Associação Brasileira das
Indústrias da Alimentação
Panorama Mundial
Gorduras Trans
Workshop Gorduras Trans
06/08/07
Amanda Poldi
Organização Mundial da
Saúde- OMS
2003 - WHO Technical Report Series 916 - Diet,
Nutrition And The Prevention Of Chronic Diseases
Recomendação:
“ingestão máxima de 1% de gorduras trans das calorias totais da dieta
diária.”
Exemplificando:
Valor Energético Diário de Referencia: 2000 kcal
Consumo de Gorduras trans recomendado pela WHO:
1% de 2000 kcal = 20 kcal = 2,2 g
Fonte: ftp://ftp.fao.org/docrep/fao/005/ac911e/ac911e02.pdf
Workshop Gorduras trans 2007
Estratégia Global em Dieta,
Atividade Física e Saúde
2004 – Aprovada pela Resolução WHA 57.17
57ª Assembléia Mundial da Saúde
Recomendação para o setor privado
“ Limitar os conteúdos de gorduras saturadas e de trans nos alimentos”
Conclusão:
“...Somente poderá alcançar um progresso sustentável caso se aplique
um enfoque verdadeiramente multisetorial, que mobilize uma
combinação de energia, recursos e conhecimentos técnico de todas as
partes interessadas em nível mundial.”
Workshop Gorduras trans 2007
OPAS – Organização
Panamericana de Saúde
2007 – Relatório GT OPAS/OMS:
1.
2.
3.
4.
Principais Conclusões e Recomendações do GT
Eliminação das gorduras trans produzidas industrialmente dos
alimentos;
Gorduras saturadas só devem ser usadas como substitutas quando
imprescindível às aplicações específicas, considerados os avanços da
tecnologia alimentar;
Medida normativa recomendada : adotar o proposto pelo GT
canadense;
Importante:-Informação de conteúdo de Gorduras trans na
rotulagem nutricional;
- Estabelecimento de normas para as alegações sobre Gorduras trans
– Alimentos ausentes de gorduras trans;
Workshop Gorduras trans 2007
Canadá
2003 – Canadian Food Inspection Agency
Rotulagem Nutricional Obrigatória Alimentos - “Livres de
Gorduras trans”
< 2% de Gorduras Trans na porção atendendo aos critérios de baixo em gordura
saturada, ou seja, 2g ou menos de gorduras saturada em 100g de alimento.
O valor energético proveniente das gorduras saturadas e gorduras trans
não pode ultrapassar 15% no alimento.
Obs: Não difere as Gorduras trans provenientes de produtos de origem animal das obtidas artificialmente.
Fonte: 2003 Guide to Food Labelling and Advertising by Canadian Food Inspection Agency
Workshop Gorduras trans 2007
Canadá
06/2006 – Report of the Trans Fat Task Force Submitted
to the Minister of Health
Task Force recomenda:
Óleos e Margarinas utilizados como ingredientes ou em food service –
Limite de 2% de gorduras trans presente no total de gordura no
alimento;
- Todos os outros alimentos – Limite de 5% de gorduras trans
presentes no total de gordura no alimento.
Estas recomendações excluem alimentos que apresentam
naturalmente gorduras trans
Workshop Gorduras trans 2007
Canadá
Tempo:
2 anos para desenvolver o Regulamento (início 2006)
+
2 anos para implementação
Este regulamento será finalizado em Junho de 2008
Fonte: TRANSforming the Food Supply - Report of the Trans Fat Task Force Submitted to the Minister of Health June 2006
Workshop Gorduras trans 2007
Dinamarca
2003 - (Order No. 161 of 11 March 2003 )
Limita o uso de gorduras trans em todos os alimentos.
Permite alimentos com < 2% de gorduras trans em Óleos ou Gorduras
presente no alimento pronto para o consumo.
O claim “Livre de gorduras trans” poderá ser declarado caso o alimento
apresente menos que 1% de Gorduras trans em Óleos ou Gorduras
presentes no produto.
Obs: Não se aplica para gorduras trans naturalmente presentes nos alimentos
Fonte: http://www.uk.foedevarestyrelsen.dk/Food+Safety/Transfatty_acid/forside.htm
Workshop Gorduras trans 2007
Brasil
2003 – Resolução RDC/ANVISA Nº 360/03Regulamento Técnico sobre Rotulagem Nutricional
de Alimentos Embalados
Gorduras trans: Declaração obrigatória na Rotulagem Nutricional
- Não há Valor Diário (VD) para Gorduras trans
Workshop Gorduras trans 2007
Brasil
2007 – FAQ: Perguntas Freqüentes ANVISA
FAQ 1572 - Pode ser utilizado o claim (alegação) "livre de gorduras
trans" nos rótulos dos alimentos?
“Sim, desde que o alimento pronto para consumo atenda às seguintes condições: -
máximo de 0,2g de gorduras trans por porção; e - máximo de 2g de gorduras
saturadas por porção. Os termos permitidos para fazer este claim são: “não
contém...”, “livre...”, “zero...”, “sem...”, “isento de...” ou outros termos permitidos
para o atributo “Não contém” da Portaria SVS nº 27/98. Não podem ser utilizados
outros atributos para gordura trans.”
Fonte: www.anvisa.gov.br
Workshop Gorduras trans 2007
Estados Unidos
2003 – Department of Health and Human Services
Food and Drug Administration - 21 CFR Part 101
Gorduras trans: Rotulagem Nutricional
- Não há Valor Diário (VD) para Gorduras trans;
- Referência para declarar os claims no rótulo “Não Contém” ou “0 g”:
0,5 g/ porção
Fonte: http://www.cfsan.fda.gov/~acrobat/fr03711a.pdf
Workshop Gorduras trans 2007
EUA – New York
Regulamentação
2006 – The New York City Departament of Health and
Mental Hygient
Norma para limitar o uso de gorduras trans em food service.
Julho/2007
Somente serão permitidas Gorduras Parcialmente Hidrogenadas, Óleos
e Margarinas com < 0,5g/ porção
Fonte: http://home2.nyc.gov/html/doh/downloads/pdf/public/notice-adoption-hc-art81-08.pdf
Workshop Gorduras trans 2007
EUA – New York
Regulamentação
2006 – The New York City Departament of Health and
Mental Hygient
Norma para limitar o uso de gorduras trans em food service.
Julho/2008
Somente serão permitidos alimentos (para uso ou para servir) com <
0,5g/ porção
Obs: ** Este regulamento não se aplica para alimentos que possuam embalagem original e são
servidos nos estabelecimentos.
** Só se aplica para gorduras trans artificiais.
** Não há limites para gorduras saturadas.
Fonte: http://home2.nyc.gov/html/doh/downloads/pdf/public/notice-adoption-hc-art81-08.pdf
Workshop Gorduras trans 2007
Austrália e Nova Zelândia
2007
Estudos em andamento sobre o consumo de Gorduras Trans pela
população local, com as seguintes conclusões prévias:
1.
2.
3.
A maior parte provém de gorduras animais;
O consumo médio é de 0,6% do total de energia diária (equivalente a 1,2g por
dia)na Austrália e 0,7% (1,4g) na Nova Zelândia, abaixo da recomendação da
OMS;
A remoção de Gorduras Trans pode provocar a ingestão em excesso de
4.
Gorduras Saturadas;
A ingestão atual é baixa em relação aos valores em estudo e uma maior redução
5.
Educação Nutricional promovida pelo Governo e Entidades Privadas, pode direcionar
6.
7.
não traria benefícios;
suficientemente a redução do consumo de Gorduras Trans;
Há indicação de que os consumidores reduzem sua ingestão de gorduras, em
resposta à Rotulagem
Revisão destas Considerações prevista para 2009
Fonte: http://www.foodstandards.gov.au/_srcfiles/Transfat%20report_CLEARED.pdf
Workshop Gorduras trans 2007
Comunidade Européia
2005
Conduz pesquisas visando obter uma opinião
científica sobre o assunto.
Workshop Gorduras trans 2007
CODEX Alimentarius
2003 - CAC/GL 2-1985- Codex Guidelines on Nutrition
Labelling
Parágrafo 3.2.5:“A obrigatoriedade ou não de indicação de Gorduras
Trans na rotulagem nutricional deve ser definida pela legislação de
cada país.
Fonte: http://www.codexalimentarius.net/download/standards/34/CXG_002e.pdf
Workshop Gorduras trans 2007
Panorama Mundial - Resumo:
País
Limitação Gorduras trans em
Claim “Og Gorduras trans”
produtos
EUA
New York
Não há limitação
Limitação em Restaurantes
0,5g/ porção
2007: < 0,5g/ porção em Gorduras
Parcialmente Hidrogenadas, Óleos e
Margarinas
2008: < 0,5g/ porção em alimentos
Canadá
2008: - 2% de gorduras trans em
Óleos e margarinas
- 5% de gorduras trans em
todos outros alimentos
2003: < 0,2g de Gorduras Trans
< 2,0g de Gordura saturada
trans + saturada < 15 %
Dinamarca
< 2% de gorduras trans
< 1% de Gorduras trans
Nova Zelândia
Consumo médio: 0,7% = 1,4g/ dia
Não há limitação
Austrália
Consumo médio: 0,6% = 1,2g/ dia
Não há limitação
Comunidade Européia
Não há limitação
Não há limitação
Brasil
Não há limitação
2007:
< 0,2g de Gorduras Trans/ porção
< 2,0g de Gordura saturada/ porção
Obrigada!
Amanda Poldi
Gerente
Departamento Técnico ABIA
(011) 3030-1383
detec@abia.org.br
Workshop Gorduras trans 2007
Download

Panorama Mundial