O tratamento terapêutico isotérmico mediante
temperatura ajustável com precisão.
Conhecimentos sobre a
importância do aporte de
oxigênio e nutrientes
Os edemas e hemorragias dificultam
muito a chegada de oxigênio e nutrientes ao
tecido afetado pela lesão. Esta situação
gera transtornos circulatórios, associados
com a hipertermia, que provoca a inflamação
nas zonas corporais afetadas.
• Após as lesões ou procedimentos
cirúrgicos, a chegada de oxigênio e nutrientes
ao tecido afetado fica muito comprometida.
• A demanda metabólica aumenta conforme
o tecido é superaquecido pela inflamação da
área afetada.
• Por tanto, a necessidade de oxigênio é
consideravelmente superior.
O que significa HILOTERAPIA?
HILOTERAPIA é um tratamento térmico que favorece a cicatrização
tecidual.
É usada para intervenções cirúrgicas, lesões e doenças crônicas
que provocam inchaço, hemorragia, edema e inflamação.
Além de favorecer a cicatrização, a HILOTERAPIA alivia a dor
reduzindo assim a necessidade de medicação analgésica.
Agora em sua casa
Temperaturas entre +10°C e + 35°C
Consequências
A zona lesionada deixa de receber o oxigênio necessário para a
manutenção e a regeneração.
O problema: após ferimento ou cirurgia
a necessidade de oxigénio é alta. No entanto,
fornecimento de oxigênio é afetado, produzindo um
déficit que dificulta a cicatrização.
Devido a esta carência de oxigênio (isquemia):
• Mais células morrem.
• São liberas as proteínas transportadoras solúveis, o que provoca a
formação de um edema adicional.
• Inicia-se um círculo vicioso que provoca danos hipóxicos.
Objetivos: diminuir a necessidade de oxigênio do tecido afetado.
Resposta terapêutica
A HILOTERAPIA é um sistema desenvolvido com base nestes
conhecimentos e vão de encontro às necessidades identificadas,
uma vez que este tratamento térmico atua somente sobre as partes
do corpo afetadas. Dependendo da prescrição médica, a temperatura
pode ser ajustada, com uma precisão de graus Celsius, dentro de um
intervalo compreendido entre +10°C e +35°C.
A solução: a HILOTERAPIA reduz as necessidades de
oxigênio, adaptando-se à quantidade fornecida.
Efeito da HILOTERAPIA sobre as
necessidades de oxigênio
• A necessidade de oxigénio é significativamente reduzida.
• Uma redução térmica de cerca de 10°C na zona corporal afetada
provoca uma redução de até 50% do metabolismo.
• Da mesma forma a necessidade de oxigênio é reduzida.
• Assim, a quantidade de oxigénio ao tecido é suficiente para a
regeneração.
Efeito da HILOTERAPIA sobre a
eliminação de contaminantes
• Para que a drenagem linfática possa evacuar os contaminantes, a
temperatura do tecido também deve ser reduzida.
• No entanto, é especialmente importante que a temperatura não
seja reduzida abaixo dos 15°C pois, caso contrário, dificulta a
drenagem linfática.
Condições para a possibilidade de promover o processo de
cicatrização:
Temperatura controlada de forma precisa
• Abaixo de +15°C a drenagem linfática é afetada.
• Abaixo de +10°C o metabolismo e a drenagem linfática são
afetados.
• Abaixo +5°C a transmissão de impulsos nervosos é interrompida.
A HILOTERAPIA oferece soluções para qualquer situação em que
o aporte metabólico e de oxigênio ou a drenagem linfática se vêem
afetados, pois é um tratamento térmico que mantém a temperatura
constante durante todo o processo. Para adaptar-se às mais
variadas indicações, a gama de temperaturas terapêuticas varia
entre +10°C até +35°C, aplicando-se de modo restrito nas zonas
corporais afetadas.
Acessórios anatômicos descartáveis
Acessórios anatômicos, que se
adaptam às principais zonas corporais,
descartáveis.
Acessório anatômico de ombro e quadril
Art.-N° 15000014
Acessório anatômico para parte inferior do rosto
Art.-N° 15000012
Acessório anatômico para panturrilha
Art.-N° 15000015
Acessório anatômico para parte inferior do rosto
Art.-N° 15000022
Acessório anatômico redondo, grande
Art.-N° 15000008
Acessório anatômico para parte superior do rosto
Art.-N° 15000013
Acessório anatômico redondo, pequeno
Art.-N° 15000007
Acessório anatômico para os olhos, aberto
Art.-N° 15000003
Acessório anatômico para joelho
Art.-N° 15000016
Acessório anatômico para os olhos, fechado
Art.-N° 15000002
Acessório anatômico para os pés
Art.-N° 15000018
Acessório anatômico nasal
Art.-N° 15000019
Acessório anatômico plano, grande
Art.-N° 15000009
Acessório de quadril
Art-N° 15000014
Acessório universal
Art-N° 15000004
Acessório de ombro
Art-N° 15000014
Acessório nasal, T-gesso
Art.-N° 15000020
Acessório anatômico plano, pequeno
Art.-N° 15000010
HILOTHERM Clinic
..............................................................................................
Especialmente desenvolvido para aplicação pré e pós
operatória em âmbito hospitalar.
.......................................................................................
Permite o uso simultâneo de 2 dispositivos, possibilitando o
tratamento de dois pacientes ao mesmo tempo.
..............................................................................................
Opera de modo contínuo a temperatura constante (possui
sensores térmicos que mantêm constante a temperatura
selecionada durante o tempo necessário). Refrigeração:
água destilada (2 litros de água destilada a cada 6 meses)
Faixa de temperatura: entre +10°C e +35°C (ajustável com
precisão de ±1°C).
...............................................................................................
Dimensões: 430 x 275 x 268 mm
..............................................................................................
Peso: Vazio 10 kg | Completo 12 kg
..............................................................................................
Transporte: Em locais internos - devido ao carrinho equipado
Hiloroll. Em locais externos - Dentro de sua embalagem
original ou em uma bolsa adaptada para seu transporte.
..............................................................................................
Alimentação elétrica: 230 V
..............................................................................................
HILOTHERM Homecare
..........................................................................................................
Especialmente adaptado para transportar com facilidade, permite
o uso em centros médicos, centros esportivos ou residenciais.
Indicado para o tratamento de lesões recentes, após intervenções
cirúrgicas ou para aliviar as inflamações crônicas e a dor.
...........................................................................................................
Recibe a conexão somente de um acessório anatômico, por isso
pode ser usado para tratar apenas uma pessoa de cada vez.
...........................................................................................................
Mantém a temperatura constante durante 4 horas (dependendo
do tamanho do acessório anatômico conectado, da temperatura
ambiente, etc.). Os sensores eletrônicos mantém constante a
temperatura programada. Refrigeração: água
Agentes refrigerantes: acumuladores de frio ou cubos de gelo.
...........................................................................................................
Faixa de temperatura: entre +10°C e +22°C (ajustável com precisão
de 1°C)
...........................................................................................................
Dimensões: 280 x 185 x 260 mm.
...........................................................................................................
Peso: Vazio 3,6 kg | Completo Máximo: 7,7 kg (se o recipiente
estiver cheio)
...........................................................................................................
Transporte: Bolsa especialmente desenvolvida (com alça de
transporte)
...........................................................................................................
Alimentação elétrica: 100 - 240 V ou carro alimentador
...........................................................................................................
Seus pacientes podem continuar o tratamento
com a Hiloterapia (Homecare-Portátil) em seu
própio domicilio.
Maxilofacial
Estudo da Universidade Aachen
(Maxillofacial - Ortognática) Estudo publicado 3D IM of macillio
Tratamento pós operatório com um tratamento
tradicional.
Cirurgia Plástica
Congreso médico realizado en Sylt, Alemanha
Ambas as pacientes foram submetidas a um estiramento facial.
Paciente 1: Após 24 horas, tratamento pós operatório com um
tratamento tradicional.
Paciente 2:
Após 24 horas,
Pós operatório com
HILOTERAPIA®
Tratamento pós operatório com
HILOTERAPIA®.
Traumatologia
ORL
Politraumatismo tratado com Hiloterapia
Hospital Parkklinik Weißensee (Berlin)
Observações da equipe médica de cuidados intensivos:
- Uma extraordinária remissão da inflamação (de 50% na
zona genital nas 24 horas).
- Uma boa reação da temperatura corporal.
Prof. Dr. Behrbohm
HILOTHERAPIA após uma Rinoplastia
Aplicação prolongada a 18°C
- Maior facilidade para aplicação no paciente, devido a menor
amplitude de sua inflamação.
-Menor necesidade de analgésicos.
A foto mostra o paciente 24 horas após sua operação.
Depoimentos
Cirurgia Plástica, estética ou Otorrinolaringologia
A Hiloterapia responde ao que sempre havia buscado: procurar um conforto pós operatório em meus
pacientes intervindos da Rinoplastia. Até agora, estávemos utilizando gelo, compressas frias ou garrafas de
gel, para evitar o edema pós operatório. Esses métodos, embora eficazes tem problemas adicionados, de
modo que o surgimeto no mercado da Hiloterapia me pareceu muito interessante. Nossa experiência com
este método é altamente positiva. Os pacientes sentem-se confortáveis, la máscara é tolerada e os efeitos
alcançados são espetaculares. Creio, sinceramente, que a Hiloterapia funciona. Temos apenas testado em
pacientes de Rinoplastia, porém estou seguro que em outras especialidades funcionará igualmente bem.
Dr. Néstor Galindo
Chefe da Unidade de ORL do Hospital Ruber Internacional, Madrid - Espanha
Utilizo a Hiloterapia há mais de 2 anos. O benefício desta tecnoloia é evidente, sobretudo durante o passo
anterior a alta hospitalar. Os pacientes apresentam apenas sinais da cirurgia alem dos pontos de gesso.
O aparecimento de equimoses periorbital e edema são minimizados. O conforto dos pacientes é superior,
em relação à aplicação de gelo ou outras terapias. Além disso, seu efeito analgésico nos fez reduzir quase
a zero a necessidade de medicação pós operatória. Em minha prática, os pacientes apreciam muito o
dispositivo vêem como uma mostra de alta qualidade assistencial, pelo qual recomendo em todos os casos.
Dr. Javier Galindo
ORL Rúber Internacional e Clínica La Luz, Madrid - Espanha
Ao realizar uma cirurgia integral (funcional e estética) de nariz, nos deparamos com o inconveniente do
importante edema e hematoma facial, sobretudo periocular e maxilar. Desde que o serviço de
otorrinolaringologia do Hospital USP de Marbella passou a utilizar o método da Hiloterapia esta situação
vem sendo reduzida ostensivamente de modo que o pós operatorio dos pacientes é muito mais suportável,
menos doloroso e incômodo. Ser capaz de manter uma temperatura fria constante nos los locais sucetíveis
à inflamação no pós operatório, é de grande ajuda para o cirurgião e para cicartização pós cirúrgica. E tudo
isso com um sistema fácil de usar, de manejar pelos enfermeiros e com um relativo baixo custo. Podemos
afirmar que com a Hiloterapia existe um antes e depois no pós operatório de cirurgia integral de nariz.
Dr. Juan Carlos Casado Morente
Chefe do serviço de ORL Hospital USP, Marbella
Após utilizar a Hiloterapia durante cinco meses como aplicação contínua, podemos afirmar com certeza que,
depois de nossas intervenções de cirurgia estética facial, o uso sistemático do sistema de frio ajuda
consideravelmente a uma recuperação e redução acelerada, ante as sequêlas pós operatórias, como os
hematomas e inflamações. Os pacientes recuperam seu aspecto normal de modo mais acelerado e têm
menos molestias pelos hematomas e inflamações que apresentados com o tratamiento pós operatório
tradicional. Podemos recomendar este para uso sistemático no campo de cirurgia plástica e estética porque
se trata, efetivamente, de um método seguro e fácil de utilizar. E com uma relação magníficamente boa entre
os custos e os resultados.
Dr. K. O. Kaye
Diretor Médico de Ocean Clinic Marbella
Especialista em Cirurgia Plástica, Estética e Reparadora
Traumatologia / Ortopedia / Esportes
Utilizamos a Hiloterapia após os procedimentos cirúrgicos. Em nossa experiência temos visto uma
redução da inflamação e os hematomas posteriores a realização das cirurgias de substitução articular
de joelho e quadril; Além disso, observamos uma menor utilização de analgésicos após as cirurgias
artroscópicas de quadril, joelho e tornozelo. Iniciamos a utilização do sistema desde o mesmo momento
da colocação da atadura ao finalizar a cirurgia e durante todo o tempo da estência hospitalar do paciente.
Também contamos com equipamentoss portáteis, que os pacientes podem levar para suas residências
para continuar beneficiando-se do tratamento. Os resultados são tão bons para o conforto e bem estar do
paciente que já consideramos uma terapia indispensável em nossa prática cirúrgica.
Jaime Baselga García-Escudero
Traumatología
Tratamos os nossos pacientes com a HILOTERAPIA basados em evidência científica de que o tratamento
com frio local reduz a dor e o consumo de analgésicos no pós operatório de cirurgia em articulações.
Todos os nossos pacientes mostram un grau de satisfacción muito alto com o dispositivo, por isso que
recomendamos seu uso.
Dres. Martín Gómez, Martín Alguacil y Peña de la Fuente especialistas en Cirurgía Ortopédica.
Hospital Ntra. Sra. de La Salud de Granada - Espanha
Com a Hiloterapia obtemos um grande benefício no acurtamento dos tempos de recuperação de nossos
atletas, tanto em lesões como em tratamentos pós operatórios. É algo que nos empenhamos a utilizar de
forma habitual em nossa prática médica com a alta competição.
Dr. Luis González Lago
Médico do Atlético de Madrid de Balonmano
A Hiloterapia está conosco há vários anos, e eu trabalho com vários dispositivos de muito sucesso na área
de traumatologia esportiva, porém não há nenhum tratamento a base de gelo comparável com este, tanto
na rapidez com que se reduz a dor como na redução da inflamação após o procedimento cirúrgico. É muito
importante para nossos pacientes dedicados ao esporte profissional o tempo de recuperação e a volta a
seus treinamentos. Assim, a aceitação deste método por parte dos membros da equipo e dos própios atletas
tem sido excepcionalmente boa.
Dr. Degwert
Diretor Médico F.C. Bayer Munich
Cirurgia oral, maxilo facial e impantología
Há mais de quatro anos que temos incluído em nosso protocolo, o uso da crioterapia pós operatória
mediante a Hiloterapia em todos os pacientes de Cirurgia Ortognática. A máscara facial que leva o circuito
interno de água destilada a baixa temperatura (entre 11° e 17° C), é tolerada perfeitamente pelo paciente,
que a mantêm durante as 24 horas pós operatórias, que é o período para alta hospitalar. Essa terapia, unida
a uma cuidadosa técnica cirúrgica e anestésica, permite um retorno precoce do paciente a suas atividades
habituais. A inflamação pós operatória se minimiza, assim como os desconfortos e a necessidade de
analgésicos pós operatórios.
Dra. Pilar Rubio Bueno
Doutora em medicina e cirurgia. Especialista em cirurgia oral e maxilo facial.
Diretora da Unidade de Cirurgia Ortognática. Clínica CEMTRO e Hospital Nisa Pardo de Aravaca de Madrid
Há mais de tres anos que utilizamos a hiloterapia no pós operatório de nossos pacientes provenientes
de cirurgia ortognática, cirurgia reconstrutiva e cirurgia facial em general. Esta terapia a frio controlado
aporta benefícios consideráveis ao reduciz de forma notória, o edema no pós operatório imediato. As
máscaras da Hilotherm se adaptam perfeitamente às distintas regiões da face, o que permite aplicar o frio
específicamente no local da intervenção, de una forma cômoda para nossos pacientes. Recomendamos
a hiloterapia, já que nos ajuda a reduzir os desconfortos pós operatórios e, por tanto, a necesdidade de
medicação.
Dr. José Ramón Gª Vega
Cirurgião Maxilo facial | Hospital Ruber Internacional
Há 6 meses que incorporamos a hiloterapia em nosso centro de implantología. Desde então, utilizamos em
todos os nossos tratamentos de implantología dental e cirurgia oral. Combinando com o PRGF (Plasma rich
in growth factors) com a hiloterapia na clínica e complementando com o Hilotherm Homecare (tratamento
domiciliar) conseguimos no pós operatório resultados isentos de dor e inflamação, por isso temos plena
confiança nesta nova tecnología.
Dr. Pérez Paniagua
Especialista em implantología dental.
Referências
Clínica Sanza . Barcelona
Facial Team. Marbella
Centro Médico Teknon. Barcelona
Ocean Clinic. Marbella
Hospital Rúber Internacional. Madrid
Centro Estomatológico González Tuñón. Oviedo
Rúber Dental. Madrid
Clínica Dental Pérez-Paniagua. Pamplona
Hospital Nisa Pardo Aravaca
Clínica Branemark. Lleida
Hospital Sanitas La Zarzuela. Madrid
Instituto CUF. Oporto
Clínica Cemtro. Madrid
Osteovic. Centro de Osteopatía. Tenerife
Clinica La Luz. Madrid
Hospital Internacional Medimar. Alicante
Clínica Dental Dr. Ruano Sánchez. Alcalá de Henares
Rehabilitación Premium Madrid
Hospital General de Guadalajara
Omnia Health Solutions
Hospital Ntra. Sra. de la Salud. Granada
FlexMedical Comércio de Produtos Médicos e Hospitalares LTDA.
Av. das Américas | Nº 500 | Bloco 22 | Portaria B | Sala 312
Barra da Tijuca | Rio de Janeiro | RJ | CEP 22640-100
Fone: (21) 3627-3220 | Fax: (21) 3627-3224
[email protected] | www.flexmedical.com.br
www.hiloterapia.com.br
Download

O tratamento terapêutico isotérmico mediante