na perspectiva da usabilidade
de que forma pode ser usado?
Acad. Alan Ricardo Costa
Profª. Ms. Vanessa Ribas Fialho
Projeto: Mapeando os recursos didáticos da Internet para o ensino de E/LE
Construindo um repositório
www.ufsm.br/accionele
Redes Sociais na Internet
Objetivos
Apresentar o site Last.fm e compreender, na
perspectiva da usabilidade (Nielsen, 1993;
Vetromille-Castro, 2003), de que maneira o mesmo
pode contribuir para o processo de ensino e
aprendizagem de E/LE.
Plataforma que funciona como rede social e web-rádio,
na qual os usuários podem compartilhar
música (Ribeiro, 2010).
Foi fundado em 2002, na Inglaterra, e possui 21 milhões
de usuários mensais, ainda que não seja amplamente
difundido no Brasil.
Atualmente ele está disponível em 12 idiomas
(Amaral, 2009, p.152).
Metodologia
Consiste na descrição e avaliação dos potenciais
educativos do site Last.fm mediado pela perspectiva da
usabilidade (Nielsen, 1993; Vetromille-Castro, 2003).
Avaliação de aspectos positivos e negativos do site na
perspectiva da usabilidade de design e da usabilidade
pedagógica (Vetromille-Castro, 2003).
Metodologia
Usabilidade de design:
a) estrutura, a distribuição dos recursos em uma mesma página,
b) presença de hiperlinks e recursos facilitadores de navegação,
c) presença ou falta de termos muito técnicos não compreensíveis...
Usabilidade pedagógica:
a) sugestões e propostas de atividades voltadas ao ensino de E/LE,
b) comentários a respeito da potencialidade de recursos do site,
c) centralidade no aluno...
Metodologia
Análise de duas páginas:
1) Perfil = atores
2) Página do artista = conexões
Período de utilização do site por parte de um dos
autores:
12 meses.
Resultados
Resultados
Resultados
Resultados
Resultados
Síntese dos resultados
Pontos positivos:
a) aquisição de vocabulário,
b) desenvolvimento de técnicas de leitura,
c) rede social musical (possivelmente atrativa aos estudantes),
d) prática de habilidades como a compreensão oral,
e) rico em compartilhamento de informação (cultural, muitas vezes),
f) caráter multimodal (músicas, vídeos, textos escritos, “wikis”...),
h) avaliação do uso...
Pontos negativos:
a) presença exagerada de propagandas “inúteis”,
b) site parcialmente gratuito,
c) design impessoal e sem grande recursos de interatividade...
Considerações finais
Por não se tratar de uma rede social desenvolvida para fins
didáticos de E/LE, apresenta pontos positivos e negativos para o
processo de ensino e de aprendizagem.
Os pontos negativos não invalidam as propostas de utilização do
Last.fm como ferramenta didática. Apenas precisam ser
registradas.
O professor precisa apropriar-se da ferramenta, para que seu uso no
processo de ensino e de aprendizagem de E/LE seja significativo.
Referências
AMARAL, A. Plataforma de música online – Práticas de comunicação e consumo através dos perfis. Revista
Contracampo, Niterói, nº 20, agosto de 2009.
COSTA, A. R.; FIALHO, V. R. Aprendendo línguas estrangeiras na web – O Orkut para alunos e professores.
Revista Idéias, vol. 27, Santa Maria. 2011. No prelo.
______. Diferentes formas de ensinar e aprender línguas estrangeiras - Destacando os potenciais educativos
das Redes Sociais. In: X Seminário internacional In Letras. Linguagem: interfaces e deslocamentos. Santa Maria RS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).
COSTA, R. Por um novo conceito de comunidade: redes sociais, comunidades pessoais, inteligência coletiva.
Interface - Comunic., Saúde, Educ., v.9, n.17, p.235-48, mar/ago 2005.
NIELSEN, J. Usability Engineering. Boston, MA: Academic Press, 1993.
RECUERO, R. Redes Sociais na Internet. Porto Alegre: Editora Sulina, 2009. Disponível em
http://www.redessociais.net/cubocc_redessociais.pdf. Acesso em 10 de março de 2011.
RIBEIRO, L. P. Consumo cultural e identidade juvenil: compartilhamento musical no site Last.FM. Universidade
Federal do Rio Grande do Sul. Trabalho de Conclusão de Graduação, do curso Bacharelado em Comunicação social.
Porto Alegre, 2010.
VETROMILLE-CASTRO, R. A usabilidade e a elaboração de materiais para o ensino de inglês mediado por
computador. Rev. Brasileira de Lingüística Aplicada, v. 3, n. 2, 2003. Disponível em
http://www.letras.ufmg.br/rbla/2003_2/01Rafael.pdf. Acesso em 26 de dezembro de 2010.
VEEN, W.; VRAKKING, B. Homo Zapiens: educando na era digital. Porto Alegre: Artmed, 2009.
WERTSCH, J. V. Propiedades de la acción mediada. In La mente en acción. Buenos Aires: Aique, 1999.
Conheça o site
E veja de que modo ele pode ser usado...
Acad. Alan Ricardo Costa
alan.dan.ricardo@gmail.com
Profª. Ms. Vanessa Ribas Fialho
vanessafialho@gmail.com
Download

Last.fm na perspectiva da usabilidade - De que modo pode