O Dia do Senhor
Ano B - XXV - Nº 1538 - 30º Domingo do Tempo Comum - cor verde - 25/10/2015
CORAGEM, JESUS TE CHAMA!
Dia Nacional da Juventude
Procissão de entrada como de costume.
2. Canto Inicial
1 - “Venham trabalhar na minha vinha”, dilatar
meu Reino entre as nações. Convidar meu povo
ao banquete. Quero habitar nos corações.
Unidos pela força da oração, ungidos pelo
Espírito da missão, vamos juntos construir uma
Igreja em ação.
2 - “Venham trabalhar na minha vinha”, espalhar
na terra o meu amor. Muitos não conhecem a
Boa-Nova, vivem como ovelhas sem pastor.
3 - “Venham trabalhar na minha vinha”, com fervor
meu nome proclamar. Que ninguém se queixe ao
fim do dia: “Ninguém me chamou a trabalhar...”
Presidente - Ao celebrarmos o memorial
da Páscoa de Cristo somos chamados a crer
firmemente em Sua Palavra que nos cura e
liberta de todos os males. Atentos aos seus
ensinamentos, iniciemos com o sinal de nossa fé.
Em nome do Pai...
Deus nos reúne
Preparar um painel com o lema do mês missionário: “Quem
quiser ser o primeiro, seja o servo de todos”. (Mc 10,44), e o
tema e lema do Dia Nacional da Juventude que deverão ficar
em lugar de destaque. A equipe convida com antecedência
os pais ou responsáveis dos adolescentes e jovens para
acolhê-los na porta da Igreja com cantos de boas-vindas,
cantando e tocando instrumentos musicais e entregando
lenços brancos. Ao iniciar a celebração, entoar o refrão.
Presidente - O Deus da esperança, que nos
cumula de toda alegria e paz em nossa fé, pela
ação do Espírito Santo, esteja convosco. Bendito
seja Deus...
Eu sei, eu sei, eu sei, em quem acreditei. (5x)
3. Deus nos perdoa
Presidente - No mundo de hoje, milhões de
jovens, crianças e adultos gritam à margem do
caminho: “Senhor, tem piedade de mim”, porque
sofrem com o descaso social. Reconheçamo-nos
necessitados da misericórdia do Pai e peçamos
perdão (silêncio). A cada invocação digamos: Livrainos Senhor.
1. Acolhida
Animador(a) - Queridos irmãos e irmãs
em Cristo, sejam todos bem-vindos! Neste
último domingo do mês dedicado às Missões,
comemoramos o Dia Nacional da Juventude
com o lema “Juventude construindo uma nova
sociedade” e a inspiração “Estou no meio de
vós como aquele que serve” (Lc 22, 27). Rezemos
também pela Igreja da Amazônia e pelos jovens
que sonham por dias melhores e desejam
clarear sua visão, sair da margem da estrada e
caminhar rumo ao verdadeiro sentido da vida,
Cristo Jesus. Confiantes, celebremos a esperança
por uma sociedade melhor. Cantemos.
- Da prostituição infantil.
- Do tráfico de jovens para diversos fins.
- Das brigas entre crianças e jovens nas escolas.
- Da violência no trânsito.
- Da falta de fé e oração em família.
- Da falta de diálogo entre pais e filhos.
- Da falta de apoio aos jovens nas comunidades.
01
- Chorando de tristeza sairão, espalhando
suas sementes; cantando de alegria voltarão,
carregando os seus feixes!
- Das drogas e outros vícios.
- Da fome que destrói a vida.
- Do desemprego que causa desânimo e
insegurança.
- Da falta de saúde e educação.
- Do preconceito social com a raça, a aparência e
outros males que oprimem.
- Da corrupção em todos os setores da sociedade.
8. Leitura da Carta aos Hebreus (5, 1-6)
9. Canto de Aclamação
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia! (bis)
1 - Jesus Cristo, Salvador, destruiu o mal e a
morte; fez brilhar, pelo Evangelho, a luz e a vida
imperecíveis.
Presidente - Deus de infinita bondade, tenha
compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e
nos conduza à vida eterna. Amém.
10. Proclamação do Evangelho de Jesus
Cristo segundo São Marcos (10, 46-52)
- Senhor, tende piedade de nós! Senhor...
- Cristo, tende piedade de nós! Cristo...
- Senhor, tende piedade de nós! Senhor...
11. Partilha da Palavra
4. Oração
Presidente - Ó Deus, Jesus abriu os olhos do cego
para que o seguisse no caminho. Iluminai nosso
coração para que sigamos o vosso Filho como
verdadeiros discípulos missionários, em toda a
nossa vida. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso
Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.
Nossa resposta
12. Profissão de Fé
Presidente - Com confiança, renovemos nossa
fé no Deus que nos liberta do medo e nos traz à
vida. Creio em Deus Pai...
Deus nos fala
13. Preces da Comunidade
Presidente - A Deus Pai, que em Jesus, cuida da
humanidade inteira, supliquemos: Lembrai-vos,
Senhor, da vossa Igreja servidora e missionária.
5. Entrada do Livro da Palavra
Preparar uma bonita coreografia para a entrada solene do
Livro da Palavra, que deverá estar ladeado por velas acesas.
Envolver os jovens.
- Deus de amor, fortalecei a Igreja na Amazônia,
com numerosos missionários e missionárias
comprometidos na missão profética de defender
a vida e servir as comunidades ribeirinhas,
indígenas e quilombolas. Nós vos pedimos.
- Deus de amor, abençoai os ministros ordenados,
os consagrados e consagradas e os leigos
missionários, para que sejam no mundo sinais
de esperança, justiça, fraternidade e paz. Nós
vos pedimos.
- Deus de amor, olhai com bondade pelas pessoas
que sofrem em meio a tantas necessidades,
doenças, dependências químicas, violência e
abandono, para que suas dores sejam amenizadas.
Nós vos pedimos.
- Deus de amor, animai sempre mais os membros
da Paróquia São Sebastião - Novo Brasil em
Governador Lindemberg, pela comemoração de
60 anos de Evangelização, para que sirvam com
alegria o Vosso Reino. Nós vos pedimos.
- Deus de amor, iluminai todos os jovens para que
não desanimem nas dificuldades e sejam fiéis
anunciadores da Boa-Nova de Jesus, participando
com coragem na transformação da sociedade.
Nós vos pedimos.
1 - Cantemos alegres, vibrantes, ergamos a Deus
nossa voz, acolhamos a sua Palavra que passa no
meio de nós.
Cantai, cantai, irmãos cantai com amor e fé a
Palavra de vida aclamemos de pé. (bis)
2 - A Bíblia é o Livro Sagrado e que muitos livros
contém. Ela é a verdade inspirada é nosso viver,
nosso amém.
6. Leitura do Livro do Profeta Jeremias
(31, 7-9)
7. Salmo Responsorial (125)
Maravilhas fez conosco o Senhor, exultemos de
alegria! (bis)
- Quando o Senhor reconduziu nossos cativos,
parecíamos sonhar; encheu-se de sorriso nossa
boca, nossos lábios, de canções.
- Entre os gentios se dizia: “Maravilhas fez com
eles o Senhor!” Sim, maravilhas fez conosco o
Senhor, exultemos de alegria!
- Mudai a nossa sorte, ó Senhor, como torrentes
no deserto. Os que lançam as sementes entre
lágrimas, ceifarão com alegria.
Presidente - Rezemos juntos a Oração Missionária.
02
Pai de infinita bondade, que enviaste Jesus
Cristo para servir, ilumina, com o teu Espírito,
a Igreja discípula missionária para testemunhar
o Evangelho a partir das periferias e, com a
proteção de Maria servidora, manifestar o teu
Reino em todo o mundo. Amém.
Em todo o universo: glória a Deus e no planeta
terra: glória a Deus. Paz na ONU e no meu país
e que a humanidade seja mais feliz.
Nós te adoramos e louvamos e te agradecemos
e te suplicamos teu imenso amor de Pai vai nos
ensinar a cultivar a paz. Tu que és o Filho de Deus
vivo, tu que tens poder e majestade, piedade, ó
Jesus, tira-nos da treva com a tua luz. Tu que vens
do Pai e vens do Filho, tu que nos conduzes com
ternura, brilhe em nós o teu amor, és o santo
Espírito consolador.
14. Apresentação dos Dons
Animador(a) - A juventude merece atenção
especial. Uma Igreja sem jovens é uma Igreja
sem presente e sem futuro. Apresentemos ao
altar do Senhor a força evangelizadora dos jovens
e a disposição para as iniciativas missionárias e
serviços voluntários.
Deus nos faz irmãos
Um(a) jovem durante a motivação se coloca diante do
altar e após a conclusão, proclama com os braços abertos:
“Coragem, levanta-te, Jesus te chama!” Vários jovens vem
ao seu encontro, viram-se para o altar e cantam.
17. Pai Nosso
Presidente - Inspirados na Palavra de Jesus,
ousamos proclamar: Pai Nosso...
Senhor, se tu me chamas, eu quero te ouvir! Se
queres que eu te siga, respondo: eis-me aqui!
18. Abraço da Paz
Animador(a) - Na alegria de comemorarmos hoje,
o Dia Nacional da Juventude, saudemo-nos com
um abraço fraterno.
15. Canto das Oferendas
(onde houver celebração da Palavra)
1 - As sementes que me deste e que não eram
pra guardar, pus no chão da minha vida, quis
fazer frutificar.
Dos meus dons que recebi pelo Espírito de amor
trago os frutos que colhi e em tua mesa quero
pôr. (bis)
2 - Pelos campos deste mundo quero sempre semear,
os talentos que me deste para eu mesmo cultivar.
3 - Quanto mais eu for plantando mais terei para
colher, quanto mais eu for colhendo, mais terei
a oferecer.
Acenar os lenços, enquanto se canta.
1 - O Espírito de Deus, vida nova que se faz,
no coração da juventude, em missão de amor
e paz. Vamos ter nosso direito, unir forças pra
vencer a exclusão e preconceitos, fazendo a
paz florescer.
Paz, dom de Deus, direito da juventude. (bis)
2 - A droga não traz vida, traz sofrimento e dor.
Nossa Pátria está ferida, falta paz, justiça e amor.
É preciso transformar esta situação, juventude é
ser presença de Deus Pai em cada irmão.
(onde houver celebração Eucarística)
1 - Nosso Deus fez um mundo tão perfeito,
colocou em nosso peito a semente do amor. E,
por isso, aqui somos seus convivas, e formamos
hóstias vivas, nesta casa do Senhor.
Vamos preparar a ceia, vamos repartir o pão!
Quero ver a mesa cheia dos sinais da salvação.
Vamos preparar a ceia vamos repartir o vinho
quero ver a casa cheia de ternura e de carinho.
2 - Nosso Deus fez de nós uma família, numa
Igreja que partilha, e se oferta em oblação, para
que ofertemos pão e vinho, que dão força no
caminho, e nos levam à doação.
3 - Nosso Deus sabe ouvir nosso clamor, e, com
todo sofredor, faz a nova aliança. Também nós, o
que temos partilhamos, o que somos ofertamos,
pra gerar mais esperança.
19. Canto de Comunhão (se houver)
É comunhão, é comunhão, em Jesus Cristo por
inteiro neste pão, é comunhão, é comunhão,
com sua Igreja Missionária em ação.
1 - É comunhão com o Deus vivo e verdadeiro,
que dia a dia vem em nossa direção. Com Ele
vamos revelar ao mundo inteiro, os horizontes
da evangelização.
2 - É comunhão com o projeto de Jesus, a boa
nova que Ele veio revelar, que por amor aceitou
morrer na cruz, para o seu povo oprimido resgatar.
3 - É comunhão com o Espírito de amor, protagonista
da evangelização. Ele revela os segredos do Senhor,
e guia a Igreja nos caminhos da missão.
4 - É comunhão com a Igreja Missionária, que nos
acolhe, nos convoca, nos envia, como Maria segue
sempre solidária, alimentada pela santa eucaristia.
5 - É comunhão com a história do meu povo, que
sofre, chora e não cansa de esperar. Da velha
terra vai nascer em mundo novo, nesta esperança
vamos juntos comungar.
16. Momento de Louvor
Presidente - Elevemos nossos louvores a Deus
Pai, unidos a todos que reconhecem Jesus como
luz verdadeira.
03
por Cristo - o discípulo perfeito. Ser discípulo
é comprometer-se em obras de solidariedade
com os que continuam sentados à beira do
caminho. O cego do Evangelho é, de certa forma,
símbolo de todos nós. Constitui uma grande
verdade que todos estamos um pouco cegos
no caminho da vida. O cego sentado à beira do
caminho é uma imagem real dos necessitados
da humanidade. Na comunidade há sempre
pessoas sensíveis, atentas e solidárias com os
irmãos em dificuldade que, por sua caridade,
palavras de conforto e de esperança abrem
caminho para o encontro libertador com Jesus.
Essas pessoas são as verdadeiras seguidoras do
Mestre. Na prática da vida das comunidades,
nos bairros, nas escolas, em muitos locais, algo
novo acontece, somente graças à resistente
perseverança de alguns corajosos que, movidos
pela indignação, não deixam as coisas se
acomodarem. Este é um dos motivos do Dia
Nacional da Juventude, que é parte de um todo
maior que busca a dignidade jovem: celebra
as lutas anuais dos(as) jovens organizados; é
a mobilização maior, concentrando multidões
de jovens que buscam novas relações de
vida pautadas na justiça social, no poder
popular, na legitimidade da diversidade, no
protagonismo juvenil, na educação libertadora,
na construção da paz. Vamos juntos (as) marchar
para denunciar profeticamente as pessoas,
os sistemas e as instituições que banalizam a
vida. Como próprio de nossa natureza cristã,
queremos, pois, anunciar com toda força, a
vitalidade da juventude que sonha e busca viver
em um espaço seguro, real, que lhe dê garantia
e perspectiva de realização de seu projeto de
vida. O que nossas famílias e nossa comunidade
estão fazendo pelos jovens que estão à beira do
caminho como o cego Bartimeu?
20. Oração
Presidente - Pai Santo, Deus de compaixão, amor e
ternura, vós sempre viestes em socorro de nossas
fraquezas. Refeitos pela vossa Palavra (e pela
Comunhão), concedei que nossa comunidade
seja sempre sinal da vossa misericórdia. Por
Cristo, nosso Senhor. Amém.
Deus nos envia
21. Notícias e Avisos
- No próximo domingo celebraremos Todos os
Santos, preparem bem este dia.
22. Bênção
Presidente - Ó Deus Uno e Trino, que nos ama,
faça crescer em vós a capacidade de amar. Amém.
- Abençoe-vos o Deus todo-poderoso: Pai e Filho
e Espírito Santo. Amém.
- “Levanta, Jesus te chama a evangelizar”. Ide em
paz e o Senhor vos acompanhe. Graças a Deus.
23. Canto Final
1 - Do Reino da Justiça, alegres mensageiros,
profetas, companheiros, vivendo pela paz. Em
Cristo batizados, ao mundo enviados, nós somos
missionários do amor que Deus nos traz!
Juventude Missionária, inquieta e Solidária! (2x)
2 - Um mundo nós sonhamos, sem muros, sem
fronteiras, sem ódios, sem barreiras, sem preconceito
e dor. A terra-mãe cuidada, a vida respeitada,
culturas dialogando e revelando o seu valor!
3 - Na Rede da Irmandade, na juventude em
festa, de Deus se manifesta a graça, a compaixão!
Unidos com Maria, fiéis a cada dia, alegres
celebremos nossa vida em missão!
Preparando a Partilha da Palavra
Leituras da Semana
Na liturgia de hoje, o profeta Jeremias deseja
reerguer as esperanças do povo sofrido,
revelando a atenção salvadora e amorosa de
Deus. E proclama que a libertação chegou:
“Façam festa, gritem de alegria!” O Senhor
salvou seu povo. Liberto, o povo tem muitos
motivos para cantar: “Maravilhas fez conosco
o Senhor, exultemos de alegria” (Salmo). São
Paulo revela que, em Jesus, a figura do sumo
sacerdote realiza-se plenamente. Ele é o único
capaz de apresentar nossas necessidades e
orações a Deus, pois está totalmente sintonizado
com a compaixão do Pai em favor dos sofredores
do seu povo. O Evangelho deste domingo é
uma parábola que reflete o homem iluminado
2ª feira: Rm 8,12-17; Sl 67; Lc 13,10-17
3ª feira: Rm 8,18-25; Sl 125; Lc 13,18-21
4ª feira: Ef 2,19-22; Sl 18; Lc 6,12-19
5ª feira: Rm 8,31b-39; Sl 108; Lc 13,31-35
6ª feira: Rm 9,1-5; Sl 147; Lc 14,1-6
Sábado: Rm 11,1-2a.11-12.25-29; Sl 93; Lc 14,1.7-11
Domingo: Ap 7,2-4.9-14; Sl 23; 1Jo 3,1-3; Mt 5,1-12a
CÚRIA DIOCESANA DE COLATINA
Rua Santa Maria, 350 - Edifício João Paulo II
CEP 29700-200 - Colatina - ES
Fone: (27) 2102.5000 - Fax: (27) 2102.5015
E-mail: diadosenhor@diocesedecolatina.org.br
Site: www.diocesedecolatina.org.br
Site Santuário: www.nossasenhoradasaude.org.br
04
Download

O Dia do Senhor - Diocese de Colatina