Baseado no seriado Um menino muito
Maluquinho, Ziraldo e Anna Muylaert
lançam dois livros na XVI Bienal do
Livro do Rio de Janeiro
A coleção conta com 10 títulos que serão lançados até 2014, e
fornece uma pequena biografia do menino mais famoso do Brasil
É comum as crianças imaginarem como serão quando adultas e
acreditarem que terão uma vida de liberdade sem obrigações chatas.
Afinal, não precisarão obedecer aos pais, professores e outros adultos
que sempre estão por perto na hora da travessura preparados para
dispensar aquela bronca.
Com texto de Anna Muylaert, adaptados da série exibida pela TV
Brasil, Um menino muito maluquinho, e ilustrações de Ziraldo, a
Editora Melhoramentos publica coleção com 10 títulos na qual o
personagem é retratado em três diferentes idades: aos 5, aos 10 e
adulto, refletindo e revivendo diversos momentos de sua vida. Será
que o menino de ontem é o adulto de hoje?
Em Adivinha que Dia É Hoje?, Maluquinho vive o dia mais feliz do
ano: seu aniversário. Nesse dia, ele dispensa o arsenal de
despertadores dos quais é vítima toda manhã e acorda cedo e
animado. Pula da cama pensando nos presentes que vai ganhar, nos
brigadeiros que vai comer, nos presentes que vai ganhar, nos
telefonemas que vai receber, nos presentes que vai ganhar, nos
beijos que a mãe vai lhe dar e, claro, nos presentes que vai ganhar...
Maluquinho também gosta de seguir algumas tradições nesse dia. Ele
e os pais folheiam o álbum de fotografias, relembram momentos
importantes, aniversários anteriores, e pensam em como ele ficou
grande!
Mas também tem aquela hora do dia em que uma sensação ruim
toma conta do menino. Aquele momento quase perto do horário da
festa começar no qual os minutos parecem dias e os convidados
parecem que nunca vão chegar. Imagine só, uma festa sem amigos!
Ou pior, uma festa sem a Julieta!
Com o fiel amigo Bocão, Maluquinho aguarda ansioso pela festa que
concretiza o melhor dia de sua vida e que ficará guardada na sua
memória para sempre.
No livro O Menino que Tinha uma Panela na Cabeça a presença
do tempo também é marcante. Lembrada por Maluquinho quando
adulto, a história acontece no dia em que sua professora passou um
dever de casa pra lá de instigante: fazer uma autobiografia.
Maluquinho voltou para casa todo animado, disposto a descobrir com
os pais seus primeiros passos e, claro, como ele se tornou O Menino
Maluquinho.
Série: Menino Maluquinho
Adivinha que Dia É Hoje?
Autores: Anna Muylaert e Ziraldo
Preço: R$ 35,00
Páginas: 64
O Menino que Tinha uma Panela
na Cabeça
Autores: Anna Muylaert e Ziraldo
Preço: R$ 35,00
Páginas: 64
www.editoramelhoramentos.com.br
O problema foi que, logo na primeira pergunta, não houve consenso.
O pai contava uma história e a mãe outra. Foi perguntar ao avô, à
baba e até ao médico que o ajudou a nascer. No final, ele tinha cinco
versões diferentes e nenhuma resposta.
Foi então que o menino concluiu que uma autobiografia deveria ser
feita por ele mesmo, e seguiu firme em reconstruir sua trajetória. No
caminho, encontrou um baú de memórias que, segundo o avô, serve
“para saber como você era quando crescer”.
A tarefa foi um sucesso e a professora se animou para pedir a
próxima: uma autobiografia do futuro. Já com o olhar de um adulto,
Maluquinho ri ao lembrar da redação que escreveu tempos atrás:
“Quando eu crescer vou ser veterinário de manhã, depois eu almoço
cheesebúrguer e vou pro meu trabalho da tarde: jogador da seleção
brasileira. Depois eu tomo um milk-shake e de noite vou pro meu
show: vou ser cantor”.
Sobre o autor
Anna Muylaert nasceu em São Paulo, em 1964. É escritora, diretora e
roteirista de cinema e TV. Dirigiu os filmes Durval Discos, É Proibido
Fumar e Chamada a Cobrar. Na TV, participou das equipes de criação
dos programas Mundo da Lua e Castelo Ratimbum (TV Cultura);
Disney Cruj (SBT); Um menino muito maluquinho (TV Brasil) e As
Canalhas (GNT). É autora dos livros VAI!, (Massao Ohno), O Diário de
Bordo do Etevaldo, As memórias de Morgana e As Reportagens de
Penélope (Cia. das Letrinhas), Gato e Sapato (Global Editora). É mãe
de José e Joaquim.
Sobre o ilustrador
Ziraldo nasceu em Caratinga, Minas Gerais, em 1932. Começou sua
carreira nos anos 1950 em jornais e revistas como Jornal do Brasil, O
Cruzeiro e Folha de Minas. Autor de livros infantis, ilustrador e
cartunista, Ziraldo tem suas obras traduzidas para diversos idiomas,
entre eles, inglês, espanhol, alemão, francês, italiano e japonês. Seu
maior sucesso, O Menino Maluquinho, com mais de 100 edições e 3
milhões de exemplares, tornou-se um ícone da literatura infantil
brasileira.
Sobre a Editora Melhoramentos
Há 123 anos a Melhoramentos ocupa posição de destaque nas
diversas áreas em que atua. É referência no mercado de dicionários
com a linha Michaelis (português, inglês, espanhol, francês, italiano,
alemão e japonês), que detém 35% das vendas nesse segmento.
Para não perder a tradição iniciada em 1915 – com a edição de O
Patinho Feio – de ser a principal editora infantojuvenil do país, a
Melhoramentos tem entre seus autores nada menos que Ziraldo e
INFORMAÇÕES PARA A
IMPRENSA
parceria6@parceria6.com.br
(11) 3081-1260 | 3062-9951
Juliana Sassi
juliana@parceria6.com.br
(11) 9 8657 6891
Fabio Diegues
fabio@parceria6.com.br
(11)98657.6894
Antoune Nakkhle
parceria6@parceria6.com.br
(11) 7717.5802
(11)98585.5551
www.parceria6.com.br
seus 152 títulos, um sucesso absoluto entre o público jovem de todo
o mundo e que bateu um recorde histórico: O Menino Maluquinho
vendeu mais de 3 milhões de exemplares.
XVI Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro
Quando: de 29 de agosto a 08 de setembro de 2013
Onde: Riocentro - Avenida Salvador Allende, nº 6.555 – Barra da
Tijuca
Estande da Editora Melhoramentos: Pavilhão Azul – Stand H04/I03
Download

Baseado no seriado Um menino muito Maluquinho, Ziraldo e Anna