
01
$40,00
As diferentes visões …
 Resultado
 Um negócio deve dar lucro
 Patrimônio
 A riqueza dos proprietário
precisa ser registrada e
mensurada
 Caixa
 A parte mais sensível do
negócio
 $ no bolso
BRUNI
Formas de avaliar estoques e
custos
 PEPS – Primeiro a Entrar,
Primeiro a Sair
 UEPS – Último a Entrar,
Primeiro a Sair
 CM – Custo Médio
BRUNI
Os números da Sabores e
Amores
BRUNI
Contabilidade Financeira
PEPS
UEPS CM
Resultado
Receita
45
45
45
45
(-) Custo
(20)
(40)
(30)
(50)
(-) Despesas
(0)
(0)
(0)
(0)
(=) Lucro operacional
25
5
15
(5)
(-) Imposto de renda
(5)
(1)
(3)
-
20
70
4
50
12
60
(5)
(+) Entrada
45
45
45
45
(-) Saídas
(5)
(1)
(3)
(50)
(=) Caixa gerado
40
44
42
(5)
(=) Lucro líquido
Patrimônio Estoques
Caixa
Próximo
Gerencial
PrEPS
Para fixar o aprendizado
A Mercantil Som Maior efetuou as
seguintes compras do rádio Vitrola no
primeiro semestre
Mês Qtde
Jan
3
Fev
5
Mar
2
Soma 10
Val Un
300,00
400,00
500,00
Subtotal
900,00
2.000,00
1.000,00
3.900,00
Sabendo que em junho foram vendidas
6 unidades a $600,00 cada, calcule o
resultado empregando os critérios
PEPS, UEPS e Custo Médio.
BRUNI
Para fixar o aprendizado
UEPS
PEPS
CM
Mês Qtde Val Un
Jan
3 300,00
Fev
5 400,00
Mar
2 500,00
Soma 10
Mês
Mês
Jan
Mar
Soma
Fev
Soma
Qtde
Qtde
2
63
3
4
6
Val
Val Un
Un
300,00
500,00
390,00
400,00
PEPS
3.600,00
BRUNI
Subtotal
900,00
2.000,00
1.000,00
3.900,00
Subtotal
Subtotal
900,00
1.000,00
2.340,00
1.200,00
1.600,00
2.100,00
2.600,00
UEPS Custo Médio
3.600,00 3.600,00
Receita
(-) Custo (2.100,00) (2.600,00) (2.340,00)
1.260,00
1.000,00
1.500,00
(=) Res
Um dos aspectos a considerar
Programação de
Materiais Diretos
BRUNI
Uma perda compensatória …
Estocar
mais …
Ressuprir
mais …
BRUNI
Uma perda compensatória …
Estocar
versus
Pedir
BRUNI
BRUNI
E dente de serra …
Quantidade
Estoque médio?
Número de pedidos?
Q
Q/2
Tempo
N = Demanda/Quantidade = D/Q
Perfil de demanda ou dente de serra
O exemplo do ...
Consumo de
água
mineral
BRUNI
Um exemplo didático
 Consumo de água em
uma sala de aula
 Uma garrafa por dia
 30 garrafas por mês
Ressuprimentos Periódicos
Mesma Quantidade por Pedido
Q = 30 garrafas / pedido
BRUNI
No exemplo da água …
Quantidade
Estoque médio?
BRUNI
Q = 30
Número de pedidos?
Q
Q/2 = 30 ÷ 2 = 15 garrafas
Tempo
N = Demanda/Quantidade = D/Q = 30/30 = 1 pedido
Reduzindo a água comprada …
BRUNI
Q = 15
Quantidade Estoque médio?
Número de pedidos?
Q/2 = 15 ÷ 2 = 7,5 garrafas
Q
Tempo
N = Demanda/Quantidade = D/Q = 30/15 = 2 pedidos
Custos a considerar …
Estocagem
e
Pedidos
BRUNI
Custos a considerar …
Custo de
Estocagem
Depende do
estoque médio
BRUNI
Componentes dos custos de
estocagem
 Gastos explícitos
 Depreciação dos materiais
armazenados
 Energia
 Seguros
 Operação
 Gastos implícitos
 Custos de oportunidade
 Juros não recebidos
BRUNI
BRUNI
Custo total de estocagem
 Será função de:
 Estoque médio
 Custo unitário de
estocagem
Quantidade por pedido
Estoque médio
Custo unitário de
estocagem
Q
Q/2
Ce
Custo total de estocagem
CTe = Ce . Q/2
Custo total de estocagem
BRUNI
CTe ($)
CTe = Ce . Q/2
Aumenta à medida
que aumenta a
quantidade comprada
por pedido
(Q)
Concluindo …
Quanto menor
a quantidade
do pedido,
menor o custo
total de
estocagem
BRUNI
Custos a considerar …
Custo de
Pedidos
Depende do
número de pedidos
BRUNI
Componentes dos custos de
pedidos
 Gastos explícitos
 Fretes
 Gastos administrativos
com o pagamento
 Procesos operacionais
envolvidos com a
solitação
Não envolve o
pagamento dos
materiais comprados
BRUNI
BRUNI
Custo total de pedido
 Será função de:
 Número de pedidos
 Custo unitário de pedido
Quantidade por pedido
Demanda
Q
D
Número de pedidos
Custo unitário de
pedido
Custo total de pedido
CTp = Cp . D/Q
D/Q
Cp
CTP ($)
Custos de pedidos
BRUNI
CTp = Cp . D/Q
Diminui à medida
que aumenta a
quantidade comprada
por pedido
(Q)
Concluindo …
Quanto maior a
quantidade do pedido,
menor o custo total de
pedidos
BRUNI
BRUNI
Custos da gestão de materiais
CT ($)
Estocagem
+
Pedidos
LEC
Lote Econômico
de Compra
Ponto de mínimo custo
CT
CTe
CTp
LEC
(Q)
Lote Econômico de Compra
 Quantidade
comprada por
pedido que torna o
custo da gestão de
materiais diretos
mínimo
BRUNI
Analisando matematicamente
Custo Total da Gestão de Materiais
=
Estocagem
+
Pedidos
CT = Ce . Q/2 + Cp . D/Q
Função polinomial
Para obter o ponto de mínimo valor
Derivada igual a zero
BRUNI
Aplicando a matemática
BRUNI
CT = Ce . Q/2 + Cp . D/Q
Colocando Q em evidência …
CT = Ce/2 . Q1 + Cp.D . Q-1
Derivando e igualando a zero …
0 = (1).Ce/2 . Q1-1 + (-1).Cp.D . Q-1-1
Tchan … tchan ... tchan …
LEC 
2C P D
CE
Lote Econômico de Compra
Valor da quantidade comprada
por pedido que torna mínimo
os custos totais de gestão de
materiais diretos
LEC 
2C P D
CE
BRUNI
O mundo real e suas …
Imperfeições!!!
Demanda não
constante …
Atrasos do fornecedor
…
BRUNI
Um problema de Manaus …
BRUNI
Sem chuva …
Caminhão não embarca!
Sérios atrasos na
entrega!
BRUNI
Ajustando ao mundo real
Demanda pode apresentar
instabilidade ou entrega atrasar
Fornecedor entrega
com prazo não nulo
Quantidade
Q
Estoque de segurança
Ponto de pedido
Prazo
Tempo
Gráfico finalizado
Q
BRUNI
Quantidade
Ponto
de pedido
Estoque de segurança
Prazo
Tempo
Sub-capítulo
BRUNI
Mão-de-obra Direta
Conceito de mão-de-obra direta
Trabalho empregado de
forma direta no
produto ou serviço
 Salários
 Encargos
 Benefícios
Mensuração
objetiva
BRUNI
O efeitos dos encargos sociais
...
 Ao analisar os gastos
com mão-de-obra, é
preciso lembrar dos
encargos e benefícios ...
É
verdade!
BRUNI
Mão de Obra e Gastos
“Diz-se que, no Brasil, o
trabalhador ganha
muito pouco e custa
muito caro”
Efeito dos encargos e benefícios
sobre as folhas de pagamento
BRUNI
Exemplo horista … “no osso”!
 Semana não inglesa
 com trabalho em seis dias
 sem compensação dos
sábados
 44 horas semanais
 Jornada diária igual a 44/6
= 7,3333 horas/dia
 Remuneração …
$100,00/hora
BRUNI
BRUNI
Quantos dias em um ano?
 Número de dias por ano
365
 (-) Repousos semanais
remunerados
-48
 (-) Férias
-30
 (-) Feriados (em média)
-12
 (=) Número máximo de dias à
disposição
275
Horas no ano = 275 x 7,3333 = 2.016
Compondo os valores anuais
h/dia
BRUNI
Descrição
Dias
$/h
Salários
275
7,3333
100,00 201.666,67
Repousos semanais
48
7,3333
100,00
35.200,00
Férias
30
7,3333
100,00
22.000,00
(22.000,00 / 3) =
1/3 Férias
Subtotal
7.333,33
13º Salário
30
7,3333
100,00
22.000,00
Feriados e faltas abonadas
12
7,3333
100,00
8.800,00
Soma
297.000,00
Variação: quase 50%
Mais uns percentuaiszinhos …
Contribuições percentuais
BRUNI
%
Previdência Social
20
Fundo de Garantia
8,5
Multa sobre FGTS
4
Seguro - acidentes de trabalho
3
Salário – educação
2,5
SESI ou SESC
1,5
SENAI ou SENAC
1,2
INCRA
0,2
SEBRAE
0,6
Total
41,5
Soma %
41,5%
BRUNI
Síntese
Salário base: $100,00
Descrição
$
Subtotal anteriormente obtido
297.000,00
Acréscimo legal de outras contribuições (41,50%)
123.255,00
Total com contribuições
420.255,00
Número de horas trabalhadas por ano
Total geral por hora
2.016,67
208,39
Variação: 108,39%
Considerando salário mensal
Descrição
BRUNI
$
Salário base
100,00
Férias (1/12)
8,33
1/3 de Férias
2,78
13o Salário (1/12)
8,33
Sub-total
119,44
Contribuições (41,50%)
49,57
Total
169,01
Percentual de acréscimo
69%
Variação: 69%
E no mundo …
Real?
BRUNI
http://www.abemi.org.br/
BRUNI
Encargos na prática
BRUNI
Acréscimo de 138,59%
BRUNI
Para mensalistas ...
BRUNI
Acréscimo igual a 84,78%
BRUNI
Para sempre lembrar …
Resolva os
exercícios
sugeridos na
página 158 do
livro!!!
BRUNI
Sub-capítulo
BRUNI
Custos Indiretos de
Fabricação
Característica principal …
Sem
mensuração
objetiva
BRUNI
Um balaio de gatos ...




Depreciação industrial
Salários de supervisores
Aluguéis de fábricas
Energia mensurada para a
fábrica em geral
Valores não
apontados
BRUNI
Custos indiretos
 A sua
identificação
aos produtos ou
serviços
motivam a
existência da
Contabilidade
de Custos
BRUNI
Sim ... e daí?!?
Eu sou a mosca
que pousou na sua
sopa ... eu sou os
gastos
indiretos !!!
BRUNI
A relevância dos indiretos ...
Com o aumento da
automatização dos
processos e da
diversidade de
produtos ou
serviços, sua
complexidade se
eleva
BRUNI
Dividindo os indiretos ...
 Segundo o Custeio por
Absorção é preciso alocar
todos os custos aos
produtos
 Inclusive os indiretos
 Rateio: divisão dos gastos
indiretos e alocação aos
produtos ou serviços
BRUNI
Entendendo a …
Base de rateio
Critério externo para
efetuar a divisão ou
aplicar a regra de três
Exemplo comum: MOD
Quanto mais trabalhoso
um produto é, maior o
consumo de CIFs
BRUNI
BRUNI
Exemplo de rateio
Custos
indiretos:
$700,00
Dois
produtos:
Alfa
Gama
Produto
Alfa
Gama
Soma
MD $
250,00
450,00
700,00
MOD $
300,00
200,00
500,00
Considerando $500,00 = 100%
MOD %
60%
40%
100%
CIF $
420,00
280,00
700,00
Custo $
970,00
930,00
1.900,00
Aplicando uma regra de três
Porém é possível usar …
 Diferentes bases de
rateio
 Lei estabelece o
custeio por
absorção, que exige
o rateio
 Porém, não diz como
fazer o rateio!
BRUNI
Possíveis bases de rateio
 Mão-de-obra direta
 Custos diretos ou
primários
 Quantidades
produzidas
 Homens hora
 Horas máquina
BRUNI
Para refletir um pouquinho …
Amenizando os
problemas das
divisões de custos
indiretos …
 Centros de custos
 Custeio por atividades
BRUNI
Um controle particularizado …
 Centros de custos
 Unidades de
registros de
informações de
receitas e gastos
 Centros de
resultados
 Departamentos
BRUNI
Custeio por departamentos
 Custos são alocados em
departamentos ou centros de
custos
 Posteriormente são
transferidos aos produtos ou
serviços
BRUNI
Dos departamentos aos
produtos
É preciso transferir
gradualmente os custos
dos departamentos aos
produtos
Custos
Produtos
Serviços
Departamentos
BRUNI
Dos departamentos aos
produtos
BRUNI
Planejamento
e Controle
da Produção
Custos
Manutenção
Produção
Produto A
Produto B
Centros de custos
 Dois aspectos a
considerar
 Existência de um
responsável
 Maior facilidade na
associação de gastos
indiretos
BRUNI
BRUNI
Existência de um responsável
Os gastos com refeições
aumentaram!!!
Quem foi o
irresponsável???
Chefe de Serviços
Gerais e Administrativos
ELE!!!
Associação de gastos indiretos
Sem Centros de Custos
CIFs
Aluguel
Manutenção
Rateio
A
B
BRUNI
Melhor associação
Com Centros de Custos
CIFs
Aluguel
Manutenção
Rateio
Rateio
A
B
Melhoria nos critérios de
alocação de gastos indiretos!!
BRUNI
BRUNI
Rateando Sonhe Bem …
Soneca
20
Cochilo
10
Descanso
20
Total
Un
Total
Un
Total
Un
MD
(200)
(10)
(300)
(30)
(500)
(25) (1.000)
MOD
(160)
(8)
(240)
(24)
(100)
(5)
Rateio
40%
CIF
(240)
(12)
(120)
(12)
(240)
(12)
Custos
(600)
(30)
(660)
(66)
(840)
(42) (2.100)
20%
40%
Soma
(500)
100%
(600)
Outras informações importantes …
CIFs
Aluguel ($300,00)
Função da área utilizada
Depreciação ($200,00)
Função do imobilizado
Outros ($100,00)
Rateados em função das Un
Departamentalizando os gastos
Aluguéis
$300,00 …
Aluguel
Soneca
Cochilo
Descanso
Total
Área
200
300
500
1000
Percentual
20%
30%
50%
100%
BRUNI
Departamentalizando os gastos
Depreciação
$200,00 …
Depreciação
Soneca
Cochilo
Descanso
Total
Imobilizado
700
800
500
2000
Percentual
35%
40%
25%
100%
Os outros no valor de $100,00 podem ser
rateados com base na MOD
BRUNI
Juntando as informações
BRUNI
Refinamos as
informações sobre
custos …
Soneca
20
Cochilo
10
Descanso
20
Soma
Total
Un
Total
Un
Total
Un
(200)
(10,00)
(300)
(30,00)
(500)
(25,00)
(1.000)
MD
(160)
(8,00)
(240)
(24,00)
(100)
(5,00)
(500)
MOD
(360)
(18,00)
(540)
(54,00)
(600)
(30,00)
(1.500)
CD
200
300
500
1.000
Área
20%
30% no valor de
50%$300,00
100%
Rateio
Rateando
o aluguel
(60)
(3,00)
(90)
(9,00)
(150)
(7,50)
(300)
Aluguel
700
800
500
2.000
Equip
35%
40%
25%
RateioRateando
a depreciação
no valor
de $200,00 100%
(70)
(3,50)
(80)
(8,00)
(50)
(2,50)
(200)
Deprec
40%
20%
40%
100%
Rateio
(40)
(2,00)
(20)
(2,00)
(40)
(2,00)
(100)
Outros
Rateando
valor de(240)
$100,00
(170)
(8,50)outros
(190) no (19,00)
(12,00)
(600)
CIF
(530)
(26,50)
(730)
(73,00)
(840)
(42,00)
(2.100)
Custos
Informações agrupadas
MD
MOD
CD
Área
Rateio
Aluguel
Equip
Rateio
Deprec
Rateio
Outros
CIF
Custos
Soneca
Total
(200)
(160)
(360)
200
20%
(60)
700
35%
(70)
40%
(40)
(170)
(530)
20
Un
(10,00)
(8,00)
(18,00)
(3,00)
(3,50)
(2,00)
(8,50)
(26,50)
Cochilo
Total
(300)
(240)
(540)
300
30%
(90)
800
40%
(80)
20%
(20)
(190)
(730)
10
Un
(30,00)
(24,00)
(54,00)
(9,00)
(8,00)
(2,00)
(19,00)
(73,00)
BRUNI
Descanso
Total
(500)
(100)
(600)
500
50%
(150)
500
25%
(50)
40%
(40)
(240)
(840)
20
Un
(25,00)
(5,00)
(30,00)
(7,50)
(2,50)
(2,00)
(12,00)
(42,00)
Soma
(1.000)
(500)
(1.500)
1.000
100%
(300)
2.000
100%
(200)
100%
(100)
(600)
(2.100)
Uma perda compensatória …
Benefício decorrente
da informação sobre
custos
versus
Gasto incorrido para a
obtenção da
informação
BRUNI
Purificando a informação ...
Custeio Baseado
em Atividades
BRUNI
Uma constatação …
Atividades consomem
recursos da empresa
…
BRUNI
Melhores divisões ...
Usarei as
atividades como
direcionadoras
dos custos !!!
BRUNI
Custeio por atividades
 Em ambientes
competitivos, com
múltiplos produtos e
serviços, os sistemas
tradicionais de custeio
podem falhar
 Rateios ineficientes
 Bases volumétricas
BRUNI
Direcionadoras de custos
 Atividades podem ser
empregadas como
direcionadoras de custos
 Levantar atividades
 Recursos consumidos para
a prestação das atividades
 Elaborar custeio
BRUNI
Um caso didático
Atacadão
versus
Varejinho
BRUNI
Leia o caso na
página 172 do
livro!!!
BRUNI
Números principais
Descrição
Custos diretos
Custos
indiretos
Atacadão
18.000,00
Varejinho
32.000,00
Soma
50.000,00
140.000,00
BRUNI
Volumes transportados
Unidades
transportadas
Atac
Varej
Soma
Q
640
160
800
%
80%
20%
100%
BRUNI
Rateio volumétrico
Descrição
Custos diretos
Atacadão
18.000,00
Varejinho
32.000,00
Soma
50.000,00
Unid transp (A)
640
160
800
Unid transp %
80%
20%
100%
Custos indiretos
112.000,00
28.000,00
140.000,00
Soma
dos
custos (B)
130.000,00
60.000,00
190.000,00
Custo
unitário
(B/A)
203,13
375,00
BRUNI
Rateio volumétrico
Descrição
Custos diretos
Atacadão
18.000,00
Varejinho
32.000,00
Soma
50.000,00
Unid transp (A)
640
160
800
Unid transp %
80%
20%
100%
Custos indiretos
112.000,00
28.000,00
140.000,00
Soma
dos
custos (B)
130.000,00
60.000,00
190.000,00
Custo
unitário
(B/A)
203,13
375,00
Diferenças básicas
 Atacadão: maiores
volumes
 Varejinho: 1 unidade por
entrega
 Atacadão: 16 unidades por
entrega
 Custos indiretos das
operações decorrem do
número de atividades de
entrega
 E não do volume
transportado!
BRUNI
BRUNI
Entregas …
Entregas
realizadas
Atacadão
Varejinho
Soma
Q
40
160
200
%
20%
80%
100%
BRUNI
Análise das atividades
Descrição
Custos diretos
Entregas realizadas
Entregas realizadas %
Atacadão
18.000,00
Varejinho
32.000,00
Soma
50.000,00
40
160
200
20%
80%
100%
Custos indiretos
28.000,00
112.000,00 140.000,00
Soma dos custos
46.000,00
144.000,00 190.000,00
Unidades transportadas
Custo unitário
640
71,88
Custo unitário (rateio tradicional)
203,13
160
900,00
375,00
Capítulo
5
BRUNI
Os custos e a
margem de contribuição
Objetivos do capítulo
 Calcular a margem de
contribuição
 Identificar a importância da
margem de contribuição no
processo de tomada de
decisão
 Analisar os cuidados
associados ao uso da margem
de contribuição nas decisões
de longo prazo
BRUNI
Recordar é viver …
 Da aula anterior …
 Componentes contábeis dos
custos
MD: avaliação e programação
MOD: análise de encargos
CIF: rateio
 A depender do critério,
diferentes custos são obtidos
BRUNI
Hoje …
Custos
indiretos
e decisão
BRUNI
Um processo simples …
BRUNI
Uns numerozinhos legais
Dado
Lapiseira
Caneta
Preço
0,50
0,70
Qtde
1.000
1.000
MD
100,00
400,00
MOD
140,00
60,00
Outros dados:
Custos indiretos:
$400,00
MOD MD
BRUNI
Calculando os custos individuais
Lapiseira 1000
Caneta
1000
Total
Total
Un
Total
Un
Geral
500,00
0,50
700,00
0,70
1.200,00
MD
(100,00)
(0,10)
(400,00)
(0,40)
(500,00)
MOD
(140,00)
(0,14)
(60,00)
(0,06)
(200,00)
Receita
MOD%
70%
30%
Cortar?
100%
CIF
(280,00)
(0,28)
(120,00)
(0,12)
(400,00)
Custos
(520,00)
(0,52)
(580,00)
(0,58)
(1.100,00)
Resultado
(20,00)
(0,02)
120,00
0,12
100,00
Só isso !!!
Prejuízo!
BRUNI
Vamos
ratear!
Calculando os custos individuais
Lapiseira 1000
Caneta
1000
Total
Total
Un
Total
Un
Geral
500,00
0,50
700,00
0,70
1.200,00
MD
(100,00)
(0,10)
(400,00)
(0,40)
(500,00)
MOD
(140,00)
(0,14)
(60,00)
(0,06)
(200,00)
Receita
MOD%
70%
30%
100%
CIF
(280,00)
(0,28)
(120,00)
(0,12)
(400,00)
Custos
(520,00)
(0,52)
(580,00)
(0,58)
(1.100,00)
Resultado
(20,00)
(0,02)
120,00
0,12
100,00
BRUNI
Eu quero solução!!!
Cortar a
produção
de
lapiseiras
BRUNI
BRUNI
Excluindo as lapiseiras
Lapiseira 1000
Receita
Caneta
1000
Total
Total
Un
Total
Un
Geral
500,00
0,50
700,00
0,70
1.200,00
?
MD
(100,00)
(0,10)
(0,40)
(500,00)
MOD
(140,00)
(0,14)
(60,00)
(0,06)
(200,00)
CIF
X
(400,00)
(280,00)
(0,28)
(120,00)
Custos
(520,00)
(0,52)
(580,00)
Resultado
(20,00)
(0,02)
120,00
MOD%
70%
30%
100%
?
(0,12)
(400,00)
(0,58)
(1.100,00)
0,12
100,00
O resultado das canetas
Caneta
1000
Total
Total
Un
Geral
700,00
0,70
700,00
MD
(400,00)
(0,40)
(400,00)
MOD
(60,00)
(0,06)
(60,00)
MOD%
100%
Receita
100%
CIF
(400,00)
(0,40)
(400,00)
Custos
(860,00)
(0,86)
(860,00)
Resultado
(160,00)
(0,16)
(160,00)
BRUNI
Novos números financeiros
E se a base de
rateio for
trocada?
BRUNI
BRUNI
MD como base de rateio
Lapiseira 1000
Caneta
1000
Total
Total
Un
Total
Un
Geral
500,00
0,50
700,00
0,70
1.200,00
MD
(100,00)
(0,10)
(400,00)
(0,40)
(500,00)
MOD
(140,00)
(0,14)
(60,00)
(0,06)
(200,00)
Receita
MD%
MOD%
20%
80%
100%
CIF
(80,00)
(0,08)
(320,00)
(0,32)
(400,00)
Custos
(320,00)
(0,32)
(780,00)
(0,78)
(1.100,00)
180,00
0,18
(80,00)
(0,08)
100,00
Resultado
Cortar?
Prejuízo!
BRUNI
MD como base de rateio
Lapiseira 1000
Caneta
1000
Total
Total
Un
Total
Un
Geral
500,00
0,50
700,00
0,70
1.200,00
MD
(100,00)
(0,10)
(400,00)
(0,40)
(500,00)
MOD
(140,00)
(0,14)
(60,00)
(0,06)
(200,00)
Receita
MOD%
20%
80%
100%
CIF
(80,00)
(0,08)
(320,00)
(0,32)
(400,00)
Custos
(320,00)
(0,32)
(780,00)
(0,78)
(1.100,00)
180,00
0,18
(80,00)
(0,08)
100,00
Resultado
E agora?
Qual a
soluçao?
BRUNI
BRUNI
Margem de contribuição
Lapiseira 1000
Caneta
1000
Total
Total
Un
Total
Un
Geral
500,00
0,50
700,00
0,70
1.200,00
MD
(100,00)
(0,10)
(400,00)
(0,40)
(500,00)
MOD
(140,00)
(0,14)
(60,00)
(0,06)
(200,00)
260,00
0,26
240,00
0,24
500,00
Receita
MC
CIF
Custos
Resultado
Margens positivas
Os dois produtos
contribuem para
a formação do lucro
(400,00)
(1.100,00)
100,00
Analisar a margem de contribuição
MC = Receitas – Gastos Variáveis
MC = Receitas – MD - MOD
Pensando …
E aí?
Qual a
soluçao?
Não eliminar nenhum
dos produtos !!!
BRUNI
Respostas …
Ortodoxas
Aumento
de preços
Aumento
de quantidades
Redução
de custos
BRUNI
Outras respostas …
Heterodoxas
Aumento
do mix
Redução dos
custos rateados
Economias
de escopo
BRUNI
Para pensar …
BRUNI
Conclusão da análise
da Fábrica de Brindes
Supresa
Rateio pode ser
ilusório!!!
Qual a imagem?
BRUNI
Que bicho é esse?
BRUNI
Sapo!
Gire!
E agora?
Maior dos círculos centrais?
BRUNI
Qual o maior?
Pense bem!!!
E agora?
BRUNI
Uma síntese ...
Processo de
tomada de
decisões:
rateios
dificultam a
gestão
BRUNI
De fundamental importância …
Para decidir …
fuja dos
rateios!!!
Quantifique todos
os gastos diretos e
evite ratear!!!
BRUNI
Métodos de custeio
 Absorção
estoques absorvem
custos fixos e indiretos
margem de lucro
 Variável ou direto
estoques absorvem
apenas os gastos
variáveis ou diretos
margem contribuição
BRUNI
Para
tomar
decisões,
fuja do
rateio!!!
Um conceito essencial
Receitas
-
Gastos
Variáveis
=
Margem de
contribuição
BRUNI
Esqueça
rateios!!!
Para fixar a aprendizagem
 Uma loja de artesanatos compra
um vaso de cerâmica por $16,00 e
o vende por $30,00. Sabendo que
sobre o preço de venda incidem
impostos no valor de 10% e que a
empresa paga uma comissão aos
seus funcionários de 5%, calcule a
margem de contribuição
registrada para o vaso de
cerâmica
BRUNI
MC do artesanato
Margem de contribuição
Receita
$30,00
(-) CMV
($16,00)
(-) Despesas
( $1,50)
(-) Impostos
( $3,00)
Margem Contrib
$9,50
BRUNI
Para rir e pensar …
Uma estória
engrançada …
BRUNI
O caso dos amendoins …
UNS POUCOS AMENDOINS
E MUITAS DÚVIDAS
Leia a estória apresentada a
seguir e discuta: vale a
pena vender os
amendoins?
BRUNI
Para entender o caso …
Tudo o que é preciso saber
antes de ampliar o seu
negócio - ou de como há
mais coisa entre você e o
seu lucro do que pode
imaginar a vã filosofia...
BRUNI
O empreendedor …
 Jane Gudaidias, dona de
uma pequena casa de
lanches rápidos, decidiu
colocar sobre o balcão do
estabelecimento uma
prateleira com alguns
saquinhos de amendoins
com a esperança de faturar
um dinheiro extra.
BRUNI
Um contador … de estória …
 Comunicou a importante
decisão ao seu homem de
confiança, o contador
Rateando Comvontade,
que de tão perspicaz e
rápido em defender seus
pontos de vista, sempre
lhe pareceu um superherói das finanças.
Aqui, segue a conversa
entre os dois.
BRUNI
Rateando
 - Srta. Gudaidias, você
disse que colocou estes
amendoins aqui no balcão
porque alguns clientes
estavam pedindo. Mas eu
pergunto: será que você
sabe mesmo quanto os tais
amendoins vão lhe custar?
BRUNI
Gudaidias
 - Do que você está falando?
É claro que não vão custar
grande coisa! Amendoim é
artigo barato. Por isso, vão
dar lucro, um belo lucro. Eu
paguei uns $250,00 por
esta prateleira, assim os
amendoins vão chamar
mais atenção dos
fregueses, mas este
desembolso é praticamente
nada.
BRUNI
Gudaidias (cont)
 Depois, cada saquinho me
custa $0,50 e eu vou vender
por $1,00. Espero vender 50
por semana, para começar,
e se tudo correr como eu
imagino, em dez semanas
eu cubro os custos da
prateleira. Depois disso,
passo a ganhar $0,50 em
cada saquinho de
amendoim.
BRUNI
Rateando
 - Lamento dizer, srta.
Gudaidias, mas essa é uma
abordagem antiquada,
ultrapassada e
absolutamente não-realista.
Não é assim que se
raciocina quando se quer
decidir pela implantação de
um negócio.
BRUNI
Rateando (cont)
 Felizmente, os modernos
procedimentos contábeis
permitem traçar um quadro
mais preciso da situação
que, indiscutivelmente,
revelará complexidades
subjacentes,
importantíssimas de se
levar em conta antes de
seguir em frente.
BRUNI
Gudaidias
- O quê?
BRUNI
Rateando
 - Calma, calma, eu explico.
Você não pode pensar
nesses amendoins
isoladamente. Eles devem
ser integrados às suas
operações comerciais. Isso
significa que os amendoins
precisam arcar com a sua
parcela nos custos gerais
do negócio.
BRUNI
Rateando (cont)
 Eles não podem, de
maneira alguma, ficar
alheios à parte que lhes
cabe nos gastos do
aluguel, aquecimento, luz,
depreciação dos
equipamentos, decoração,
salários das garçonetes, do
cozinheiro...
BRUNI
Gudaidias
 - Do cozinheiro? Mas o que
é que o cozinheiro tem a ver
com os amendoins? Ele
nem sabe que eu tenho os
amendoins...
BRUNI
Rateando
 - Veja bem, srta. Gudaidias,
acompanhe o meu
raciocínio. O seu cozinheiro
está, como não poderia
deixar de ser, na cozinha, e
é a cozinha que prepara a
comida. A comida atrai as
pessoas para cá, e são as
pessoas que perguntam se
você tem amendoins para
vender.
BRUNI
Rateando (cont)
 É por isso que você deve
fazer com que os
amendoins paguem uma
parte do ordenado do
cozinheiro e também uma
parte dos seus próprios
ganhos.
BRUNI
Rateando (cont)
 Nestas contas que eu fiz
com cuidado, levando em
consideração todos os
custos da casa, fica bem
claro: o negócio dos
amendoins precisa arcar
semanalmente com
$127,00 dos gastos gerais.
BRUNI
Gudaidias
 - Os amendoins? Gastam
$127,00 por semana de
gastos gerais? Os
coitados dos amendoins?
Ai meu Deus!
BRUNI
Rateando
 - Na ponta do lápis, é um
pouco mais do que isto.
Não se pode esquecer que
você também gasta
dinheiro todas as semanas
para lavar as prateleiras,
para mandar varrer o chão
e para repor o sabonete do
toalete. Com isso, os
custos plenos atingem
$131,00 por semana.
BRUNI
Gudaidias
 - (pensativa) Mas quem me
vendeu os amendoins me
garantiu que eu ia ganhar
um bom dinheiro com eles.
É só colocar os saquinhos
à vista do freguês e ir
faturando cinqüenta
centavinhos de lucro em
cada um, ele me disse.
BRUNI
Rateando
 - (com um certo ar de
superioridade) Acontece
que esse vendedor não é
um teórico em
Contabilidade de Custos,
como eu. Não leva os
detalhes em conta. Por
exemplo, você sabe quanto
vale aquele canto no balcão
onde está a prateleira dos
amendoins?
BRUNI
Gudaidias
 - Que eu saiba, nada. Não
me serve para nada; é só
um pedaço de balcão sem
utilidade.
BRUNI
Rateando
 - Um enfoque moderno de
custos não permite a
existência de locais sem
limites num negócio. O
seu balcão tem cerca de
seis metros quadrados, e
fatura em torno de
$15.000,00 por ano.
BRUNI
Rateando (cont)
 Calculei com precisão o
espaço ocupado pela
prateleira dos amendoins e
posso afirmar que ela lhe
custa $ 25,00 por semana.
Como a prateleira está
impedindo que o balcão
seja usado, não há outra
alternativa senão cobrar a
ocupação do balcão.
BRUNI
Gudaidias
 - Isso por acaso quer dizer
que eu vou ter de repassar
mais esses $ 25,00
semanais para o preço dos
amendoins?
BRUNI
Rateando
 - Exatamente. O que
elevaria a sua parcela de
custos operacionais gerais
com os amendoins para um
total final e definitivo de $
156,00 por semana.
BRUNI
Rateando (cont)
 Ora, como você pretende
vender 50 saquinhos de
amendoins por semana, se
efetuarmos a alocação dos
custos, vamos constatar
que estes saquinhos
deverão ser vendidos por
$3,12 cada um, e não por
$1,00.
BRUNI
Gudaidias
- O quê?
BRUNI
Rateando
 - Ah! Ainda estamos
esquecendo uma coisa: a
esse preço, deve ser
acrescentado o custo da
compra de $0,50 por
saquinho, o que perfaz um
total de $25,00 por
semana.
BRUNI
Rateando (cont.)
 Deste modo, você há de
compreender que,
vendendo amendoins a
$1,00, como era a sua
intenção, estará incorrendo
num prejuízo de $ 2,62 em
cada venda. Portanto, o
amendoim terá que ser
comercializado a $ 4,12
para manter o lucro de
$0,50.
BRUNI
Gudaidias
 - Mas isso é uma loucura!
A esse preço eu não
conseguirei vender os
amendoins! Fica muito
caro!
BRUNI
Rateando
 - De jeito nenhum! Os
números não mentem
jamais, e eles provam que o
seu negócio de amendoins
não tem futuro.
BRUNI
Gudaidias
 - (com ar de quem
descobriu o pulo do gato)
E se eu vender muito,
muito amendoim, digamos
1.000 saquinhos por
semana em vez de 50?
BRUNI
Rateando
 - (com toda paciência do
mundo) Srta. Gudaidias,
parece que você não
compreende o problema...
Se o volume de vendas
aumentar, os gastos
operacionais também
aumentarão.
BRUNI
Rateando (cont.)
 Você terá mais trabalho,
isso lhe tomará mais tempo
e, como haverá mais
mercadoria em jogo, a
depreciação será maior.
BRUNI
Rateando (cont.)
 O princípio básico da
contabilidade é inequívoco
nesse ponto: "Quanto
maior a operação, maiores
os gastos a serem
alocados".
BRUNI
Rateando (cont.)
 Não, não, infelizmente
aumentar o volume de
vendas não vai ajudar
neste caso. Análises
modernas de custos são
para isso mesmo, srta.
Gudaidias. Para que não
haja ilusões no mundo dos
negócios.
BRUNI
Gudaidias
 - Tudo bem, tudo bem.
Então o que é que eu
faço?
BRUNI
Rateando
 - (condescendente) Bem,
você poderia reduzir os
custos operacionais. Para
começar, mude-se para um
prédio de aluguel mais
barato.
BRUNI
Rateando (cont.)
 Depois, reduza os salários
dos seus funcionários.
Passe a lavar as janelas a
cada 15 dias e mande
varrer o chão só às
quintas-feiras. Acabe com
a mordomia do sabonete
na pia do toalete.
BRUNI
Rateando (cont.)
 Diminua o valor do metro
quadrado do seu balcão. Se
com tudo isso você reduzir
suas despesas em 50%, a
parcela que cabe aos
amendoins cairá
substancialmente. Ai, os
amendoins poderão ser
vendidos a $ 3,00 o
saquinho para ter lucro.
BRUNI
Gudaidias
 - (pasma) Você quer dizer
que, mesmo depois de
cortar os meus custos
operacionais pela metade,
eu ainda vou ter que cobrar
$ 3,00 por saquinho de
amendoins? Ninguém é
bobo de pagar este preço!
Quem é que vai querer
comprar os meus
amendoins?
BRUNI
Rateando
 - Esse são outros
quinhentos, srta.
Gudaidias. O fato é que a
este valor você estaria
vendendo amendoins a um
preço baseado numa real e
relevante estimativa dos
custos já reduzidos.
BRUNI
Gudaidias
 - (afobada) Olhe aqui, eu
tenho uma idéia melhor.
Por que eu não jogo fora
de uma vez todos esses
malditos amendoins? Que
tal se eu colocar todos
eles no lixo?
BRUNI
Rateando
 - Você pode se dar a esse
luxo?
BRUNI
Gudaidias
 - Mas é claro. Eu só
comprei 50 saquinhos, que
me custaram uns trocados,
apenas. Meu maior gasto
foi com a prateleira, mas
tudo bem, prefiro perder
esse dinheiro e cair fora
desse negócio maluco.
BRUNI
Rateando
 - (balançando a cabeça) Aí é
que você se engana; as
coisas não são assim tão
simples. Afinal, você já
ingressou o ramo dos
amendoins, e no instante
em que se desfizer deles
estará acrescentando $
156,00 semanais - a parte
deles, no seu negócio – aos
gastos da sua operação.
BRUNI
Rateando (cont.)
 Portanto, seja realista:
será que você pode
mesmo encerrar as
vendas dos amendoins?
BRUNI
Gudaidias
 - (arrasada) Eu não acredito!
Na semana passada, eu era
uma próspera comerciante,
tinha pela frente a
perspectiva de um dinheiro
a mais e agora estou aqui,
metida em uma complicação
daquelas só porque eu
pensei que uns amendoins
no balcão poderiam
melhorar o meu caixa.
BRUNI
Rateando
 - (erguendo a sobrancelha)
Vamos, vamos, srta.
Gudaidias, não é o fim do
mundo. Ainda bem que nós
temos essas análises
modernas de custos. Sem
elas, como poderíamos
desfazer falsas ilusões
como essa dos
amendoins?
BRUNI
Assim …
Em outras palavras ...
muito cuidado com
o rateio de custos
indiretos.
BRUNI
Um brincadeira de Anthony
Robert Newton Anthony
O Caso Joe
Contabilidade Financeira
Contabilidade Gerencial
BRUNI
A evolução de Rateando …
 Com alguma razão …
Salário do cozinheiro
 Louco varrido
Pare de varrer o chão
Corte a mordomia do sabonete
Reduza os salários
Mude-se para imóvel mais
barato
Os números não mentem jamais
BRUNI
Como pensa Gudaidias
Lucro?
Ganho!
Venderei por $1,00
Comprarei por $0,50
Ganharei
+$0,50
Margem de contribuição
BRUNI
Um síntese …
BRUNI
Margem de contribuição
Decisões de curto prazo
BRUNI
 No curto prazo,
geralmente, custos fixos
são irrelevantes no
processo de decisão
 Ignorá-los
 Custeio variável
Rateio
Gestor
Custeio variável
Apenas os gastos variáveis
são alocados aos produtos
ou serviços
Margem de contribuição
BRUNI
E o que fazer com os fixos?
 Esqueça o
mecanismo de
absorção
 Lance os gastos
fixos diretamente
contra o resultado
BRUNI
Então, a MC é mágica?
A margem de
contribuição
não é uma
solução mágica
BRUNI
Decisões de longo prazo
 Nas decisões de longo
prazo torna-se necessário
considerar os efeitos de
todos os gastos
 Custos e Despesas
 Fixos e Variáveis
A margem é útil em decisões
de curto prazo, quando os
gastos fixos já estão pagos!
BRUNI
Passos para solução
1.Identifique o
gargalo
2.Otimize a
margem por
uso do gargalo
BRUNI
Teoria das restrições
 Físico israelense
Eliah Goldratt
 Otimizar recursos
no gargalo
…
BRUNI
Cia dos Assentos
BRUNI
 A Cia. dos Assentos S.A. faz três produtos. Dados
relativos a estes produtos são mostrados a
seguir:
Produtos
Tamboretes
Bancos Cadeiras
Preço atual de venda
$20
$30
$50
Custos variáveis
6
12
20
Margem de contribuição 14
18
30
Tempo (em min)
10
15
30
 A empresa tem somente 30.000 minutos de tempo
disponível por semana e pode vender, no máximo,
3000 unidades de cada produto.
Qual mix de produção a firma deve fabricar?
BRUNI
Números Deliciosos
Descrição do gasto
Mão-de-obra direta alocada ao produto
Compota (variável)
Preço por kg do produto Compota
Materiais diretos consumidos (Compota =
70%, Cascão = 30%)
Valor
$80.000,00
$4,50
$300.000,00
RESPOSTAS
Custo (MOD)
Receita
Custo (MD)
Custo (CIF)
Outros custos indiretos (todos fixos)
$50.000,00
Depreciação das máquinas e equipamentos
fabris
$60.000,00
Custo (CIF)
Produção e vendas mensais do produto
Cascão
150.000 Kg
Volume
Receita
Preço por kg do produto Cascão
$1,50
Mão-de-obra direta alocada ao produto
Cascão (variável)
$120.000,00
Produção e vendas mensais do produto
Compota
100.000 Kg
Volume
Aluguel do galpão da fábrica
$40.000,00
Custo (CIF)
Custo (MOD)
BRUNI
RESPOSTAS
Resposta Deliciosa
Descrição
Receita
Compota
100000
Cascão
150000
Total
Unitário
Total
Unitário
Soma
450.000,00
4,50
225.000,00
1,50
675.000,00
(210.000,00)
(2,10)
(90.000,00)
(0,60)
(300.000,00)
MOD
(80.000,00)
(0,80)
(120.000,00)
(0,80)
(200.000,00)
CIF
(60.000,00)
(0,60)
(90.000,00)
(0,60)
(150.000,00)
MD
rateio %
Custos
40%
60%
100%
(350.000,00)
(3,50)
(300.000,00)
(2,00)
(650.000,00)
Resultado
100.000,00
1,00
(75.000,00)
(0,50)
25.000,00
Margem
de
contribuição
160.000,00
1,60
15.000,00
0,10
175.000,00
BRUNI
RESPOSTAS
Resposta Deliciosa
Descrição
Receita
Compota
100000
Cascão
150000
Total
Unitário
Total
Unitário
Soma
450.000,00
4,50
225.000,00
1,50
675.000,00
(210.000,00)
(2,10)
(90.000,00)
(0,60)
(300.000,00)
MOD
(80.000,00)
(0,80)
(120.000,00)
(0,80)
(200.000,00)
CIF
(60.000,00)
(0,60)
(90.000,00)
(0,60)
(150.000,00)
MD
rateio %
Custos
40%
60%
100%
(350.000,00)
(3,50)
(300.000,00)
(2,00)
(650.000,00)
Resultado
100.000,00
1,00
(75.000,00)
(0,50)
25.000,00
Margem
de
contribuição
160.000,00
1,60
15.000,00
0,10
175.000,00
Capítulo
6
BRUNI
Tributos, custos e
preços
Objetivos do capítulo
 Distinguir impostos
cumulativos e não
cumulativos
 Aprender a considerar
créditos e débitos fiscais
 Saber calcular impostos
por dentro e por fora
 Compreender o processo
de composição de notas
fiscais com impostos
BRUNI
Recordar é viver …
 Para tomar decisões …
Gastos
diretos e
variáveis
BRUNI
Componentes do preço
Lucro
Impostos
Despesas
Custos
BRUNI
Uma frase famosa …
O mais difícil de entender é o …
IMPOSTO
DE RENDA
BRUNI
Impostos …
BRUNI
 No Brasil, algumas
caraterísticas:
 Relevância
 Complexidade
Federais
Uma sopa de letrinhas …
IRPJ
CSSL
PIS
COFINS
IPI
Estaduais
ICMS
Municipais
ISS
BRUNI
Para pensar …
Em relação aos custos e
preços, é preciso entender
e classificar os impostos
de uma forma diferenciada
BRUNI
Formas de classificação
 Empresas
Lucro Real
Lucro Presumido
 Impostos
Cumulativos
Não Cumulativos
BRUNI
Tributação das empresas
BRUNI
 Lucro real
Receitas
(-) Gastos
(=) Lucro real
(-) IR e CS
(=) Lucro líquido
Necessidade de
comprovação!
 Lucro presumido
Receitas
(*) Base de cálculo
(=) Lucro presumido
(-) IR e CS
Pode ser mais
vantajoso em
função da
estrutura de gastos
ou documentação
A melhor tributação
Antes de escolher
pela forma de
tributação, a empresa
deve analisar sua
estrutura de gastos
formais.
BRUNI
De um modo geral
 Lucro presumido
 Alíquotas menores
 Impostos cumulativos
 Exemplos




PIS
Cofins
IPI
ICMS
BRUNI
Um exemplo presumido
 Empresas de pequeno porte
 Ramos específicos
Simples
Federal
Estadual
BRUNI
Classificação dos impostos
BRUNI
Cumulativos
Não
cumulativos
Para entender os …
IMPOSTOS
CUMULATIVOS
Não geram crédito
fiscal
O imposto pago em uma
etapa não pode ser
aproveitado na outra!
BRUNI
BRUNI
Impostos cumulativos
Tributação agregada ao longo da cadeia produtiva:
Imposto pago: 5 + 10 + 20 = $35,00
Percentual sobre o preço = $35,00 / $400,00 = 8,75%
Imposto Cumulativo
Ocorre a majoração do
percentual, de 5% para 8,75%
Exemplo de imposto cumulativo: Imposto Sobre Serviços (ISS)
Confecção de Vestuário (Serviços de Costura Industrial)
Alíquota em grandes cidades: 5%
$100,00
Serviços
A
$200,00
Serviços
B
ISS
$5,00
$400,00
Serviços
C
ISS
$10,00
ISS
$20,00
Calculado por dentro …
BRUNI
 Alíquota do ISS incide sobre
o valor com o próprio
imposto
 Cálculo por dentro
Valor sem impostos
+ ISS (X% do Preço)
= Preço de venda
Preço = Valor sem + X% do Preço
Preço - X% do Preço = Valor sem
Preço (1- X%) = Valor sem
Preço = Valor sem / (1 - X%) Por dentro
Calculado por dentro …
 Assim …
Valor sem imposto: $190,00
ISS (5%):
??? .
Valor com imposto: ???
190/0,95 = $200,00
5% de $200,00= $10,00
BRUNI
Outros impostos
 Empresas com
lucro presumido
devem considerar
outros impostos
somados ao ISS na
formação dos
preços
BRUNI
BRUNI
ISS e outros presumidos
Impostos
Base de
Alíquota
cálculo
Subtotal
Contribuição Social Sobre o Lucro
(CSSL)
32%
9%
2,88%
Imposto de Renda (IR)
32%
15%
4,80%
Programa de Integração Social (PIS)
0,65%
Contribuição para o Financiamento da
Seguridade Social (COFINS)
3,00%
Imposto sobre Serviços (ISS)
5,00%
Contribuição Provisória sobre
Movimentações Financeiras (CPMF)
0,38%
Soma
16,71%
Impostos cumulativos
 Municipais
 ISS
 Federais
 IR
 CSSL
Porém, para empresas
optantes pelo lucro
presumido …
BRUNI
Lucro presumido
 Muitos impostos são
cumulativos:
 PIS, COFINS
 Em alguns casos:
 IPI
 ICMS
BRUNI
Para entender os …
IMPOSTOS
NÃO CUMULATIVOS
Geram crédito
fiscal
O imposto pago em uma
etapa pode ser
aproveitado na outra!
BRUNI
BRUNI
Impostos não cumulativos
Tributação agregada ao longo da cadeia produtiva:
Imposto pago: 17 + 17 + 34 = $68,00
Percentual sobre o preço = $68,00 / $400,00 = 17%
Imposto Não Cumulativo
Ocorre a manutenção do
percentual, igual a 17%
Exemplo de imposto não cumulativo: Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS)
Comercialização de cerveja
Alíquota na maioria dos estados: 17% (em exemplo didático, na prática é maior)
$100,00
Fábrica
Custo
$83,00
Atacadista
ICMS
Débito: $17,00
(-) Crédito: $0,00
A pagar: $17,00
$200,00
Custo
$166,00
Varejista
ICMS
Débito: $34,00
(-) Crédito: $17,00
A pagar: $17,00
$400,00
ICMS
Débito: $68,00
(-) Crédito: $34,00
A pagar: $34,00
Cálculo por dentro
 Um comerciante precisa
definir o preço que cobrará
por uma camisa.
 Valor da mercadoria sem
ICMS igual a $16,60
 Alíquota de ICMS igual a
17%
BRUNI
Um cálculo diferente …
BRUNI
A questão da
substituição
tributária
Substituição tributária
 Tendência crescente em
relação a impostos
estaduais e federais
 Elo principal da cadeia
(geralmente a fábrica)
substitui o recolhimento
dos demais elos
BRUNI
Uma fábrica, muitos clientes
Muitos varejistas
Alguns atacadistas
Varejista
Uma fábrica
Varejista
Atacadista
Varejista
Varejista
Fábrica
Varejista
Atacadista
Varejista
Varejista
Atacadista
Varejista
Varejista
Varejista
BRUNI
BRUNI
Solução …
 O elo primário da cadeia
assume o pagamento pelos
demais contribuintes
Define-se o preço final
$151,00
$100,00
Fábrica
Custo
Atacadista
$234,00
$200,00
Custo
$400,00
Varejista
ICMS
Normal: $17,00
Substit: $51,00
(-) Crédito: $0,00
A pagar: $68,00
Sem mais débitos e créditos
Casos especiais de ICMS
Operações
interestaduais
BRUNI
Alíquotas interestaduais
Origem
Destino
Alíquota
%
Estado A
Estado A
18%
(SP, MG
ou RJ)
ou 17%
(outros)
S, SE
S, SE
12%
S, SE
N, NE, CO,
ES
7%
N, NE, CO,
ES
S, SE
12%
N, NE, CO,
ES
N, NE, CO,
ES
12%
Export
0%
BRUNI
Operações interestaduais
BRUNI
Antecipação tributária
Paga-se o complemento
de alíquota na entrada
Preço = $100,00
D ICMS = $17,00
C ICMS = $3,50
C Antec = $5,00
A pg = $8,50
SP CE
7% 17%
Antecipação = 10% de $50,00
= $5,00
Preço = $100,00
Preço = $50,00
ICMS = $3,50
SEFAZ/SP
D ICMS = $17,00
C ICMS = $3,50
A pg = $13,50
SEFAZ/CE
Um caso especial …
Imposto sobre
Produtos
Industrializados
BRUNI
IPI
 Operações industriais
 Não cumulativos em
indústrias (lucro real)
Incide sobre o
valor com ICMS
BRUNI
BRUNI
IPI
Incide sobre o valor com ICMS
Valor sem impostos
5.395,00
ICMS (17%)
1.105,00
Valor com ICMS (17%)
6.500,00
IPI (10%)
650,00
Valor total
7.150,00
Valor com ICMS = $5.395,00/0,83
Valor do ICMS = $6.500,00 x 0,17
Valor do IPI = $6.500,00 x 0,10
BRUNI
Componha a NF
Valor sem impostos
ICMS (18%)
Valor com ICMS (18%)
IPI (5%)
Valor total
1.148,00
252,00
1.400,00
70,00
1.470,00
Respostas
Um caso especial do IPI
 ICMS sempre faz
parte da base do
IPI
 Venda para
consumidor final
 IPI faz parte da
base de cálculo do
ICMS
BRUNI
Preço com ICMS e IPI na base
BRUNI
PV sem ICMS
PV com ICMS 
1  % ICMS x 1  % IPI 
Capítulo
7
BRUNI
Os custos, os preços
e os lucros
Objetivos do capítulo
 Entender o processo
associado a formação dos
preços
 Compreender a
importância da análise da
rentabilidade, margem e
giro
 Discutir os aspectos
relativos à formação de
mark-ups
BRUNI
Para entender os …
Preços
BRUNI
BRUNI
Definição do preço
Lucro
Preço
Impostos
Despesas
Custo
Pleno
Custos
Formação quantitativa dos
preços
BRUNI
Aplicando o mark-up
Preço
Base
Nunca se
esqueça !!!
Formação do preço
Para simplificar a formação do preço
PREÇO
BASE
X
TAXA DE
MARCAÇÃO
O que não estiver incluído na base,
deve estar na taxa de marcação!
BRUNI
BRUNI
Definição do preço
Lucro
Impostos
Preço
Despesas
Base
Custos
X
Taxa de
Marcação
Observação: podem existir outras bases … como os custos diretos
Definição do preço
BRUNI
Lucro
Lucro %
Impostos
Despesas
Impostos %
Despesas %
Soma %
Faturamento
BRUNI
Matematicamente …
Base + Soma %. Preço = Preço
Base = Preço - Soma %. Preço
Base = Preço.(1- Soma %)
Preço = Base ÷ (1- Soma %)
ou
Preço = Base x 1 ÷ (1- Soma %)
Taxa de marcação
Calculando a marcação
TAXA DE
MARCAÇÃO
1
1-
Soma %
BRUNI
Analisando os lucros
Lucro?
BRUNI
Quanto maior o lucro, melhor?
Depende …
BRUNI
Pense bem …
Nem tudo é o
que parece
ser …
BRUNI
Quem ganhará a corrida?
 Duas variáveis a analisar:
A proximidade à chegada
Margem de lucro
A velocidade
Giro das vendas
BRUNI
Rentabilidade versus
Lucratividade
BRUNI
RENTABILIDADE
LL
INV
A rentabilidade pode ser decomposta em duas partes principais:
MARGEM
LL
VENDAS
X
GIRO
VENDAS
INV
O que importa?
Margem
de lucro!
BRUNI
O que eu sou?
Antes de ser
COMERCIANTE
eu fui
INVESTIDOR
Eu quero é
RENTABILIDADE
BRUNI
Rentabilidade ou retorno
BRUNI
RENTABILIDADE
Prêmio por
Tempo
+
Prêmio por
Risco
Dilema do investidor ...
Fundo DI
1,5% a.m.
É preciso considerar
o custo de oportunidade
mais um prêmio pelo
risco!!!
BRUNI
???
Negócio
___% a.m.
Resultados do capítulo
 Entendemos o processo
associado a formação
dos preços
 Compreendemos a
importância da análise
da rentabilidade,
margem e giro
 Discutimos os aspectos
relativos à formação de
mark-ups
BRUNI
Para sempre lembrar das …
Respostas!
BRUNI
Respostas da …
BRUNI
RESPOSTAS
Elegância
Extrema
BRUNI
Resposta Elegante
Descrição
RESPOSTAS
Valor
I
Investimento na compra de um $200.000,00
imóvel (vida útil igual a dez
anos)
Deprec = 20.0000,00 ou 1%
I
Investimento
em
móveis
e $200.000,00
equipamentos (vida útil igual a
cinco anos)
Deprec = 40.0000,00 ou 2%
Taxa de retorno livre de risco
Salários
anuais
funcionários
fixos
Rentabilidade = 25%
Lucro anual = $100.000,00
Lucro % = 5%
Giro = 5x
Lucro % = 5%
Soma % = 27,5%
18% a.a.
de $36.000,00
1,8%
a)
b)
Prêmio pelo risco do negócio
7% a.a.
Comissão sobre vendas
3%
Outros gastos fixos anuais
$6.000,00 0,3%
Faturamento anual
$2.000.000,00
Impostos líquidos sobre vendas
12%
Condomínio anual fixo
$48.000,00 2,4%
Mark-up =
1/(1-27,5%) =
1,38
Preço =
1,38 x 340,00 =
$469,20
Partes c e d
 c) aluguel de $30 mil para
imóvel de $200 mil
 Rentabilidade exigida de
15% a.a.
 Como o investidor requer
25% (18% + 7%), é muito
mais barato alugar o imóvel
 d) Soma % = 25,5%
 Preço = 456,27
BRUNI
RESPOSTAS
Capítulo
BRUNI
!
Referências dos
slides.
Fonte das figuras utilizadas
BRUNI
 Quase todas as figuras utilizadas neste
conjunto de slides foram obtidas das
seguintes fontes:
 100.000 MultImídia Pack. Revista Expert
Premium, São Paulo: CD Expert Editora e
Distribuidora Ltda, 2000.
 30.000 Multimídia Pack. Revista Expert
Premium, São Paulo: CD Expert Editora e
Distribuidora Ltda, 2000.
Visite!!!!
BRUNI
 Clique sobre os links!!!
 Página da Editora Atlas

http://www.editoraatlas.com.br/Atlas/portal/showSearch.ctrl.aspx?search=bruni
 Site Minhas Aulas

http://www.minhasaulas.com.br
Download

admcustos_v2 - Administração Virtual