Cidades
O Estado do Maranhão - São Luís, 8 de abril de 2014 - terça-feira
Operação contra venda
de laticínios clandestinos
apreende produtos ilegais
Foram retirados de comércio de Porto Franco leite e queijo impróprios
para consumo; Aged, MP e Vigilância Sanitária participaram da operação
Divulgação
P
ORTO FRANCO - O Ministério Público do Maranhão (MP) fechou o cerco contra o comércio clandestino de laticínios. Na última quarta-feira, uma operação foi desenvolvida em supermercados, padarias e outros estabelecimentos
comerciais do município de Porto Franco. Foram encontrados
diversos produtos clandestinos,
até mesmo venda de medicamento em supermercado.
A ação realizada pela Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), Vigilância Sanitária Estadual, Vigilância Sanitária de Porto Franco
com o apoio da Polícia Civil.
Foram vistoriados cinco supermercados: Monteiro, Martins, Tocantins, Servibem e Trevo. Neste
último, foi encontrado queijo de
procedência clandestina. Já nos
supermercados Monteiro e Martins foi detectada a venda ilegal de
remédios, que foram apreendidos.
Na Padaria Ideal e Casa de
Queijo também foram encontrados laticínios sem procedência. Ao todo, foram apreendidos
144 litros de leite e 145 quilos de
queijo. O material foi incinerado no fim da operação.
De acordo com a titular da 1ª
Promotoria de Justiça de Porto
Franco, Ana Cláudia Cruz dos Anjos, os consumidores precisam ficar atentos ao comprar laticínios,
observando a origem dos produtos e as certificações que devem
estar disponíveis na embalagem.
"O consumo de queijos e leite sem certificação representa
um perigo muito alto aos consumidores, além de uma ques-
Rápidas
Aprovada
na Câmara
Municipal de
Imperatriz a
indicação que
solicita médico
e enfermeira
para os
conjuntos
Itamar
Guará I e II.
Arte & Cidadania
Fiscais da Aged jogam fora carga de leite e queijo clandestina encontrada em comércio de Porto Franco
Números
144
145
litros de leite de procedência
duvidosa foram retirados
das prateleiras dos
estabelecimentos comerciais
de Porto Franco
quilos de queijo de
origem clandestina foram
apreendidos e depois
incinerados em operação
com vários órgãos
tão de saúde pública", enfatizou a representante do MP.
Série - A promotora de Justiça
informou que a operação desencadeada em Porto Franco foi
apenas a primeira operação. "A
venda de produtos clandestinos
é um problema grave. O Ministério Público e órgãos fiscalizadores vão continuar acompa-
Sinalização
IMPERATRIZ - Os motoristas
que trafegam pela Rua Duque
de Caxias, na Vila Lobão,
em Imperatriz, reclamam
da ausência de conjuntos de
semáforos para disciplinar o
trânsito na movimentada via
que recebe ainda veículos
oriundos da Avenida Pedro
Neiva de Santana, rodovia
que interliga João Lisboa a
Imperatriz. Preocupado com
o problema, o vereador Zé da
Farmácia (PTB) propôs ao
secretário municipal de Trânsito
e Transportes, cabo J. Ribamar,
a instalação de conjuntos
semafóricos em dois pontos
da Rua Duque de Caxias. O
secretário garantiu que será
aberto processo licitatório.
nhando a questão", acrescentou
Ana Cláudia dos Anjos.
Em dezembro de 2012, foi emitida Recomendação aos estabelecimentos comerciais de Porto
Franco alertando para a importância de comercializar produto
de origem animal adequado.
O produto deve passar por processos de esterilização, higienização no transporte, tratamento
adequado dos animais, ordenha,
engarrafamento, depósito e manipulações adequadas.
"Por isso, os estabelecimentos
deveriam se abster de adquirir ou
utilizar leite e queijo clandestino,
ou seja, sem registro nos órgãos de
inspeção federal, estadual e municipal", alertou a promotora.
Ana Cláudia dos Anjos destacou ainda a Lei Federal nº 1.283/50,
que dispõe sobre os crimes
contra a ordem tributária e relações de consumo, ao mencionar a responsabilidade dos
revendedores de laticínios.
"Além do sério problema de
saúde pública, a comercialização de leite clandestino atenta
contra a ordem econômica, violando, especialmente, os princípios da livre concorrência e de
defesa do consumidor", destacou a promotora.
"Imperatriz é uma das
cidades mais bem
sinalizadas do
Maranhão,
trabalho que
será ampliado
no decorrer
deste ano"
Cabo J. Ribamar,
secretário de Trânsito
e Transporte de Imperatriz
fotografia@mirante.com.br
Divulgação
IMPERATRIZ - Alunos e professores do Centro de Ensino Dorgival Pinheiro de Sousa
receberam com festa, na manhã da última sexta-feira, artistas, intelectuais e autoridades que integram o projeto Arte & Cidadania nas Escolas. Os alunos depois de receberem nas salas de aula noções de cidadania, por meio de palestras proferidas por
membros do Comissariado de Justiça, se reuniram no pátio da escola para o momento cultural. Primeiro a se pronunciar, o gestor regional de Educação, Agostinho Noleto, falou da importância do projeto e prometeu reforma e construção de uma quadra
coberta para a escola ainda este ano. Idealizador e coordenador do projeto, Zeca Tocantins falou aos alunos do objetivo de levar arte e cidadania nas escolas, incentivando os alunos a despertarem suas aptidões com a cultura, nas mais diversas manifestações. Ao lado do cantor Clodoaldo Bezerra, o cantador Zeca Tocantins cantou e proseou com alunos e professores, os quais aplaudiram os dois artistas.
3
Seamo convoca
novos servidores
para Município
Secretaria de Administração chama 27
profissionais de diversas áreas, entre
elas meio ambiente e educação
IMPERATRIZ - A Secretaria de
Administração e Modernização
de Imperatriz (Seamo) publicou
edital datado de 31 de março
convocando servidores aprovados e classificados no concurso
público nº 001/2012 para comparecer ao Departamento de
Recursos Humanos e efetuar os
procedimentos de posse em
cargo efetivo nos quadros da
gestão municipal.
Estão sendo convocados
mais 27 profissionais de diversas áreas: quatro agentes de fiscalização ambiental; oito auxiliares de magistério, um biólogo, um engenheiro ambiental,
um engenheiro florestal, dois
fiscais em alvará e habite-se, um
geógrafo e nove professores nível III (educação infantil e anos
finais do ensino fundamental).
As pessoas convocadas
devem comparecer munidas
de documentos, ocasião em
que receberão Guia de Encaminhamento para realização
de exame médico pré-admissional, conforme cronograma estabelecido.
Ressalta-se que estes estarão sendo encaminhados para as secretarias que apresentarem necessidade, obedecendo à zona especificada
em cada cargo.
O secretário de Administração e Modernização, Iramar
Cândido, esclareceu, porém,
que o não atendimento da
convocação, no prazo máximo e improrrogável de cinco
dias úteis, contados da data
inicial marcada para o comparecimento no local (1º de
abril) e horários designados
(8h às 12h e das 12h às 14h)
será considerado renúncia tácita de direitos (1º de abril).
Documentos
Carteira de Trabalho
Cartão PIS/Pasep
Cédula de Identidade
CPF
Declaração de Imposto de Renda
Carteira de Reservista
Título de Eleitor (comprovante da última eleição)
Comprovante de Endereço
Certidão Negativa de Ações Cíveis
Duas Fotografias
Carteira de Habilitação (para cardo de motorista)
Comprovante de Escolaridade
Certidão de Nascimento (se for solteiro)
Certidão de Casamento (se casado)
Registro de Nascimento (filhos)
Carteira de Vacinação
Exames Médicos pré-Admissionais
Carteira de Registro nos conselhos
Lei do Silêncio
Semana Espírita
IMPERATRIZ - O bispo da
diocese de Imperatriz, dom
Gilberto Pastana, divulgou
Moção de Apoio pela iniciativa
do prefeito Sebastião Madeira
(PSDB) em fazer cumprir a Lei
do Silêncio, das 2h às 6h, em
Imperatriz. Em nota, dom
Gilberto diz que tanto pelo que
proporciona descanso para as
atividades diárias, como pelos
índices de violência que
caíram consideravelmente
desde que se está procurando
fazer cumprir a lei. "Em nome
da Diocese de Imperatriz,
venho externar esta Moção
de Apoio pela iniciativa do
prefeito Madeira em fazer
cumprir a Lei do Silêncio",
assinala o bispo.
IMPERATRIZ - Com o tema O
Evangelho de Jesus e os laços
de família, está sendo realizada
desde o último domingo a 3ª
Semana Espírita de Imperatriz,
promovida pela Federação
Espírita do Maranhão. O evento
prosseguirá até hoje em sete
centros espíritas e conta com
a participação de seguidores e
simpatizantes da doutrina
kardecista de todo o Maranhão.
O coordenador do evento,
Fábio Carvalho, explicou que o
tema foi escolhido em razão da
grande importância da família
como base para a sociedade.
Na prática, o evento discute
o tema de forma bem
abrangente, levando em
conta também a educação.
Download

imperatriz 3.qxp