LÍNGUA PORTUGUESA
AULA 03 – ORTOGRAFIA OFICIAL
Amanda Rodrigues
amandars.adv@hotmail.com
ORTOGRAFIA
OFICIAL
C O N C E I T O
ORTOGRAFIA
Origem: do grego orthographia.
Significado: escrita correta.
É o sistema correto de
representar a Língua.
DAS REGRAS
Escrevem-se com E:
1.
O final de verbos terminados em UAR. Ex:
Habituar – habitue/ Continuar – continue.
Na sílaba final de verbos terminados em OAR.
Ex: Perdoar -perdoe/ Abençoar-abençoe.
3.
4. As palavras terminadas com o prefixo ANTE
(anterior): antebraço, antecipar, etc.
2.
EMPREGA-SE A LETRA I
1. No final de verbos terminados
em UIR: Fluir – flui/ Possuir –
possui/ Concluir – conclui.
1. Em palavras formadas com o
prefixo ANTI (contra):
antialérgico e antitetânica.
EMPREGO DO G E J
Escrevem-se com J:
1.
Aquelas que são derivadas de palavras com J:
LaranJA
LaranJEIra
LaranJAda
GORJA: (garganta): gorjeta, gorjeio, etc.
Escrevem-se com J
 2) Nas conjugações dos verbos terminados
em JAR ou JEAR:
 VIAJAR: viajaremos, viajaram, viajei...
 *ATENÇÃO:
VIAGEM
(COM
G)
SUBSTANTIVO.
 3) Vocábulos que têm J:
NOJO: nojento, nojeira.
É
Escrevem-se com J
4) Palavras ameríndias ou africanas:
CANJICA
PAJÉ
ACARAJÉ
JIBOIA
JILÓ
JENIPAPO
EMPREGO DE S COM SOM DE Z
 1) ADJETIVOS PÁTRIOS, ADJETIVOS
E
SUBSTANTIVOS que terminem com ÊS ou
ESA: inglês – inglesa/ francês – francesa/
português- portuguesa/ freguês – freguesa/
burguês – burguesa...
 MACETE: SE COMBINAR COM A FRASE “ELA
É” ou “ELE É”, ENTÃO SERÁ ESCRITO COM
S!
ELA
Ele é?
É?
EMPREGO DE S COM SOM DE Z
2) Adjetivos terminados em OSO/OSA: gostoso/
carinhoso/ charmoso/ teimosa...
 3) VERBOS PÔR e QUERER na conjunção:
quis, quiseram, puseram, pus, puser...
ELA /ELE ESTÁ COM________?
• Será escrita com EZ ou EZA se você conseguir
encaixar a palavra na pergunta.
TIMIDEZ
FIRMEZA
BELEZA
RAPIDEZ
ESTUPIDEZ
LERDEZA
PALIDEZ
LUCIDEZ
AVAREZA
TRISTEZA
MORBIDEZ
AVIDEZ
PALAVRAS COM “ISAR”
 1) Palavras que terminem com
“isar” devem ter no radical a letra
“s”:
PARALISAR – PARALISAÇÃO –
PARALISIA.
AVISAR – AVISO – AVISADO
ANÁLISE – ANALISAR
PESQUISAR – PESQUISA
QUAIS PALAVRAS TERMINAM COM
“ESA”?
1) Em substantivos cognatos que
terminem seus verbos em ENDER:
DEFENDER – DEFESA
PRENDER – PRESA
DEPENDER – DESPESA
EMPREENDER - EMPRESA
EMPREGO DA LETRA X
1) Geralmente, depois do ditongo:
CAIXA - BAIXO – FAIXA – DEIXA – AMEIXA...
2) Não tem valor sonoro nas seguintes
palavras:
EXCEÇÃO – EXCELSO – EXCELENTE ...
EMPREGO DA LETRA X
3) Em palavras de origem indígena ou africana:
ABACAXI
ORIXÁ
XARÁ
4) NAS SEGUINTES PALAVRAS:
ENXOVAL – EXTENSÃO – ( DIFERENTE DE
ESTENDER) – SINTAXE – FAXINA – PRAXE –
EXCITANTE – EXACERBAR – ENXUTO – ENXADA –
ÊXITO – EXUBERANTE – MEXER – ENXAQUECA –
XALE (DIFERENTE DE CHALÉ)...
PALAVRAS COM CH
ENCHER
CHUCHU – CHICOTE –
ENCHARCAR – ENCHENTE – CHANTAGEM –
CHAMINÉ – CHISPAR – CHIMARRÃO – FICHA –
FLECHA – COCHILAR – CHEQUE – BUCHA –
COCHILO – CHAMADA – ACHADO –
CHUVEIRO – CHÁ – ROCHA (DIFERENTE DE
ROXA) – MOCHILA – PECHINCHA – TOCHA...
EXCEÇÃO:
CATEQUIZAR
Deriva de CATEQUESE, mas não
se escreve com S.
REGRAS BÁSICAS DE S / SS
 Quando o S tem som de Z e está entre duas
vogais: usa-se um S. Exemplo: Casamento/
Fase/ Maravilhoso...
 Entre uma vogal e uma consoante: um S.
Exemplo: Costa/ Costume? Destino...
 Quando está entre uma vogal e uma
consoante e tem som de S: usa-se SS.
Exemplo: Passado/ Vassoura/ Tosse...
CHARADINHA
QUAL É A DIFERENÇA ENTRE FUZIL E
FUSÍVEL?
O SEGUNDO NÃO FAZ VOCÊ IR PRESO SE a
polícia ENCONTRAr NO SEU CARRO!
USO DO
PORQUE
TIPOS:
PORQUE
POR QUE
POR QUÊ
PORQUE
Escrevemos desta forma quando se
trata de uma CONJUNÇÃO (objeto de
ligação) e pode ser substituído por
POIS, VISTO QUE, UMA VEZ QUE. Sua
intenção é dar uma resposta.
PORQUÊ
Trata-se de um SUBSTANTIVO
e vem precedido de artigo. Pode
ser substituído por “o motivo”.
EXEMPLOS

Não sei O
comportamento!
PORQUÊ
deste
 Negaram-se a comentar O PORQUÊ
da demissão.
 Ainda não compreendi O PORQUÊ
do término do noivado.
POR QUE
ENCONTRA-SE NO CORPO DE UMA
PERGUNTA, DE UMA INDAGAÇÃO!
OU SEJA, DE UMA INTERROGATIVA
DIRETA OU INDIRETA.
PODE SER SUBSTITUÍDO POR POR
QUE MOTIVO/ PELO(A) QUAL.
EXEMPLO
“POR QUE É QUE TEM QUE SER ASSIM
NINGUÉM JAMAIS PODE MUDAR
RECEBE MENOS QUEM MAIS TEM PRA
DAR...”
(TRAJETÓRIA – Arlindo Cruz/Serginho Meriti/Franco)
?
EXEMPLO
“Só eu sei, as esquinas por que
passei
Só eu sei, só eu sei...”
(Esquinas – Djavan)
POR QUÊ
APARECE NO FIM DA
FRASE
INTERROGATIVA
DIRETA OU INDIRETA.
NÃO FEZ AS COMPRAS
POR QUÊ?
ELE NEM SE DESPEDIU E
NEM DISSE POR QUÊ.
NA PRÁTICA
1) (TRANSPETRO
–
ADMINISTRADOR
CESGRANRIO) O elemento em destaque está
a)
b)
c)
d)
grafado de acordo com a norma-padrão em:
O marciano desintegrou-se POR QUE era
necessário.
O marciano desintegrou-se PORQUÊ?
Não se sabe POR QUE o marciano se
desintegrou.
O marciano desintegrou-se, e não se sabe o
PORQUE.
MAL
≠
MAU
MAL
 Antônimo de B E M .
 Conjunção subordinativa temporal: quando
puder ser substituído por ASSIM QUE.
 EXEMPLOS:
 COMI ALGO QUE ME FEZ MAL.
 MAL CHEGUEI EM CASA, A CAMPAINHA
TOCOU.
MAU
 Antônio de B O M.
 Seu feminino é MÁ.
 EXEMPLO:
 ELE É UM HOMEM MAU.
 ELE ACORDOU DE MAU HUMOR.
NA PRÁTICA
( IBFC - 2013 - MPE-SP - Analista de Promotoria)
Assinale a alternativa que completa, correta e
respectivamente, as lacunas.
O rapaz foi embora da festa ___________foi_________
tratado pelos colegas?





a) porque - mal
b) porque - mau
c) por que - mal
d) por que - mau
e) por quê - mal
ONDE X AONDE
ONDE = ideia de permanência ( EM QUE
LUGAR?).
ONDE VOCÊ ESTÁ?
NÃO SEI ONDE VOCÊ FICOU.
AONDE = ideia de AÇÃO ( A QUE LUGAR?).
AONDE VOCÊ VAI?
NÃO SEI AONDE VOCÊ SE PERDEU.
USO DO A E DO HÁ
A - TEMPO FUTURO.
EXEMPLO: SOMENTE DAQUI A UM MÊS IREI
VOLTAR AO DENTISTA.
HÁ - TEMPO PASSADO.
EXEMPLO: HÁ DUAS HORAS QUE CHEGUEI
EM CASA.
MAIS X MAS
MAIS = quantidade > advérbio de intensidade>
antônimo de MENOS.
Tenho MAIS disposição pela manhã.
MAS= contrariedade > pode ser substituído por
PORÉM.
Entreguei a mercadoria, MAS ele não pagou.
NA PRÁTICA
NA PRÁTICA
 Prova: FUNCAB - 2014 - PM-MT - Soldado da Polícia Militar
Assinale a opção em que a palavra destacada foi corretamente
empregada.
 a) As mulheres estavam MEIO nervosas por terem O




desmembramento entre os estados de Mato que falar em
público.
b) Naquele dia, MAS ninguém apareceu no departamento.
c) PORQUE você não concorda com esse procedimento?
d) As palavras foram MAU empregadas naquela situação.
e) Ele estava com medo, MAIS não demonstrava.
NA PRÁTICA

Prova: IBFC - 2013 - MPE-SP - Analista de Promotoria II
Assinale a alternativa que completa, correta e respectivamente, as
lacunas.
A moça foi embora ____ já estava esperando____ muito tempo?

a) porque - há

b) por que - há

c) porque - a

d) por que - a

e) por quê - há
NA PRÁTICA
(TRE-MG) “ A__________ das atividades industriais
provocou___________ frequentes entre os
operários. A solução foi a _________ do governo
nas negociações”.
a)
b)
c)
d)
e)
paralisação-discussões-intercessão
Paralisação-discursões-intersessão
Paralisação-discussões-interseção
Paralização-discursões-intercessão
Paralização-discussões-interseção
NA PRÁTICA
(TRT) _________ você brinca? _______? Ora,
__________ me agrada. A experiência ________
passei, foi desagradável. Depois você saberá o
_______________.
a)
b)
c)
d)
e)
Porque – porquê – porque – porque –por que
Por que – porquê- porque – porque –porque
Por que– porquê– porque – porque – por quê
Porque-porque-por quê- porque – por que
Por que – por quê – porque – por que - porquê
NA PRÁTICA
 15. Assinale a alternativa em que todas as
palavras estão grafadas corretamente:

 a) tijela - oscilação - ascenção.
 b) richa - bruxa - bucha.
 c) berinjela - lage - majestade.
 d) enxada - mixto - bexiga.
 e) gasolina - vaso - esplêndido.
NA PRÁTICA
(IBGE) Entre as opções abaixo, somente uma
completa corretamente as lacunas apresentadas a
seguir. Assinale-a: Na cidade carente, os ..........
resolveram .......... seus direitos, fazendo um ..........
assustador.
a) mendingos; reivindicar; rebuliço
b) mindigos; reinvidicar, rebuliço
c) mindigos; reivindicar, reboliço
d) mendigos; reivindicar, rebuliço
e) mendigos; reivindicar, reboliço
NA PRÁTICA
 (TRE-SP) Este meu amigo .......... vai ..........-
se para ter direito ao título de eleitor.

a) extrangeiro –naturalizar
b) estrangeiro -naturalisar
c) extranjeiro - naturalizar
 d) estrangeiro – naturalizar
 e) estranjeiro - naturalisarr
NA PRÁTICA
 (FUVEST) "A ............... de uma guerra nuclear
provoca uma grande .............. na
humanidade e a deixa ............... quanto ao
futuro."
a) espectativa - tensão - exitante
b) espectativa - tenção - hesitante
c) expectativa - tensão - hesitante
d) expectativa - tenção - hezitante
e) espectativa - tenção - exitante
NA PRÁTICA
(CARLOS CHAGAS) A ....... a ser desenvolvida
visava à ....... de objetivos bastante ....... .
a) pesquisa, consecução, pretensiosos
b) pesquisa, consecussão, pretenciosos
c) pesquisa, consecução, pretenciosos
d) pesquiza, consecução, pretenciosos
e) pesquiza, consecução, pretensiosos
NA PRÁTICA
(LONDRINA-PR) As questões da prova eram
......., ....... de ....... .
a) suscintas - apesar - difíceis
b) sucintas - apezar - difíceis
c) suscintas - apezar - dificeis
d) sucintas - apesar - difíceis
e) sucintas - apezar - dificeis
NA PRÁTICA
 (FMU) Assinale a alternativa em que todas as
palavras estão grafadas corretamente?

a) paralisar, pesquisar, ironizar, deslizar
b) alteza, empreza, francesa, miudeza
c) cuscus, chimpazé, encharcar, encher
d) incenso, abcesso, obsessão, Luís
e) chineza, marquês, garrucha, meretriz
NA PRÁTICA
 (BB) Completar: "ant.....cipação, irr.....quieto,
contribu....., carr.....tel.“

a) i - i - e -i
b) e - e - i -e
c) i - i - e - e
 d) e - e - i – i
 e) e - i - i - i
NA PRÁTICA
(ESAP) Considerando o uso apropriado do termo
sublinhado, identifique em que sentença do
diálogo abaixo há um erro de grafia:
a)Por que você não entregou o trabalho ao
professor?
b) Você quer mesmo saber o porquê?
c) Claro. A verdade é o princípio por que me
oriento.
d) Pois, acredite, eu não sei porque fiz isso.
e) Você está mentindo. Por quê?
NA PRÁTICA
 (FUVEST) Assinale a frase gramaticalmente
correta:
a) Não sei por que discutimos.
b) Ele não veio por que estava doente.
c) Mas porque não veio ontem?
d) Não respondi porquê não sabia.
e) Eis o porque da minha viagem.
NA PRÁTICA
 (UNIMEP-SP) Assinale a alternativa que
contém o período cujas palavras estão
grafadas corretamente:

a) Ele quiz analisar a pesquisa que eu realizei.
b) Ele quiz analizar a pesquisa que eu realizei.
c) Ele quis analisar a pesquisa que eu realizei.
d) Ele quis analizar a pesquiza que eu realisei.
e) Ele quis analisar a pesquisa que eu realisei.
NA PRÁTICA
 (UF-PR)
Complete
as
lacunas
usando
adequadamente mas / mais / mau / mau.
Pedro e João ....... entraram em casa, perceberam
que as coisas não estavam bem, pois sua irmã caçula
escolhera um ....... momento para comunicar aos
pais que iria viajar nas férias; ....... seus dois irmãos
deixaram os pais ....... sossegados quando disseram
que a jovem iria com as primas e a tia.

a) mau, mal, mais, mas
b) mal, mal, mais, mais
c) mal, mau, mas, mais
 d) mal, mau, mas, mas
 e) mau, mau, mas, mais
NA PRÁTICA
(UM-SP) Aponte a alternativa que apresenta
todas as palavras grafadas corretamente:
a) enxada, bondoso, bexiga, revezamento
b) faxina, tóxico, canalisar, nobreza
c) eresia, canzarrão, caxumba, hesitar
d) hêxito, gorjeio, algema, pesquisa
e) hegemonia, cangica, xadrez, vazio
NA PRÁTICA
 8. Assinale a opção cm que a palavra está
incorretamente grafada:
 a) duquesa.
b) magestade.
c) gorjeta.
d) francês.
e) estupidez.
NA PRÁTICA
 4. A forma dual que apresenta o verbo
grafado incorretamente é:
 a) hidrólise - hidrolisar.
b) comércio - comercializar.
c) ironia - ironizar.
d) catequese - catequisar.
e) análise - analisar.
NA PRÁTICA
 6. Marque a opção cm que todas as palavras
estão grafadas corretamente:
 a) enxotar - trouxa - chícara.
b) berinjela - jiló - gipe.
c) passos - discussão - arremesso.
d) certeza - empresa - defeza.
e) nervoso - desafio - atravez.
O ALFABETO PORTUGUÊS (Paulo
Leminski)
O bicho alfabeto
Tem vinte e três patas
Ou quase
Por onde ele passa
Nascem palavras
E frases
Com frases
Se fazem as asas
Palavras
O vento leve
O bicho alfabeto
Passa
Fica o que não se escreve.
Download

AULA 3 - ORTOGRAFIA OFICIAL