DEZEMBRO 2014
CAPITAL E GRANDE SÃO PAULO
ANO 8 - NÚMERO 85
DISTRIBUIÇÃO GRATUITA
WWW.AGENDADAPERIFERIA.ORG.BR
FEIRA PRETA:
13 ANOS
Diana Basei
O Instituto Feira Preta realiza, no dia
07, a maior feira de cultura negra
da América Latina no Pavilhão de
Exposições do Anhembi,com literatura,
dança, gastronomia, exposições de
produtos, oficinas e atrações musicais,
entre elas a Banda Aláfia. Destaque para
a cantora Xênia França (foto).
FINAL HIP HOP
DJ 2014 NO SESC
BELENZINHO
III FESTIVAL
DO FILME
ANARQUISTA E
PUNK DE SP
LEVANTE MULHER
REALIZA SARAU
DAS ROSAS
2014: o ano do 7x1 da cultura periférica 2014: o ano do
AL
I
R
O
IT
D
E
2014: o ano do 7x1 da
cultura periférica
Já discorremos aqui nesta página sobre o quanto 2007 foi
emblemático para a cena cultural da periferia. Naquele ano, entre
muitos outros fatos, surgiu a Agenda Cultural da Periferia. Sete anos
depois, reconhecemos em 2014 um ano especialmente bom para cultura
na quebrada. Um dos fatores que farão deste ano uma referência saudosa no
futuro também foi a Agenda Cultural da Periferia. Em meados do ano renovamos
o projeto gráfico. Nosso guia ficou colorido, com um visual muito agradável e de
fácil leitura. E ainda em dezembro lançaremos o site da Agenda Cultural da Periferia que
está sendo concebido como portal, trazendo, além das notícias dos eventos, reportagens,
vídeos, artigos e muitas outras novidades. Aguardem! Antes do apagar das luzes de 2014,
essa novidade estará no ar. E outra novidade muito especial está sendo preparada. Mas essa será
anunciada em janeiro de 2015. Fiquem atentos.
A cultura da periferia de São Paulo ganhou de goleada em 2014. O placar foi de 7 x 1. Vejam os gols:
1 – Prêmio Governador do Estado para a Cultura teve inúmeros ganhadores da periferia. O Espaço Clariô
foi agraciado na categoria “Inclusão Cultural” pela programação de teatro e as demais atividades que lá
acontecem, especialmente o Sarau do Binho e o Quintasoito.
2 – O Carnaval de Rua ganhou força com o apoio da Prefeitura. Mais de 100 blocos desfilaram pela
cidade, tendo o Ilú Obá de Min na linha de frente. São Paulo precisou ter um secretário de cultura baiano
para os foliões poderem ganhar as ruas.
3 – Ainda no início do ano 85 organizações culturais foram contempladas no edital de Pontos de Cultura
da Cidade de São Paulo, 80 delas situadas nas periferias. Depois de 10 anos do surgimento dessa política
pública, finalmente a maior cidade do Brasil adere ao Programa. Mas essa demora acabou sendo boa,
pois o atual governo teve a sensibilidade de priorizar a periferia, algo que talvez não acontecesse nas
gestões anteriores.
4 – Também no primeiro semestre os saraus da periferia invadiram Buenos Aires. Os poetas levaram
para a Feira de Livros da capital argentina muito da vibração e criatividade desses encontros literários. Na
ocasião foi lançado uma coletânea de poemas em espanhol organizada pela pesquisadora Lucia Tennina.
5 – Em julho foi realizado o Mundial de Futebol de Rua, evento promovido pelo Movimiento Futbol
Callejero e organizado pela Ação Educativa em parceria com a FUDE – Fundacion Futbol para el Desarollo
e que reuniu 280 praticantes do futebol de rua vindos de 20 países. Dois dos três times brasileiros eram
formados por jovens das periferias.
6 – A quarta edição do Encontro Estéticas das Periferias homenageou o centenário de Carolina Maria de
Jesus e de Abdias do Nascimento. Na abertura do evento quatro das principais companhias de teatro
negro da cidade encenaram uma peça em homenagem aos dois artistas negros, um espetáculo inédito
que arrebatou a plateia.
7 – Em 2014 ,a Ação Educativa completou 20
anos de fundação e o grupo de teatro Pombas
Urbanas 25 anos de trajetória. Duas efemérides
que fazem todo o sentido serem comemoradas
juntas. Longa vida!
Sofremos apenas um gol. E como sofremos!
A morte atravessou o caminho das artes
periféricas. O dramaturgo Mario Pazini faleceu em
maio e sambista Paquera nos deixou em julho,
ambos abatidos pelo câncer contra o qual lutaram
com muita esperança. O Grupo Clariô e o Samba
da Vela choraram a perda desses dois grandes
artistas que fizeram a periferia ser mais feliz e
orgulhosa dos filhos seus. Mas eles continuam
entre nós por meio da arte que criaram e que os
fazem eternos.
Que venha 2015 e que mais uma goleada seja
celebrada nos seus derradeiros dias. Muita paz,
saúde e felicidade!
Hip Hop
05
Samba
Divulgação
ÍNDICE
04
Formação
Cultural
CICLO CULTURA HIP HOP
Divulgação
08
Literatura
LANÇAMENTO DO LIVRO
CADERNOS NEGROS, n° 37
11
12
Especial
Teatro
13
14
Outras Cenas
Hip-Hop
FINAL HIP HOP DJ 2014
SHOW MANO RÉU - ESSA TAL DE
REINVENÇÃO
Divulgação
O circuito de Shows “Mano Réu - Essa Tal
de Reinvenção” encerra com uma grande
celebração. Shows com Quilombrasa, Mamuti
011 e Will Fort. Mano Réu também convida
Meire (D’ Origem), Robsoul e Monge Mc (BH).
Idealizado pelos músicos KL Jay e Xis,
o Hip Hop DJ é considerado o maior
campeonato de DJs da América Latina.
Com um formato de disputa em que os
participantes duelam musicalmente e
recebem notas de um júri especializado,
cada apresentação é realizada em três
minutos e meio, cabendo aos jurados
avaliar quatro quesitos: batida, tempo,
scratch e criatividade. A primeira edição
ocorreu em 1997 e, ao logo dos anos,
diversos DJs iniciaram suas carreiras
após passarem pela competição, como
DJ Cia (RZO), Nuts (Marcelo D2), King,
RM (Xis, Rapadura), Tano (Z’África
Brasil), Marco (Céu), Erick Jay (Manos
e Minas), dentre outros.O evento
contará com o set do DJ King (foto),
participação de Xis e Arnaldo Tifú como
mestres de cerimônia, pocket show dos
grupos Xemalami e Elo da Corrente.
Dia 11 (quinta-feira), 20h30. SESC Belenzinho
– Rua Padre Adelino, 1000. Belém, Zona leste.
Entrada R$ 20,00; meia R$ 10,00 e comerciário R$
6,00. (11) 2076-9700.
Dia 13 (sábado), 14h. Praça do Circo Escola - Praça Pastor
Onésimo Pereira do Nascimento - Ponto de referência Sacolão
da João Paulo. Brasilândia, Zona Norte. Entrada franca. (11)
99446-6214. www.manoreu.com.br
REDUTO DO RAP
Última edição de 2014 com os convidados:
Slim Rimografia e Mestre Nagô. Discotecagem
com os DJs: Clevinho e Makola. Performance
com Dj Dagoma. Microfone aberto para batalhas
de MCs e sorteio de um Super Nintendo.
Dia 13 (sábado), das 18h às 23h. Via Facó – Avenida Edgar
Facó, 1.250. Ao lado da Esfiha Chic. Zona Norte. Entrada
franca.
LANÇAMENTO DO GRUPO DOIS
PONTO ZERO
O poeta Fuzzil e DeeJay Mi lançam o EP “De
Rolê” com oito faixas e algumas participações.
Dia 14 (domingo), das 14h às 19h. Ateliê
Deeanto - Travessa Setembro de 1981, 88.
Parque Fernanda, Zona Sul. Entrada franca.
Dia 16 (terça-feira), das 19h às 22h. Sarau
Suburbano Convicto - Rua 13 de Maio, 70. 2ª
Andar. Bixiga. Entrada franca.
Dia 21 (domingo), das 16h às 20h. Convidados:
Ney da Sul, Nego Chic, Thiago Kairu, Preto Will,
Grupo de dança: Pac Beat’s e DJ Rocaffer.
CEU Feitiço da Vila - Rua Feitiço da Vila, 399. Valo Velho, Zona
Sul. Informações: (11) 96341-4171.
[email protected]
FÁBRICAS CONVIDA RASHID
DJ HUM E O EXPRESSO DO GROOVE
DJ Hum vem ao CCJ para lançar em CD e vinil
o trabalho “DJ Hum e o Expresso do Groove”,
que visa resgatar a sonoridade de clássicos dos
anos 60, 70, 80 e 90, sem perder os grandes
ritmos da atualidade.
Dia 05 (sexta-feira), 20h. Centro Cultural da Juventude - Av.
Deputado Emílio Carlos, 3.641. Vila Nova Cachoeirinha, Zona
Norte. Entrada franca
04
Shows com o rapper que lançou seu primeiro EP
em 2010. Agora, com 24 anos, é considerado
um dos grandes nomes da nova geração no rap.
Dia 12 (sexta-feira), 19h. Fábricas de Cultura do
Jaçanã – Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138.
Jaçanã, Zona Norte. Entrada franca.
Dia 13 (sábado), 16h. Fábricas de Cultura da
Brasilândia – Av. Inajar de Souza, 7001. Jardim
dos Francos. Zona Norte. Entrada franca.
Informações: http://rashid.com.br/
Samba
EVENTOS
SAMBA DE VITRINE
O Projeto Samba Paulista – Nosso Samba de
Vitrine tradicional encontro de sambistas e
admiradores do samba no centro de São Paulo
no primeiro sábado do mês.
Dia 06(sábado), a partir das 15h. Rua General Osório, 46. Luz.
Entrada franca. (11) 3221-8477.
SAMBA DA COMUNIDADE
O Movimento Cultural @migos do Samba.com
em parceria com Ação Educativa promovem
a roda de samba em conjunto com as
comunidades de roda de samba. Convidado:
Bloco Pega o Lenço e Vai.
SAMBA NOSSAS COISAS
Idealizado pelos @migosdosamba.com, em
parceria com a Ação Educativa, o projeto
convida sambistas das rodas de samba que
tocam, compõem, cantam e fazem pesquisas
em seus projetos, sendo reconhecidos em
seu meio, mas que em geral não fazem
apresentações, somente em coletivo. Convidada:
Cris do Samba.
Dia 12 (sexta-feira), das 19h30 às 22h. Ação Educativa –
Rua General Jardim, 660. Vila Buarque. Entrada franca. (11)
3151-2333.
SHOW DO EMERSON URSO
Dia 05 (sexta-feira), das 19h às 22h. Ação Educativa – Rua
General Jardim, 660. Vila Buarque. Entrada franca. (11)
3151-2333.
A Velha Guarda de uma das escolas de samba
mais tradicionais de São Paulo apresenta um
show com repertório de sambas de época,
tendo como convidado o sambista T. Kaçula.
O músico, compositor, produtor e pesquisador,
iniciou sua carreira em 1985 e hoje desenvolve
um trabalho de resgate da história e divulgação
do samba paulista. Sua música mistura o
verdadeiro samba de raiz com uma influência do
toque dos atabaques africanos de uma maneira
bastante intimista.
Dia 11 (quinta-feira), 15h às 16h30. Sesc Itaquera – Avenida
Fernando do Espírito Santo Alves de Mattos, 1000. Itaquera,
Zona Leste. Entrada franca. (11) 2523-9200.
BATUQUE DAS SINHÁS
O quarteto apresenta releituras de sambas de
várias gerações. Traz no repertório composições
de sambas antigos de Zé Kéti, Dona Ivone Lara,
Cartola e Adoniran Barbosa, passando pelos
afro-sambas de Vinicius de Moraes e Baden
Powell até os contemporâneos Chico Buarque
e Paulo César Pinheiro. É formado por Raquel
Martins (voz e violão), Laura Campanér (voz e
surdo), Bia Clemente (voz e pandeiro) e Keila
Marcello (voz e ganzá).
Dia 20 (sábado), 19h. Sesc Campo Limpo – Rua Nossa
Senhora do Bom Conselho, 120. Próximo ao Metrô Campo
Limpo. Parque Arariba, Zona Sul. Entrada franca. (11)55102700.
Divulgação
VELHA GUARDA DA NENÊ CONVIDA T.
KAÇULA
Paulistano de 1972, sambista,
compositor, produtor musical e músico.
Gravou 4 discos independentes
registrando suas composições com
diversos parceiros, teve sambas
gravados por outros artistas e em 2014
lançou o quinto CD de sua carreira
“Na Cadência e na Elegância” em que
sai um pouco do terreiro e vai para o
salão sem jamais abandonar o samba
tradicional que defende ao longo de 13
anos de carreira em disco e mais de 25
anos de samba.
Dia 14 (domingo), 17h às 18h30. SESC Santo
Amaro - Rua Amador Bueno, 505. Santo Amaro,
Zona Sul. Entrada franca.
05
RODAS DE SAMBA DE COMUNIDADE
SAMBA NO ASFALTO
SAMBA DO OLARIA
Divulgação
Iniciou em 2004 com uma reunião de amigos
e instrumentistas num bate-papo sobre a
autenticidade do ritmo, sem a intenção de
prosseguir regularmente. Em formato de Samba
de Mesa, o encontro acontece sem hora para
acabar. Todos os músicos são da comunidade
da Vila Alpina. Festa de encerramento do ano.
Dia 14 (domingo), a partir das 12h. Rua Gaspar Barreto,
387. Vila Alpina. Zona Leste. Entrada franca. (11) 999091837/96722-6924 c/ Ricardo Romano.
Criada em 2007 no bairro de Ermelino
Matarazzo, tem o objetivo de resgatar
o samba de raiz, realizar composições
de sambas inéditos e proporcionar lazer
e cultura para a comunidade. Conta
com a participação dos compositores
e intérpretes locais. Também tem a
missão de transmitir os conhecimentos
musicais às novas gerações com aulas
para as crianças.
Dia 07 (domingo), a partir das 16h.
Rua Francisco Antônio Miranda, 467.
Próximo ao Centro Comercial de
Ermelino Matarazzo, Zona Leste.
TERREIRO DE COMPOSITORES
Dia 14 (domingo), a partir das 16h. Rua Cinturão
Verde, s/n. Rotatória. Próximo da Rua Abel
Tavares. Vila Santa Inês, Zona Leste. Entrada
franca. (11)99154-2808.
http://sambanoasfalto.xpg.uol.com.br/.
COMUNIDADE MOGIANA
PACATICABUM
Grupo formado por amigos amantes e
pesquisadores dos Sambas de Raiz, que tiveram
a idéia de se reunir para tocar e cantar sambas
de uma forma descontraída. Fundada em 19 de
agosto de 2011, com as cores Rosa, Branco
e Preto com sede em Mogi das Cruzes. O
Pacaticabum é composto por vinte integrantes.
Tema: Roda de Samba de Natal. Contribuição
voluntária para o Instituto Pró + Vida com 1 litro
de leite.
Dia 20 (sábado), a partir das 16h. Rua Francisco Afonso
de Melo, 630. Ao lado do Fórum de Brás Cubas. Mogi
das Cruzes. Entrada franca. (11)98403-6036 / 976569810/9.4870-9521. [email protected]
06
Encontro de sambistas e compositores na Zona
Leste, que se reúnem para apresentar suas
músicas e evidenciar as composições de samba
que são reunidas em um caderno para que todos
possam acompanhar a letra e seguir a melodia.
Retornam as atividades dia 11 de janeiro de
2015.
Dias 04,11 e 18 (quintas-feiras), das 20h às 23h. Bareskina
– Avenida Luis Inácio de Anhaia Mello, 1720. Próximo ao
Metrô Vila Prudente. Zona leste. Entrada franca. (11) 72285080/[email protected]
PAGODE DA 27
Concebida em 2005 no bairro do Grajaú,
promove uma roda de samba todos os
domingos. Busca revelar novos compositores,
mas também exalta grandes nomes e
preserva as raízes do samba mantendo o
comprometimento com a sua história. E também
realiza trabalhos sociais em pról dos moradores
da região do Grajaú. Retornam dia 08 de
fevereiro de 2015.
Dias 07 e 14 (domingos), das 16h às 20h. Rua Manoel
Guilherme dos Reis s/n. Grajaú. Zona Sul. Contribuição
Voluntária: 1 kg de alimento não-perecível. (11) 59392913/9109-2772/7639-1602. [email protected]
http://www.pagodeda27.com.
SOCIEDADE SAMBA DÁ CULTURA!
Criada em 2006 por antigos sambistas
moradores da região de Santo Amaro, nas
imediações do Guarapiranga e M’Boi Mirim, no
qual reúnem admiradores desse gênero musical.
Dia 07 (domingo), das 17h às 22h. Casa Popular de Cultura
M´Boi Mirim - Av. Inácio Dias da Silva, S/Nº, Piraporinha. Zona
Sul. Entrada franca. (11) 5514-3408/ 98904-8903/985606042. [email protected]/
www.sambadacultura.blogstpot.com
COMUNIDADE SAMBA DA VELA
Roda de samba criada em 2000 com o intuito
de celebrar o autêntico samba de terreiro,
enaltecer compositores da velha guarda e revelar
novos autores, os quais atuam e desenvolvem
trabalhos em outras comunidades e em prol do
samba paulista. As apresentações seguem um
ritual próprio, com uma vela no centro da roda
que indica o começo do samba e só termina
quando sua luz se apaga. Também é servido
um caldinho após a finalização do encontro.
Retornam no dia 19 de janeiro de 2015.
COMUNIDADE SAMBA JORGE
A Comunidade Samba Jorge teve inicio em
setembro de 2007, com uma reunião entre
amigos para uma confraternização uma vez por
mês com samba de raiz. Esta roda acontece na
Associação Recreativa São Jorge, sede do time
de futebol fundada em 1952, por pais e avós
dos integrantes da comunidade.
Dia 13 (sábado), 16h. Bar Coro Come – Sede do Time São
Jorge – Rua Guaraita, 192. Vila Curuça. São Miguel Paulista,
Zona Leste. Entrada franca. (11)7245-9007. [email protected]
sambajorge.org.br. www.sambajorge.org.br.
Todas as segundas-feiras, a partir das 20h30.Casa de Cultura
de Santo Amaro - Praça Francisco Ferreira Lopes, 434 (Altura
do nº 820 da Av. João Dias) - Santo Amaro. Zona Sul. Entrada:
R$ 5,00. (11) 3106-8569/ 99851-4175.
SAMBA DA LAJE
SAMBA DE PRIMEIRA
O projeto Samba de Primeira começou no
ano de 2007 em uma reunião de amigos
discutindo melhorias para a Comunidade, tem
o objetivo de trazer atividades culturais, música
e entretenimento. Festa de Natal das Crianças.
Retorno das atividades em março/2015.
Dia 07 (domingo), das 10h às 22h. Rua Centenário do sul, s/n.
Vila Zatt. Pirituba. Zona Oeste. Entrada franca. (11) 8713-2628
c/ Feijão.
Roda fundada em julho de 2004, formada por
moradores da Zona Leste e o público que chega
de vários cantos da cidade para apreciar o
samba de raiz e de terreiro. Com um repertório
formado por nomes consagrados da música
brasileira, como Cartola, Nelson Cavaquinho,
João Nogueira, Demônios da Garoa e Martinho
da Vila, o encontro da Comunidade Maria Cursi
também evidencia novos compositores.
Dias 06, 13 e 20 (sábados), das 20h às 00h. Avenida Maria
Cursi, 799 - São Mateus (altura do nº 2680 da Av. Mateo Bei).
Zona Leste. Entrada franca. 9188-9186.
SAMBA DA TENDA
Roda de samba formada em 2001 por músicos
e compositores de São Miguel Paulista com
o objetivo de resgatar o samba popular e
apresentar composições da comunidade.
Dia 20 (sábado), das 17h ás 22h. CDC Tide Setúbal – Rua
Mário Dallari, 170. Jardim São Vicente. São Miguel Paulista,
Zona Leste. Entrada franca. (11) 2297-5969/8419-0665 c/
Ney.
Divulgação
COMUNIDADE MARIA CURSI
Iniciou em 1997 e reúnem-se para
reverenciar o melhor do samba de
raiz com os músicos da própria
comunidade. A roda acontece no
segundo domingo do mês. É possível
também apreciar uma deliciosa feijoada
preparada pela líder do samba Dona
Generosa. No dia 20 – Festa de Natal
das crianças com brincadeiras e
presentes. Retornam em janeiro de
2015.
Dia 14(domingo), 14h. Rua Jadi, 79 Travessa da
Rua Jorge Duprat Figueiredo. Vila Santa Catarina.
Zona Sul. Entrada 1 kg de alimento não-perecível.
(11) 96084-2294/5566-0345.
07
Formação Cultural
Nando Matheus
CICLO CULTURA HIP HOP
O ciclo aborda a Cultura Hip Hop tanto a
perspectiva da gestão como das políticas
específicas para o segmento.
Dia 02 (terça-feira) - O HIP HOP NO
SESC EM SÃO PAULO
10h30 às 13h - Com profissionais do
Sesc em São Paulo.
15h às 17h30 - Com Lunna Rabetti,
Marcello Gugu e Tássia Reis (foto).
Dia 04 (quinta-feira) - HIP HOP E
POLÍTICAS PÚBLICAS
10h30 às 13h - Com Renato Almeida ,
Marcio Santos e Michel Yakini.
15h às 17h30 - Com Fábio Kaseone, MC
Who?, King Nino Brow e Xis.
Dia 09 (terça-feira) - EQUIPAMENTOS
PÚBLICOS E HIP HOP
10h30 às 13h - Com Juliano Gentile,
Alexandre Piero, Renata Bittencourt e
Thiago Saraiva.
15h às 17h30 MOGIANA
- Com Evandro Fiote e
COMUNIDADE
Rappin
Hood.
PACATICABUM
Dia formado
16 (Terça-feira)
- ESPAÇOS
Grupo
por amigos
amantes e
INDEPENDENTES
DE HIP
HOPque tiveram
pesquisadores
dos Sambas
de Raiz,
a idéia
de se
reunir- para
e cantar
sambas
10h30
– 13h
Comtocar
Antônio
Eleilson,
de Bob
uma forma
descontraída.
Fundada
em 19 de
Controversista
e Gabriel
Ruiz.
agosto
2011, com
as cores
Rosa,
15h de
– 17h30
– Com
Sérgio
Vaz,Branco
Flow
e Preto
sede Triunfo.
em Mogi das Cruzes. O
MC ecom
Nelson
Pacaticabum
composto
por vinte integrantes.
Dias 02 a 16é (terças
e quintas-feiras),
10h30 às
17h30.Centro
de Pesquisa
e Formação
do Sesc
Tema:
Roda de Samba
Natal.
Contribuição
São Paulo
- Rua
Dr. Plínio Pró
Barreto,
285,com
4º andar.
voluntária
para
o Instituto
+ Vida
1 litro
Prédio da FecomércioSP. Inscrição por encontro:
de R$
leite.
50,00 (inteira); R$ 25,00 (meia) e R$ 15,00
Dia 20 (sábado), a partir das 16h. Rua Francisco Afonso
(comerciário). (11) 3254.5600.sescsp.org.br/
de Melo, 630. Ao lado do Fórum de Brás Cubas. Mogi
centrodepesquisaeformacao.
das Cruzes. Entrada franca. (11)98403-6036 / 976569810/9.4870-9521. [email protected]
08
ENTRE LAGOS
Entre Lagos é uma programação cultural voltada
aos jovens, contemplando diversas linguagens
artísticas, divididas em quatro eixos:
Dias 03 a 05 (quarta a sexta-feira), das 14h
às 17h. Dança da indignação - Com Cia
Sansacroma.
Dia 06 (sábado), das 14h às 17h. Bate papo:
Produção de dança na periferia.
Com: Cia Sansacroma.
Dia 07 (domingo), 15h às 16h. Espetáculo de
dança: Outras portas, outras pontes. Com Cia
Sansacroma.
Dias 10 a 12 (quarta a sexta-feira), 14h às 17h.
Oficina: Capulanas e o teatro negro - corpo em
movimento rememora, comemora e memoriza Com Capulanas Cia de Arte Negra.
SESC Interlagos – Avenida Manuel Alves Soares, 1100. Parque
Colonial, Zona Sul. Entrada franca. Inscrições:
[email protected]
TEATRO PARA CRIANÇAS DA CIA.
TRUKS
Oficina pela Cia. Truks – Teatro de Bonecos
realizada por meio do Programa Municipal de
Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo.
A Cia. Truks – Teatro de Bonecos apresenta seus
espetáculos de repertório em teatros, escolas,
instituições ou espaços alternativos de todo o
Brasil. Também ministra cursos e oficinas sobre
o teatro para crianças, técnicas de animação
de bonecos, objetos e figuras, além de cursos
sobre procedimentos dramatúrgicos.
Dias 01 a 15 (segundas-feiras), 19h. Biblioteca Infanto juvenil
Monteiro Lobato – Rua General Jardim, 485. Vila Buarque.
Entrada franca. (11) 3256-4122.
CONVERSA COM MESTRE BRASÍLIA CAPOEIRA
Apresentará seu livro “Vivência e Fundamentos
de um Mestre de Capoeira”, que conta a história
da capoeira, sua trajetória pessoal e seu método
de ensino, que abrange a capoeira Angola,
Regional e São Bento Grande de Angola.
Dia 03 (quarta-feira), 14h30. Fábricas de Cultura
da Brasilândia – Av. Inajar de Souza, 7001.
Jardim dos Francos. Zona Norte. Entrada franca.
Dia 04 (quinta-feira), 14h30. Fábricas de Cultura
do Jaçanã – Rua Raimundo Eduardo da Silva,
138. Jaçanã, Zona Norte. Entrada franca.
Literatura
História do livro “O mundo no black power de
Tayó” e seguida de um bate-papo com a autora
Kiusam Oliveira. O mundo no black-power de
Tayó é a história de uma menina negra que tem
orgulho do seu cabelo crespo com penteado
black power, enfeitando-o das mais diversas
formas.
Dia 05 (sexta-feira), 14h30. Fábrica São Luis – Avenida
Antônio Ramos Rosa, 651. São Luis, Zona sul. Entrada franca.
Dia 09 (terça-feira), 14h30. Fábrica de Cultura Capão Redondo
– Rua Algard esquina com Rua Trevo Branco, s/n. Capão
Redondo, Zona Sul. Entrada franca.
LITERATURA MARGINAL
Mesa de debate com Ferréz e convidados
sobre a literatura na periferia, seguida de
sarau composto pelos participantes. Contará
com apresentação musical dos artistas da
Coopermusp com gêneros como rap, reggae,
samba, MPB e rock. Convidado: Luiz Ruffato.
Dia 06 (sábado), 16h. Fábrica de Cultura Capão Redondo
– Rua Algard esquina com Rua Trevo Branco, s/n. Capão
Redondo, Zona Sul. Entrada franca. (11) 5822-5240.
RACHÃO POÉTICO - COPA MUNDÃO
DE POESIA
A Copa Mundão de Poesia é um campeonato
de times de poetas que procura alinhar a
produção literária marginal periférica com o
futebol. O objetivo é transformar a poesia em
mais uma paixão nacional, trazendo trabalhos
apresentados nos diversos saraus e batalhas
poéticas da cidade.
Dia 14 (domingo), 16h. Biblioteca Pública Alceu Amoroso
Lima - Rua Henrique Schaumann, 777. Pinheiros. Zona Oeste.
Entrada franca. (11) 3082-5023.
SARAU DO VINIL
Encontro que reúne música e poesia
acompanhado por sessões musicais na vitrola
com os bons e velhos vinis. Nesta edição:
Exposição Artística de Marcel Melfi, Trio de
poetas Passarinheiros (Ni Brisant / Luiza Romão
/ Victor Rodrigues lançando seus novos livros,
Música com Fabio Nunez e Banda.
Dia 18 (quinta-feira), 20h. Av. Yervant Kissajikian, 1439. Vila
Joaniza, Zona Sul. Entrada franca. (11) 9 8601-4453/983223324. [email protected]
SARAU ENCONTRO DE UTOPIAS
Participantes são convidados a cantar, tocar
instrumentos, desenhar e escrever. Espaço
aberto para poesias e textos. Coordenação:
Regina Tieko, Fábio Abramo e Paulo D’Áuria.
Dia 16 (terça-feira), 19h. Biblioteca Infanto juvenil Monteiro
Lobato – Rua General Jardim, 485. Vila Buarque. Entrada
franca. (11) 3256-4122.
SARAU DAS ROSAS
Encerramento
do projeto
As Rosas
Falam – Sarau
das Rosas
realizado
pelo Coletivo
Feminista
Levante
Mulher com
encontro poético e diversas atividades
culturais pelo fim da violência contra
Mulher.
A partir das 13h – Salva de Tambores.
Saudação as Ancestrais com Mahu,
apresentações com Grazi Oliveira,
Camila Sá, Cia. Cambona, Grupo Mito,
Filhas da Floresta, Sandra Ricioli,
Camila Brasil, Tula Pilar e dança cigana
com Amirah. As Rosas – performance
poética da condição feminina numa
sociedade machista. Clarianas,
Roda dos Tambores, Gratulação
As Avoengas. Feira de comida e
artesanato. Lançamento do livro Terra
Fértil, de Jenyffer Nascimento (Mjiba).
Exposições Artísticas com Bruna
Soraya, Carolina Teixeira, Gabriella
Ribeiro e Professora Nilza. Grafiteiras na
Casa. Oficinas de tranças e turbantes.
Microfone aberto.
Divulgação
AFROCONTAÇÃO COM KIUSAM
OLIVEIRA
Dia 07 (domingo), das 13h às 22h. Casa de Cultura
do Butantã – Avenida Eliseu de Almeida, 2500.
Butantã, Zona Oeste. Entrada franca
09
Divulgação
ROBERTA ESTRELA D’ALVA
LANÇA LIVRO
A atriz-MC, diretora, slammer e
pesquisadora Roberta Estrela D’Alva
lança o livro “Teatro Hip-Hop: a
performance poética do ator-MC” pela
Editora Perspectiva. O livro focaliza
o teatro hip-hop, apresentando-o por
meio da figura do ator-MC, que de
acordo com o livro é um “intérprete que
traz na sua constituição elementos do
ator-narrador do teatro épico e do mc
(acrônimo para mestre de cerimônias),
um dos pilares da cultura hip-hop”.
Roberta também é fundadora do Núcleo
Bartolomeu de Depoimentos (primeira
companhia de Teatro Hip-Hop do Brasil)
e do coletivo Frente 3 de Fevereiro.
Idealizadora e slammaster do ZAP! Zona
Autônoma da Palavra, primeiro poetry
slam brasileiro, foi finalista da Copa do
COMUNIDADE
Mundo dessa MOGIANA
modalidade em 2011, em
Paris.
PACATICABUM
Grupo
por amigos20h.
amantes
Diaformado
05 (sexta-feira),
Slameda
pesquisadores
Sambas
de Raiz,
que tiveram
Guilherminados
– Praça
anexa
a Estação
do
a idéia
de se
reunir para –tocar
e cantar sambas
Metrô
Guilhermina
Esperança.
Zona
de Leste.
uma forma
descontraída.
Entrada
franca. Fundada em 19 de
agosto de 2011, com as cores Rosa, Branco
Dia 08 (segunda-feira), 21h. Sarau do
e Preto com sede em Mogi das Cruzes. O
Binho – Espaço
Clariô
Rua integrantes.
Sanara
Pacaticabum
é composto
por– vinte
Luzia,
96.
Taboão
da
Serra.
Tema: Roda de Samba Natal. Contribuição
Dia 09para
(terça-feira),
voluntária
o Instituto 19h.
Pró +Sarau
Vida com 1 litro
Suburbano
Convicto
– Rua Treze de
de leite.
Dia 20
(sábado),
partir das 16h. Rua Francisco Afonso
Maio,
70.aBixiga.
de Melo,
630. Ao lado
do Fórum de Brás Cubas. Mogi
Informações:
[email protected]
das Cruzes. Entrada franca. (11)98403-6036 / 976569810/9.4870-9521. [email protected]
10
SARAU DO BINHO
O Sarau do Binho já se transformou em marco
importante de expressão cultural para poetas
e escritores dos movimentos de periferia da
cidade. O interesse dos participantes pela
cultura é construído com o próprio esforço, e
gera frutos de qualidade. Lançamento do livro
Teatro Hip Hop: a performance poética do atorMC, de Roberta Estrela D’ Alva.
Dia 08(segunda-feira), 20h30. Espaço Clariô – Rua Santa
Luzia, 96. Vila Santa Luzia,96. Taboão da Serra. Entrada
franca. http://saraudobinho.blogspot.com.
SARAU DA MADRUGADA
O grupo Semente do Jogo de Angola realiza
sarau com microfone aberto para poetas,
músicos, seresteiros, contadores de histórias,
repentistas e rimadores. Acontece rodas de
capoeira e samba de coco.
Dia 12 (sexta-feira), a partir das 20h30 até 05h. Sede do
Grupo de Capoeira Semente do Jogo de Angola – Avenida
Vereador João Lucca, 41. Cupecê. Zona Sul. Entrada franca.
(11) 99324-1389/98265-4788.
http://sementedeangolasp.blogspot.com.br.
SARAU SOBRENOME LIBERDADE
Idealizado pelo poeta Ni Brisant que promete
uma noite de palavras com microfone aberto.
Nesta edição com o tema Nordeste está aqui,
com pocket show com a banda 4ª Feira de
Cinzas, exposição do acervo Metalmorfose, do
poeta Casulo. Lançamentos dos livros: O pior
médico do mundo, de Gerson Salvador e Se eu
tivesse meu próprio dicionário, de Ni Brisant.
Haverá troca de poesias e livros.
Dia 04 (quinta-feira), 19h30. Relicário Rock Bar – Rua Manoel
de Lima,178. Bairro Jordanópolis, Zona Sul. Entrada franca.
(11) 5939-3134. http://levantecult.blogspot.com.br/
SARAU POESIA NA BRASA
Este sarau foi criado em julho de 2008 com
o objetivo de produzir e divulgar arte e poesia
dentro da comunidade da Zona Norte. Há,
também, um espaço de expressão, discussão e
reflexão, aberto a todos que queiram comungar
da palavra.
Dia 13 (sábado),20h30. Bar do Carlita – Rua Professor
Viveiros Raposo, 534 (em frente da escola E.E. João Solimeo).
Brasilândia. Zona Norte. Entrada franca. (11) 9169-9690.
http://brasasarau.blogspot.com
SARAU SUBURBANO
Esta atividade acontece desde 2010 dentro da
Livraria Suburbano Convicto, especializada em
literatura marginal e periférica. Apresentação:
Tubarão Dulixo e Alessandro Buzo. Toda edição
realiza lançamentos de livros, CD’s e videoclipes. Microfone aberto para recital de poesias
e intervenções artísticas.
Dias 02 e 09 (terças-feiras), das 19h30 às 22h. Livraria
Suburbano Convicto – Rua 13 de Maio,70. 2º andar. Bixiga.
Entrada franca. (11) 2569-9151.
www.sarausuburbano.blogspot.com/.
SARAU DOS MESQUITEIROS
Especial Carolina Maria de Jesus e Abdias do
Nascimento. Com: Rodrigo Ciríaco, Michel
Yakini, Duguetto Shabazz, Raquel Almeida,
Akins Kinte, Sacolinha, Lu’z Ribeiro, Elizandra
Souza, Vagner Sousa, Patricia Leal e Débora
Garcia.
Dia 11 (quinta-feira), 20h. SESC Belenzinho – Rua Padre
Adelino, 1000. Belém, Zona leste. Entrada franca. (11) 20769700.
LANÇAMENTO DO LIVRO
CADERNOS NEGROS 37
O Centro de Arte e Promoção Social – CAPS
organiza todo segundo sábado do mês o
encontro de sustentabilidade e a roda de poesia.
Esta atividade acontece há dois anos. Microfone
aberto para intervenções artísticas.
Dia 07 (domingo), a partir das 9h. Carreata
poética com saída do Sarau Sobrenome
Liberdade e termina na Ecoativa – Depois da
Balsa.
Dia 13 (sábado), das 18h ás 22h. Casa de
Cultura Palhaço Carequinha – Parque América –
Rua Professor Oscar Barreto Filho, 350. Grajaú,
Zona Sul. Entrada franca. (11) 98296-7527.
SARAU DA PONTE PRA CÁ!
Teve inicio em setembro deste ano com o
intuito de incentivar a leitura e de reunir poetas,
músicos , compositores, dançarinos e para
partilhar arte na comunidade. Microfone aberto.
Todas as segundas-feiras, 19h. Rua Ivar Beckman, 97. Em
frente ao Bar e Restaurante da Gô. Referência próximo a
Microlins – Campo Limpo, Zona Sul. Entrada franca. (11) 9
9318-9075.
SARAU NA ESQUINA
Esta atividade nasceu da parceria entre Fernando
Bike e Claudio Laureatti e acontece no extremo
Sul da Zona Sul, no bairro de Vargem Grande,
distrito de Parelheiros. Neste mês completa
10 edições com a presença de poetas,
músicos, quadrinhos, dança, teatro entre outras
manifestações culturais. Microfone aberto.
Dia 06 (sábado), 20h. Avenida das Palmeiras. Esquina com a
Rua das Adalias. Em frente da Churrascaria Frango na Brasa.
Vargem Grande, Parelheiros, Zona Sul. Entrada franca. (11)
5926-0860.
Divulgação
RODA DE POESIA CAPS
O livro Cadernos Negros volume
37 - Poemas Afro-Brasileiros reúne
mais de 100 poemas, em que
cada autor e autora nos mostra um
elaborado trabalho com a palavra e o
compromisso com a poesia que vem
marcando a série ao longo desses 37
anos, fazendo dessa a série de maior
fôlego na história da literatura afrobrasileira. A série Cadernos Negros
traz contos e poemas de autores
autodenominados afro-brasileiros e
discute conceitos e significados da
literatura negra e as relações desta com
a literatura brasileira canônica, além
de chamar a atenção para questões
cruciais em nossa sociedade, como a
diversidade, a cidadania etc. Criada em
1978, a série chega a 2014 coordenada
por Esmeralda Ribeiro (foto) e Márcio
Barbosa. Realização: Quilombhoje
Literatura.
Dia 12 (sexta-feira), 19h às 22h. Biblioteca Mário
de Andrade – Rua da Consolação, 94. Centro.
Entrada franca. (11) 97196-1500.
www.quilombhoje.com.br
11
Teatro
Antígona
MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA
ESTÉTICAS DAS PERIFERIAS
MOSTRA DE ARTES CÊNICAS
Nesta edição encerra o segundo
semestre da Mostra intitulada Nas
Franjas da Cena com a curadoria de
Renato Nascimento.
ANTÍGONA, A MULHER MARGINAL
A Cia. Humbalada conta a história
de Antígona (foto), pesquisa em que
investigam a tragédia contemporânea.
Em cena, a atriz Tatiana Monte vive
sozinha a mulher que diante da proibição
por lei de sepultar o irmão, age por sede
de justiça. Antígona vai enterrar o irmão,
ser julgada por Creonte e morta perante
todos.
Dia 10 (quarta-feira), 10h.
ORQUESTRA DE BEXIGAS
Espetáculo onde cinco palhaços se
divertem em cenas lúdicas de maneira
criativa e dinâmica. O jogo é a tônica da
ação. Cada gesto, cada interação, cada
elemento é um pretexto para a diversão
dos palhaços e da plateia, pois o ato de
compartilhar é a essência da existência
clownesca. As cenas se desenvolvem a
partir de temas simples, porém é nessa
simplicidade que está contida toda a
poesia.Direção: Marcelo Colavitto.
Dia 16 (terça-feira), 20h.
Espaço Cultural Periferia no Centro – Ação
Educativa – Rua General Jardim, 660. Vila Buarque.
Entrada franca. (11) 3151-2333.
Patrocinador
12
Apoio
Realização
ACORDA AMOR!
Espetáculo do Teatro Cego. Acontece em
meio à escuridão absoluta, levando a plateia
a usar outros sentidos (menos a visão) para
entender a história. Os atores circulam entre os
espectadores, que, sem enxergar, terão sempre
a sensação de estar no meio das cenas. Trilha
sonora ao vivo pela banda Social Samba Fino.
A peça conta a história de quatro jovens e o
amadurecimento das suas relações durante o
movimento estudantil que lutou contra a ditadura
militar nos anos 1970.
Dia 05 (sexta-feira), 18h e 21h. Sesc Vila Mariana – Rua
Pelotas, 141. Vila Mariana. Entrada franca. (11) 5080-3000.
SÃO JORGE MENINO
O espetáculo conta a história da inauguração
de uma estátua de São Jorge, local onde
foi encontrado um menino dormindo e foi
confundido com a figura do santo. A partir daí
inicia-se uma caminhada por vários espaços,
tendo a música como um elemento central
da narrativa, traz algumas provocações como
a ocupação das ruas, o modo como nos
relacionamos com ela e o “emparedamento” de
nossa humanidade pelo trabalho alienado, que
nos escraviza cada vez mais e nos impede de
sonhar. Cia. São Jorge de Variedades.
Dias 06 e 07 (sábado e domingo), 16h. Centro de Formação
Cultural de Cidade Tiradentes – Avenida Inácio Monteiro,
6900. Cidade Tiradentes, Zona Leste. Entrada franca. (11)
2555-2840.
AS BODAS DE FÍGARO
Conta a história do casamento de Fígaro,
funcionário fiel do conde Almaviva que vai
colocar toda a sua habilidade para conseguir
casar-se com sua noiva, Suzanne. Ele fará uso
de toda a sua inteligência para que os interesses
do conde não atrapalhem seus planos e ainda
ajudar a condessa a reconquistar o conde.
Dia 05 (sexta-feira), 19h30. Biblioteca Temática
de Cultura Popular Belmonte – Auditório Kiyomi
Oba. Rua Paul Eiró, 525 – Santo Amaro. Zona
Sul. Entrada franca. (11) 5687- 0408.
Dia 07 (domingo), 16h. Fábricas de Cultura do
Jardim São Luís – Rua Antônio Ramos Rosa,
651. Jardim São Luís, Zona Sul. Entrada franca.
(11)5510-5530.
Especial
FEIRA PRETA 2014 – 13ª EDIÇÃO
Considerada a maior feira de cultura negra da
América Latina, modelo híbrido de cultura e
economia que reúne inúmeros representantes
da cultura afro-brasileira e empreendedores de
diversas regiões do Brasil. Criado em 2002 pela
Gestora de Eventos Adriana Barbosa.
Programação:
Paulo Fernando Gomes
]
PALCO 01
13h – Ato Ecumênico
13h45 – DJ MF
14h30 – Show de Karla da Silva (MPB)
16h – Show de Maverick Soul (Gafieira)
18h – Show da Banda Aláfia
20h30 – Show da Sandra de Sá (foto acima)
ESPAÇO DE SAMBA – PAQUERA
PRESIDENTE
15h – Uribe
17h – Grupo Butiquim (RJ)
19h – T-Kaçula
ESPAÇO LITERATURA
14h – Roberto Leal
14h45 – Haroldo Cesar de Castro (RJ)
15h30 – Grupo Multiétnico de Empreendedores
Sociais (RS)
16h15 – Fabio Ferreira dos Santos da Silva (AL)
17h – Elzelina Dória dos Santos (MG)
17h45 - Nego Panda
18h30 – Ricardo Escudeiro
19h15 – Claudia Canto
20h – Marcelo d’ Salete
Espaço Oficinas Zé Benedito
13h30 – Grupo Símbolo da Liberdade (Capoeira)
14h30 – Solange Machado (Adereços)
16h – Juçara Nunnes ( Dança)
18h – Zé Benedito (Toque de Tambor)
20h – Clanm (Dança)
Espaço Brinquedoteca Mafoante
Exposições de Bonecas: Era uma vez o Mundo e
Glória Viana.
Oficina: Negro por Negros (RS)
ESPAÇO ALTERNATIVO
14h às 19h30 – Performances de Danças:
Clanm (RJ), Allan Tavares e Juliana Pires,
Marcelo Santos e CarlKiss Dance. Desfile com
Bruna Batts.
13h30 – Show com Kamaphew Tawa e Banda
Aspiral (BA)
15h00 – Show A Quebrada (RJ)
16h00 – DJ Riffs (BA)
16h40 – Show Monkey Jhayam e QG Imperial
(foto ao lado)
18h10 – Show Vinho Vinil (MPB)
19h15 – DJ Nego
19h50 – Show Vitor Veni (Black Music)
21h – Kush Grew CO e Batalha Racional
Divulgação
PALCO 02
Dia 07 (domingo), das 12h às 22h. Pavilhão de Exposições
do Anhembi – Avenida Olavo Fontoura, 1209. Santana, Zona
Norte. Entrada R$ 30,00 e R$ 15,00 (meia).
www.feirapreta.com.br
13
Outras Cenas
III FESTIVAL DO FILME
ANARQUISTA E PUNK
Filmes e documentários que abordam a
temática do anarquismo.
Dia 05 (sexta-feira), a partir das 19h.
ABERTURA. Sarau “Sangue, Suor e
Poesia Libertária”. Lançamento do livro
EU-LÉSBIKA, por Formiga. Apresentação
da banda Z13. Abertura das exposições.
Dia 06 (sábado), a partir das 14h.
SALA 1 – 14h Sessão Experimentações
15h – Estréia: Grafite. Conversa
sobre Cinema e Anarquia, com GECA
.16h30 - Squat Wars + Nodo50. 17h30
- Estréia: An Anarchist Life. 19h15 –
Democracídio.20h45 - Estréia :Casa da
Lagartixa Preta.
SALA 2 – 14h25- Curtas de Ficção.
15h30 - Linha de Ação + Ideas del Cine
Insurgente.16h40 - Estréia - Sessão
Anarquismo na América Latina I. 18h15 Sessão Filmes da Guerra Civil Espanhola.
19h - Sessão Bakunin.
COMUNIDADE
MOGIANA
Dia
07
(domingo),
a partir das 14h.
PACATICABUM
SALA
1 – 14h
Guerrilha
Gerador.
Grupo
formado
por -amigos
amantes
e 15h20
- Estréia - dos
Latido
das Ruas.
16h45
pesquisadores
Sambas
de Raiz,
que tiveram
a idéia
de se“Anarquismo
reunir para tocar
e cantar sambas
Sessão
na América
Latina
de II.
uma
forma-descontraída.
Fundada em 19 de
18h35
Sessão: Manifestações.
agosto
de 22011,
com as
cores Rosa,
Branco
SALA
– 14h30:
Malungo.
16h15
e Preto
em Mogi
das Cruzes.
O
Vivacom
Viva.sede
18h10Sessão
“Modificações
Pacaticabum é composto por vinte integrantes.
Corporais” ( “Latinos à Flor da Pele” e
Tema: Roda de Samba Natal. Contribuição
“Akratas”).
voluntária
para o Instituto Pró + Vida com 1 litro
Dias 05 a 07 (sexta-feira a domingo) - Tendal da
de Lapa
leite. - Rua Constança, 72. Lapa, Zona Oeste.
Dia 20
(sábado),
a partir
das 16h. Rua Francisco Afonso
Entrada
franca.
http://anarcopunk.org/festival/
de Melo, 630. Ao lado do Fórum de Brás Cubas. Mogi
das Cruzes. Entrada franca. (11)98403-6036 / 976569810/9.4870-9521. [email protected]
14
SLAM DA GUILHERMINA – GRANDE
FINAL
Nesta última edição do ano com batalha entre
os finalistas: Michel Cena Sete, Lews Barbosa,
Victor Rodrigues, Luiza Romão, Mariana
Felix, Beto Bellinati, Leandro Santoro, Daniel
Marques, Samuel Borges e Rafael Carnevali.
Discotecagem: DJ Pei. Lançamento do livro:
Teatro Hip Hop: a performance poética do atorMC de Roberta Estrela D’Dalva. O Slam reúne
poetas freqüentadores de saraus e M.C.’s, tem
características próprias e se divide em dois
momentos: Recital livre e a Batalha. Os poetas
precisam trazer três textos de sua autoria com
duração máxima de três minutos. O vencedor da
noite ganha vários livros e cds.
Dia 05 (sexta-feira), 20h. Metro Guilhermina-Esperança - na
Praça ao lado esquerdo da catraca, Zona Leste. Entrada
franca. [email protected]
2º CAMPEONATO DE STREET DANCE
Organizado pela Bombelêla em parceria com a
BSGI - Brasil Soka Gakkai Internacional. Cerca
de 30 grupos e mais de 400 dançarinas e
dançarinos se reunirão para a grande final com
os 05 melhores grupos nas categorias júnior
(13 a 17 anos) e adulto (acima de 18 anos),
após quatro etapas classificatórias. Um dos
diferenciais desse campeonato é a chamada
Banca de Inspiradores (júri) que muda a cada
etapa e é composta por três integrantes, sendo
dois especialistas de avaliação técnica e um
terceiro conhecido como “Inspirador do Olhar
Puro”, que não pode ser profissional.
Dia 20 (sábado), a partir das 14h. Centro Cultural da
Juventude – Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641. Vila Nova
Cachoeirinha, Zona Norte. Entrada franca. (11) 3984-2466.
SARAU SERTANEJO
Com grupos de viola caipira e cantoria, resgata o
valor das antigas modas do sertanejo brasileiro.
Encontro da música regional misturando
poesia com a sonoridade da viola. Idealizado
por Alcione Kosmos, na qual o público propõe
músicas, canta e interage com o organizador.
Apresentação de Guarani e organização de Paula
Dundee.
Dia 06 (sábado), 15h.Biblioteca Temática de Cultura Popular
Belmonte – Auditório Kiyomi Oba. Rua Paul Eiró, 525 – Santo
Amaro. Zona Sul. Entrada franca. (11) 5687- 0408
Show para celebrar mais um ano de música
da Fábrica de Cultura, com a união de vários
estilos, como música eletrônica, hip hop,
samba, forró e rock. Participam DJ Cavalaska,
Fino du Rap, Trio da Lua, I Am Free Style, Dance
Evolution, Sampazila, Alinça Civil, Panelafro,
Dança Associação (CAD) e AVID.
Dia 14 (domingo), 16h. Fabrica de Cultura Jardim São Luis
– Rua Antônio Ramos Rosa, 651. Jardim São Luis, Zona Sul.
Entrada franca.
SP LESTE EM MOVIMENTO FESTIVAL DE CINEMA DA ZONA LESTE
O Centro Cultural da Penha recebe a 2ª edição
SP Leste em Movimento - Festival de Cinema
da Zona Leste promovido pela Associação
Cultural Poder Negro. Os filmes exibidos contam
a história da periferia, seus protagonistas e
a produção cultural local. Exposição de
fotografias, música e apresentações culturais
voltadas ao público infanto-juvenil. O festival
terá a participação de ícones da cultura popular
como Nelson Triunfo, considerado o pai do HipHop no Brasil, e os músicos Edvaldo Santana,
Chico Pedro e o poeta Emerson Alcalde.
Dias 08 a 14 (terça-feira a domingo), das 10h às 22h. Centro
Cultural Penha - Largo do Rosário, 20. Penha, Zona Leste.
Entrada franca. http://cinespleste.com.
CHORO NA MANHÃ
Projeto realizado mensalmente no Centro
Cultural do Jabaquara. O projeto é comandado
pelo Conjunto Retratos e tem a participação de
convidados.
Dia 07 (domingo), 11h. Centro Cultural do Jabaquara - Rua
Arsênio Tavolieri, 45 – Vila Oriental - Jabaquara. Entrada
Franca. (11) 5011-2421. [email protected]
ENCONTRO LATINOS CREW
O grupo de dança se reúne para comemorar
suas atividades no ano de 2014. O evento
contará com rap, break, reggae, rock, skate,
grafite, beatbox, basquete e artes marciais,
elementos que compõe as diversas culturas
unidas pela Crew. Convidado: rapper Fábio
Brasa.
Dia 07 (domingo), 15h. Fábrica de Cultura Capão Redondo
– Rua Algard esquina com Rua Trevo Branco, s/n. Capão
Redondo, Zona Sul. Entrada franca. (11) 5822-5240.
TERÇA AFRO
O projeto Terça Afro promove no CCJ encontros
com o objetivo de discutir a seguinte temática:
Manifestações da Nossa Cultura.
Dia 02 (terça-feira), 19h.Continuidades africanas
nos processos de aprender e ensinar na
Congada com Tatiane de Souza Silvério.
Dia 09 (terça-feira), 19h. Valores afros na
formação política e cultural do Brasil com
T-Kaçula.
Dia 16 (terça-feira),19h. Memórias Vivas do
Samba Paulista com Seo Carlão do Peruche.
Terças-feiras, 19h. Centro Cultural da Juventude – Av.
Deputado Emílio Carlos, 3.641. Vila Nova Cachoeirinha, Zona
Norte. Entrada franca. (11) 3984-2466.
PROJETO CULTURAL URBANO
Divulgação
FESTA E BAILE DE FINAL DE ANO
Este evento é o resultado da união
dos Coletivos da Zona Leste, que
diariamente trabalham em
Comemoração de um ano de luta e
resistência! E durante esse um ano,
o Coletivo Abayomi registrou eventos
e historias reais, resumidas no
documentário Conexão Lado Leste.
DJ’s: ED, Elvis e Negrito. Shows
com: André Atila, Babylôn Zero Onze,
Jaharmonia (foto), Jimmy Luv, Sujeira
Brasileira e Thig. Campeonatos de
Skate e Basquete. Exposição de carros
antigos. Graffiti e brinquedos para
crianças.
Dia 14 (domingo), a partir das 10h. Rua Barão de
Alagoas, 296. Em frente da Praça Lions Clube –
Altura nº 4999 da Av. Marechal Tito. Itaim Paulista,
Zona Leste. Entrada franca.
15
NOVO SITE DA AGENDA CULTURAL DA PERIFERIA
Neste ano de 2014 completamos 07 anos da Agenda Cultural
da Periferia. Para comemorar, em parceria com a Agência
Enkel, no mês de junho reformulamos a nossa identidade
visual e o nosso projeto gráfico da versão impressa. A
partir de dezembro estará disponível nosso novo site
que tem a finalidade de potencializar as pautas da versão
impressa e também ser um portal com noticiais culturais da
periferia, de forma dinâmica e interativa, conteúdos extras,
atualizações semanais com perfis, reportagens e entrevistas.
Saiba mais: www.agendadaperiferia.org.br/
A Agenda Cultural da Periferia no Rádio! Todas as terças-feiras, das
16h às 17h. Programa Agenda da Periferia, com a locutora: Elizandra
Souza. Acompanhe pelo site www.radioheliopolisfm.com.br ou direto
pelo rádio nas imediações da comunidade: 87,5 FM
www.agendadaperiferia.org.br
/agendadaperiferia
@agendaperiferia
Ação Educativa - Assessoria, Pesquisa e Informação
Rua General Jardim, 660 - CEP 01223-010
São Paulo - SP - BRASIL
Para divulgar eventos na Agenda Cultural da Periferia fale
com Elizandra Souza pelo telefone (11) 3151-2333, ramal
142 ou pelo e-mail [email protected]
[email protected] - www.acaoeducativa.org
A Ação Educativa mantém em sua sede o Ponto de
Cultura: Espaço Cultural Periferia no Centro, aberto ao
público, que promove regularmente atividades de formação,
intercâmbio e difusão cultural.
Patrocinador
Apoio
Coordenação: Eleilson Leite.
Edição e redação: Elizandra Souza.
Assistente de Comunicação: Michelle Ohl.
Projeto Gráfico: Agência Enkel.
Diagramação: Gledson Neix.
Revisão: Marcel Coronato.
Colaboração: Guma, Cassimano, Douglas Campos,
Juliane Cintra, Denise Eloy, Waldo Lao e Lau
Francisco.
Jornalista Resp.: Elizandra Souza - MTB 62725/SP.
Tiragem: 10.000 exemplares.
Realização
Download

dezembro/2014 - Agenda da Periferia